História Meow - RobRae - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Novos Titãs (Teen Titans)
Personagens Asa Noturna, Ciborgue, Estelar, Mutano, Personagens Originais, Ravena, Terra
Tags Ciborgue, Citano, Igrt, Menção Mutano X Ciborgue, Muborgue, Mutano, Rachel Roth, Raerae!gatinha, Ravena, Ravena!gatinha, Richard Grayson, Robin, Robrae
Visualizações 103
Palavras 1.107
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Científica, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Eu tô tão ruinzinha...
MUITO OBRIGADA POR TODO O APÓIO MEUS AMADOS!!!!!! MAMÃE AMA OCEIS TUDO!!!!!

Boa leitura<3

Capítulo 3 - Cookies


— Rae, acorda gatinha. — Chamava pela terceira vez, mas nada da híbrida acordar. Então decidiu apelar para a medida drástica.

— N-ão, Dicard! Para... a RaeRae não gosta de... cosquinha! 

— Era o único jeito. Você não acordava por nada. 

— Hum. — Fez biquinho e o rabinho começou a mexer-se inquieto.

— Vem, já para o banheiro. Hoje eu vou te levar para conhecer umas pessoas.

 

Porta da casa de alguém

09:54 da manhã

 

— A gente vai demorar muito, Dicard? 

— Um pouquinho, faz tempo que eu não vejo eles. Por quê?

— Nada não. — Murmurou, tristinha. A verdade, era que a ideia de conhecer pessoas novas não lhe agradava muito. 

Richard tocou a campainha e abraçou os ombros de Rachel, que estava com uma touca na cabeça e o rabinho enrolado — dolorosamente — na barriginha, bem escondidinho. Ela ainda não se sentia confortável para sair *como ela realmente é* na rua. 

— Richard! Quanto tempo, cara. — Um homem grandão abriu a porta e agarrou o dono de Rachel, deixando ela um pouquinho enciumada. — E quem é essa gracinha com você? — Perguntou, separando-se do abraço e mandou os dois entrarem.

— Apresente-se, Rachel. — Pediu, dando um cutucão na bochechinha inflada dela.

— A Rachel se chama RaeRae. — Respondeu baixinho.

— Ah, ela é uma gatinha linda! Sequestrou de quem? — Um garoto apareceu na sala, sorrindo para si e abraçou de lado o grandão.

— Não seja bobo, Gar. — Repreendeu. — RaeRae, eu sou o Victor e esse aqui é o Garfield. 

— O que vocês são do Dicard? — Tombou a cabecinha pro lado, ainda estranhando um pouco aquele garoto chamá-la de gatinha, como ele sabia? 

— Somos amigos do Dicard. — Respondeu o adivinhador, sorrindo engraçado.

Rae iria perguntar mais alguma coisa, mas uma mão tirando sua touca a assustou antes que tivesse oportunidade de expressar sua dúvida.

— Calma, gatinha — Disse Richard, rindo. — eles já sabem. — Ele logo levantou discretamente a blusa da híbrida e desenrolou o rabinho macio dela, que, como se fosse um agradecimento, enrolou-se em seu braço, deixando Rae um pouco envergonhada. Na frente dos outros não, rabinho bobo!

— Agora que estamos todos livres, que tal um filme? — Perguntou Garfield, pegando a mãozinha macia da menina, arrastando-a até o sofá.

— Vem Dicard! Senta do lado da RaeRae!

 

— Voltem mais vezes e pode ficar tranquilo — Victor apontou para a menininha que, adormecida, estava nos braços fortes de Richard. — ela e Garfield se deram muito bem, ele cuidará bem dela quando você estiver na faculdade. 

— Obrigado mesmo por me ajudarem nessa. 

— Amigos são para essas coisas. Sabe, cuidar das gatinhas dos amigos. 

Richard caminhava calmamente pelas ruas pouco movimentadas, colocou apenas a touca em RaeRae, pois sabia que esconder o rabinho doía horrores, mesmo que ela não admitisse — e isso secretamente fascinava ele, o fato dela ser o forte o suficiente para aguentar calada — e não queria acordá-la de um soninho tão gostoso com dores desnecessárias.

 

Quarto escuro

06:22 da tarde

 

Um barulho alto e um muxuxu baixo foram o suficiente para fazer com que Rae Rae voltasse da terra dos sonhos.

— Desculpa. — Richard sussurrou, aproximando-se da cama, assim que viu que a gatinha havia aberto os olhos.

— Que fominha... — Colocou a mão na barriguinha, um pouco antes de virar na cama e enfiar o rosto no travesseiro.

— Você tem que estar com fome mesmo, dormiu praticamente o dia inteiro.

— Hum... — O calor gostoso da cama já estava levando-a de novo para a terra encantada.

— Não senhora! — Ralhou. — Levante agora dessa cama, nada de dormir de novo.

— Mas eu tô com soninho.

Richard ignorou o protesto manhoso, e a pegou no colo, carregando-a até o primeiro andar. 

— Você quer frango, ou macarrão... Também tem-

— Cookies! 

— Cookies não servem de janta.

— Servem sim.

— Servem não.

— Servem — A híbrida esticou-se no balcão e alcançou o potinho de biscoitos. — Sim! — E saiu correndo pra sala.

— Volta aqui, Rachel! 

A híbrida ignorou Richard e continuou correndo até chegar na sala e se esconder atrás da escada.

— Rachel Grayson, eu te dou cinco segundos para aparecer aqui. Senão você já sabe! — Vendo que ela não deu nenhum indício de que iria aparecer ele não teve outra escolha.

— Um — Rachel abriu o pote.

— Dois — Pegou o máximo de biscoitos que couberam em suas mãozinhas e enfiou na boca.

— Três — Engasgou-se e começou a tossir, com uma das mãos no pescoço.

— Quatro — Conseguiu engolir e comeu mais três biscoitos rapidamente.

— Cin-

— Não coloca a RaeRae de castigo, Dicard! Olha, ela tá aqui, olha! 

— Sim, ela está aqui — Caminhou até a garotinha e tirou o pote – agora vazio – das mãos dela, tentando não rir do sorriso exagerado com dentes sujos de chocolate. —, e vai comer macarrão.

— Ah, mas eu não estou mais com tanta fominha assim.

— Por que será? Ao menos fique comigo na cozinha, sim? 

— A RaeRae fica sim. — Abraçou o trono do dono e caminhou com ele até a cozinha. 

Eu não sei o que fazer com essa mini arteirinha, pensou ele. 

 

10:47

Quarto da RaeRae

 

— Nada? 

— Hm, hm. — Respondeu, abaixando as orelhinhas e balançado a cabeça pros lados.

Richard estava deitado — quase caindo — na cama de sua garotinha, tentando fazer com que ela dormisse, mas nada adiantava para fazer o sono vir.

— E se eu lesse um livro pra você?

— Livro? 

— É. Olha, esse daqui é "João e Maria". 

— Quem são eles?

— Dois irmãozinhos, e esse livro conta a história deles.

Rachel ponderou por alguns segundos as informações que recebeu, e logo abriu um grande sorriso, fazendo seus olhinhos se fecharem tanto que quase viraram dois risquinhos.

— Parece bom. Leia para mim, Dick! 

— Seu desejo é uma ordem, mademoiselle.

E ele começou a ler com a voz cheia de ternura. Rachel nunca tinha visto um livro de perto e não imaginava que em folhas brancas e aparentemente sem graça poderiam guardar um história tão triste e... Gostosa(?) — referindo-se a casa da bruxa. 

A medida que a história ia se desenrolando, Rae imagina estar lá, olhando de perto os meninos se impanturrarem com os doces e vendo a bruxa tentar comer o Joãozinho, parecia que estava assistindo um filme, só que de uma forma mais legal. 

Quando Richard lia as últimas linhas do livro, pôde ver que a roxeada dormia com uma mãozinha na barriga e um sorriso sapeca nos lábios. 

Guardou o livro e voltou pra cama, acariciando de leve o cabelo cheirosinho dela e deu um beijinho na testa da mesma, sussurrando um boa noite e foi para seu quarto.

Estava cansado, mas seu coração acelerado dizia que feliz também. Rachel fazia tão bem para si, poder cuidar dela o fazia se sentir uma pessoa melhor e, como o bom egoísta que era, dormiu desejando que ninguém jamais ousasse tirar sua gatinha arteira de seus braços.


Notas Finais


Até a próxima persoaaaar!!!!
(Eu tô tão feliz com o crescimento da fic aaaaaaa)
SIM! MUTANO E CIBORGUE, SHIPPO MESMO!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...