História Meu Garoto Invisível (Imagine Jimin - BTS) - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jimin, Romance, Você
Visualizações 137
Palavras 687
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Escolar, Fantasia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii
Desculpem por demorar, é pq a net não coopera kkk
Não ficou bom, pq estou meio que com bloqueio mas espero que gostem <3

Capítulo 10 - Objetivo


Fanfic / Fanfiction Meu Garoto Invisível (Imagine Jimin - BTS) - Capítulo 10 - Objetivo

Ainda assim éramos apenas amigos. Não nos beijamos novamente, mas sempre que Jimin olhava para eu acabava ficando sem graça e ele do mesmo jeito. É claro que ele como de costume me tirava à concentração durante as aulas fazendo gracinhas no meio da sala, o engraçado era que todos olhavam pra mim que continuava a rir feito louca, mas apesar disso eu gostava. Jimin foi à única pessoa que fez rir depois que mudei para cá.

E em casa ele ajudava na cozinha, ou arrumava a casa quando eu estava trabalhando.

(...)

Dei o play no filme e coloquei na mesinha a pipoca. Prestava bastante atenção no filme, assim como a assombração do meu lado. Não nos falávamos muito porque tínhamos combinado de assistir o filme e dessa vez seria sem brincadeiras.

Mas é claro que isso não deu muito certo.

-S/N... Você vai estar ocupada amanhã à noite? – ele sorri para mim

-Não. – respondi sem dar muita importância – Porque?

-Estava pensando aqui que nós poderíamos sair para algum lugar.

Isso seria um encontro? Não sei, mas me parecia uma ótima idéia.

-É. – sorri – Seria legal.

Ele sorri de volta.

-É que você quase não sai de casa, e eu também não e eu acho que seria bem divertido.

-Por mim tudo bem Chim. – apertei sua bochecha o vendo ficar vermelho

(...)

Conversávamos sobre coisas aleatórias até chegar à faculdade. Adentramos os portões e Jimin parou de falar comigo já que algumas pessoas já me olhavam por acharem que sou louca.

-Você viu aquela garota? – escutei uma menina dizer – Me disseram que ela fala com espíritos. – ela disse olho de canto

-A coitada não tem amigos então deve ter inventado algum. – a outra caiu da risada

-Deve ser sério. Podíamos falar com ela, mas eu tenho medo.

Ignorei esses comentários e entrei na sala indo para meu lugar. Minutos depois a sala foi enchendo de alunos, inclusive Lindsay. Ele me olhou de canto com certo nojo.

Suspirei vendo o professor entrar na sala e falar com os alunos.

Vi Jungkook entrar junto com um amigo seu, ele olhou para mim e abriu um leve sorriso.

Comecei a lembrar de ontem e que estaria ocupada, pois eu e Jimin iríamos sair. Pensei em que roupa usar, não sei por que, eu nunca fui de me preocupar com essas coisas.

Quando me dei conta era final das aulas. Encontrei-me com Jeon e fomos estudar o assunto da aula já que ele disse que não compreendeu muito bem.

-Ficou mais compreensível agora? – ri soprado

Ele concorda sorrindo.

-Que bom.

O fantasma levantou a cabeça e sorriu, pois sabia que finalmente iria para casa.

-S/N... Posso te perguntar uma coisa?

-Deixa pra amanhã Jeon, vai ficar muito assunto no seu cérebro.

-Não é sobre os estudos. – riu

-Sobre o que? – disse simpática

-Bem, eu acho que estou gostando de alguém.

-Continue...

-Mas como saber se essa pessoa gosta de mim?

-Está falando da Lindsay? Ela gosta de você, quer dizer, eu acho...

-Não é ela. – bufou – Eu não gosto dela, não mais.

-Quem é então? – tentei raciocinar um pouco

-Eu não vou falar, apenas quero que você me ajude. – sorriu de canto

-Ok, mas esse negocio de relacionamento não é comigo.

  -Com certeza não! – Jimin riu alto e o fuzilei ele com o olhar

-A gente podia se ver depois, o que você acha? – Jeon me olha sorridente

-Por mim tudo bem.

-Hoje a noite?

Imediatamente me veio a cabeça que eu tinha compromisso. Olhei para Jimin que me dizia um “não aceite” apenas com os olhos.

Mas acontece que... Quem está me pedindo é Jeon Jungkook. Esperei por esse da a minha vida inteira, ele estava sorrindo para mim e esperando uma resposta e já do outro lado eu tinha um fantasma me olhando como se fosse me matar se eu aceitasse.

Suspirei fundo.

-Sim, tudo bem.

Park mudou seu olhar, ele não estava com raiva, estava triste. Dava para ver em seus olhos que estava magoado. Aquilo também me partia o coração, porem meu objetivo era outro, desde o inicio, e eu não quero que ninguém atrapalhe isso.  


Notas Finais


Até...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...