História Meu Doce Amor ♡♡♡ - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Charlotte, Dakota, Debrah, Kentin, Leigh, Li, Lysandre, Nathaniel, Professor Faraize, Rosalya, Violette
Exibições 87
Palavras 1.115
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Hentai, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - Capítulo 7


Acordei e fiquei pensando um pouco sobre Castiel. No nosso beijo de ontem. Ele era realmente muito gato e também era legal, mas eu percebi que realmente estou gostando dele. Será que ele sente o mesmo por mim? Será que não está querendo somente transar e brincar comigo? Mas eu vejo que com ele me sinto mais segura e protegida. Sinto que com a sua ajuda, posso me recuperar e esquecer Carter.

Desci para a cozinha e me deparo com um prato de panquecas e um achocolatado, era sábado e não teríamos problemas com o horário. 

- Bom dia, gatinha - ele me deu um selinho - Passou a noite bem?

- Passei, sim. Valeu. Er... Castiel...

- Oi?

- Bom, vou ser bem direta. Você gosta mesmo de mim?

- Kiara, eu sinto por você o que nunca senti por nenhuma mulher. Mesmo tendo nos conhecido a pouco tempo, você já é muito importante para mim, acho que realmente estou apaixado por você. Você tem esse jeito rockeira, louca, educada e gentil ao mesmo tempo e ainda é linda.

Abri um sorriso triunfante e o beijei:

- Quer namorar comigo? - ele perguntou.

- Deixa eu pensar... É pode ser... - disse em tom de deboche - Claro, né, seu bobo - Eu dei um beijo nele e comemos nosso café da manhã.

- Cast, você conseguiu terminar a capa do livro? - ele me mostrou a capa.

- Ficou ótimo - abri um sorriso.

- Cast, me leva em casa? 

- Ain... Mas já?

- Também tenho que cuidar da minha casa e tenho que arranjar um emprego.

- Tá bom, então vamos. - Ele me entregou uma jaqueta e fomos de moto até minha casa. 

- Até mais, Cast 

- Hey! E nem um beijo de despedida?

Dei um beijo nele e entrei em casa. Fiz um café e comecei a procurar na Internet e no jornal pra ver se tinha algum emprego. Encontrei o mais perfeito. 

Bom, mesmo eu tendo esse meu jeito rockeira, eu amo animais e tenho dois cachorros: a Bela e o Fera, na verdade o nome dele é Fernando, não sei porque quis fazer uma referência a Bela e a Fera, talvez porque AMO o filme de paixão.

Então, eu encontrei um emprego como assistente de veterinário, eu achei bem interessante e queria cursar isso no futuro. Mandei um email para o veterinário e ele disse para eu ir amanhã numa entrevista num endereço que ele me deu.

Fui em torno de 16:00 para lá e eu consegui o emprego!! Sério, eu fiquei muito feliz. Eu precisava do dinheiro, pois o do meu último bico, já estava acabando e também porque amo animais. Fui ligar para o Castiel:

   ~ Ligação ON~

- Cast, consegui o emprego!

- Parabéns princesa! Que tal comemorarmos? - tive certeza de que ele havia sorrido.

- Que horas? (Inocente...)

- 20h eu te pego aí.

- Tá bom... Beijo

- Beijo

O que será que ele tá aprontando?

...

Comecei a me arrumar 19h, coloquei um vestido de tubo preto e um salto preto. Deixei a maquiagem bem leve, só fiz um delineado, coloquei rímel e um batom lilás. Coloquei um perfume cheiroso, forte.

Castiel chegou. 

- Nossa, como cê tá linda... - ele disse me olhando de cima a baixo, dei até uma voltinha haha.

- Obrigada... Então vamos?

- Claro, claro.

Eu me sentei na garupa de sua moto e fiquei segurando em sua cintura.

Chegamos na casa dele e na sala, eu vi na mesa dois lanches do McDonalds.

- Bom, eu não sou muito romântico, mas comprei o lanche que você mais gosta, milk shake e mais umas coisinhas...

- Kkkk, tá otimo, querido - dei um selinho nele - Obrigada.

Ele deu um sorriso lindo e quando terminamos de comer, fomos assistir a um filme. 

Enquanto eu comentava sobre o filme, ele ficava olhando para mim com um sorriso bobo no rosto e pegando-me de surpresa, me deu um beijo apaixonado e feroz, ao mesmo tempo, passava a mão pela minha bunda e pela minha coxa, quando ia se deitando por cima de mim, eu interrompi:

- Para, Castiel. Para... - me afastei dele.

- O que foi? - ele disse com uma cara meio triste.

- Er... É que eu... Quase fui estuprada pelo meu ex, acho que ainda não estou pronta...

- Kiara, olha pra mim - ele disse colocando a mão no meu queixo e fez um gesto suave para eu olhar em seus olhos - Eu nunca faria nada com você, sem a sua vontade, contigo eu sinto que me tornei uma pessoa melhor, acho você linda, gentil, e ainda tem esse jeito rockeira, bobo, você é demais, sério mesmo. Pode ser que não esteja no tempo, mas eu queria dizer que te amo.

Eu também sentia o mesmo pelo Castiel e acho ele demais. Sinto que com ele posso ficar protegida e tenho sua confiança.


...


Não sei o que foi que me deu, mas eu disse, com um sorriso malicioso:

- Que tal irmos para o quarto?

Ele me deu um beijo demorado e intenso, nossos corpos estavam colados, ele me segurou e entrelacei minhas pernas na sua cintura e subimos para o quarto. Ele me jogou na cama com brutalidade e ao mesmo tempo, doçura, e começou a beijar meu pescoço.

Me livrei de suas roupas e ele das minhas, ficamos apenas de roupas íntimas. Ele começou a apertar minha bunda, minha coxa e meus seios ainda por cima do sutiã. 

Eu já estava molhada, ele sabia mesmo como manter o controle da situação e ele me deixava calma, sabia que podia confiar nele.

Ele se livrou do meu sutiã e começou a beijar o local e desceu para a minha intimidade, deu um beijo nela ainda coberta.

- Você é virgem, querida? 

Assenti com a cabeça

- Isso vai doer bastante, mas nada vai se comparar ao prazer que vou lhe proporcionar haha. - finalmente ele se livrou da calcinha e teve a vista do que queria.

- Você é maravilhosa... - ele disse apertando minha bunda e me dando um beijo intenso.

Ele penetrou dois dedos na minha entrada sem nenhum aviso e eu dei um grito. Doia pra caralho.

- Anjo, eu sei que doi, é mais ou menos isso que você vai sentir, mas vai ser mais prazeroso - ele lambeu seus dedos, me deixando mais excitada.

Ele começou a penetrar seu membro em mim, eu sentia uma dor enorme, lágrimas rolavam pelo meu rosto. Ele me deu um beijo calmo, fiquei mais tranquila, depois, ele começou os movimentos lentos. Eu estava gostando. A dor sumiu e foi consumida pelo prazer.

- Isso... Mais forte... Ahhh...

Ele começou a fazer uns movimentos mais intensos e gozamos juntos. Deitamos um ao lado do outro cansados.

Tomamos um banho para tirar o cheiro de sexo e antes de dormir ele disse:

- Eu te amo.

- Eu também, Cast... - e dormimos rapidamente.












Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...