História Meu melhor amigo é o meu diário! - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Originais
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Exibições 29
Palavras 652
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura amores!

Capítulo 10 - Não acredito! :(


              Angel on

         Eu começo a soar frio e um medo me invade, e se ela estiver com as chaves reservas? E se meu pai também escutou?

     - O que está acontecendo Samara? - Congelo ao ouvir a voz do meu pai.
     Olho para kookie e ele está paralisado, se eu não fizer algo é capaz de meu pai arrombar a porta pra saber o que se passa aqui dentro.
 
       - Kookie pega suas roupas e se esconde no guarda-roupa! - Sussurro no seu ouvido, e ele pisca várias vezes antes de sair do transe.
      - Não é nada não pai, foi que escorreguei aqui e bati minha perna na cama!- Falo enquanto me visto.
     Abre a porta e Samara disse:
     - Quer que eu pegue gelo?- Dava pra notar a preocupação  na sua voz.
        - Quero sim!- Dito isso meu pai me lança um olhar e saí sem dizer nada.
      * Ufa, ainda bem que ele não desconfiou! *
       - Chegay!- Samara fala e me entrega o gelo, peguei o gelo e começei a passar na minha perna e fiz uma cara de dor, eu confio muito na Samara e poderia dizer a ela que estou namorando, mais se meu pai perguntar ela não vai conseguir mentir por muito tempo, então é melhor ficar calada.
     - Lá no armário tem uma pomada pra dor!- Avisa e sai do quarto.
      Vou correndo trancar a porta, e sinto um alívio.
      - Kookie já pode sair!- Falo e o mesmo sai com uma calcinha em cima da cabeça.
      - Seu safado, entrou dentro da parte em que eu guardo minhas peças íntimas! - Falo e tiro a calcinha de sua cabeça.
       - Eu não sabia!- Fala e ri.
       - Acho melhor você ir, vai que meu pai volta aqui?
      - Então.... xau princesa! - Fala e me dá um beijo demorado.
        Olho ele saindo pela janela que tinha uma escada.
       - Pula! É mais rápido assim! - Falo e ele ri, fecho a janela e vou "conversar" com meu diário.

      * Querido diário. .

        Bom, eu vou te dar um resumo do que aconteceu na casa da minha tia, eu estou namorando, minha tia me obrigou a fazer umas coisas lá, foi basicamente isso.
     O Kookie me inventou de vir fazer uma visita sem eu saber e quase que eu e ele morre por causa disso, acho que se meu pai descobrisse que ele tirou minha inocência, ele arrancaria o pênis dele, e o mataria depois, mas apesar de quase sermos pegos eu gostei da visita dele...
     Uma coisa que não sai da minha cabeça é o que meu pai tava fazendo na casa do pai do Kookie, será que eles tem negócios? *

     Amanhã eu vou aproveitar que meu pai vai pro escritório dele em Seoul e vou procurar o motivo dele não me deixar livre, vou procurar também o que liga ele ao meu sogrinho haha.
.
.
.
.
.
.

      Eu acordei muito cedo, acho que foi a ansiedade, meu pai ainda tava em casa, percebe isso porque estava escutando a sua voz.
 
     - Fique longe da minha filha! - Gritou, parecia que ele estava no telefone, mais.... como assim "fique longe da minha filha"?

      Fiquei deitada e depois desci pra tomar café.

      - Bom dia Sami !!!- Falei e me sentei na mesa.
       - Bom dia neném!!- Ela quando ta triste me chama assim.
      - O que aconteceu ?- Falei me servindo.
      - O meu namorado terminou comigo!
      - Não fica assim! - Falo a abraçando, nunca conhece o namorado da Samara, vocês já sabem o porquê neh? Eu achava que ele era um cara legal...

      Despois que tomei meu café escovei os dentes e fui pro escritório do meu pai.

     Procurei por todos os lugares, e quando já estava desistindo encontrei uma pasta, a surpresa foi Tanto que precisei me sentar.

    Não acredito!
    Como ele não me contou isso?


Notas Finais


Beijocas no nariz😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...