História Meu nerd - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel
Tags Erza, Escarlet, Escola, Faculdade, Fairy, Gajeel, Gray, Gruvia, Hentai, Jelal, Jerza, Juvia, Levy, Lucy, Nalu, Natsu, Nerd, Sexo, Tail, Xamego
Exibições 239
Palavras 1.100
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Esporte, Fantasia, Festa, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


espero que gostem

Capítulo 8 - Amor


Fanfic / Fanfiction Meu nerd - Capítulo 8 - Amor

Lucy continuava chupando o pescoço de Natsu enquanto ele continuava apenas sentindo o que ela fazia com ele. Ela pegou a mão dela e levou até seu peito.

- pode pegar - disse ela sussurrando no ouvido de Natsu - eu sei que você quer pegar.

Natsu por instinto apertou o peito de Lucy carinhosamente.

- isso... - disse ela - continua.

Ela voltou a beijar a boca de Natsu enquanto pegava sua outra mão e colocava em seu outro peito livre. Ele era muito carinhoso, e um pouco atrapalhado por não saber o que estava fazendo direito. Enquanto o beijava passou a mão pela intimidade de Natsu que já fazia volume. 

Grande 

Muito grande

pensou ela. 

Ele continuava apertando os peitos dela e ela estava adorando, só que precisava de mais. A loira levou Natsu até o quarto e o jogou na cama, tirou a blusa e avançou novamente para cima do rosado. Esse que estava em choque ainda por não acreditar no que estava acontecendo. Ela tirou a blusa do mesmo, e se surpreendeu pelo físico que estava começando a se formar. Ela ficou encarando o peito do garoto enquanto ele cada vez mais ficava sem graça. 

- ta gostoso ein... - disse ela brincando.

- e-e-ei pa-para com... - mas foi interrompido por um beijo.

Ela novamente pegou a mão de Natsu só que agora as levou até sua bunda. 

- me sente também - disse ela 

Ele começou a apertar , e ela a gemer no ouvido dele. ela se levantou e levou a boca até a abertura do calção. Começou a lamber a parte de cima do fecho, subiu um pouco mais até a borda do calção e o puxou mordendo a mesma. retirou bem devagar ficando um pouco mais na parte em que a protuberância do rosado se fazia presente, sentindo o cheiro e revirando os olhos, quase sentindo o sabor com perfeição do que estava prestes a provar.  Terminando de tirar a bermuda ela levantou e também tirou seu short, ficando apenas de sutiã e calcinha na frente do rosado. 

Isso o deixava louco. Sentia tanta vontade de prova-la, mas não fazia ideia como. O que restava à ele era esperar Lucy controla-lo. 

Lucy sentou em cima de sua intimidade voltando seu busto para Natsu. Suas intimidades se encostavam e ela roçava devagar a dela na dele o provocando. Enquanto ela fazia o movimento ela retirava o fecho do sutiã. quando ela o tirou. Viu os olhos do garoto brilharem. Ela enfim se debruçou sobre seu rosto levando um de seus seios até a boca do rosado. 

- chupa - ordenou.

e ele obedeceu com carinho beijou o bico do mamilo da loira a fazendo gemer. ele imediatamente parou o que estava fazendo.

- te machuquei ? - disse ele preocupado

ela deu uma gargalhada

- Não - disse ela - eu adorei, continua.

ele voltou a beijar e com o tempo a chupar. Ele estava adorando aquilo. 

- aqui o outro também - disse trocando o seio esquerdo pelo direto.

ele o chupou também sempre com carinho, e cuidado. Mas ela queria mais.

- mais forte Natsu - novamente com voz autoritária .

ele assim ele o fez, e com o tempo chupava cada vez mais forte fazendo com que a loira instintivamente levasse a própria mão até a intimidade dela, e começasse a se masturbar. Ela gemia cada vez mais alto enquanto recebia as caricias de Natsu, e também, enquanto passava a mão sobre a calcinha. 

- agora eu quero te provar.

Ele não entendeu muito bem, mas viu que ela se direcionava para a parte de baixo do seu corpo. ela rapidamente retirou a cueca de Natsu e o Pênis saltou para fora. Era grande e muito grande. os olhos da loira brilharam enquanto ela o admirava. Rapidamente ela levou a boca até a cabeça e começou a chupar. Ela ia até a metade e voltava, e enfim resolveu coloca-lo todo na boca. Com dificuldade ia colocando todo o tronco e enfim conseguiu chegar na base com sua garganta quase toda preenchida.

Natsu soltou um gemido alto. 

Ela não aguentava mais , retirou sua calcinha e sentou em cima do rosto de Natsu. 

- Vai - dizia ela ofegante - me chupa 

ele começou a chupar enquanto ela abria a vagina para ele. 

- isso Natsu - falava com a língua para fora - assim mesmo. 

Ela estava arfando completamente louca. Os olhos se reviram a cada lambida. Então começou a mexer a mexer o quadril fazendo com que a intimidade roçasse na boca do rosado que tentava desesperadamente alcança-la com a boca tentando cumprir a missão que ele foi dada. Ela não aguentava mais queria senti-lo dentro. Colocou a ponta do pênis de Natsu na abertura de sua intimidade e enfiou tudo de uma vez. Ela soltou um gemido alto de tanto prazer e quase teve um orgasmo só com a entrada. ela olhou para Natsu e ele com os olhos vidrados nos peitos dela.

- Isso vai ser muito gostoso - ela disse.

começou a cavalgar, sentia-se no paraíso assim como Natsu. A cada rebolada ela sentia uma nova sensação. 

Agora ela queria sentir a força de Natsu. saiu da posição e fez Natsu se levantar. Ficou de quatro na frente dele.

 - Me fode Natsu - ela ordenou.

Ele se assustou, não sabia o que fazer, mais foi na coragem e a penetrou devagar.

- vamos Natsu isso é o melhor que consegue fazer? - perguntou a loira.

Ele não sabe o que deu naquela hora, mas foi preenchido por um sentimento de raiva. Ele parecia possuído e resolveu seguir seus instintos primitivos. Agarrou  a cintura de Lucy e começou as estocadas cada vez mais fortes. A loira gemia alto, e a cada movimento sua pernas ficavam mais bambas. Ele percebendo isso segurou com mais força para evitar que ela caísse e continuo com as estocadas. Cada vez mais rápidas. A loira sentiu o primeiro orgasmo. Suas pernas estremeceram e seus olhos se reviraram. ela havia gozado , mas ele continuava os movimentos cada vez mais rápidos. O segundo orgamo, e com o tempo o terceiro. 

- Lucy eu vou... 

- vem, me da na boca - disse ela deitando sem força na cama, ele então ajoelhou próximo da boca dela e ela o colocou na boca. logo veio o gozo, preenchendo toda a boca da loira. Ela olhou para ele e engoliu tudo.

Logo depois ele deitou ao lado dela sem acreditar no que havia feito.

- eu te amo - disseram os dois em uníssono.


Notas Finais


espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...