História Maldita Atração - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 6
Palavras 974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem, minha primeira fanfic, me desculpem por qualquer erro na escrita 😘

Capítulo 1 - Como eu era antes de você


Fanfic / Fanfiction Maldita Atração - Capítulo 1 - Como eu era antes de você

Nunca fui a menina mais popular da escola, nem a mais bonita e não entendo como tudo começou a desmoronar, decidi me apaixonar pela pessoa mais popular do colégio, ele é bonito, só anda com a elite, tem quem ele quer e sua namorada a Mel é uma azeda, não sei como alguém em sã consciência consegue aturar aquela coisa

Sook:- Lucy você está bem?

Lucy:- Sim estou, só não entendo como a Mel e essa "gang" dela consegue Vomitar tanta merda e ainda sim ser popular. 

Sook:- Também não sei, dizem que ela nasceu com um manual de como ser popular sem nenhum tipo de inteligência - rimos juntas e continuamos comendo quando a projeto de quenga apareceu.

Sook:- Essa aí não morre mais! As vezes parece que Satanás não tem limites! 

Mel:- Só vim aqui para lembrar o quanto popular eu sou e vocês aí, sem ao menos uma mera atenção. 

Lucy:- Mel você não se cansa de ser mal amada, do que adianta, rostinho bonito temos um monte, quero ver ter conteúdo, vocês é azeda que nem esse suco - ao terminar de falar virei o copo de suco todo na cabeça dela, peguei meu livro, a mochila e sai do local junto com a Sook, nós duas estávamos pasmas e rindo muito.

Sook:- ARRASOU ACABOU COM A MORAL DA COBRA - rimos auto e escândaloso, apesar de toda a confusão que eu tinha me tornado, pelo menos minha melhor amiga não saiu do meu lado.

Lucy:- Ela vai descobrir um jeito de se vingar!- falei em um tom pensativo 

Sook:- Pois que venha, temos muito suco - ela disse rindo.

Seguimos até a sala de aula quando o sinal tocou, onde eu dormi cerca de 85% da aula, nada mais me interessava, o fato deu estar aprisionada na minha própria mente, e caindo cada vez mais em um poço sem fundo não mudava o fato do meu desinteresse, quem saiba um dia eu ache o fundo desse poço, mas por enquanto vou continuar caindo, depois de muito tempo dormindo acordei assusta com o professor chamando o meu nome, ele estava formando grupos com três pessoas, para o meu azar o Jin ficou no mesmo grupo em que eu e a Sook estava, mas um motivo para a cobra loira dos olhos verdes metida a patricinha nos odiar, me odiar. Juntamos as carteiras eu estava me sentindo muito mau só pelo fato de saber que ele namora com uma naja de saltos altos.

Jin:- Alguém sabe ao menos o nome do professor? 

Sook:- Marcos! -Ela disse de uma forma entediada

Jin:- Ri muito no recreio - ele disse quase sussurrando. 

Lucy:- Que bom que o show valeu a pena- disse de uma forma que soou um pouco grossa, mas não estava mais nem aí com toda a circunstância. 

Sook:- Você vai participar do show de talentos Jin, lucy?

Jin:- esse ano vou cantar uma música autoral- ele disse empolgado 

Lucy:- Não, esse ano não- eu disse querendo ir embora daquele lugar sufocante. 

Jin:- Mais sua voz é linda!

Lucy:- A da Sook também, ela deveria cantar esse ano- falo olhando para ela que não respondeu nada, por fim terminamos o trabalho de filosofia e esperamos a aula acabar, Sook ficou fazendo várias perguntas sobre o RM para o Jin que respondia todas sorrindo, estava procurando uma ocasião boa para cometer meu suicídio, apesar que não é suicídio se você já está morta por dentro, mas finalmente achei a data mau posso esperar para deixar todo felizes. O sinal tocou e finalmente eu me senti feliz pelo menos por segundos, fui para o meu quarto no alojamento, aquele internato era pior do que prisão, tirei meu uniforme e fui tomar banho, a água quente escorrendo no meu corpo me dava uma sensação de aconchego, terminei meu banho, coloquei o meu pijama de unicórnio, encomendei uma pizza e preparei uma maratona de séries para assistir, final de semana nesse alojamento é quase um inferno de tanto tédio. Escutei bater na porta e fui verificar se era minha pizza, realmente era, mas com o Jin, o que ele estava fazendo ali, parado na porta do meu quarto segurando minha pizza, é muita abusividade vindo de uma pessoa só. 

Jin:- Não vai me chamar para entrar?

Lucy:- Para o dragão de cabelo loiro me engolir viva? Não estou de boa, aqui o dinheiro, agora me dá a pizza.

Jin:- Affs, larga de ser chata, éramos tão ami...

Lucy:- Como você disse éramos, em um passado bem distante. 

Jin:- Continua dramática. 

Lucy:- Porém verdadeira, eu quero a pizza!

Jin:- Vai me deixar entrar?

Lucy:- Entra moagem! - Ele entrou e se acomodou na cama, era como se eu estiver revivendo dois anos atrás, como as coisas mudam rápido.

Jin:- Porque você se afastou tanto? 

Lucy:- Pelo mesmo motivo que pessoas que nem você não gostam de pessoas que nem eu!

Jin:- Podemos recomeçar do zero? 

Lucy:- Quem me garante que você vai mudar? 

Jin:- Eu prometo de dedinho! 

Lucy:- Saiba que eu levo muito a sério o dedinho! 

Jin:- eu sei!

Cruzamos nossos dedos e falamos em uníssono "EU PROMETO NÃO ME AFASTAR DE NOVO", nos abraçamos, o que foi muito bom, percebi que o abraço dele não havia mudado em nada, sentamos na cama comemos pizza, tomamos Coca Cola, conversamos sobre tudo como nos velhos tempos, era como se o passado estivesse se alojado no presente, meu único medo era tudo ser uma farsa, um truque da azeda, assistimos várias séries, nos despedimos e ele foi para o quarto dele no alojamento masculino que ficava do outro lado da escola. Limpei a pequena bagunça que tinha ficado em cima da minha cama, escovei os dentes e fui dormir, no outro dia iria haver aula e eu queria contar tudo para a Sook, quem sabe até descobrir se eles estão tramando algo, fechei os olhos e tentei descansar mau podia esperar o próximo dia. 




Notas Finais


será que tudo foi uma farsa?
Bem espero que tenham gostado, minha primeira fanfic! Novamente me desculpem por qualquer erro na escrita! 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...