História Meu anjo dos olhos castanhos - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Banda Fly (Fly Br)
Personagens Caíque Gama, Nathan Barone, Paulo Castagnoli, Personagens Originais
Exibições 45
Palavras 472
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


VOLTEI BRASEL

Capítulo 6 - ....


Narração Valentina

Se passou um mês desde que os meus pais apareceram aqui , depois daquele dia eu não vi mais eles , eu e o Nathan continuamos na mesma , mas eu tô gostando muito dele , sei que não deveria , mas eu não controlo isso , hj como sempre está eu e ele aqui em casa , eu já tô na faculdade , e é bem legal , eu continuo com meus quadros , aquele do Nathan agora está em meu quarto, e amo aquele quadro.

Nathan : eu te amo

Eu : também te amo ... Nathan

Nathan : eu

Eu : o que a gente tem ?

Nathan : como assim ?

Eu : estamos há o que dois meses  " juntos " ? - fiz aspas com os dedos - mas até agora só estamos ficando

Nathan : eu sei que tá complicado

Eu : olha vc sabe que se vc tiver com outra pessoa eu não ligo , pq nos nem namoramos

Nathan : a única pessoa que eu quero é vc , apenas vc - me beijou

Eu : okay !

Nathan : vamos sair ?

Eu : pra onde ?

Nathan : vamos jantar eu e vc

Eu : pode ser , que horas ?

Nathan : são 19:00 horas pode ser as 20:00? - assenti

Eu : vou me arrumar - ele assentiu e eu sai , tomei um banho rápido, troquei de roupa e fui fazer minha maquiagem , demorei muito mas ficou legal , quando olhei no celular , eram dez pra oito , então eu voltei pra sala

Nathan : que menina linda - eu corei

Eu : vc também tá lindo

Nathan : valeu , vou ter que tomar cuidado

Eu : pq ?

Nathan : pq todo os homens vão ficar te olhando

Eu : deixa olhar , eu sou sua

Nathan : minha ?

Eu : sua - saímos de casa e fomos pro restaurante , jantamos em meio conversas e risadas , mas eu percebi que ele estava nervoso

Eu : vc tá bem ? Quer uma água?

Nathan : não, eu quero saber outras coisa - ele respirou fundo - olha eu sei que não tem muito que nos conhecemos, mas eu sou completamente louco por vc , eu te amo mesmo nina , e quero saber se .... vc quer namorar comigo ? - falou abrindo a caixinha e revelando um par de alianças douradas

Eu : óbvio, claro , sim - ele sorriu e colocou a aliança em meu dedo eu fiz o mesmo , ele beijou minha mão, voltamos pra casa , e como rotina ele dormiu aqui em casa , eu amo tanto ele , e vou fazer o possível para vê-lo sorrindo.

I hate u , i love u


Notas Finais


Continua ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...