História Meu Anjo Sem Asas - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hunter x Hunter
Personagens Alluka Zoldyck, Gon Freecss, Hisoka, Killua Zoldyck, Kurapika, Leorio Paradinight, Personagens Originais
Tags Killugon
Visualizações 261
Palavras 720
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Mais um capítulo!!!
Esse demorou muito, me desculpem. >~<
Prometo que não irei demorar para postar os próximos!
Espero que gostem!!! :3

❤❤❤

Boa leitura!

Capítulo 16 - Apenas mais uma noite


Fanfic / Fanfiction Meu Anjo Sem Asas - Capítulo 16 - Apenas mais uma noite

Killua ON

 

Estava tudo escuro. Frio e triste. 

De repente sinto todo meu corpo arrepiar, e me encontro com uma luz.

Essa luz espantou a escuridão. Levou o frio embora e... me trouxe alegria.

O nome dessa luz é... Gon.

E eu faço qualquer coisa para ela não se apagar.

Quero que ela brilhe na minha vida todos os dias.

 

...

 

Eu estava dormindo, e quando acordei,  meu ombro doía levemente, pois certo alguém estava dormindo em cima dele.

- Gon...

A vontade de acariciar aquele rosto calmo e inocente era mais forte do que eu, então não resisti. 
            Como o Gon consegue ser tão incrível? Como cabe tanto amor dentro de mim? Eu não consigo entender direito. Só sei que é bom, e me traz paz. 

Eu quero ir embora daqui o mais rápido possível. Quero poder me sentir seguro com Gon. Esse lugar é muito perigoso. Posso perdê-lo facilmente aqui.

Com todo esse perigo tudo pode acabar a qualquer momento.

 

De repente sinto Gon se mover. Ele deve estar sonhando.

Ele se mexe tanto que acaba ficando em cima de mim. M-mas p-por que isso m-me deixou corado? Ele não para de se mexer e de murmurar. 
            Agora ele está em cima de mim me abraçando. 

O seu cabelo no meu queixo e sua boca próxima ao meu pescoço me deixam arrepiado.

O-o que e-esse idiota tá fazendo?!!

Ele deve estar acordado e está fazendo isso de propósito só para me deixar com vergonha. 

Mas eu não posso dizer que isso está m-muito r-ruim... E-eu es-estou gostando...

Ah!!! O que está acontecendo comigo?! 

- Ei Gon...

E o chamo mais ele não responde.

- Gon...

- Hum...? Killua? – ele diz sonolento.

Ele apoia suas mãos no chão e fica me olhando ainda em cima de mim.

-Por que me acordou? Ainda está de noite.

- A-ah! É que v-você estava se mexendo muito, e-então pensei que talvez você estivesse tendo um p-pesadelo.

- Ah! Me desculpe! Você acordou por minha causa?

- N-não! Eu acordei por causa de sonho não muito bom.

- Hum? Então é você que estava tendo um pesadelo?

- É-é.

Por que estou tão envergonhado? Ah droga!! Eu devo estar parecendo um tomate.

- Haha você fica muito fofo envergonhado Killua.

- I-idiota!!

Ele se aproxima de mim e me dá um selinho. Depois deita em meu ombro e me abraça.

- Você vai ficar em cima de mim mesmo? – pergunto

- Vou... aqui é confortável e quentinho. – ele responde com voz de sono

- E-e não vai me soltar?

- Abraços são como anti-pesadelos. Agora durma.

Ele beija meu pescoço. E eu coro ainda mais.
              Esse idiota!!!

- Boa noite Killua.

- B-boa n-noite...

Eu fico assim todo envergonhado e chamando ele de idiota, mas... sinceramente eu... gostaria de algo mais, além de beijos e abraços...

Ah!!! No que estou pensando?!!

 

...

 

Killua OFF

  Gon ON

 

Eu não acredito no que estou fazendo. 

Estou morrendo de vergonha!! Mas eu não quero soltar o Killua. 

Mesmo que eu não consiga dormir eu não irei solta-lo.

É tão bom ficar assim com ele.

Espero poder ficar assim com ele todas as noites.

 

...

 

 

De manhã quando acordamos, estava tudo calmo. Não havia sinal de nenhum inimigo. E de tarde foi a mesma coisa. Tudo calmo.

 

Quando estava quase anoitecendo, chamei Killua para ver as estrelas comigo.

- Vamos Killua! Não seja chato.

- Mas isso é idiota.

- Você que é idiota!

- Ok. Eu vou.

 

Quando chegamos perto de um rio, onde dava para ver perfeitamente as estrelas, nós nos sentamos.

- Gon...

- Hum?

- S-sabe e-eu posso te pedir u-uma coisa

- O que?

- E-eu q-queria que você f-fizesse aquilo que v-você fez ontem antes de d-dormir...

- Te abraçar?

- N-não

- Então o que era?

- Beijaromeupescoço.

- O que? Você falou muito rápido..

- É b-beijar o-o m-meu p-pescoço.

Ele fecha os olhos e se vira rapidamente, todo vermelho.

- Ah! Isso?

- S-sim...

Me aproximo lentamente e o beijo no pescoço.

- E a-agora faz carinho no m-meu c-cabelo. – ele diz, ainda de costas.

Fazendo carinho nele pergunto:

- Por que está me pedindo essas coisas?

- Por nada não. – ele diz olhando para mim.

- Haha... Mais alguma coisa?

- S-sim. Você pode...

- O que?

 

 


Notas Finais


Esse foi mais um capítulo!
Espero que tenham gostado!!!
❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...