Hist√≥ria Meu menino malūüíú - Cap√≠tulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kabuto, Kakashi Hatake, Karin, Kizashi Haruno, Konan, Mebuki Haruno, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Toneri Otsutsuki, Tsunade Senju
Tags Gaaino, Naruhina, Sasusaku
Exibi√ß√Ķes 249
Palavras 2.518
Terminada N√£o
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Me perdoem pela demora eu estava sem internet,e o sinal daqui aonde eu moro é péssimo e provavelmente eu vou demorar pra postar os outros capítulos.

Boa leitura💜

Capítulo 15 - Capítulo 15


No capítulo anterior:

-Sim era eu,você continua linda.-Ele disse sorrindo.

-Ah obrigada, você também.-Eu disse sorrindo e nós chegamos na entrada da escola e fomos pro pátio.

-Sakura,você vai embora e quando eu te vejo um dia depois,já está com outro?-Era a voz do Sasuke,eu e o Toneri nos viramos e ele me olhou furioso.

-Princesa quem é ele?-O Toneri perguntou.

-Princesa? É hoje que você morre.-O Sasuke disse se aproximando mais da gente.

Agora podem chamar a Ludmila porque é hoje.

Pov Sakura:

-Sasuke pare,ele é só meu amigo.-Eu disse entrando na frente do Toneri.

-Um amigo que te chama de princesa?-Ele disse nervoso.

É,parando pra pensar agora,ele tem razão de estar bravo.

-Sasuke calma deixa eu te explicar.-Eu disse segurando as mãos dele.

-Então explica.-Ele disse nervoso, e eu notei que tinham várias pessoas olhando pra gente.

-Vamos no jardim e eu te explico.-Eu disse puxando ele pela mão.

Nós fomos até o jardim,e eu ouvi o sinal tocar,mas nem liguei,precisava falar com ele.
A gente se sentou na grama e ele me olhou nervoso.

-E então?-Ele disse me encarando.

-Ele é o meu amigo.-Eu disse simplesmente.

-Você me disse a mesma coisa sobre o Sasori.-Ele disse cruzando os braços.

-Eu sei,mas ele é diferente.-Eu disse vendo ele me olhar ainda nervoso.

-Sakura,porque você me deixou sozinho na festa.-Ele disse me fazendo lembrar de sábado.

-É que...-Eu não sabia oque dizer.

-É que?se quer saber eu e o Sasori brigamos.-Ele disse simplesmente.

-Eu sei,Ino me disse.-Eu falei.

-Aonde você dormiu?-Ele disse e eu gelei.

-Olha,eu não vou mentir pra você...-Eu disse vendo ele soltar um suspiro.

-Então fala a verdade.-Ele disse.

-Eu...estavanacasadonaruto.-Eu disse correndo sem ao menos entender oque eu falei.

-Oque?fala devagar.-Ele disse mais nervoso ainda.

-Na casa do Naruto.-Eu falei devagar dessa vez.

-Oque?!vocês dormiram juntos?-Ele disse alterando o tom de voz.

-Não,ele na cama dele,e eu no colchão.-Eu disse vendo ele suspirar.

-No mesmo quarto?-Ele disse nervoso.

-É óbvio Sasuke.-Eu disse vendo ele ficar nervoso.

-Aconteceu alguma coisa?-Ele disse agora ele parecia estar nervoso de outro jeito.

-Não Sasuke,eu apenas dormi e só.-Eu disse vendo ele suspirar aliviado.

-Acho bom.-Ele disse me puxando pela cintura pra perto dele.

-S-Sasuke, a-aqui não.-Eu disse sentindo ele beijar o meu pescoço.

-Aonde então?-Ele disse dando um sorriso malicioso.

-Em lugar nenhum.-Eu disse tentando me soltar dele,mas sem sucesso nenhum.

-Você foi uma menina má agora vai pagar por isso.-Ele sussurrou com a voz rouca no meu ouvido.

-A-agora não...-Eu disse tentando me soltar novamente mas não consegui.

-Mais tarde então?-Ele perguntou sorrindo.

-Vamos pra sala garoto.-Eu disse conseguindo finalmente me soltar dele.

-Não fica,já perdemos quase toda a aula mesmo.-Ele disse e eu me levantei.

-Sasuke não são nem sete e meia ainda.-Eu disse sentindo ele puxar o meu braço.

-Por favor.-Ele disse com a voz manhosa e uma cara muito fofa.

-Só porque você é fofo.-Eu me sentei ao lado dele.

-Fofo?-Ele resmungou.

-Sim,muito fofinho.-Eu senti vontade de apertar as bochechas dele,e foi isso oque eu fiz.

-Porque ele te chama de princesa?-Sasuke disse se referindo ao Toneri.

-Porque ele é o meu príncipe.-Eu disse vendo ele me olhar de uma maneira furiosa.

-Como assim Sakura ta maluca?!-Ele perguntou bravo e eu sorri.

-No jogo.-Eu respondi sorrindo.

-Que jogo?-Ele disse agora parecia estar curioso.

-Em um jogo em que eu Ino,Sasori,Naruto e mais algumas pessoas junto ao Toneri jogavam.-Eu respondo vendo ele me olhar.

-Então o nome dele é Toneri?-Sasuke disse e eu fiz sinal positivo com a cabeça.

-Ele sempre me chamou assim,igual ao o Sasori que sempre me chama de flor.-Eu disse vendo ele revirar os olhos.

-Não gosto quando ele te chama assim.-Sasuke disse e eu dei ombros.

-Pare com esse ciúme Sasuke.-Eu disse vendo ele suspirar.

-Vai na minha casa?-Ele perguntou mudando o assunto,mas eu nem liguei.

-Sim eu vou.-Eu respondi,mas eu ainda queria saber o porque dos pais do Sasuke o tratarem assim,mas se eu perguntasse nós íamos brigar de novo,então eu deixei pra lá.

A gente se escondeu na biblioteca que por sorte estava vazia,ficamos a primeira aula inteira lá, quando tocou o sinal da segunda aula,nós fomos discretamente para a nossa sala.
Eu não vi o Toneri,ele provavelmente é da outra sala,assim que entrei a Ino olhou pra mim com cara de "Vai me contar tudo depois".

Na hora do intervalo eu encontrei o Toneri no pátio,o Sasuke estava com o braço envolta da minha cintura.

-Princesa, eu peço desculpas se fiz algo de ruim pra você e o seu namorado.-O Toneri disse quando estava bem próximo da gente.

-Tudo bem Toni, você não fez nada.-Eu disse vendo ele abrir um sorriso.

-Em qual sala você está?-Eu perguntei vendo o Sasuke fuzilar o Toneri com o olhar.

-Na sala do Naruto, mas eu queria ficar na sua sala.-Ele disse e eu sorri.

-Eu também Toni.-O Sasuke suspirou nervoso.

-Vamos Sakura?-Ele disse nervoso.

-Vamos,quer ir com a gente Toni?Eu te apresento o namorado da Ino.-O Sasuke parecia não ter gostado da ideia.

-Se eu não for incomodar.-Ele disse eu sorri.

-Não vai,vamos?-Eu pedi e ele fez sinal positivo com a cabeça,e nós fomos até a Ino e o resto do pessoal.

Eu apresentei o Toneri pra todo mundo,e o pessoal parecia ter gostado dele,o Sasuke não pronunciou uma palavra,apenas ficava me encarando o tempo todo.
As aulas passaram rápido, e na hora da saída,Sasuke me levou pra casa dele,ele disse que agora sua estava trabalhando no que ela sempre quis e seu pai sempre trabalhava o dia todo mesmo,resumindo a casa era "nossa".

-Agora,você vai me pagar.-Ouvi a voz rouca do Sasuke atrás de mim assim que entramos na casa dele.

-Pagar oque?-Eu me fiz de inocente e senti as mãos dele na minha cintura.

-Vai pagar,por ser uma menina má.-Ele disse e eu sorri.

-Sou uma menina agora?-Eu perguntei ainda sorrindo.

-Minha menina.-Ele disse beijando o meu pescoço.

-Vai me bater?-Eu perguntei sentindo ele morder meu pescoço.

-Vou,está muito malcriada pro meu gosto.-Ele disse me dando um tapa nas nádegas.

-Virou meu pai?-Eu disse em um sussurro gemendo.

-Sim,agora seja obediente.-Ele sussurrou.

-Não me bate "papai".-Eu disse saindo de perto dele.

-Seja obediente então.-Ele disse me encarando.

-Vou ser,"papai" eu prometo.-Eu entrei no jogo dele.

-Hum,você está suja.-Ele disse e eu arregalei os olhos.

-Suja?!-Eu disse incrédula.

-Sim suja,vem vou ter que te dar um banho.-Ele disse e eu sorri,agora entendi aonde ele quer chegar.

-Não quero tomar banho "papai".-Eu disse sorrindo.

-Vai ficar suja então?-Ele disse sorrindo.

-V-vou,eu n-não gosto de tomar banho.-Droga eu disse gaguejando.

-Nem se eu for junto?-Ele disse com um sorriso malicioso nos lábios.

Ele finalmente conseguiu me dar um banho,com direito a mão boba e tudo.Eu disse que estava com fome,e nós fomos almoçar, eu fiquei um tempo com ele e depois eu fui pra casa encontrar meus pais,que já haviam chegado.

-Sakura filha aonde você estava?-Minha mãe disse me olhando.

-Eu estava na casa do S-Sasuke...-Senti o olhar do meu pai sobre mim.

-Com quem?-A voz do meu pai saiu fria.

-Com o meu n-namorado...-Eu disse gaguejando.

-E quem te deu permissão pra namorar?-Meu pai disse nervoso.

-P-pai e-eu já tenho idade suficiente pra namorar.-Eu disse vendo ele ficar nervoso.

-Sem a minha permissão?-Ele disse me encarando,minha mãe olhava tudo em silêncio.

-N-não e-eu ia pedir a sua permissão.-Eu disse olhando pro meu pai.

-Quando?-Meu pai estava com uma expressão nervosa, uma expressão que eu nunca tinha visto.

-Quando vocês voltassem da viagem.-Eu disse firme dessa vez.

-Traga ele aqui no sábado.-Meu pai disse e eu sorri.

-Jura?-Eu perguntei vendo meu pai suspirar.

-As sete,e sem atrasos.-Meu pai disse subindo as escadas e eu olhei pra minha mãe que sorria.

Eu fui pro meu quarto e no dia seguinte eu desci pro portão da minha casa rumo a escola,e vi Sasuke e Toneri brigando.

-Oque está acontecendo aqui?-Eu disse com a voz irritada,e chamei a atenção deles pra mim.

-Esse mané veio te levar.-Sasuke disse  nervoso.

-E daí?-Eu perguntei vendo ele bufar.

-Eu sou seu NAMORADO eu devia levar você.-Sasuke disse dando ênfase no namorado.

-E eu sou o melhor amigo dela.-Toneri se pronunciou.

-Sakura.-Sasuke me olhou e eu congelei.

-Sasuke,podemos ir nós três.-Eu disse e o Toneri sorriu.

-Também acho,aliás eu e Sakura somos apenas amigos.-Toneri disse e eu sorri.

-Vem Sakura.-O Sasuke me puxou pela mão indo na frente comigo.

-Meu pais querem te conhecer.-Eu disse e me lembrei que eles já conheciam o Sasuke.

-Mas eles já me conhecem.-Sasuke disse e eu revirei os olhos.

-Conhecer como namorado.-Eu disse e ele olhou surpreso.

-Que dia?-Ele perguntou e eu sorri.

-Sábado,as sete.-Eu disse e ele suspirou.

-Tudo bem.-Ele disse por fim quando chegamos na escola.

Nós ficamos um tempo no pátio com o pessoal,e todos conversavam animadamente com o Toneri.

Quando fomos na sala a professora Kurenai de história disse que nossa sala faria uma peça, e todos fariam,e ela iria sortear os papeis.
A peça iria ser "Romeu e Julieta".
Eu nem ouvi ela dizendo os papeis de cada um,mas meu coração parou quando ouvi o meu nome e o do Sasuke.

-Sasuke, será o narrador.-A professora disse e eu ouvi ele bufar.

-Sakura,será a nossa Julieta.-Ela disse eu abri um enorme sorriso,sempre quis ser a principal.

-E Sasori,será o Romeu.-Meu sorriso morreu ao ouvir isso.

-Oque?! Eles não iram de beijar não é?-Sasuke gritou furioso e a professora sorriu.

-É apenas uma peça, não será real.-Ela disse e ele resmungou.

-Eu não vejo problema.-Sasori disse e o Sasuke se levantou fazendo todos o olharam.

-Você quer morrer cara?-A voz dele saiu irritada.

-Sasuke se sente por favor,e Sasori pare de provocar.-A voz da professora saiu calma,e o Sasuke se sentou ainda encarando o Sasori.

Depois nós fomos ensaiar no palco da escola,e a professora decidiu que não teria beijo algum.

-Bom,se o Sasuke tiver mais um ataque de ciúmes ele vai estragar tudo.-A professora disse.

-Apenas cuido do que é meu.-Sasuke se defendeu.

-Não terá beijo, vamos terminar com eles morrendo e pronto.-A professora disse,o plano seria que quando Sasori me visse morta,ele me beijaria e se matasse depois,e eu quando o visse morto também beijaria ele e me mataria como na história.
Mas graças a Sasuke a gente mudaria tudo.
A apresentação seria na sexta que vem,e nossos pais veriam.
Eu senti vergonha de saber que TODOS os pais iriam ver.

A semana passou rápido, e o sábado finalmente chegou,eram seis hora e meia tarde,e eu já estava pronta.
Eu vestia um vestido azul colado em cima,e solto em baixo, ele ia até acima do joelhos e tinha umas flores roxas.
Meu cabelo curto estava solto e eu estava apenas com um gloss rosa bem claro.
Uma sapatilha roxa que combinava com as flores do meu vestido.
Eu realmente estava linda.

Eu desci as escadas e vi a mesa já pronta e meus pais já estavam arrumados e estavam assistindo televisão.
Olhei no relógio do meu celular eram seis e cinqüenta e oito.
Eu ouvi alguém bater na porta e sorri.

-Eu atendo.-Eu disse indo em direção a porta.

Quando abri a porta,eu vi um moreno lindo,ele estava de blusa polo branca e uma bermuda jeans e um all star preto e branco,com seus cabelos rebeldes tipicamente pra cima.

-Está lindo.-Eu disse o olhando.

-Você também.-Ele falou e eu sorri.

-Está nervoso?-Eu perguntei.

-Sim,me ajuda se eu falar alguma merda.-Ele disse.

-Eu te ajudo.-Eu falei sorrindo.

Assim que a minha mãe viu Sasuke ela deu um sorriso enorme.
Já o meu pai,apenas o olhava com um olhar assassino.
Que os céus me ajudem.

-Boa noite.-Sasuke disse firme em comprimento aos meus pais.

-Boa noite Sasuke.-Minha mãe disse com um sorriso simpático.

Meu pai apenas o encarava sem dizer nada.

-Vamos jantar.-Meu pai disse indo em direção a mesa.

Assim que todos se sentaram,eu ao lado de Sasuke e meu pai se frente pra nós ao lado de minha mãe, meu pai olhava pra nós com uma expressão tão seria que me deixava assutada.

-Sasuke Uchiha, eu sei de sua história.-Meu pai disse encarando ele.

História?que história?

-Senhor Haruno eu...-Sasuke foi interrompido pelo meu pai.

-Eu passei por isso.-Meu pai disse e eu estava mais perdida que que um cego em tiroteio.
Minha mãe sorria sem dizer palavra alguma.

-O senhor também?-Sasuke o encarava.

-Sim,mas graças a ela eu sai dessa vida.-Ele segurou as mãos de minha mãe.

-E eu espero que você não tenha mais nada com isso.-A voz do meu pai saiu séria.

-Eu não faço mais esse tipo de coisa,não se preocupe.-Sasuke disse fazendo minha mãe sorrir mais ainda.

O resto do jantar foi o meu pai perguntando se o Sasuke tinha emprego e oque ele me ofereceria,e essa coisa toda.
Eu estava prestes a explodir de tanta curiosidade.
O Sasuke disse que ia embora e eu o segui até  o portão.

-Do que você e o meu pai estavam falando?-Eu perguntei.

-Sobre uma coisa que aconteceu comigo.-Ele disse e eu soltei um suspiro.

-Sasuke,chega pra que tanto mistério?-Eu disse nervosa.

-Eu não gosto de falar sobre isso.-Ele disse simplesmente e me deu um beijo nos lábios e saiu me deixando sozinha.

Sasuke iria me matar desse jeito.

A semana passou rápida e quando notei já era sexta-feira dia da peça.
Eu não beijaria o Sasori porque Sasuke e Kurenai acharam melhor assim.
E eu também.
Meus pais não iriam eles disseram que tinham que resolver uma coisa na empresa.
Eu não culpo eles,sempre me deram atenção e tudo oque eu queria,eu não podia reclamar.
O palco estava lindo, tudo estava lindo.
Com luzes e cortinas vermelhas pra quando a peça acabasse.
Meu vestido era da época da história e era horroroso.
Mas foi a Ino que fez o figurino e se eu reclama se ela me daria um tapa.
O narrador seria o Sasuke a cena iria ocorrer e ele ficaria no canto narrando.
Tudo passou tão rápido que já estávamos na cena final.
Eu estava desmaiada e Sasori se mataria.
Eu senti um corpo sobre mim,não pode ser.
Eu senti meus lábios serem tocados por outros lábios e eu apenas correspondia.
Depois de um tempo eu vi o Sasori "morto" no chão.
Droga eu havia beijado ele?
Eu apenas continuei a cena e finalizei a peça.
Depois eu voltei pros bastidores,e vi Sasuke furioso me olhando.

-Sakura oque foi aquilo?-Ele disse nervoso,nós estávamos afastados de todo mundo.

-Um beijo.-Eu disse simplesmente.

Essa semana inteira ele ficou me evitando falar sobre aquilo de sábado na minha casa.
E eu apenas devolvi.

-Sakura,chega eu preciso de um tempo.-Eu ouvi ele falar.

-Sasuke,quando você fica cheio de mistério pra cima de mim eu não fico pedindo um tempo.-Eu disse vendo ele me olhar.

-Mas eu já beijei alguém?-Ele disse nervoso.

-Sasuke eu sinto que todos sabem tudo sobre você menos eu.-Eu disse em defesa.

-Me responda Sakura.-Ele mudou de assunto.

-Não mude de assunto.-Ele apenas bufou.

-Sakura tem coisas que você não precisa saber sobre mim.-Ele disse e eu resperei fundo.

-Chega Sasuke acabou.-Eu disse cansada.

-Vai terminar tudo por isso?-Ele disse e eu assenti.

-Sim Sasuke chega.-Eu falei por fim.

É agora tudo acabou.
   


Notas Finais


Qualquer erro me perdoem eu escrevi correndo porque é apenas hoje que eu estou com WiFi porque estou na casa do meu primo.

Até o próximo?💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usu√°rios deixam de postar por falta de coment√°rios, estimule o trabalho deles, deixando um coment√°rio.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...