História Mentes Secretas - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chaz Somers, Christian Beadles, Claire Holt, Ian Somerhalder, Justin Bieber, Nina Dobrev, Pattie Mallette, Ryan Butler
Personagens Chaz Somers, Christian Beadles, Claire Holt, Ian Somerhalder, Justin Bieber, Nina Dobrev, Pattie Mallette, Ryan Butler
Tags Justin Bieber
Exibições 25
Palavras 2.218
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Temos um casal no ar , desculpem a demora mas vou compensa-los com um capitulo enorme o maior que fiz até agora eu acho beijos.

Capítulo 9 - Larry


Fanfic / Fanfiction Mentes Secretas - Capítulo 9 - Larry

Emily P.O.V

Quando senti os doces lábios do Ryan juntos aos meus, agradeci por não ser  rejeitada ainda mais na frente de todos , era para ser apenas uma vingança, mas aquilo estava tão bom que eu não queria parar até eu sentir braços do Justin me puxando para longe do Ryan.

-QUE DIABOS DERAM EM VOCÊS DOIS – ele praticamente gritou

-Eu tenho que ir – disse com tédio aquilo estava me dando enjôo

-Emily isso não acabou – ele disse um pouco mais calmo, mas ainda tinha fúria em seus olhos, Ryan tentava se defender  dizendo que foi que o beijei, aquilo estava um saco.

-Tchau Bieber – disse me desfazendo do seu braço que ainda estava no meu e saindo rebolando, e isso seria apenas o começo.

Justin P.O.V

-Eu já pedi desculpas – Ryan tagarelava no meu pé de ouvindo já estava cansado daquilo

-Pisou feio em Ryan – Chaz disse piorando as coisas para o lado do Ryan

-Cala a boca! – Ryan disse nervoso – vamos sair esquecer tudo isso, vai ter uma festa na praia vem com a gente – ele disse com calma tentando me convencer, mas eu estava muito nervosa precisava conversa com ela, e colocá-la eu seu devido lugar.

-Tenho que resolver uma coisa importante – disse entrando no carro

-Justin cuidado o que vai fazer a Emily não é mais uma criança. Já perdeu ela uma vez que perder de novo?

Aquilo me fez estremecer. Odiava admitir que ele estivesse certo, mas estava não disse nada apenas entrei no taxi e me dirigi á casa de minha mãe.

[...]

Ceguei batendo a porta com força, estava com muita raiva, a fúria corria entre minhas aveias subir as escadas indo direto para o quarto da Emily, mas que estranho ela não estava onde será que essa garota se meteu?Procurei na sala nada, nem banheiros, o quarto de minha mãe, cozinha, os quartos dos hospedes só faltou um quarto o meu então fui direto para o meu quarto, entrando lá me deparei com uma cena totalmente sexy . Emily com uma lingerie vermelha que desenhava sua silhueta deixando seu corpo volumoso e sexy, aquilo só podia ser um pesadelo ou um sonho, mas como eu desejava aquela garota, fiquei ali parado admirando aquela beleza, ela estava deitada na minha cama de costas, e mexia no celular com uma cara de tédio.

-É melhor tira uma foto – ela disse me dando um susto – dura mais – falou se virando e olhando para mim. Eu conhecia aquele olhar

-O que está fazendo? – disse olhando em seus olhos

-Você quer brincar comigo Justin, então vamos brincar

Realmente eu estava perdido em suas palavras, e em seu corpo também. O que ela dizia estava me deixando confuso.

-Vai logo ao ponto – ela mexeu em seus cabelos mordendo os lábios e me dando um sorriso, aquilo era incrivelmente sexy.

-Então eu estava vendo minha galeria de fotos – ela pegou seu celular era Iphone de ultima geração aquilo custava uma fortuna – olha o que eu achei – ela fez uma cara de espanto sendo irônica mostrando o celular apareceu na tela uma foto.

Era eu e Jessica transando no banheiro daquele colégio, Jessica estava de quatro enquanto a penetrava, estava de costas, mas dava perfeitamente para ver que era eu pelas minhas tatuagens até em foto e eu era gostoso.

-Você não ta pensando... – ela abriu um sorriso perverso que me fez tremer – Emily – falei me segurando para não espancá-la ali mesmo.

-Nossa como a Jessica ficaria ao ver isso? Seria horrível – ela falou cuspindo sarcasmo e ironia

-Eu não me importo com ela, por mim você posta seria um prazer ter o meu primeiro ensaio fotografo nu – disse simples vendo a posição de ela mudar para seria

-Eu sei que você não se importa com ela, soube que você não da mínima com as pessoas em sua volta dez de quando me deixou morrer naquela piscina.

Não acredito o que ela tinha acabado dizer

Estava em choque

A raiva consumiu o meu corpo todo

-COMO VOCÊ PODE FALAR ISSO?COMO SEU EU NÃO TIVESSE ME ARREPENDIDO OU COMO SE VOCÊ ESTIVESSE MORTA?

-Não vamos mudar de assunto, simples se essa foto vaza e motivo e expulsão você perde a bolsa e volta para onde o lugar que você veio.

-Por que esta fazendo isso?Você esta louca? – Disse me aproximando dela a fazendo recuar  - Você não faria nada para me prejudicar – falei segurando em seu braço e apertando com força fazendo nosso corpo se colarem sentir a tensão em seus olhos – me da este celular agora!

-Vai fazer tudo o que eu pedir sem questionar e sem reclamar se não eu juro que eu espalho essa foto para todo mundo, e não adiante pegar meu celular eu fiz varias copias pode está em qualquer lugar eu não sei isso não importa vou deixar você refletir um pouco beijos – ela saio do quarto fechando a porta arremessei a primeira coisa que vir na minha frente naquela porta vagabunda!

Louis P.O.V

-Emily e terceira mensagem de voz que eu te mando cadê você sua maluca! – era a terceira mensagem de voz eu deixava.

Hoje era meu aniversário eu não acredito que ela tinha esquecido-se disso , liguei tantas vezes que perdi a conta. Decidir ir até a casa dela chegando lá estava tudo calmo parecia não ter ninguém em casa.

-Parece que eu não sou o único que estou esperando – ouvir uma voz conhecida atrás de mim. Deparei-me com aqueles lindos olhos verdes olhando para mim.

Já estava na frente da casa de Emily.

-Oi Harry – falei um pouco tímido ele sempre me deixava assim

-Desculpas eu te assustei – ele disse calmo

-Não, estou bem – disse dando um sorriso de lado – Também esta procurando a Emily? – perguntei tentando não deixar transparecer que estava corado

-Sim, mas ligo para ela não atende – ele disse até sentir algo em seu bolso tremer era seu celular desbloqueando a tela do celular e lendo alguma coisa que fez o seu sorriso abrir de orelha a orelha aquilo me comoveu um pouco muito quem será o motivo daquele sorriso?

Aquilo foi ciúme? Não podia ser nos não tínhamos nada e só conversamos uma vez na festa de Emily,balancei minha cabeça tentando me livrar daqueles pensamentos.

-O que vai fazer agora? – ele perguntou quando estava meio perdido

-Ou é eu não sei, acho que nada já que a minha melhor amiga não responde – falei com uma voz chateada – por quê?

-Gostaria de tomar um sorvete comigo?Fica aqui perto da até para ir caminhando – aquilo era um convite tentador que me fez abrir um sorriso

-Adoraria

[...]

 

O dia foi passando devagar já que estava com o Harry, ele sempre me fazia rir com coisas bobas e me contava historias sobre a vida dele, mas eu não conseguia parar de olhar para aqueles olhos que me hipnotizaram tanto.

Estávamos na sorveteria perto da casa da Emily aquilo não estava em meus planos, mas foi a maior surpresa de aniversário do dia. Ainda estava magoado por Emily não ter se lembrado do meu aniversário, e não ter mandando mensagem sempre que vibrava meu celular eu esperava que fosse ela, mas não era.

-Esta tudo bem? – Harry me perguntou vendo minha tensão

-Sim, quer dizer é que hoje é meu aniversario e Emily não me ligou – disse um pouco triste

-Quando ia me dizer que é o seu aniversário? Eu comprava um presente – ela disse que me fez da um sorriso de lado

-Não quero presente, sua companhia já é um presente – falei o fazendo dá um sorriso de lado mostrando suas lindas covinhas

-Ela vai lembrar eu tenho certeza afinal o dia ainda não acabou – ele falou piscado meu deus ele era lindo – o celular dele vibrou outra vez ele o desbloqueio e abril aquele sorriso maravilhoso depois voltou atenção a mim – eu preciso ir – ele disse

-Mais já? – eu disse desesperado não me controlando será que ele ia se encontrar com outra pessoa a mesma pessoa que manda mensagens para ele – que dizer claro esta tarde – falei me controlando

-Mas eu insisto em te levar em casa – ele era um anjo

[...]

-Pronto – ele disse estacionando na frente da minha casa – vou te levar até a porta

-Não precisa se incomodar Harry

-Eu insisto, agora vamos

Já era estava anoitecendo peguei as chaves de casa a abrir a porta

-Obrigado Harry por hoje – falei abrindo a porta – Você quer entrar?Por favor

-Esta bom – ele disse mordendo os lábios

-Ué eu deixei as luzes acesas...

-SURPRESA!

Emily P.O.V

[...]

-Já encomendei as bebidas está tudo certo você já faz a sua parte – Cloe disse do outro lado da linha

-Pode deixar comigo que meu plano vai sair perfeito – disse sorrindo e finalizando a ligação

Teclei no meu celular, e mandei mensagem para o Harry que precisava falar com ele urgente, mas que tinha que ser pessoalmente, assim que ele chegou vir pelas janelas do meu quarto o seu carro parado ele estava conversando com o Louis ótimo! Estava saindo tudo como eu planejava. Mandei a seguinte mensagem para o Harry.

‘’ Hoje é o aniversário de Louis, por favor, faça o dia dele maravilhoso depois leve o para casa estamos organizando uma festa surpresa. Eu estou vendo o Louis babando por você cuide dele’’

O vir sorrindo sorri de volta e fechei a cortina.

 

[...]

-SURPRESA! – gritamos quando Louis abriu a porta em seguida Harry atrás

-Eu não acredito sua vaca, então era por isso que não atendia o celular – ele disse surpreso – whoo gente não precisava – ele disse agradecido

-Então vamos pegar as bebida e cair fora – Zayn disse zoando

-Eu estou dentro – Dylan aprovou

-Bom como sabíamos que não gosta muito de festa preparamos uma reunião só os amigos mais chegados – Lauren disse sorridente

Todos foram para a parte maior da casa, ou seja, os fundos onde tinha um jardim lindo. Lauren tinha feito um bolo delicioso com o Zayn que disse que ele só fez atrapalhar mais que ajudar, Cloe ficou com a parte da bebida e da decoração Dylan trousse salgados copos descartáveis, eu com a parte me difícil, mas não tão difícil graças ou Harry que era distrair o Louis para que ele não descubra de nada. Louis era um dos meus melhores amigos. Louis mora praticamente sozinho seus pais moram em outro país, ele é muito importante para mim.

[...]

Louis P.O.V

-Então de quem vai ser o primeiro pedaço – Emily disse sorrindo

-Bom como todos me pegaram uma peça todos deviam comer o primeiro pedaço – falei

-Ele só esta fazendo isso porque conhecemos o Louis gosta de ser humilde e claro que o primeiro pedaço seria para mim – Dylan disse se gabando que fez a Lauren rumar um travesseiro nele – Ei...! 

-Foi maravilhoso obrigado por tudo – disse

-Não chora cara – Zayn falou me fazendo revirar os olhos

-Abraço em grupo – falei todos vieram dando um ‘‘owon ‘’  menos o Harry o que me fez olhar para ele, e ele fez um gesto para o segui-lo – Só um minuto – falei para o pessoal que agora bebia Emily já estava um pouco bêbada.

-Oi – estávamos no jardim um pouco longe do pessoal, Harry estava de trás

-Eu menti quando disse que não tinha comprado presente – ele disse se virando aquele cheiro era maravilhoso cheiro de Harry – na verdade eu tinha comprado uma coisa, mas não tinha ninguém especial – ele acabou de dizer que eu era especial

Harry pegou uma caixa preta de veludo e me deu.

 Abrir

 Era uma pulseira linda parecia ser de família,minhas mãos estavam tremendo

-Eu coloco para você – ele disse e se aproximou senti o toque da sua pela e minhas mãos que me fez arrepiar

-É lindo obrigado – disse olhando em seus olhos verdes, que agora brilhavam como nunca

Ele se aproximou de mim sentir seus lábios em minha testa depositando um beijo.

-Feliz aniversário Louis – ele disse baixinho me fazendo sentir cada vez mais seu cheiro

[...]

Todos já estavam se arrumando para ir para casa,Emily já estava bêbada e completamente fora do normal já estava se pegando com o Dylan,Zayn contava piadas sem graças para Lauren e Cloe que riam alto. O Harry já estava indo embora enquanto todos estavam indos para o carro de Dylan porque, era o único que estava sóbrio para dirigir

Lá estava ele disparando o alarme do carro. Queria tanto beijá-lo

-Você tem dez segundos para ir até o carro dele e fazer o que estava pensando – Emily disse com uma voz meio grogue – Vai logo Louis altitude

-Tem razão vou lá – disse determinado

-Espera toma isso – ela me deu um copinho de tequila desci tudo a goela abaixo sentido minha garganta arder  – para dar sorte, AGORA SAI DAQUI!

Estava determinado o que eu ia fazer fui até o carro dele ele estava de costa pegando alguma coisa no porta malas, ainda não tinha me visto deu um toque nele o fazendo virar para mim e se assustar um pouco, mas não deu muito tempo logo já estava beijando seus lábios, vir seus músculos relaxarem quando pedir passagem da minha língua. Nossos línguas dançavam em harmonia aquilo era maravilhoso, parei o beijo quando ouvir o pessoal gritando.feitos loucos

-É isso ai Louis! - Dylan gritou que me deixou vermelho

-O próximo é você que rouba – disse baixo em seu ouvido.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...