História Mentiras - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Tags Álcool, Amor, Bissexual, Camren, Camren G!p, Dna, Drama, Filho, Lauren G!p, Lesbicas, Romance, Traição
Exibições 1.106
Palavras 1.164
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Saga
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Para os que tem estômago fraco, recomendo que passem o flashback. Boa leitura.

Capítulo 15 - Desejo


POV LAUREN

Depois de fazer o Harry comer, dei meu celular para ele jogar e se distrair. O tempo todo Camila ficou no pequeno sofá nos observando, respiro fundo e vou até o mesmo e sento ao seu lado.

- Eu fui até o pub. – Falo.

- Lauren...

- A dona ficou de me ligar assim que o ver. – A corto. 

E nossa conversa acabou, ficamos em silencio sem nem ao menos um olhar.

- Lauren a empresa eu não estou indo todos esses dias, deve está um caos. – Camila diz meio receosa.

- Eu mandei um E- mail para a Megan encontrar uma substituta até quando você não puder ir. – Falo seca.

- Você ainda me querer na sua empresa depois de tudo? – Ela pergunta um pouco surpresa.

- Nunca misturamos nossa vida pessoal com o trabalho, não é agora que isso irá mudar! – Falo colocando um fim na conversa.

(...)

 Flashback

Anos atrás

Sinto alguém me cutucando.

- Acorda Lauren... Lauren! – Camila me chama.

- Hmmmm. – Resmungo.

- Amor acorda. – Ela me chama, mas continuo com os olhos fechados. –LAUREN!

- O que? – Pergunto abrindo os olhos e encarando minha esposa.

- Eu estou com desejo.

Afundo minhas cabeça no travesseiro, sempre que ela tem desejo é por alguma coisa nojenta e nunca tem em casa e tenho que sair para comprar.

- Por favor não me diz que é melancia com margarina de novo... – Falo fazendo uma careta.

- Não... – Ela diz. – Eu quero seu pênis. – Ela diz simples.

- Você não quer morde-lo né? – Pergunto assustada.

- Não Lauren! – Ela ri. – Eu o quero com chocolate.

- EU SABIA! – Digo afundando mais a cabeça no travesseiro. – Eu sabia que era alguma coisa nojenta!

- Vai Lauren... tem brigadeiro na geladeira.... – Ela diz sussurrando no meu ouvido, e eu não me mexo. – Vai amor... – Ela volta a sussurrar no meu ouvido. – Se você quer que nosso filho nasça com cara de pênis com chocolate isso é prob...

- To indo! – Falo levantando e indo até a cozinha, eu não vou ariscar que meu filho nasça assim.  Chego no quarto com o potinho de brigadeiro em mãos, e Camila me olha como se eu fosse comestível.

- Tira a roupa Lauren. – Ela fala.

Então retiro meu blusão ficando só de cueca, ela olha para a cueca e revira os olhos, então a tiro também ficando completamente nua.

- Agora fica dura. – Ela diz retirando a camisola.

- Só um minuto. – Falo e corro para o banheiro, me encaro no espelho. – Você consegue... Você consegue... – Falo encarando meu reflexo. – Eu não posso deixar meu filho nascer com cara de pênis... Vamos lá Jauregui!

Fico relembrando meus momentos com a minha esposa, cada loucura que fizemos na cama e isso vai me animando já me deixando com o pênis semi ereto, levo a mão até ele e começo a me masturbar devagar.

- Aaaa... – Solto um pequeno gemido de prazer, já com meu pênis ereto.

- AMOR! – Camila me chama.

Volto para o quarto já com o pênis totalmente duro, Camila o olha totalmente sedento, ela faz um sinal com o dedo para que eu vá até ela, me aproximo e como ela está sentada na cama meu membro fica totalmente na altura do seu rosto.

- Hmmmm. – Ela diz e envolve meu pênis com a sua mão, fazendo movimentos de vai e vem devagar, e leva a boca até minha bola e passa a língua de uma forma torturante.

- Hmmmm. – Jogo a cabeça para trás por conta do prazer.

Camila então deixa de passar a língua nas minhas bolas e começa a passar na cabeça do meu membro, e continua o punhetando devagar. Então sinto algo um pouco gelado na cabeça do meu pênis e olho, Camila colocou um pouco de chocolate e o suga em seguida me fazendo gemer alto. Então ela pega uma boa quantia de chocolate e passa por toda a extensão do meu membro, coloca praticamente o pote todo o lambuzando todo.

- Hmmmm. – Camila geme assim que coloca o máximo que consegue do meu membro na boca, ela tenta o colocar inteiro na boca, tanto que até faz som de engasgo. – Hmmmm. – Ela geme abafado por conta de estar com ele na boca. E eu seguro seus cabelos

Eu já não contenho meus gemidos, então seguro seus cabelos com um pouco mais de força e forço um pouco mais sua cabeça e ela geme em aprovação. Então faz um vai e vem com a cabeça cada vez mais rápido, nossos gemidos se misturam com o som de sucção , e o quarto fica com um som delicioso.

- Eu não vou aguentar mais! – Falo ofegante sentindo que estou quase gozando. Ela acaricia minhas bolas com a mão e continua os movimentos com a cabeça. – AAAAAAAAAAAA... – Gemo alto assim que explodo em um gozo na garganta da Camila. Ela retira meu membro da boca e engole meu gozo, mas logo em seguida o coloca de novo na boca. – AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA CAMILA! – E o morde, caio com as mãos no meu pênis ao seu lado na cama. – Porra Camila! – Falo com os olhos marejados por conta da dor.

- Desculpa Lolo eu não resisti, eu estava com vontade, não achei que iria doer tanto. – Ela diz com uma voz inocente.

Eu fico me contorcendo de dor na cama, e ela me pedindo desculpas

Flashback off

Dias atuais.

Camila está fazendo carinho nos cabelos do Harry que está dormindo, e eu observo a cena. Se fosse antes eu provavelmente estaria a abraçando por trás a confortando, mas ao invés disso essa cena me causa dor, uma dor incontrolável.

Sou retirada dos meus pensamentos pelo meu celular tocando, o pego e olho que a Megan.

- Alo.

- Boa tarde senhora Jauregui, a nova advogada temporária está aqui para a entrevista. – Ela diz formalmente.

- Claro estou indo para a empresa. Até logo. – E desligo. Me levanto e vou até a Camila. – A nova advogada chegou, quer entrevista-la junto comigo, já que ela ficara no seu lugar por enquanto? – Pergunto sem emoção.

- Eu confio em você. – Ela diz com um meio sorriso, mas eu não o retribui-o.

Dou um beijo na testa do Harry, e dou as costas indo embora sem ao menos dar tchau.  

(...)

Chego na empresa e vou direto falar com a Megan.

- Boa atarde Megan. – Falo.

- Boa tarde senhora. – Ela pega uma ficha e me entrega. – Essa é a ficha da advogada, ela aguarda na sua sala.

- Claro Megan, obrigada.

Entro na minha sala olhando a fixa da futura advogada ela tem ótimas recomendações Encontro uma mulher sentada em frente à minha mesa e se levanta assim que me vê e abre um sorriso.

- Prazer me chamo Lauren Jauregui. – Falo e olho sua ficha novamente. – Você deve ser, Alexa Ferrer – E estendo minha mão em sua direção e ela logo pega.

- O prazer é todo meu. – Ela diz dando um largo sorriso.

 


Notas Finais


''Preparem-se para a encrenca!''
''Encrenca em dobro!''


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...