História Meu gatinho híbrido – Imagine Hot Xiumin - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Xiumin
Tags Exo, Kim Minseok, Sexo, Vyyhhoseok, Xiumin
Visualizações 1.265
Palavras 955
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Hentai
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pãozinhos, dêem amor a essa hora do Hyung.

Boa leitura=

Capítulo 1 - Gatinho manhoso - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Meu gatinho híbrido – Imagine Hot Xiumin - Capítulo 1 - Gatinho manhoso - Capítulo Único

"Meu gatinho híbrido estava louco para me ter, como ele ronrona manhoso sob meu colo!"


Meu gatinho híbrido - Capítulo único.


Eu havia acabado de chegar do meu trabalho, que no caso é psicóloga. Abri a porta da minha casa e me deparei com Minseok no sofá, quando ele ouviu a porta ser aberta, veio até mim e me abraçou. 

- Finalmente chegou mamãe! 

Seu rabo branquinho e fofinho balança calmamente, começei a fazer um carinho no centro da sua cabeça.

Minseok é um gato com traços humanos, ele tem orelha, rabo de um gato. O resto e de um corpo humano normal. Conheci ele a dois anos, até descobrir o seu verdadeiro eu.

- Como foi seu dia hm? -perguntei. 

- Como sempre, fazendo o que você pede e esperar você chegar!

Sentei no sofá, o felino veio até mim e deitou sua cabeça em meu colo, resolvi ligar em um dorama na televisão. Começei a acariciar sua orelhinhas.

[···]

Depois de vestir meu pijama não muito curto, começei a preparar o jantar. Minseok estava tomando banho, começei cortar uns legumes quando senti ser observada. 

- Esse pijama caí bem em seu bumbum mamãe! 

O rabo do mesmo balançava lentamente, Minseok e eu nunca fizemos nada além de ficar se beijando, ele me chama de mamãe quando prescisa de algo a mais.

- Ah Minseok para de olhar por favor se não...

- Ah mamãe, presciso tanto estapear essa sua bundinha redondinha e gostosa! 

No mesmo instante eu me arrepiei, desliguei tudo que havia em cima do fogão. Você quer brincar Minseok? Então vamos! 

- Sei que você quer algo a mais...

O mesmo veio até mim e me pegou no colo, o rosado me levou até o quarto, ele me colocou de bruscos e me deu um tapa na minha bunda.

- Awn... - gemi baixinho.

- Você gosta mamãe? 

Assenti com a cabeça, empinei mais o meu bumbum e foi onde ele deu o segundo tapa, eu gemi arrastado e caí na cama.

- Ah mamãe, você é tão gostosa, na minha mente nos dois fazemos coisas quentes e prazerosas! 

Minseok passava sua mão em meu bumbum, logo ele me vira e fica por cima de mim. Mordi os lábios inferiores e puxei a barra da sua camiseta, ele ajudou a tirar. Seu abdômen havia alguns gominhos, o que era maravilhoso. 

- Acha que podemos fazer isso agora? - arquei a sobrancelha.

- Claro mamãe!

O mesmo se sentou na cama, logo ele me puxou e me fez sentar em seu colo, Kim começou a tirar minha blusa.

- Bom que já adiantou o trabalho para mim!

Disse o mesmo ao ver meus seios, começamos um beijo calmo e cheio de desejo, passei a mão pelos seus cabelos rosado. 

Aos poucos Minseok foi me deitando na cama, ficou por cima de mim. Ele começou a descer a ultima peça do meu pijama junto a minha calcinha. 

- Oh mamãe, que visão! 

Ele passou a língua em seus lábios, logo ele tirou sua calça junto a cueca. Seu membro estava coberto pelo pré-gozo.

- Ele prescisa de atenção mamãe! 

- Então senta! - ordenei maliciosa.

Assim o rosado fez, sentou na cama, engatinhei até ele e segurei seu pau. Ele tinha a cabeçinha bem arrosadinha, fiquei com água na boca.

Começei a masturbar o felino rapidamente, com a minha destra direita eu massageava suas bolas.

- A-Ah S-S/N...

Seu pré-gozo saiu novamente, masturbei mais ainda, até sentir seu membro pulsar, foi ai que eu coloquei minha boca e começei a chupar. 

O que não cabia em minha boca eu masturbava, seu sexo começou a pulsar na minha boca, Minseok segurou meus cabelos, seu líquido quentinho jorrou na minha boca. Enguli tudo e passei meu polegar na boca.

- Deixa eu beber seu melzinho mamãe! 

Disse ele todo manhoso e ficou por cima de mim, lentamente o Kim abriu minhas pernas, ele passou sua mão em minha intimidade lentamente.

- Mamãe deve ser tão apertada!

Sorri de lado, senti seus dois dedos serem penetrados em meu sexo, ele começou devagar e lentamente. 

- Minseok... - chamei manhosa.

O rosado mordeu seus lábios fortemente e me olhou, ele começou estocar rápido até que soltei um gritinho agudo.

- Assim que eu gosto!

Continuou, senti as paredes da minh vagina apertar seus dedos,  foi onde ele começou chupar meu clitóris, segurei na cabeceira da cama.

- O orgasmo da mamãe está chegando!

Contínuou a me masturbar até que eu senti meu líquido branco sair e escorrer em seus dedos. Minseok se levantou e lambeu seus dedos, depois passou em nossas bocas.

- Quero que me foda fortemente daddy-ah!

O mesmo abriu um sorriso de lado, ele ficou entre a minhas pernas, segurei em seu pescoço.

 O Kim me penetrou rápido, ouvi um barulho erótico e gostoso, suas mãos foram para a cabeceira da cama, ele começou a dar estocadas rápidas e fundas em meu botãozinho. 

- Awn M-Minseok...

- S-S/N...

Ele jogou a cabeça para cima e mordeu os lábios, Minseok começou meter com força. Barulhos eróticos ecoavam pelo quarto, a cama batendo contra a parede.

 - Ahhh S-S/N...Esse botãozinho...

O felino continuou, meu ápice estava próximo, pela segunda vez meu orgasmo havia saído. 

- Goza tão rápido m-mamãe!



Ambos estavam ofegantes e com os cabelos grudados em suas testas, Minseok colocou você de quatro, segurou em sua cintura e começou e lhe puxar contra o membro dele.

Você gemia e apertava o lençol da cama que ambos dividiam, aquele híbrido estava lhe proporcionando um prazer que nenhum outro homem fez.

- Ahhh S-S/N...

Sua mão foi em suas nádegas, o rosado lhe deu um tapa, o mesmo puxou seus cabelos de leve. 

Ele soltou um gemido baixo, você sentiu todo aquele líquido quentinho lhe preencher por completo, Kim saiu de dentro de você e lhe puxou. O mesmo lhe abraçou e em seguida combriu ambos.


- Espero que amanhã você não ande mamãe, caso contrário...


End





Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...