História Meu híbrido-Jeon Jungkook (BTS) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Got7, Seventeen
Exibições 76
Palavras 833
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Calma amor-Capítulo 11


Fanfic / Fanfiction Meu híbrido-Jeon Jungkook (BTS) - Capítulo 11 - Calma amor-Capítulo 11


Depois que aquele homem falou aquilo,do nada apareceu mais vampiros ao nosso redor,era em cerca de 15 vampiros no máximo.Os meninos e eu nos assustamos e logo parei de torturar o homem que me enforcou.Senti o mesmo segurar novamente meu pescoço me enforcando.


-M-meninos.-Tentei chamá-los mas eles encaravam os outros vampiros e não me escutaram,eu já estava ficando sem ar.
-Não tem para onde fugir não é mesmo?-Falou o homem sussurrando,só para que eu ouvisse.


-LARGA ELA!-Gritou um desconhecido segurando o homem que me enforcava chamando a atenção de todos ali.


-Quem é você?-Perguntei com a respiração descontrolada.


-Eu voltei minha filha.-Falou o desconhecido que me deixou de boca aberta.


-O que?-Perguntei com espanto.


-Não está na hora de falarmos sobre isso.-Falou ele me levantando rapidamente.


-Oh pelo que vejo,reencontrou sua filhinha,Allan.-Falou outro homem se aproximando rindo e batendo palmas.


-Deixei-na em paz.-Gritou o Taehyung.


-Vocês não terão paz nem no meu último suspiro!-Gritou uma mulher.


-Vamos acabar logo com isso.-Falou o homem já pulando em cima do homem que diz ser meu pai.


Vários vampiros pularam em cima de mim,consegui colocar uma barreira de proteção nos meninos e no meu "pai" e também em mim,conseguir torturar alguns que estavam em cima de mim que se jogaram no chão de dor,mas continuei até a morte deles.Por eles morreram sobraram dois ali na minha frente,olhei para os lados e vi os meninos lutarem juntos contra 8 vampiros.Voltei a olhar os dois que estavam em minha frente hipnotizando os mesmos,antes que eles me atacassem,cheguei mais perto deles e arranquei suas cabeças.Assim que terminei fui ajudar os outros que lutavam,agora,contra 4 vampiros.Corri na direção de um deles e pulei em cima de suas costas puxando os cabelos e inclinando sua cabeça para arrancá-la.Olhei para Jungkook,depois que matei o vampiro,e vi que ele estava com o braço machucado e um corte na cabeça.


-Não se preocupe,vou ficar bem.-Falou ele quando percebeu que eu o encarava,em seguida pulando em um vampiro.Acho que sem querer tirei a barreira de proteção deles,mas logo a pus de volta.


Conseguimos matar os vampiros do Clan-A,mas acabei sentindo uma dor enorme no meu ventre,cai de joelhos no chão com a mão na minha barriga e comecei a gritar o nome do Jungkook.


-(S/N)!!-Gritou o Jungkook,correndo em minha direção.


-Meu Deus!-Gritou Jimin e o Tae correndo em minha direção assim como os outros.


-Calma pequena,o que você está sentindo?Diz pro seu oppa.-Falou Jungkook me deitando em seus braços.


-Está doendo muito.-Falei entre gritos de dor.


-Vamos ao hospital,rápido!-Gritou o meu "pai".


Todos assentiram e me colocaram em um dos carros,Jungkook,Jimin e o Taehyung vieram no mesmo que eu,Jeon veio atrás comigo me abraçando e chorando junto a mim.


-Calma,amor.-Falou ele entra soluços.-Tudo vai ficar bem.


-JEON JUNGKOOK.-Gritei mais alto,quando a dor aumentou.


-Calma (S/N),calma,já estamos chegando.-Falou o Tae.


Quando chegamos no hospital,médicos me colocaram imediatamente em um maca e me levaram para uma sala.


-Tragam um boa noite Cinderela,rápido.-Falou uma enfermeira.


Quando a outra enfermeira trouxe o boa noite Cinderela,elas puseram em uma seringa logo me injetando,acabei adormecendo.


Horas Depois...


Jungkook On:


Chegamos ao hospital e passamos horas lá e nada da (S/N),estou muito preocupado,e se acontecer algo de ruim com minha pequena,o que via ser de mim?


-Se acalma Jungkook,ela vai ficar bem.-Falava o Suga hyung tentando me acalmar.


-Mas até agora não tivemos notícias dela hyung.-Falei ainda chorando.


-Senhor Jeon Jungkook?-Chamou um médico.


-Sou eu.-Falei me levantando.


-Você é irmão,marido,namorado,o que da senhorita (S/N)?-Perguntou o doutor.


-Namorado.-Respondi.


-Parabéns,você vai ser papai.-Falou o médico me cumprimentando,deixando eu,os meninos e o pai da (S/N) de boca aberta.


-O que?-Disseram os meninos.


-Eu vou ser pai!!-Falei quase pulando de alegria.


-Calma ai Jungkook.-Falou o Namjoon rindo parecendo feliz também.


-Vamos ter uma criança em casa!-Gritou o Hoseok hyung.


-Opa,opa,opa...-Falou o Gabriel,pai da (S/N),chamando nossa atenção.-Ser pai não é fácil Jeon,mas parabéns meu genro.-Alertou ele me abraçando.


-Vou fazer o máximo para ser um ótimo pai e...um ótimo marido.-Falei abaixando a cabeça e sorrindo com o que acabei de falar.


-O que?-Perguntaram os meninos confusos.


-É...eu vou pedir a (S/N) em casamento.


-Senhor Jeon Jungkook?-Uma voz feminina me chamou,era uma enfermeira.


-Sim.


-A senhorita (S/N) levará alta a noite.-Falou ela e assenti.


-Vamos comprar roupas muitos fofas,certo?-Perguntou o Taehyung.


-Sim,nós vamos.


Achei legal da parte do Taehyung,mesmo ele também gostando bastante da (S/N),ele está tentando não atrapalhar nosso relacionamento.
-Você acha que vai ser uma menina ou um menino?-Perguntou o Jin hyung.


-Ah não sei,por mim teria logo um menino e uma menina de uma vez só.-Falei ainda mais animado.


-Nossa Jungkook,como você é apressado.-Falou o Jiminie hyung rindo.


-Não sou apressado,mas vá que sejam gêmeos?-Falei rindo também.


Finalmente serei pai,era meu sonho construir uma família com a (S/N),estou muito ansioso para que nosso filho ou filha nasça logo,não vejo a ora de ser pai e um bom marido,a partir de hoje,eu só vou deixar minha pequena feliz e não vou deixar que ninguém a toque,isso é uma promessa e uma promessa minha sempre é cumprida.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...