História Meu Maldito Amor - Jung Hoseok (JHope) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), CL (Chaelin Lee), GD & TOP, Minzy, Park Bom, Sandara Park, Seventeen
Personagens G-Dragon, Hansol "Vernon" Chwe, J-hope, Jimin, Jin, Junghan "Jeonghan", Jungkook, Lee Chaelin "CL", Minzy, Park Bom, Rap Monster, Sandara Park, Suga, T.O.P, V
Tags Bts, Gdragon, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Liny Teens, Minzy, Park Bom, Rap Monster, Sandara Park, Seventeen, Song Hye Kyo, Song Joong Ki, Suga, Top, Topbom, Vhope
Exibições 29
Palavras 751
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Annyeong!! Demorei,entretanto,voltei.

Você não me abandonaram,não é? Espero que não. As coisas vão começar a mudar no próximo capitulo. Este já estava escrito a muito tempo no meu outro pc. Andei tendo umas ideias a respeito do,Tae,na fic. Aguardem.

Capítulo 6 - Devo me entregar a esse amor?


 

   Quando {s/n} descobriu o que aconteceu com,Hoseok, e que o culpado fora,Taehyung,a garota se irritou.Não poderia acreditar no que o maior fizera com seu amigo.Brigar? Bater? Essa era a forma do outro de resolver seus problemas? Isso para a jovem era inadmissível.

 

  Hoseok,insistiu dizendo que não precisa ser levado para casa,mas a garota não quisera dar ouvidos,simplesmente pegou sua mochila e acompanhara o amigo até sua casa.Claro que não poderia deixar o outro chegar em casa daquele jeito.Obviamente que seu pai iria tomar satisfações,por isso ela estava indo.Explicar tudo conforme o ocorrido seria uma forma de desculpas.

 

 

“Meu Deus,Hoseok,o que aconteceu?” Ao deparar-se com o filho com machucados por toda a face lamentou-se. “Outra briga,Jung Hoseok. Eu lhe avisei,não avisei?”

 

“Senhor,Joong-ki,se me permiti...” Interrompera o maior,adentrando o local com,Jung apoiado em se,pois ainda estará sem forças devido ao ocorrido anterior, o deixando no sofá. “A culpa foi minha,senhor”

 

“Sua?” Parecia não acreditar.Como uma garota frágil poderia ser a causa da situação deplorável de seu filho?

 

“Sim senhor” Afirmara “Um amigo bateu no seu filho por ciúmes de mim.Lamento eternamente,senhor!” A mais jovem estava extremamente envergonhada.

 

“Hoseok,isso é verdade? Não que eu esteja desconfiando da sua palavra,mas eu conheço muito bem o meu filho e sua extensa lista de brigas.”

 

“Eu prometi não me envolver em mais nenhuma briga” Suspirou “E manterei minha promessa,pai.”

 

“Acredito em vocês dois.” Suspirou aliviado pelo filho estar se comportando nos últimos tempos. “Você poderia leva-lo até seu quarto enquanto eu preparo algo para comerem?” Perguntou o maior.

 

“Claro,senhor!”

 

 

  Jung,foi deixado em seu quarto,em sua cama ,mais precisamente.{s/n},pegou seu computador de sua mochila e pois em um dorama novo que estava acompanhando.Os dois passaram o resto da tarde fazendo maratona de dramas!Esse virou o passatempo preferido dos dois.

 

 

“Crianças,o jantar está servido” Falou,senhor Jung.

 

“Crianças?” Perguntaram em uníssono.

 

“Appa,nós não somos mais crianças. Mencionou levantando-se de sua cama.

 

“Ah não?” Perguntou o mais velho.

 

“Não senhor,Jung.Não somos” Respondeu a jovem cruzando seus braços,logo formando um bico com os lábios o que o fez sorrir.

 

“Okay.Me desculpem” Se desculpou “Os adultos gostariam de comer?” Reformulou sua pergunta.

 

“Só se for agora” Respondeu,Hope deixando um enorme sorris escapar de seus lábios.[s/n] poderia fitar aquele doce sorriso por horas quiçá dias.

 

“E você senhorita adulta?” Perguntou,senhor Jung,tirando assim a jovem de seus devaneios.

 

“Seria ótimo senhor Jung. Eu estou realmente faminta” Confessou.

 

“Que bom,porque eu fiz bastante comida hoje!” Exclamou.

 

“Eita [s/n] te chamou de gorda” Provocou,Hope.

 

“Quê? Hoseok,para de graça,moleque” Repreendera senhor Jung.

 

“Se fez bastante comida é porque ficou com medo de não ter o suficiente para a nossa convidada se saciar,não é verdade querido Appa?” Retrucou.

 

“Olha aqui seu moleque atrevido,para de por lenha na fogueira que está apagada” Mandou [s/n] “Agora vê se cala a boca que eu to com fome” Depositou um tapa na cabeça do moreno.

 

“Ai,sua valentona” Resmungara.

 

“Isso é para você aprender a não ser um tagarela” Disse a jovem.

 

“Tá bom.Não abro mais a boca para nada a não ser para comer” Comentou o garoto fazendo todos ali rirem. “Agora vocês acham graça,né?” Bufou.

 

“Oxi como é lindinho emburrado” Apertara as bochechas do outro.

 

“Já entendi que você me ama [s/n],agora podemos ir comer de uma vez?” Provocou.Assentiu.

 

 

  O jantar fora bastante animado.Agora a garota sabia de quem Hoseok havia herdado tamanha energia,de seu pai.A jovem estava sentindo-se parte da família;Todavia,algo que ela não queria estava acontecendo.Seus sentimentos por Jung Hoseok,estavam mudando.Sua amizade estava se transformando em amor.Como evitar que algo assim aconteça? Ela não queria estragar tudo. Jung,se tornara seu melhor amigo,não queria perder sua amizade.

 

 

“Obrigada pelo jantar senhor Jung” Agradeceu tamanha hospitalidade.

 

“Não precisa agradecer,[s/n]. Obrigado por sempre cuidar do meu filho”

 

“Amigos servem para isso,senhor” Sorrira.

 

“Ele gosta muito de você” Retribuiu o sorriso lhe dado.

 

“Go-gosta?” Perguntou.Seu coração começou a bombear mais sangue do que deveria.

 

“Você já faz parte da família,por que não oficializam isso?” Perguntou sugestivo.

 

“O-oficializar?” Seu nervosismo era evidente.

 

“Vocês formariam um belo casal!” Exclamou. “Vocês se dão tão bem,claro que também á aqueles desentendimentos,mas isso é normal.” Mencionou.

 

“E-eu pre-preciso i-ir”

 

“Pense no que lhe disse [s/n] e até mais ver” Comentou por fim.

 

 

  A garota fora para sua casa de taxi. Estava tão nervosa que provavelmente G-Dragon iria querer saber o motivo e ela não estava com a mínima vontade de conversar com alguém neste exato momento. Pensar era o que ela realmente estava precisando.Por as ideia em dia.

 

 

 

Me entregar a esse amor,ou simplesmente fugir como uma pessoa covarde?

 

 


Notas Finais


Como será que a coitada da [s/n] ficará quando descobrir a verdade?
Até a próxima atualização e,dessa vez não irei passar meses sem postar,prometo.
Meu twitter @EuAmoKpop13


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...