História Meu açúcar trevoso❤ (incesto) - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Lisa, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bangtan Boys, Incesto, Revelaçoes, Suga, Você
Visualizações 56
Palavras 565
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeong💖
Espero que gostem do capítulo....
B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

Capítulo 20 - Verdade...


Fanfic / Fanfiction Meu açúcar trevoso❤ (incesto) - Capítulo 20 - Verdade...

Meu corpo inteiro gelou, só podia ser algum tipo de brincadeira ou meus ouvidos me enganaram.

S/n: C-como a-assim e-ele matou nossa mãe?.-perguntei com a voz trêmula. 

Yg: É uma longa história..... Por isso nunca ti contei isso.-pronuncia abaixando a cabeça

S/n: M-me conta logo Yoongi.-digo autoritária Ouvindo um suspiro do mais velho.

Yg: Bom....nosso pai ,se é que posso chama-lo assim ,sempre batia nossa mãe, além das coisas horríveis que falava pra ela. Como você tinha apenas 3 anos não deve se lembrar, mas eu me lembro das coisas horrendas que ele fazia , ela nunca disse a ninguém, sofria calada , ela nunca deixou aquele miserável tocar um dedo na gente .-falou com dificuldade, assenti para que ele continuasse.- Em uma noite eu acordei com você chorando , e logo depois ouvi gritos da nossa mãe. Assim que você se acalmou ,fomos em direção ao quarto dos nossos pais. Já que a porta estava um pouco aberta ,eu pude ver nossa mãe ser amarrada ao pé da cama por nosso pai. Ele a calou com um pano amarrado em sua boca e assim que nos viu ,nos tirou da casa e nos colocou no carro falando que iriamos em um passeio. Você como era apenas um bebê ficou alegre, mas eu vi ele levar um galão de gasolina pra dentro de casa . 

À cada palavra dita sentia meu rosto molhar mais, ele estava de cabeça baixa, mas pude perceber que ele também chorava.

Yg: Foi tudo planejado, ele já pensava nisso à tempos . Quando estávamos em uma certa distância da casa, vi a mesma pegar fogo aos poucos. Quando os bombeiros chegaram ele fez seu belo teatro, fingindo estar em desespero. Ele matou nossa mãe, e eu não pude fazer nada ou ele me afastaria de você , eu não queria aquilo, não queria perder você também. Ninguém sabe disso, você é a primeira pessoa a quem eu conto. Éramos só crianças, eu não pudia te deixar sozinha.

Eu nada disse , eu não acreditava naquilo ,tudo a minha volta girava . É difícil crescer acreditando que aquilo foi só um acidente, e depois de tantos anos ,descobrir que era tudo mentira.

Yg: Eu fiz isso pra te proteger.....-falou me puxando pro seu colo e me dando um abraço.- Eu permaneci calado esse tempo todo pra não afastarem você de mim......

Permaneci calada e afundei meu rosto em seu peito , recebendo um afago nos cabelos.

Yg: Vem....vamos dormir .-disse rouco me pegando no colo.

Entre lacei minhas pernas em sua cintura , e subimos as escadas rumo ao quarto do meu irmão. Nos deitamos em sua cama e o meu oppa cobriu nossos corpos me puxando pra um abraço.

Yg: Eu não queria te contar pra que você não reagisse assim...- me deu um beijo na bochecha.

S/n: E-eu nunca imaginei que essa fosse a verdade....-olhei em seus olhos enquanto enxugava minhas lágrimas.

Yg: Eu guardei isso por tanto tempo....é um alívio poder dizer isso à alguém.... Mas eu não queria que você ficasse triste.-indagou acariciando minha bochecha.-  Mas prometo arranjar um emprego e vamos morar juntos...

S/n: Não quero que se desgaste por mim....

Yg: E eu não quero que lhe fassam mal....você é a pessoa mais importante que eu tenho....nunca me perdoaria se ele encostasse em você...-me deu um selinho demorado.

S/n: Eu te amo ....-sussurrei.

Yg: Eu também te amo pequena...boa noite.-beijou meu nariz.

S/n: Boa noite amor....

Adormeco recebendo um carinho em meus cabelos.



CONTINUA???



Notas Finais


O capítulo não foi tão grande porque não tive muitas idéias...e sinceramente a fanfic na minha opinião tá uma porra!....sei lá tá faltando alguma coisa....acho que vocês não estão gostando já que não tem tantos comentários...... Desculpa qualquer erro e tchau👋👋👋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...