História Meu Gato - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 15
Palavras 732
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Por razões de escola eu sumi por um tempo (Jajá vo sumir de novo por causa de recuperação ;-;) mas dei uma voltada pra não deixar a história abandonada :v
Fiz esse desenhin mas podem imaginar os personagens como quiserem <3
Boa leitura.

Capítulo 6 - Perguntas


Fanfic / Fanfiction Meu Gato - Capítulo 6 - Perguntas

 

Acordei com a luz do sol batendo em meu rosto, me virando na cama vi John dormindo ao meu lado, ainda faltava um tempo para ter de levantar então continuei deitado o observando. Ele dormia com uma expressão calma e uma babinha descia de sua boca, eu o observei achando aquela cena fofa, até decidir levantar e tomar um banho.

Caminhei até o banheiro é liguei o chuveiro, coloquei minha cabeça em baixo da água fria e logo comecei a me ensaboar, escutei a porta atrás de mim se abrir.

John: Então aqui tava você - Ele entrou no banheiro e fechou a porta atrás de si.

Rick: Vai tomar um banho também?

John: Aham - Me deu um olhar da cabeça aos pés.

Rick: Não faça isso - Falei corando

John andou até mim e passou sua mão por cima de meus ombros, alcançando o sabonete.

John: Eu te ajudo a se lavar.

Rick: Tch, não precisa disso.

John: Obrigado... - Me deu um abraço  abaixando suas orelhas e colocando sua cabeça sobre meu ombro, me dando um pequeno beijo no pescoço.

Rick: Você sabe... Eu não vou te abandonar.

John: Obrigado - Disse me dando um abraço mais apertado.

Logo após o banho saímos do banheiro e nós dirigimos a cozinha, ele me disse que cuidaria do café, então so me sentei na cadeira da mesa na cozinha e comecei a olhar as coisas em meu celular, as vezes parava de mexer e o olhava virado de costas pra mim, sua cauda se mexia de um lado para o outro, ele ia até a geladeira e pegava o necessário, ligou o fogão pra fazer panquecas que encheram a cozinha com um cheiro incrível e então preparou o café.

Sentados nos dois comemos o café da manhã enquanto conversavamos, era como se nada tivesse acontecido na noite passada, mas assim estava bem pra mim, era muito constrangedor lembrar aquela noite. Me levantei da mesa e dei uma arrumada em minha roupa.

Rick: Estou indo pro trabalho, até depois. - Me despedi de John na porta.

John: Tenha um ótimo dia - Se aproximou de mim e me deu um selinho leve.

Rick: Obrigado - Olhei pro lado envergonhado para logo me virar e sair pela porta.

                        ~~~

Chegando na escola fui até a sala dos professores como sempre, fiquei surpreso com Paulo não ter chegado ainda, as aulas estavam prestes a começar e nada dele. Quando deu o sinal de início das aulas fui até a sala e comecei a dar minha odiada aula.

O tempo passou e era o intervalo e eu estava na sala dos professores em minha mesa.

Paulo: Bom dia querido. - Se apoiou sobre minha mesa, com um sorriso.

Rick: Oi, que cara é essa?

Paulo: Descobri algo interessante.

Rick: O que é isso?

Paulo: Aquele seu amigo... Tem algo especial sobre ele, não é?

Rick: Do que você tá falando? - O perguntei assustado

Paulo: Você não pode me enganar Rick, sinto muito mas eu preciso daquele cara.

Rick: Eu não tô entendendo nada do que você tá falando.

Ele me pegou pelo braço e começou a me puxar pelos corredores, por onde passávamos os olhares curiosos nós seguiam até chegarmos às escadas que levavam o terraço onde ninguém ia.

Paulo: Quando coloquei meu olhos sobre ele eu notei, ele é bem perigoso, você sabe.

Rick: O que você sabe? Não se mete na minha vida. - Puxei meu braço o fazendo me soltar.

Paulo: Ele é um demônio.

Rick: Você tá brincando!? Me deixa em paz.

Paulo: Eu gosto de você então vou ser sincero, eu já o vi antes, por causa do meu irmão.

Rick: ...Por que? 

Paulo: Meu irmão é um cientista, por isso.

Rick: Seu irmão fez teste nele!?

Paulo: Aquele cara é perigoso, você não deve ficar perto dele.

Rick: Eu não ligo pra o que você fala, daqui a pouco o intervalo acaba. - Comecei a andar até a sala o deixando lá parado.

Por que ele me falou isso? Isso quer dizer que ele conheceu o John antes? Será que ele sabe de algo que eu não sei... Bem, quando chegar em casa vou perguntar a ele, é melhor esclarecer as coisas com o próprio

O tempo passou e logo a hora de ir pra casa chegou, peguei minhas coisas e rapidamente fui pra casa, o Paulo tentou se aproximar pra falar algo mas apenas ignorei e segui meu caminho.

Rick: Cheguei! - Falei ao entrar na casa.

Notei as luzes todas a apaguadas e andei lentamente até o interruptor.

Rick: John? - Falei olhando em volta, sem resposta.




Notas Finais


Ficou curto mas foi isso pessoal, obrigado por ler.
Qualquer erro por favor me digam.
Até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...