História Meu melhor amigo (imagine Park Jimin) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 365
Palavras 1.972
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiieee
Desculpa os errinhos, hj tem hot eeeeee Kjkjkjk
Ficarei sem net por alguns dias por isso não irei atualizar nenhuma das minhas fics sorry :(

Capítulo 3 - Cala A boca e me beija


Fanfic / Fanfiction Meu melhor amigo (imagine Park Jimin) - Capítulo 3 - Cala A boca e me beija

   Ainda estava a chorar no banheiro, e olhei por baixo da porta da cabine onde eu estava, vi os pés de Jimiin, ele estava me procurando ? Fiquei em silêncio total até ele ir embora, me levantei respirei fundo e abri a portinha indo ao lavatório, me olhei no espelho e vi meu reflexo completamente horrível, com a maquiagem toda borrada, lavei meu rosto deixando toda a maquiagem sair e apenas o batom vinho mate ficar, me suspirei alto me olhando novamente no espelho, eu ainda estava em choque.  Quando vi aquela cena, eu tive certeza que eu gosto do Jimin de outra forma e que isso iria estragar nossa amizade, Jimin não é uma pessoa que se deva namorar, ele não gosta de relacionamentos sério e eu tenho que esquece-ló. Estremeço. Saiu do banheiro com os olhos vermelhos e inchados, certamente todos saberiam que eu havia chorado é inevitável, me posiciono na brecha da porta principal do banheiro e olho procurando Jimin. Ufa, ele não está por perto. Caminhei lentamente por todo local tentando não esbarrar em Jimin e avistei a mesa dos amigos de dele, fui até lá
     - _____  onde estava ? Jimin ta te procurando igual um doido  - falou Hoseok me olhando preocupado e eu me sentei ao lado de Jungkook
     - Não quero vê-ló  - falei suspirando com a voz chorosa
     - Você estava chorando, linda ?  - perguntou Tae preocupado
     - Eu só quero ir embora, alguém me leva por favor ?  - falei baixo encolhendo na cadeira
     - Eu levo você, brasileira  - falou Jungkook e eu estremeci
     - Não me chama assim por favor  - falei lembrando que só Jimin me chamava assim
     - Tudo bem  - falou ele se levantando e estendendo sua mão pra mim  - Vamos ?  - acenti positivamente e peguei sua mão
     - Tchau, vocês são adoráveis  - falei me despedindo
     - Tchau _____ - falou todos juntos, menos Jungkook
   Fui com Jungkook até a saída do local da festa, ficamos em frente ao prédio escutando a música ligeiramente alta do lado de dentro ecoar em meus ouvidos, ele ligou pedindo um táxi e ficamos esperando por longos e silenciosos quinze minutos, adentramos o carro e paramos varias vezes por conta do trânsito parado da cidade, eu encostei minha cabeça na janela pensando em Jimin, em como eu sou idiota por gostar dele e como isso aconteceu repentinamente...
     - Me fala o que aconteceu ? - perguntou Jungkook tirando me de meus devaneios
     - É complicado kook  - falei segurando em sua mão que pousou em meu rosto
     - Eu acho que sou capaz de entender  - falou sorrindo de canto
     - Sabe que eu e Jimin somos melhores amigos a três anos né ? - falei tentando não chorar
     - Eu sei, todos naquela escola sabem, vocês não desgrudam um segundo sequer - falou rindo e logo parou quando viu minha expressão triste  - O que tem ?
     - Eu vi ele "pegando" uma mulher na festa e corri pro banheiro, eu comecei a chorar.... eu..... eu.....eu gosto dele de outra forma  - falo com dificuldade e desabo em seus braços
     - O Jimin é bom e legal, mas não presta com mulheres, ele não te merece _____, ele sempre faz garotas sofrerem  - falou me abraçando apertado
     - Eu sei, mas eu realmente gosto dele  - falei e Jungkook limpou uma lágrima em meu rosto

*QUEBRA DE TEMPO*

   Cheguei e fui direto pro banheiro, tomei um banho demorado e chorei tudo o que tinha pra chorar, logo não poderia mais distinguir o que é lágrimas ou o que é a água que caia do chuveiro, sai do banho e fui até meu closet vestindo um blusão branco sem nada por baixo e deitei apagando logo em seguida
   Acordo assustada com barulhos do andar de baixo, deduzo ser um ladrão então fui até meu banheiro peguei meu rodo e desci as escadas trêmula e devagar, quando faltava apenas cinco degraus para chegar na sala eu pulo de susto deixando o rodo cair e segurando as barras de apoio da escada
     - Porra Jimin, que susto  - gritei vendo Jimin camlabear
     - E...eu que...que..quero dormir  - falou ele se aproximando de mim quase caindo
     - Jimin você ta bêbado ? - perguntei rodeando seu braço em meu pescoço pra ajuda-ló subir as escadas
     - E....eu to com so...sono  - falou e chegamos em meu quarto com muita dificuldade
     - Olha seu estado  - respirei fundo empurrando ele até o banheiro  - Você precisa de um banho
     - N....ão..... ba....banho não _____
     - Idiota
   Levei ele com muita dificuldade para baixo do chuveiro com roupa e tudo, ligando o mesmo no frio vendo Jimin resmungar palavras sem sentido algum, me molhei toda por que ele não parar de se debater na água. Terminei indo até o quarto de meu pai, peguei roupas e levei até o banheiro entregando o moletom preto a ele, já consciente e não mais bêbado, fui até meu closet e vesti um short de pijama e um blusão da cor vermelha, quando eu volto Jimin está deitado em minha cama. Ruboriso
     - Ah... pera ....não......a deixa  - sussurrei a mim mesma
   Desci até a cozinha pegando um copo d'água e um remédio pra ressaca que ele vai ter, voltei pro quarto e acordei Jimin
     - Toma isso aqui  - entreguei o copo e o remédio, ele se sentou bebendo o líquido engolindo o comprimido e colocou o copo vazio no criado mudo
   Quando virei-me pra frente afim de ir dormi no quarto de meu pai já que minha cama está ocupada, sinto alguém puxando-me pelo pulso me fazendo cair sobre seu corpo, Jimin me ajeitou, me sentando em seu colo e me olhou no fundo dos olhos, por um momento eu paralisei, por um momento me perdi em um seus olhos escuros e lindos
     - Temos que conversar  - falou lúcido e sério
     - Não temos nada pra falar Jimin  - falei tentando me desprender de seu colo, mas ele apertava fortemente minha cintura me fazendo senti seu membro e podia jurar que estava ereto ?
     - Ah mais eu tenho  - falou em um tom de desespero, forçando-me roçar nossas intimidades
     - Jimin eu ..... - não terminei de falar fui interrompida pela pessoa que está sentada e eu estou em seu colo presa por suas mãos cravadas em minha cintura
     - Cala a boca e me beija
   Acabou de falar e me puxou brutalmente para um beijo selvagem, ele colou meus lábios nos seus e senti o gosto que tanto queria sentir, ele enfiou sua língua quente e úmida em minha boca percorrendo toda extensão da minha boca, nossas línguas se encontraram e fizeram uma dança incrivelmente erótica, senti seu membro pulsar contra minha intimidade já molhada me deixando louca
     - Ji...Jiminieee, eu sou virgem  - falei timidamente e ele trocou nossa posição ficando por cima
     - Eu sei  - falou em um tom baixo e sexy  - Você não tem ideia do que eu passei querendo te foder e não podia  - falou me deixando ainda mais excitada
   Ele tirou a blusa que vestia e sua calça, ficando só de box preta, sua ereção era incrivelmente grande e me deixou com água na boca
     - Sabe o quanto ele te quer ? - perguntou pegando em seu membro me olhando mordendo o lábio inferior, eu acenti negativamente  - Tira a roupa pra mim vai _____  - falou com a voz rouca
   Eu retirei minha camisa e o short de pijama ficando só de calcinha rosa, Jimin pareceu entender meu recado e se aproximou me empurrando pra deitar novamente, ele abriu minhas pernas e beijou meu pé seguindo seus beijos por toda minha perna, parou entre minhas pernas bem abertas e abaixou até minha barriga beijando a mesma e desceu até minha intimidade respirando fundo perto a ela
     - Você cheira bem  - falou com os olhos fechados
   Jimin retirou lentamente a calcinha de meu corpo a jogando longe, e começou a encara-lá descaradamente. Roboriso
     - Para de me olhar Jimin, ta me deixando sem graça  - falei quase que em um sussurro
     - Me deixa admira-lá, é tão linda, rosinha  - falou e eu fechei os olhos de vergonha
   Jimin lambeu toda extensão de minha intimidade me fazendo agarrar com força o lençol branco da minha cama, arregalo os olhos e Jimin ri da minha situação, ele começa a enfiar sua língua em mim e com os dedos me estimulava, eu arquiei as costas deixando meus seios ainda mais grandes, Jimin parou e olhou pra eles
     - Você tem belos peitos  - falou molhando os lábios com a língua
   Ele voltou a dar atenção a minha intimidade e a chupou deliciosamente, sugando com força meu clitóris me fazendo atingi o primeiro orgasmo gozei em sua boca e ele lambeu tudo, não deixando nada para trás. Aquilo foi tão bom, foi novo pra mim, mas foi verdadeiramente único. Ele foi até minha boca a beijando ferozmente, consegui senhor meu gosto e isso parecia lhe agradar
     - Viu o quanto você é docinha ?  - falou colando nossas testas
     - Eu quero mais Jimin  - falei manhosa
     - Quer o que _____ ? - perguntou provocativo
     - Quero você dentro de m ....AWNNNNAN  - ele não deixou eu terminar e penetrou com força me fazendo gemer de dor e prazer
     - Caralho, que apertada  - falou gemendo alto  - Vou ficar parado até você se acostumar comigo tá meu amor ? - falou com dificuldade
          "Ele me chamou de amor ? O meu Deus" - meu subconsciente se alegra
     - Uhum  - falei
   Depois de algum tempo, percebi a feição de Jimin, ele estava fazendo de tudo pra ficar parado, sentia seu membro pulsar na minha intimidade e então rebolei de leve e ele entendeu o recado, Jimin começou a estocar devagar vendo minha expressão
     - Ta doendo ? Se quiser eu paro tá  - falou com um tom preocupado e sexy
     - Va....vai mais rápido Jiminieeeeeee...awnnn  - falei e ele começou a estocar com mais força
   Ele entrelaçou nossas mãos e entrava e saía de mim rapidamente e cada vez mais eu gemia, meus gemidos eram cada vez mais altos e ele não se conteve gemendo meu nome, o som do quarto era totalmente erótico, havia apenas a cama rangendo nossos gemidos e o barulho dos nossos corpos se chocando. Jimin segurou na cabeceira da minha cama e enfiou em mim fundo e rápido, o som da cama rangendo era cada vez mais evidente e não nos importamos, depois de mais umas estocadas gozamos juntos, ele saiu de dentro de mim e sentou na cama ão meu lado me puxando para seu colo
     - Is....isso foi in....incrível, foi demais, foi bom pra você ?  - falou ofegando
     - Foi muito bom
     - Eu te amo brasileira  - falou ele sorrindo
     - Eu te amo ChimChim  - falo e ele me puxa pra mais um beijo
   Dessa vez o beijo era calmo e apaixonante, mas do mesmo jeito excitante, ele desceu suas mãos até minha bunda me fazendo empinar e apertou a mesma, segurou fortemente minha cintura e foi até minha intimidade com a outra mão
      - Já ta molhadinha, isso tudo é pro seu Daddy ? - falou sorrindo malicioso
      - Já ta duro de novo Jiminzinho ? - falei manhosa e puxei seu lábio inferior
     - To louco pra foder sua bocetinha novamente  - falou e eu fiquei vermelha, Jimin apertou meu seio com vontade me fazendo gemer  - Eu amo seus peitos  - falou e eu levantei um pouco me ajeitando em seu membro até que a companhia toca  - DROGA  - Jimin gritou com a expressão de frustração
     - Quem será ? -perguntei e sai de cima dele rapidamente. Estremeço.


Notas Finais


O que acharam ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...