História Meu gato misterioso - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lu Han, Sehun, Xiumin
Tags Chanbaek, Gatos, Hibridos, Hunhan, Kaisoo
Exibições 308
Palavras 1.068
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Festa, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Obrigado pelos 29 favoritos, eu estou agradecida por vocês terem gostado da fic. E eu juro que não irei decepciona-los. Obrigada.

Capítulo 3 - Sonho e a minha bebida


Cansado, dor nas costas, e a culpa da quela cadeira dura pra cacete. Agora as minhas costas estão completamente ao meio - sehun eu estou com dor, você pode dirigir no meu lugar - perdi enquanto colocava as mãos nas minhas costas. - para de graça chanyeol, você fica ai transando gastando a sua coluna, mais na hora você não reclama. mais quando sentar na cadeira de trabalho perece até que vai morre -  olhei para a face de Kim jongin - olha kai, é em melhor tu enfiar esses sei organismos de ogro no seu orifício anal ( estou tentando para de xinga, assim eu paro de escrever também ). - e é só o meu que tem que ser enfiado - falou com um sorrisinho - Cala boca kai -

Entramos no carro, sehun dirigindo a minha abelhina, só deixei porque eu estou quebrado - meu ovo - olhei para trás pelo espelhinho - mata jongin, eu vou mata - olhei para o sehun que estava com um sorriso idiota na cara como se estivesse sonhando enquanto dirige... Calma aí sehun estava viajando no hellmans aind dirigindo a abelhina - sehun cara se tu não aprestar atenção na estrada tu vai conhecer Jesus mais rápido do que eu é kai, que dizer tirando o kai porque você - aponto para ele que estava atras - tirou dia para me infernizar -

- chanyeol eu senti um coisa muito boa de madrugada - sehun mal nasceu e estar indoidando - fala aí então como foi - pergunto - cara eu não sei se estava sonhando ou aquilo era realidade mas eu sonhei com um cara loiro com a face angelical, cara ele me chupava tão...há... - eu não falei que o Sehun é usuário de drogas, isso aí já é provas - sehun como ele era o garoto - olhei pra trás - ficou interessado no garoto do sehun, seu safado - sehun em doidando, kai roubando, gente quanta coisa que esse garotos fazem - tá vamos pra minha casa ou pra de vocês - pergunto - pra sua, hoje tem jogo e lá tem cerveja - disse kai enquanto deitava no banco de trás.

- levanta dai preguiça - deu um tapa nas pernas bronzeadas de kai que se levantou - já estamos chegando ? -  perguntou enquanto cutucava as coisa que tinha dentro do carro - sim só falta um quadra para chegamos - falou sehun - gente a minha vontade de quando chegar em casa, é tomar aquele banho, que se deixar sai até a alma do corpo - chanyeol só de pensar aquela água gostosa passar em seu corpo era demais para ele - tarado por água, chegar até suspirar - eu suspirei.

- idai kai me deixa namorar água, pow ninguém me quer - disse fingindo um choro - sei as minas ficam caidinhas por você e, você aí falando que elas não te querem - Sehun que estava tão fixado na estrada, se virou para minha cara e confirmou - idai as " minas " que vocês falam é, tudo putas né, porque uma pessoa digna nunca aparece na minha frente. Só meninas que dá cada buraco que tem no corpo. Gente largar não quero -

Sehun deixava o meu carro na garagem da minha casa, enquanto isso eu já estava saindo de dentro do automóvel, olhei para cima e vejo o seu escuro e cheias de estrelas. Sinto um vento forte passar em meu rosto, foi gostoso essa sensação - anda logo chanyeol pega logo essa chave - disse kai - calma aí - pego a chave no bolso de trás da minha calça - agora vamos - destranco a porta e entro dentro de casa abro a passagem - vamos canbada - entrou dentro da sua residência e viu a coisa mais maravilhosa...seu sofá - cara como eu amo você marie, saudades - se jogou no sofá enorme - tu endoidou, cara gente vai subir para tomar banho - disse sehun enquanto subia com kai para os quartos de hóspedes, que nem mais de hóspedes eram mais e sim deles porque eu nem visita eu tenho. Só vem eles aqui em casa.

Me levanto do sofá me espreguiçando e vou andando lentamente até a cozinha coçando os meus fios negros, mais quando eu chego lá tinha uma surpresa a minha espera - quem bebeu as minhas cervejas, que foi o desgramado - grito enqunto olhas as latinhas, as garrafas e outras coisas, olho para os fundos e ouço umas risadas na parte de trás da casa, será que lá estava a pessoa que bebeu os meus bebês. Com pressa abriu a porta furiosamente - ahhhhhhhhh....

  Sehun on -

Desde de que eu tive aquele sonho  com aquele garoto erótico ele não sai mais dos meus pensamentos, ele era excitante com aqueles olhos pequenos com os lábios pequenos e rosados sua face era angelical como se Fosse uma menina, isso me enlouquecia, porque eu não sabia se ele era um sonho, mais eu tocava o corpo dele sentia a textura a quentura de sua epiderme em minhas mãos. Eu me sentia como um lunático. 

- deixa de ser um idiota, ele não passou de um sonho - dou um tapa em minha face fazendo as pessoa que trabalhava no local me olhar como se eu fosse um louco pos está se batendo - me desculpem - saio do lugar e vou para o meu escritório que lá eu poderei pensar no menino dos sonhos. Me sento na cadeira e pego a caneta e começo a ler os papéis que tinham encima da minha da minha mesa até os meus pensamentos começaram a fluírem no garoto.

" você é bem bonito sehunnie "

Só de me lembra de sua voz doce ao pé dos meus ouvidos me deixava excitado

" você gosta de me alisar, você poderia me alisar agora, sabia sehunnie ? "

Essa pergunta ficou empregada em minha cabeça, alisando ? Sendo que eu nunca o ví na minha vida,  à não ser pelo meu sonho.

" sehunnie você poderia me beija, assim como você beija meu pescoço enquanto dava seus sorriso lindo "

Eu me lembro dessa perfeitamente, ahh como foi bom esse sonho

" sehunnie... "

Só de me lembra de como ele gemeu enquanto eu estocava dentro dele... - sehun estar gemendo porque seu doido


Notas Finais


Oi gente eu estou conseguir escrever um pouco então eu irei posta essa estar bem, beijos até o próximo. Erros e só falar


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...