História Mesmo que apenas por agora. - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Hoseok, Jeon Jungkook, Jikook, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Park Jimin, Suga, Yaoi
Exibições 26
Palavras 453
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aproveitando para avisar que comecei a escrever uma fic Yoonjin, espero que gostem tanto do capítulo aqui, quanto da fic nova.
Boa leitura.

Capítulo 7 - (Res)Sentir



Jimin

Quase tropeçando em meus proprios pensamentos fui até o elevador. Apertei de forma automática os botões, revivendo os momentos recentes  com Jungkook. Queria voltar lá agora e terminar o que havia começado, mas ainda estava confuso, mesmo Jungkook me enlouquecendo até quase me fazer perder o controle, ainda lembrava de Jin, de Namjoon, meu ponto final e meu possivel recomeço, mas Jungkook bagunçou tudo, somos apenas amigos certo? Merda, depois de hoje...isso tudo é tão confuso...Preciso de um banho, meu abdómen está um pouco melado.

Tive que sair logo do banho, lembrar de Jungkook corado e seus gemidos contidos estava fazendo meu membro dar sinais de vida e eu não queria fazer nada ali pensando no garoto.

Mais uma vez eu me jogaria no sofá e ligaria a TV apenas para fazer barulho, mania que peguei de Jin. Fazia já algum tempo que eu não remoia com frequência essas lembranças sobre Jin, pra ser sincero, faz quase o mesmo tempo que conheci Jungkook.

Esse garoto chegou na minha vida como um incómodo, queria me livrar dele de qualquer forma e ainda o evitava. Aquele dia que ele se importou comigo sem nem ao menos saber nada sobre mim, por um momento meu coração parou, nunca tinha ouvido um tom tão sutil e gentil, sua voz aveludada me acalmando e eu ainda assim tentei afasta-lo, me negando algo que eu precisava, que eu pertencia.

É ridículo pensar que eu pretendia cortar-lhe a "paixãozinha" que sentia por mim, mas agora quem está rolando no sofá pensando nele sou eu. Quando foi que engoli meu orgulho?E como não engasguei? Pensar que Jungkook estava me mudando me assustava, Jin me mudou, me tornou mais amável, mais carinhoso, apenas para me trocar e deixar uma ferida em meu peito. Não queria supor que as coisas poderiam ser assim também com Jungkook, mas tinham tanto chances de ser, quanto de não ser, não acho que seria capaz de passar por tudo isso novamente sem acabar me ferindo a longo prazo, fisica e psicologicamente falando.

O cheiro doce dos cabelos de Jungkook ainda me embriagavam  narinas, o toque quente de sua boca na minha..."Se continuar assim vou acabar fazendo coisas idiotas.". Vou ao banheiro escovar os dentes e percebo no espelho uma pequena marquinha vermelha no meu pescoço, aquilo me deixou ansioso para ver as que deixei em Jungkook no dia seguinte. Deitei me deixando meu corpo relaxar verdadeiramente pela primeira vez em... 1 ano? Apertei o rosto contra o travesseiro, rindo abobado com mais lembraças da tarde que passei com o moreno. Foram mais sorrisos bobos do que pude contar antes que eu finalmente adormecesse.

Jungkook me trouxe felicidade, um sentimento que até agora eu havia esquecido que existia em algum lugar fora dos filmes.




Notas Finais


Desculpe a qualidade baixa do capítulo, nenhuma inspiração por hoje.
Obrigada por ler até aqui.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...