História Meu Kookie - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Jungkook
Exibições 56
Palavras 777
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um cap pra vocês amores
Espero que gostem
Boa leitura e perdoem se houver erros

Capítulo 27 - Você?


Fanfic / Fanfiction Meu Kookie - Capítulo 27 - Você?

Depois de ter comido os biscoitos fui trabalhar e assim que o expediente acabou fui para casa com as garotas, contei a elas tudo o que havia acontecido desde o homem esquisito ate os biscoitos na cafeteria.
(Gabi): - Luna! Você ta louca? Como você come algo sem saber de onde veio?
(Luna): - Eu nem pensei nisso na hora, só queria comer.
(Bia): - Luna, nem eu faria isso.
(Luna): - Tá gente! Eu to bem não to?
(Bia): - Por sorte, quem sabe o que pode acontecer com você comendo coisas por ai sem nem se quer saber de onde vem e o que pode conter.
(Gabi): - É Luna, é basicamente isso que a Bia disse.
(Luna): - Ta bom, agora eu vou banhar, estou precisando muito de um banho relaxante.
Segui a meu quarto sem nem ouvir o que as garotas disseram. Já eram 18:40, às 19:00 Kookie iria me chamar no Skype pra uma chamada de vídeo.
Tomei meu banho relaxante, me vesti e fiquei esperando a chamada de vídeo do Kookie, que não demorou muito.
(Kookie): - Boa noite amor!
(Luna): - Boa noite meu Kookie!
(Kookie): - Como foi o dia hoje?
Resolvi não conta ao Kookie o que tinha acontecido, não queria preocupa-lo a toa.
(Luna): - Chato sem você aqui. Estou com muita saudades Kookie.
(Kookie): - Eu também meu amor. Mas logo estarei ai juntinho de você.
(Luna): - E como foi seu dia?
(Kookie): - Bem corrido, não paramos um minuto se quer.
Kookie estava praticamente dormindo, o que era muito fofo.
(Luna): - Amor, você parece muito cansado. Melhor você dormir.
(Kookie): - Está bem, amanhã o dia será cheio.
(Luna): - Até amanhã e bons sonhos.
(Kookie): - Até amanhã minha princesa e tenha bons sonhos também.
Desliguei e fiquei deitada, como não estava com fome resolvi dormir.
Logo amanhece. Eu me arrumo, vou à cozinha comer algo e sigo rumo a BigHit com as garotas, conversando sobre coisas aleatória mas meu pensamento sempre em Kookie , ainda faltam seis dias para ele chegar, seis longos dias.
(Mi-Cha): - Bom dia garotas!
(Bia): - Bom dia!
(Gabi): - Bom dia!
Eu não tinha ouvido a saudação de Mi-Cha, estava perdida em meus pensamentos.
(Bia): - Luna?
(Luna): - Oi?
(Gabi): - Você não ouviu a Mi-Cha? Ela nos deu Bom dia.
(Luna): - Ah... Sim, Bom dia Mi-Cha.
(Bia): - Não liga Mi-Cha, ela é cabeça de vento mesmo.
(Luna): - Ah é! Até parece que sou eu a cabeça de vento. – Rio e saio rumo a minha sala.
Trabalho até a hora do almoço, dessa vez decido não ir a cafeteria, ir lá so ia me deixar com mais saudades de Kookie. Caminho até um parque lá perto compro um sorvete de chocolate, o meu preferido, e sento em um banco. Fico olhando um casal sentado em cima de uma toalha em baixo de uma árvore observando seus filhos brincarem mais a frente, eles pareciam realmente felizes.
volto a atenção ao sorvete e percebo que ele está no chão, começo a rir lembrando de quando era menor, isso sempre acontecia.
(???): - Algumas coisas não mudam.
Um rapaz aparece em minha frente, me entregando outro sorvete. Era o mesmo homem que tinha ido até minha sala ontem.
(???): - É o seu preferido. Chocolate. – Ele diz sério.
(Luna): - Ah, desculpe mas eu não costumo receber coisas de estranhos.
Ele para e me olha mais serio ainda, de repente ele começa a rir.
(???): - Até parece Luna, você não costuma receber coisas de estranhos.
(Luna): - Desculpe, eu realmente não estou entendendo nada.
Eu estava assustada, como aquele homem sabia meu nome?
(Luna): - Como você sabe meu nome? Aliás quem é você?
(???): - Digamos que eu sei bastante coisas sobre você, mas não vou te dizer quem eu sou, você terá que descobrir.
(Luna): - Não estou afim, desculpe tenho que ir. – Digo me levantando do banco em que estava sentada.
O rapaz se livra do sorvete e começa a procurar algo em sua bolsa.
(???): - Tudo bem então, mas toma isso. Espero que continue gostando tanto quanto a alguns anos atrás.
Ele retira um pacote cheio de biscoito de polvilho de sua bolsa. Eu simplesmente fico paralisada.
(Luna): - Foi você que me mandou os biscoitos na cafeteria?
(???): - Sim
(Luna): - Por que?
Ele se aproxima mais, e olhando em meus olhos ele diz:
(???): - Porque uma vez eu prometi a uma menina que aprenderia a fazer esses biscoitos, só pra ela comer, pois eram seus preferidos. Prometi isso enquanto a via ir embora.
CONTINUA...
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...