História Meu dono se chama Taehyung (Vkook) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Nanjin, Surubangtan, Vkook
Exibições 142
Palavras 1.994
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Ficção, Lemon, Luta, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leituras mores...
xoxo
~stae

Capítulo 8 - A verdadeira face de Taehyung


Fanfic / Fanfiction Meu dono se chama Taehyung (Vkook) - Capítulo 8 - A verdadeira face de Taehyung

P.O.V Jimin

Quando jungkook me levou para enfermaria por voltas do meio dia pude ver o olhar do  Taehyung me fitar como se quisesse me matar, acho que ele pudesse me matava e com gosto. Eu sei que ele sofre de inferioridade, e chegou a ter uma depressão por causa dos pais... Mas, irei fazer ele sofrer! O que foi? Achou que eu estava brincando? Vou ser a porra de um vilão já que me deram esse titulo, vou zelar por ele. Vou fazer realmente ele pensar que temos um caso, e que se foda o taehyung! Eu não irei ter pena dele não! Pois sei que ele faria o mesmo se é que não faria pior!

Quando eu e o kook chegamos na enfermaria, estava somente com sua blusa,Eu vi Taehyung abrir a porta então, sem o kook esperar o beijei e nossa, sua boca era como realmente esperava, doce e gostosa de se beijar!

Vejo o taehyung sair da sala, e aff.... Esperava que ele fosse fazer um barraco, mas vejo que isso vai da merda do mesmo jeito! Em seguida o Namjoon entra e tira o kook da sala.

E que comece os Jogos...

 

Estava descansando quando vejo o Yoongi entrar na sala e fala:

- Oie, baby... Como esta?

 

Como estou? Como ele teve a cara de pau de vim e ainda perguntar como estou?????

- SAI DAQUI YOONGIIIII... COMO TEM A CARA DE PAU DE VIM AQUI? – perguntei já fora de mim.

- Que isso amor, eu vim saber como estar. – disse se sentando numa cadeira e logo sorriu.

Como o Yoongi podia ter um sorriso tão lindo e ser como um demônio por dentro?

- SAI DAQUII NÃO QUERO TE VER YOONGI!! Você transformou minha primeira vez em um dos piores momentos da minha vida!! VOCÊ É UM MONSTRO YOONGI. – falei

- Posso dormir bem com essa ate por que já me chamaram de coisa pior. – disse dando de ombros e prosseguiu :

- Engraçado Jiminie você me chamar de monstro, já que você beijou o kook pra ferir os sentimentos do Taehyung. – disse apoiando suas pernas numa mesinha logo a sua frente e se acochegando na cadeira.

- no final, amor, somos iguais. – falou sorrindo

- IGUAIS?? NÃO!!Yoongi! Eu não sou igual a você! E quem disse que eu beijei o kook? Nós dois nos beijamos por que queremos.

- Ah, favor, Jimin, você pode enganar o imbecil do taehyung, mas a mim não engana! Conheço perfeitamente um diabo quando vejo um!

- Esta me chamando de diabo Yoongi?? É ASSIM QUE PRETENDE ME CONQUISTAR? – perguntei já gritando, não acredito que ele estava me comparando com ele.

- E quem disse que quero te conquistar Jimin? Só quero foder! Nada mais... hm hj é seu dia de sorte, vou te perdoar baby. – falou se levantando da cadeira e sentando perto de mim na cama.

- Me perdoar?! – perguntei arqueando uma sobrancelha querendo saber onde aquela conversa iria chegar.

- Sim, vou te dar uma chance! Pois não é toda vadia que tem sorte de transar comigo novamente, e vou te dar essa oportunidade.

Preciso me vingar de Yoongi, então seja lá o que ele me oferecer vou aceitar, ele vai ter o que merece.

- continua,yoongi.. – disse posicionando minhas mãos no meu rosto prestando total atenção no que dizia...

De tanto falar enfim respondi:

- ok, suga, vamos começar novamente... Vou te fazer uma surpresa e você vai adorar! – falei dizendo em seu ouvido e o mesmo sorriu e falou:

-Eu Gosto desse Jimin... – falou com voz sedutora

- então você não perde por esperar! – falei mordendo seu ouvido fazendo o mesmo se arrepiar

 

Se você me compara com o demônio Yoongi, vou te dar razões para realmente achar isso!!

 

P.O.V Taehyung

“Foi bom te conhecer cupcake”

Falei indo embora do quarto, já estava chovendo lá fora e não me importava.

Logico que ele não iria me proteger por querer, quem iria? Ninguem me ama, e isso já era um fato na minha vida!

Como eu pensei que o kook pudesse me proteger por gostar de mim?

-IDIOTAAAAAA – gritei

Gritei ao sair do internato tentava limpar as lagrimas que insistiam sair de mim.... Queria chorar para ver se aquele sentimento pudesse enfim sair do meu corpo mas nada... Eu continuava a pensar:

Ele não gosta de mim! Ele realmente esta pouco se fodendo pra mim, como.... Todos estão!!

Só tenho inimigos, e sou uma aberração como dizia meu pai....É eu sou isso!

 

“ Por mim você podia ate morrer” .....

Ele não se importa, ele nunca se importou... Ele so me salvou do Jimin, e me protegeu por que se eu morresse ele iria morrer também!

Era tão obvio Taehyung como você podia achar que... você e ele....

Era obvio que estava nesse mundo sozinho, e que estava condenado a viver sabendo que nunca seria amado, por que sempre consigo ser imbecil e acabo destruindo qualquer resquício de amor que alguém pudesse ter.

Talvez, só talvez....eu pudesse realmente morrer, por que assim...  Ninguem sentiria minha falta não é?

Estou sozinho nesse mundo.... Sei que o Namjoon e Jin só estão comigo por pena, é o máximo de sentimento que conseguir adquirir dos outros fora o ódio, um sentimento de pena.

Sou um monstro como minha mãe dizia.

 

P.O.V Jungkook

Quando taehyung saiu do quarto e me mandou não sair pela porta tinha certeza e já tinha me arrependido do que tinha falado.

Sentia um sentimento de tristeza e dor, um sentimento que rasgava minha alma, aquilo era ruim, muito ruim e o pior que sei que aquele sentimento não me pertencia, aquela dor que estava sentindo não era minha era do....Tae!

Eu comecei a jogar um abajur no chão e derrubar tudo que estava no meu alcance... Cai no chão e estava chorando pegando em meu peito, e aquilo doi.... Doia meu coração, queria sair daquela porta mais era como se existisse uma barreira invisível que me impedia de atravessar, queria correr atrás do Taehyung e abraça-lo, e dizer que eu estou lá, que eu sempre estarei lá....

Mas só conseguia ficar deitado chorando e gritando por que aquela dor, me consumia.

De repente vejo alguém entrar no quarto, era Namjoon com o Jin os dois entraram e viram que o quarto estava de cabeça para baixo.

- JUNGKOOOOK – gritou Namjoon ao me ver caído. – FALA ALGUMA COISA JUNGKOOK, FALA ALGUMA COISA, por favor....  – Suplicava ao me sacudir

Não conseguia falar nada, aquela dor de sofrimento era muito forte, consegui pegar forças de algum lugar e falei:

- Nan...joon... faz esse sentimento... parar – implorava entre choro, não conseguia tirar minha mão em meu peito.

Namjoon então perguntou:

- Você esta sentindo os sentimentos dele não é? Desculpa Jungkook, não posso fazer nada – disse me abraçando fazendo eu chorar ainda mais

Toda vez que fechava os olhos sentia Taehyung, aquilo que sentia era seus sentimentos... Eu estava o entendendo.

- escuta Jungkook, onde está o Taehyung? – perguntou Namjoon limpando meus olhos que caiam as lagrimas.

- N...não...sei, eu preciso ve-lo Namjoon eu PRECISO dele. – falei entre soluços

- precisamos falar pra ele Nam – disse o Jin que já estava chorando junto comigo.

- Sim... – suspirou Namjoon, depois me olhou e falou:

- Jungkook sei que não pode falar muito mas, me escute. Taehyung, é.... problemático!

Ele falou e sair de seu colo tentando me virar para prestar atenção no que dizia, ainda sentia a dor, e estava com medo de saber tudo sobre o Taehyung mas ele continuou:

- Taehyung nunca foi amado por seus pais, jungkook, o seu pai....bebia e batia nele e na sua mãe. – falou o Namjoon de cabeça baixa

Eu estava olhando para Namjoon mas quando ele falou isso senti uma pontada em minha cabeça muito forte, como  se minha cabeça fosse explodi eu coloquei os braços em minha cabeça e vi uma visão do pai do Tae batendo nele e na sua mãe, ouvia gritos desesperados, aquilo foi como uma faca em meu peito, então gritei:

- AAAAAAH

- Jungkook está beeem? POR FAVOR RESPONDA – suplicava Jin chorando muito

Jin era o mais sensível do grupo mesmo que fosse o mais velho.

Estava deitado no chão, tentando respirar, eu tinha acabado de ter a visão mais horrível do mundo.

- c-continua – foi o maximo que consegui falar

- A mãe do tae achava que o marido ia mudar, mas... houve um dia que o pai do Tae, bebeu muito e espancou muito ela, o Taehyung deu uma facada nele Jungkook, para defender sua mãe ele matou o seu próprio pai o pior é que a mãe do taehyung chamou o próprio filho de monstro e isso foi a ultimas palavras dela para ele. – falou

Eu tive a visão do Taehyung dando a facada em seu pai, e vi a mãe dele chamando o Tae de monstro. Aquilo doía minha cabeça e cada vez eu chorava muito.

- Taehyung, ele foi para cadeia depois para um sanatório , quando ele foi para a escola, bom... Ele viu que você era amado kook, era amado pelos seus pais e por meninas, acho que é por isso que ele, te odiava. – falou o Jin chorando mais ainda.

Eu sentia todo o sentimento do taehyung, e minha cabeça pesava como se fosse culpa, provavelmente era o que o Tae sentia. Ele amou sua mãe, mas ela morreu, então não tinha mais quem amar, por isso virou amargurado!

Ele transformou minha vida num inferno por que eu tinha tudo! E ele nada..

- O tae já tentou se matar varias vezes, ele se cortou varias vezes. – disse Namjoon por fim

- Sera que ele... – Jin olhou para o namjoon então eu o interrompi e falei:

-NÃAAO ele não pode se matar! Ele precisa saber que eu, eu sinto sua dor! – falei batendo em meu peito nu, pois ainda estava sem blusa.

- EU TENHO QUE SAIR DAQUIII PORRAAAA,  ele me proibiu de sair nessa porta preciso abraçá-lo eu... Preciso!

Jin me abraçou a me ver batendo na “parede invisível”, chorei o abraçando

- Sinto muito jungkook, sinto muito – chorava

-JUNGKOOK VOCÊ PODE SAIR! PELA.....JANELA KOOK, PELA JANELA - gritou Namjoon apontando para a janela.

Eu então me virei no susto olhando para trás e reparei na janela e sorri com essa possibilidade. Sim claro! como não tinha pensado nisso antes??

- espera jungkook, o que você vai fazer quando ver ele? – perguntou Jin me segurando nos ombros

Olhei para ele e sorri:

- Vou dizer.....que sou seu cup cake!

Falei sorrindo, e quando fui olhar para a janela, estava muito alto mas muito alto mesmo!

Nanjoon chamou Fafnir e montei em cima dele e fui atrás de Taehyung, era final da tarde umas 18:00 e chovia muito, mas precisava vê-lo , precisava dizer que sinto o que ele sente! Tenho que dizer que ele não esta sozinho e que eu estaria ali para ele, e que ele não precisa sofrer sozinho ou achar que ninguém o ama por que.... Eu.... o amo.

“Proteger ele dos seus inimigos...”

Em todo esse tempo eu tinha que proteger ele era de si mesmo, ele é seu próprio inimigo!!

Agora realmente conheço a verdadeira face do Taehyung! e eu, sei que o amo, por que agora, eu o vejo, vejo sua alma e não irei perde-lo!

P.O.V Taehyung

Era de noite, estava perdido... só vagando neste mundo sem saber o que fazer e chovia muito e tudo o que sentia em relação a minha familia voltava mas me lembrava mais do jungkook.... me deitei num mato todo ensopado, deixei a agua que caia do ceu molhar no meu rosto  e comecei a cantar uma musica lembrando de Cake:

There nothing like us

(Não há nada como nós)

There's nothing like you and me

( não há nada como você e eu)

Together through the storm

( Juntos enfrentando a tempestade)

 Cantei, fechando os olhos,  eu... o amo! E ele me odeia!

 

continua...


Notas Finais


Gente, na moral, não sei como escrevi esse cap.... Chorei muito!!
Eu entrei nos personagens, agora TO NA BAD

Favor, não fiquem tristes kkkkkkk e nem me odeiam <3
( Qualquer errinho ignorem favor! )
xoxo
~stae


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...