História Meu chefe-Hoseok-J-Hope - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Personagens Originais
Tags Hot Bangtan, Hot J-hope, J-hope
Visualizações 4
Palavras 1.421
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiii obrigado por ler...

Capítulo 2 - 2.O cara do trânsito.


Cap. Anterior Hoseok

       Meu corpo já estava cedendo ao álcool,já não falava mais coisa com coisa,até chorei por Taehyung.

-VOCÊ NÃO PODE FICAR ASSIM,NÃO TEMIS CULPA DE NADA,ELES QUE ERRARAM,NÓS SOMOS AS VÍTIMAS, NÓS APENAS ACREDITAMOS NELES E ELES BRINCARAM COM AGENTE,NÃO PRECISA ENCHER A CARA POR CAUSA DAQUELE IDIOTA.


Cap2

Pov's Hoseok

-Como assim se demitiu?-perguntei ao meu acessor.

-Senhor...ele tem que ir pra Busan...-falou organizando os papéis de sua mesa.

-Então publique rapidamente que estamos à procura de um novo secretário,se aparecer algum você fará a entrevista.-falei indo até a porta.

-Senhor...eu tenho um currículo aqui pra secretaria do senhor...é uma garota.-faliu pegando,nas estava tão apressado que não olhei o currículo da garota.

-A chame e faça a entrevista,vou para o hotel onde Jun Hyeok está hospedado...Ahh e fale a ela que irá trabalhar só mês que vem.-falei saindo da sala.Saí da empresa às pressas,já estava atrasado,e Hyeok odeia atrasos.Ao sair da empresa peguei meu carro e fui em alta velocidade,até que uma louca atravessa em minha frente,por sorte dela freiei rapidamente. Ela era muito grossa e me atrasou ainda mais.

-Ahh...seu idiota...presta atenção!Não tá vendo?Estou na faixa de pedestres,ou é cego?Aigoo...seu idiota.-falou assim que freiei.

-E você vai continuar na minha frente?-falei,já sem paciência com a louca,colocando a cabeça de fora da janela,ela logo foi embora.Segui em frente,mas havia um trânsito horrível,cheguei no hotel,começamos a conversar,até ouvirmos uma discussão,parecia um casal.

-Ah...então você sai com a primeira vagabunda que surge na sua frente?Então é assim?Eu juro que por isso eu irei dormir com o PRIMEIRO HOMEM QUE APARECER NA MINHA FRENTE,aí ficaremos quites,certo?-a garota falou,me levantei pra olhar o que estava acontecendo,e adivinha quem era?

  Confesso,fiquei sim com pena,claro,já passei por isso,mas um momento,uma ação que ela fez,ela estava levando esse negócio de dormir com um primeiro,que aparecer na frente dela muito a sério,um senhor deu de frente com ela,se esquivou tanto que caiu de cara no chão,segurei o riso.

     Ela se levantou,a olhei estava com lágrimas nos olhos,fui até ela e esbarrei com ela.Queria tirá-la dali,aquilo tudo era um constrangimento pra ela.

-Quer dormir comigo?-falou a garota,constrangida.

-Vamos!-Eu realmente não iria dormir com ela,mas se esbarrei nela,ouvi tudo o que disse,então teria que dizer o que o idiota que a traiu não queria ouvir.Ela se virou pra mim,não entendi a expressão que ela fez,parecia não está enxergando.

-Você...quase...me atropelou hoje...seu idiota.-Acho que agora com a proximidade ela conseguiu me reconhecer.

-Vamos,esquece isso,vamos pra outro lugar,mais reservado.-falei a puxando.já estávamos na frente do hotel.

-Não vai dormir comigo não é mesmo?-ela indagou me olhando confusa.

-Lógico que não!-falei,e chamei um táxi.

-Então vamos beber!Eu pago pra você!-falou e entrei no táxi,apenas vi ela entrando dentro do táxi,e dando tchau pro seu namorado que estava do lado de fora do hotel.

-Me desculpa...vamos beber por favor?-pediu quase me implorando.

-Você está convidando um estranho pra beber?E é assim que você resolve as coisas enchendo a cara?-falei,achei que tinha a feito refletir sobre o que estava fazendo.

-Prazer...meu nome é s/n,e eu nunca mais bebi,então queria beber e você é a única pessoa aqui que pode não é?O senhor pode Sr. taxista?-Eu estava muito errado.

-Não.-ele respondeu e eu soltei uma risada nasal.

-Ahh...Então me deixe aqui mesmo!-falou e desceu do carro-O senhor vai cobrar isso?-perguntei do lado de fora do carro,e os dois soltaram um riso nasal.-Se cobrar ele paga.

    A louca foi embora.Olhei para o meu lado,onde ela estava sentado,e vi algo de maquiagem,com certeza deve ser dela.

-Quanto eu pago pro senhor?-perguntei e ele parou o carro.Falou o preço,paguei e desci.Entrei em um bar,com certeza ela estaria nesse,ele muito bom,vinha aqui com alguns amigos,a avistei com uma garrafa de wisky cheia,e dois copos,era de propósito,ela deixou lá só pra mim vim dar à ela,fui até ela.

-Deixou isso de propósito não foi?-falei,enquanto ela enchia dois copo com wisky,pegou seu utensílio e me deu um copo.-Mas...eu...-moveu as mãos para que eu bebesse

-Talvez agora beba.-me respondeu,enchendo mais um copo e me deu Para beber.

  Ela com certeza já estava bêbada,não estav mais falando coisas convincentes,quase caiu da cadeira.

-Eu gostava tanto dele...Por que ele me trocou por ela?O que eu fiz de errado?Eu sempre fiz tudo pra dar-mos certo.-falou chorando,eu não iria aguentar vê-lá desse jeito.-Eu sei que tá ridículo isso mas...eu gosto tanto dele...a culpa é minha,você não vai me entender,então se quiser ir embora pode ir,já ficou aqui bastante tempo comigo.

- VOCÊ NÃO PODE FICAR ASSIM,NÃO TEMOS CULPA DE NADA,ELES QUE ERRARAM,NÓS SOMOS AS VÍTIMAS, NÓS APENAS ACREDITAMOS NELES,E ELES BRINCARAM COM AGENTE,NÃO PRECISA ENCHER A CARA POR CAUSA DAQUELE IDIOTA.-falei a tirando da mesa a levando pra fora do bar,paguei conta,chamei um táxi e a levei pra minha casa.

    Entramos,e a coloquei no sofá,liguei a TV.

-Fique aí sentada,vou fazer um café,pra ver se tira esse álcool do seu corpo.-falei e fui pra cozinha,até que ela surge lá me assustando.-Aigoo...você me assustou...-falei dando de cara com ela.-Não falei pra ficar na sala?

-Quer que eu vomite no seu sofá?-falou e a levei até o banheiro.-Eu tô com fome...dor de cabeça...e vontade de vomitar.

-Já tô fazendo um café pra você,depois você toma um remédio pra dor e enjoos.-falei a assegurando até a sala.

-Nome?-falou e não entendi.

-Como?-perguntei e ela revirou os olhos.

-Seu nome,como é o seu nome?-perguntou é mudou de canal.

-Jung-falei,vai que ela conhecia a empresa e sabe que eu sou o presidente,e se ela for interesseira,e querer se aproximar de mim por isso?

-Jung?Isso não é primeiro nome?-perguntou escolhendo um canal de música e aumentou o volume,era Run,e começou a acompanhar a letra em voz alta.

 [...]

   Você é o meu sol, minha primeira e única no mundo

  Eu floresço por você, mas continuo sedento.

     É tarde demais, tarde demais, eu não consigo. viver sem você

    Mesmo estando seco, eu procuro por você com todas minhas forças

   Não importa o quão longe procuro por você, é. apenas um sonho vazio

[...]

-Essa música é muito sofrente!-falei e ela sorriu,e continuou cantando,começou a tocar outra música,não conhecia.

       [...]

       Você mudou?

       (Você mudou?)

       Ou eu mudei?

       (Ou eu mudei?)

       Eu odeio até este momento que está passando

       Acho que mudamos

       Acho que é assim que as coisas são

       É, eu te odeio

       [...]

-É melhor você abaixar um pouco...está muito alto,já são 23:42.-falei abaixando o volume.-Vou trazer o café pra você,quer biscoitos?-perguntou e ela acenou com a cabeça,com um sim.

   Estava na cozinha.Ela sabe todas s músicas deles?Cara ela canta todas,e só está tocando as mais sorridentes,por que não toca Dope,Fire,só essas tristes?Ela começou a cantar I need U.

         [...]

      Você me destrói assim

      Eu vou parar, não quero mais você

    Eu não consigo mais fazer isso, que merda

  Por favor, não me peça mais desculpas

       Você não pode fazer isso comigo

      Cada palavra sua é como um tapa-olho

      Escondendo a verdade e rasgando-me

     Me corta, me faz louco, eu odeio tudo

     Leve tudo embora agora, eu te odeio

          [...]

  Eu tava quase pedindo pro apresentador,pedir pra eles cantarem Fire ou Dope,mas finalmente tocou uma música animada Fire.

         [...]

  Fui entregar o café e biscoitos à ela.Depois mostrei o quarto, onde ela dormiria,e fomos para nossos quartos.

[...]

      Começou a chover fortemente.

-Hoseok?-do lado de fora ela bateu na porta,e entrou.-Eu tô ouvindo coisas do lado de fora da janela do quarto.

-Aish...você tá bêbada...tá ouvindo coisas.-falei e voltei a dormir.

-Como é?Seu filho da mãe eu não tô bêbada.-só senti seu peso em cima de mim,virei-me de barriga pra cima,nossos olhos se encontraram,se fixaram profundamente,minhas mãos foram até sua cintura,trocamos de posição,agora eu estava por cima,a beijei com vontade,minha boca foi em seu pescoço,dando mordidas e chupões,com certeza ficaria a marca,minhas mãos estavam em suas coxas as apertando de vez em quando,suas mãos estavam em minha costa,suas unhas encravadas na mesma,tirei sua blusa,seus seios ficaram a mostra,nossos corpos,estavam grudados e suados,uma de minhas mãos subiu até um de seus seios,os massageando,e o outro minha boca tomou conta,fiz uma trilha de beijos por sua barriga até o interior de suas coxas,tirei seu short e calcinha,a deixando totalmente nua,comecei a estimula-la com um dos meus dedos em seu clitóris,logo a penetrei um dedo,fazendo movimentos rápidos,e depois mais um dedo,estava quase no seu limite,tirei mibha calça e cueca,e penetre meu membro em sua entrada,com movimentos lentos,conseguia ouvir os gemidos que ela tentava conter,depois fui começando a dar estocadas com rapidez e força.

-Ahhh...Ho-Ho...seok...ma...is-ela gritava,o que me dava mais prazer e vontade de gozar.

-Mais o que?-perguntei em seu ouvido.

-NÃO PARA PORRA...CONTINUA...MAIS RÁPIDO...-comecei a estocar com mais rapidez e força,não sei quem chegaria ao limite primeiro,eu só pensava em gozar e nada mais.

-Ahhhh...Hoseok eu...vou...ahhh-gozamos juntos,segundos depois saí de dentro dela e deitei-me ao seu lado.

                         [...]

       Dormimos juntos,acordei atrasado para o trabalho,ela inda não tinha acordado,mas também não quis acorda-la.




      























































































Notas Finais


Gostaram do hot?
Deixem nos comentários pls


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...