História Mensagens - Second Season - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Magcon
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Hayes Grier, Jack and Jack, Jack Gilinsky, Jack Johnson, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Shawn Mendes
Exibições 18
Palavras 1.332
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Ooooi amores.
Estou demorando eu sei.
Mas leiam as notas finais, lá explicarei tudinho para vocês.
Bjocas
Boa leitura :)

Capítulo 3 - Capítulo 3 - Segunda Temporada


Shawn me ligou, perguntando se eu poderia buscar a Milly na escola, concordei e fui me arrumar. Me vesti com um moletom cinza, calça de brim vermelha e calcei um vans azul. Peguei as chaves do carro que estavam penduradas próxima a porta. Entrei no elevador e selecionei o térreo. Cheguei ao estacionamento e fui andando vagarosamente até o carro, acabei esbarrando em alguém, e quando levantei os olhos para ver quem era. Era ele e seu sorriso macabro. 

_Olá querida Sasha - ele disse 

_Estou com pressa Jonas - disse saindo de perto dele e andando mais rápido até o carro. 

Liguei o carro e sai rapidamente, dei uma espiada no retrovisor e ele estava me olhando com um sorriso macabro no rosto. Suei frio, passei o maior medo da minha vida. Jonas tem obsessão por mim, estou ficando com medo, muito medo. 

Cheguei a escola de Milly e ela estava saindo da escola. Correu rapidamente até meu carro e entrou no banco de trás. 

_Por que o Shawn não veio hoje? - perguntou, ela tinha começado a falar certo. 

_Shawn está ocupado no trabalho - sorri para ela - Quer ir comer um cachorro quente? 

_Queroo - bateu palminhas e eu sorri. 

Dirigi até o parque, e lá estava o Sr. Nelson, vendedor de cachorro quente e meu grande amigo na infância. Eu vinha todas as tardes comprar cachorro quente com ele. Comprei dois, um para mim e outro pra Milly. Ela ficou conversando um bom tempo com ele. Eu não queria me meter na conversa, então fiquei apenas ouvindo e sorrindo das bobagens que Milly dizia. 

_Vamos pequena, precisamos ir para casa. - eu disse 

_Prometo voltar outros dias tá? - perguntou para o Sr. Nelson. 

_Claro pequena, estarei aqui te esperando - sorriu e me cumprimentou - Foi bom ver você novamente pequena Sasha. 

Fomos para o carro, Milly estava toda suja de ketchup e mostarda. 

_Você se sujou toda Milly - sorri. 

_Eu sei - tampou os olhinhos com as mãos. 

_Bagunceira - sorri. 

Fomos o caminho todo cantando Sorry do Justin Bieber. Quando chegamos ao prédio, estacionei o carro e fomos andando até o elevador. Chegamos no apartamento e coloquei logo a Milly para tomar um banho, enquanto eu colocava o uniforme dela na lavadoura. Quase todo mundo já havia chegado. Faltava apenas Shawn, que hoje estava demorando no trabalho. 

[…] 

Já tinha se passado duas horas da hora normal de Shawn chegar em casa, e a preocupação aumentava em mim. Decidi ligar para ele. Tive que discar três vezes, até ele atender. 

_Onde você está, Shawn? - perguntei 

_Desculpe a demora meu amor, já estou chegando. - ele disse. 

_Onde você está? - refiz a pergunta. 

_Estou no estacionamento do prédio, já estou subindo - ele disse e eu suspirei aliviada. 

_Tudo bem - desliguei. 

Só espero que ele não encontre com Jonas pelo prédio. Não adiantou de nada eu pensar isso, pois Shawn entrou furioso no apartamento. 

_O que aquele ENERGÚMENO está fazendo aqui? - disse com tom de voz alto. 

_Ele é nosso vizinho de baixo agora - Jack G disse e eu agradeci mentalmente. 

_O QUE? - Shawn gritou incrédulo. 

_Calma Mendes - Nash disse. 

_NÃO DA PRA TER CALMA, PORRA - passou a mão pelos cabelos e puxou. 

_Raul, Chega - Aaly disse. 

_Você não vai falar nada? - Shawn perguntou para mim 

 _Estou com medo - apenas disse isso e todos se calaram. 

Ficaram me encarando uns três segundos, até desviarem o olhar e suspirarem pesadamente. 

_Simples assim? - Hayes perguntou. 

_Não foi você que quase foi estrupado por ele - eu disse seca e Hayes estremeceu. - Parem de brigar, e se forem brigar, BRIGUEM NA CASA DO CARALHO. 

Sai correndo da sala e fui diretamente para o banheiro, onde fiquei meia hora no chuveiro, tentando aliviar minha tensão. Sai de lá encontrando Shawn deitado na cama com os braços nos olhos. 

_Desculpe - disse em um sussurro. 

_Tudo bem - sorri, mas creio que ele não tenha visto. 

Me vesti e me deitei na cama. 

_Depois que você tomar um banho, eu te abraço - dei de ombros. 

_Que injusto - bufou. 

_Você ta sujo, vai tomar banho logo - eu disse empurrando ele da cama. 

_To indo boba - beijou minha testa e saiu. 

Mesmo a gente tendo nossos altos e baixos, nunca conseguimos ficar brigados, isso sim poderia chamar de amor. 

_Cameron ainda está no hospital com Lox? - perguntei entrando na sala. 

_Sim, ele veio cedo hoje, almoçou e voltou para la. - Johnson disse 

_E tomou banho - Gilinsky disse mandando uma piscadela para Johnson. 

_Acho que vou lá ver ela - dei de ombros. 

_Vou pegar carona com você então - Rebeca disse entrando na sala. 

_A gente se encontra aqui em meia hora. - mandei uma piscadela para ela e fui para o quarto. 

Entrei no quarto dando de cara com Shawn saindo do banheiro com a toalha amarrada na cintura. Fiquei parada na porta apenas admirando aquela escultura parada em minha frente. 

 _Pode tirar foto se quiser - ele sorri debochado e eu revirei os olhos. 

Sai andando até o closet, mas fui parada por uma mão que segurou meu braço. Shawn me puxou e colou nossos corpos e logo nossos lábios se encontraram de uma forma selvagem. Paramos por falta de ar e depois de retoma-lo, voltamos a nos beijar. Subimos na cama ele por cima de mim, e ali continuamos a nos beijar ferozmente. Quando Shawn ameaçou tirar minha blusa, me lembrei que disse a Rebecaa que iriamos no hospital. 

_Shawn… - chamei 

_Fala linda - ele disse. 

_Prometo que continuamos quando eu voltar, prometi a Rebeca que levaria ela no hospital, vamos ver a Lox. - eu disse sem jeito. 

_Tudo bem - se levantou e entrou novamente no banheiro. 

Me senti um pouco culpada, mas me levantei rápido e fui para o closet. Tirei a roupa que estava vestida e coloquei um vestido azul, com rendinhas e por cima vesti um casaco vermelho, calcei uma sapatilha lilás e amarrei o cabelo. Sai do quarto e encontrei Rebecca impaciente no sofá. 

_Desculpa, aconteceu alguns imprevistos. - cocei a nuca. 

_Sei os imprevistos - ela sorriu sacana e eu revirei os olhos. 

_Vamos logo - puxei ela para fora. 

Fomos até o estacionamento, que estava meio escuro e claro, mas por sorte, meu carro estava debaixo da lâmpada. Andamos até o carro e só podia se ouvir os saltos de Rebecca betendo contra o chão. Jonas estava parado do lado do carro dele, e quando me viu, abriu o mesmo sorriso macabro, estremeci e fiz de tudo para entrar rapidamente no carro. Mas logo me lembrei que tinha esquecido as chaves no apartamento. Droga, mil vezes droga. Liguei para o apartamento e Jack G atendeu. 

_Oi Jack. Pode me fazer um favor? - perguntei. 

_Claro, o que foi? - perguntou. 

_Esqueci as chaves do meu carro ai, pode trazer para mim? - perguntei. 

_Shawn está descendo, disse que vai com você - ele disse e senti uma alegria saltar dentro de mim. 

_Tudo bem - eu disse e desliguei. 

Jonas continuava parado, me olhando, sorrindo, estava com medo, Shawn precisa descer logo. Vi a porta do elevador se abrir e agradeci a Deus dez milhões de vezes. 

_Oi amorzinho - ele disse me abraçando. 

_Trouxe as chaves? - perguntei. 

_Trouxe - disse tirando as mesmas do bolso. 

Beijei sua bochecha e sua expressão mudou quando viu que Jonas estava ali. 

_Ola Shawn - Jonas quebrou o silêncio 

Shawn o ignorou completamente e entramos no carro rapidamente. 

_Meu Deus, o que aconteceu aqui? - Rebecca disse com a mão na boca. 

_Se esse idiota encostar em você, Sasha, não sei do que sou capaz - apertou o volante com fúria. 

_Calma. - disse pegando uma das mãos livres dele e entrelaçando nossos dedos. 

_Vocês são um casal muito arco-íris - Rebecca disse e nós rimos.

 […] 



Leiam as notas finais


Notas Finais


Então, sabem que está acabando o ano, e a escola ama nos ferrar no ultimo bimestre, eles guardam todos os trabalhos para dar no ultimo bismestre, só pode uma coisa dessa. Estou sem tempo para escrever, trabalhos demais, deveres demais, estudar para provas, enfim, to completamente ferrada.

Me entendam por favor

Bjocas

Até o próximo

Amo vocês
<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...