História Message - Capítulo 76


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys
Visualizações 397
Palavras 1.225
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


espero que gostem lindas <3

Capítulo 76 - 2 Temporada: Omma


Fanfic / Fanfiction Message - Capítulo 76 - 2 Temporada: Omma

POV Angel

Onde estou? Por que está tudo branco? Escuto alguns passos e me assusto.

- Quem está aí? Onde estou? O que está acontecendo?- perguntei.

***- Você faz muitas perguntas...- olhei pra trás- Tinha que ser minha filha.

Não estava acreditando... Isso é real? Estou vendo minha omma? Comecei a tremer e as lágrimas começaram a cair. Corri até ela e abracei forte, um abraço forte mesmo que sempre quis dar nela, eu pude abraçar minha omma, pude senti-la, ela é tão linda.

Omma- Está tudo bem... Eu estou aqui minha filha, chore, bote tudo pra fora.- falou acariciando meu cabelo.

- Eu... Eu...- solucei.

Omma- Shhh... Ficamos nesse abraço por um bom tempo, estava sendo tão bom que eu poderia ficar aqui pra sempre... Mas Ainda preciso saber o que estou fazendo aqui. Nos separamos do abraço e nos olhamos, ela secou minha lágrimas e sorriu.

Omma- Você está tão linda minha filha.- falou.

- Puxei você.- sorri- Omma... Por que estou aqui?

Omma- Você não se lembra? Do seu acidente?

Agora me lembrei, que sofri um acidente enquanto eu ia para o mercado.

- E o que aconteceu comigo? Eu morri?

Omma- Não minha filha, mas se continuar aqui por um longo tempo... Você vai...

- Entendo...

Comecei a lembrar do Jungkook, como será que ele está?

Omma- Quer saber do seu amado né?

- Como sabe?

Omma- Não vou contar é mágica.- falou e rimos- Vem.- pegou em minha mão.

Ela começou a me puxar para algum lugar. Ela parou e olhei em minha frente, há um telão aqui.

Omma- Aqui vai mostrar o que todos estão fazendo na terra, é por aqui que sempre te observei.

O telão começou a mostrar imagens, e cheguei mais perto quando vi o Jungkook. Ele está andando em um parque, seu estado está terrível, seus olhos vermelhos e inchados, seu cabelo bagunçado. Ele ainda chorava, eu podia ver suas lágrimas. Meu coração doeu ao ver ele assim, e eu sou o motivo dele estar assim. Comecei a chorar novamente e me sentei no chão, minha omma se sentou ao meu lado e colocou sua mão em meu ombro.

- Sabe omma, às vezes me sinto um estorvo na vida do Jungkook.

Omma- Por que?

- Porque... Acontece coisas comigo e ele se preocupa tanto, parece que ele sofre mais que eu, quando fico com febre ele cuida de mim como se eu fosse a filha dele, fica tão preocupado, cuida tão bem de mim, às vezes eu sinto que só o atrapalho, que ele não pode fazer nada por minha causa, que ele não pode sair por minha causa...

Omma- Você não é um estorvo na vida dele minha linda, Jungkook te ama, eu fico observando ele também, quando você está doente vejo ele correndo comprar remédio, ele se importa com você, ele nunca vai desistir de você, igual teu pai, ele sempre se preocupava assim comigo pois quando eu ficava igual você, ele ficava na mesma situação do Jungkook... Isso é amor filha. A cada palavra dita por ela, mais lágrimas caiam de meus olhos, Omma tem razão... Jungkook me ama, e eu o amo.

- Eu quero voltar omma.- falei.

Omma- Não sei quando você vai voltar... Tem um jeito de ir mais cedo, mas vai acontecer algo.

- O que?- perguntei.

Quando ela me falou o que vai acontecer, fiquei assustada, será que eu devo esperar? Ou voltar com isso? São tantas perguntas, não consigo pensar direito, minha mente está uma bagunça, eu preciso voltar. Irei esperar mais uns dias e se demorar... Eu volto.

(Quebra de tempo)

*1 Mês Depois*

POV Jungkook

Já faz um mês que a Angel está no hospital, quando a vi meu coração doeu tanto, seu corpo estava todo ferido. Mark está bem, estou com tantas saudades dele, é ruim ter que deixá-lo lá na Coréia, mas sei que ele está em boas mãos.

Sempre dou notícias para o pessoal, eles estão preocupados com a Angel, Yasmin e Taehyung já visitaram a Angel mas os mesmos tiveram que voltar pra Coréia. Hoje eu vou novamente para o hospital, o doutor disse que tem algo para me contar.

(...)

Chegando no hospital, adentro e vou na recepção. Quando pergunto onde está o doutor ele aparece na hora.

- O que aconteceu doutor?

Doutor- Tenho uma má notícia.- falou com a expressão de tristeza e comecei a me preocupar.

- O que? O que aconteceu com a Angel?

Doutor- Ela está em coma a muito tempo, já se passou um mês, eu e mais alguns médicos achamos que ela está... Morta.

- Não, ela não está morta.- comecei a chorar.

Doutor- Sinto muito Jungkook... Mas vamos ter que desligar as máquinas.

O que eu posso fazer? Acho que nada, vou ter que aceitar, aceitar que a Angel está... Morta. Mas Ainda sinto que ela está viva, eu sinto...

- Posso vê-la pela última vez então?

Doutor- Claro.

Fui em direção ao quarto da Angel, quando entro vejo seu corpo, sua pele pálida, suas mãos geladas, seu rosto magro... As lágrimas caiam novamente, me sentei na cadeira, segurei sua mão e a olhei.

Se eu dissesse que isso só iria doer

Se eu te avisasse que o fogo iria queimar

Você andaria nele? Você deixaria eu ir primeiro?

Vou fazer tudo em nome do amor

Você me deixaria guia-lo mesmo se estivesse cego?

No escuro, no meio da noite

No silêncio, quando não há ninguém ao seu lado

Você me chamaria em nome do amor

Em nome do amor, nome do amor

Em nome do amor, nome do amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Se eu dissesse que podíamos nos banhar em todas as luzes

Você se levantaria para vir me encontrar no céu?

Você confiaria em mim

Quando você estivesse pulando do alto?

Você cairia em nome do amor?

Quando há loucura

Quando há veneno em sua cabeça

Quando a tristeza deixa você destruído na sua cama

Vou abraçá-lo nas profundezas do seu desespero

E é tudo em nome do amor

Em nome do amor, nome do amor

Em nome do amor, nome do amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Eu quero testemunhar Gritar na luz santa

Você me traz de volta à vida

E é tudo em nome do amor

Eu quero testemunhar

Gritar na luz santa

Você me traz de volta à vida

E é tudo em nome do amor

Em nome do amor, nome do amor

Em nome do amor, nome do amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Em nome, nome do Amor

Quando terminei a canção, coloquei minha cabeça sobre a cama.

- Vou sentir saudades de você... Minha pequena Anjinha.

Permaneci em silêncio, tudo que transmitia som, era as máquinas, está sendo tão difícil ter que aceitar isso. Minutos de silêncio, sinto algo apertando minha mão, levanto a cabeça rapidamente e olho pra Angel. Vejo seus olhos se abrindo e abro um enorme sorriso.

- Angel? Está acordada?

Angel- Es... Tou...- me olhou.

- Que ótimo minha anjinha.- as lágrimas que caiam agora, são lágrimas de felicidade.

Angel- Mas... Quem... É... Você?

*continua*


Notas Finais


o nome da musica é In The Name Of Love da Bebe Rexha com o Martin Garrix fjesfk
soltei a bomba e sai correndo
não me matem
espero que tenham gostado minhas unicornias, beijocas de cookie :3 <3
Twitter: @Nay_Nishikawa
Facebook: Nay Nishikawa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...