História Meu nome é Sakura. - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~myoca-chan

Postado
Categorias Naruto
Personagens Asuma Sarutobi, Hinata Hyuuga, Hiruzen Sarutobi, Ino Yamanaka, Iruka Umino, Itachi Uchiha, Kaguya Ootsutsuki, Kakashi Hatake, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Konohamaru, Kurenai Yuuhi, Maito Gai, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Orochimaru, Pain, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju, Zetsu
Tags Família, Naruhina, Naruto, Nejiten, Saino, Sasusaku, Shikatema
Exibições 172
Palavras 705
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Boa noites bom mas um capítulo pra você
Boa leitura.

Capítulo 2 - Capitulo 1


Hatake Kakashi estava na ronda noturna. Era a sua primeira semana como ANBU. Ele estava numa das inúmeras árvores que circundam Konoha, vigiando. Foi quando, lá do alto de um galho e escondido pela folhagem e pela noite, ele viu uma pessoa suspeita caminhando com uma cesta.

'O que é isso?', pensou. Imediatamente ele apertou um botão do lado do pescoço, ativando o rádio.

-Gato falando. – diz sussurrando.

'Pássaro na linha. O que foi?'

-Pessoa suspeita andando nos arredores do portão. Localização B34 A72.

'Estou à caminho. Pássaro desligando.'

'Hum...', pensa Kakashi antes de sair do galho e ir parar numa das árvores atrás da pessoa encapuzada. Ele dá um passo para frente. Um galho que estava no chão se parte.

'Droga.'

Nisso a pessoa encapuzada sai em disparada. Kakashi percebe que ela deixou a cesta para trás. Ele vai até ela e começa a procurar. Ele ergue uma carta. Nesse momento outro ANBU aparece. Ele tem uma máscara de pássaro.

-Demorou pássaro. – diz Kakashi antes de guardar a carta como uma evidência no seu bolso de trás.

-Onde ela está?

Kakashi aponta para frente.

-Ela saiu em disparada por aqui.

Ambos assentem e saem em correndo.

'O que será que ela está fazendo no meio da noite numa floresta e sozinha?', pensa Kakashi.

Minutos depois, o famoso ninja copiador estaria carregando nos braços um bebê. As pernas do ANBU o guiaram para o único lugar que ele pensou: A Torre do Hokage.

Kakashi bateu levemente na porta do escritório do Hokage. Seus braços seguram firmemente a criança.

-Entre. - diz uma voz lá de dentro. Kakashi abre a porta, revelando um Sandaime com pouca papelada para fazer. Os olhos do Hokage ficam pasmos ao ver o que Kakashi está segurando.

-Kakashi...! - pausa. - ...Não me diga que você é pai dessa criança! Você É só um adolescente!

O ninja copiador ri nervosamente.

-Não Hokage-sama.

E começa a explicar o motivo da criança estar ali. O Sandaime na metade de conversa puxou o seu cachimbo para começar a fumar. Mas se lembrou da criança e largou o cachimbo pela mesa.

-Então... - ao puxar a barba branca. -... Essa menina foi abandonada pela mãe. Como você ainda achou suspeita a ação da mãe, só deixou a criança passar... hum... você fez bem Kakashi. Se ele iria deixar a criança, não tinha motivos para que uma estranha achasse o caminho para Konoha. Afinal ela é uma aldeia escondida.

-Obrigado Hokage-sama. - diz o homem com uma pequena reverência.

O Sandaime ergue a mão.

-Não precisa. - pausa. - Mas, onde vamos deixar essa criança? Orfanato?

Kakashi estremece ao ouvir a palavra 'orfanato'. O Sandaime ri.

-Vejo que não gostou da ideia dela ir para o orfanato.

Kakahi olha para a menina.

-Ela nem ao menos tem nome, Hokage-sama. - pausa. - Tão jovem e mesmo tendo pais, está sozinha.

O Sandaime fecha os olhos, pensativo.

-Eu também não entendo como as coisas chegam ao ponto que chegam para essas crianças abandonadas. - pausa. - Mas não podemos ajudar a todas. O único lugar seria o orfanato.

Kakashi mexe num dos bolsos e puxa dali uma carta.

-Encontrei essa carta na cesta onde a mulher carregava a criança. – e entrega para o homem.

O idoso abre a carta e começa a ler. Ao terminar, coloca a carta numa das gavetas da sua mesa. Ele está sério.

-Ela queria mesmo mandar essa criança para o orfanato. – pausa. – Vou ver se o orfanato de Konoha tem espaço para mais uma criança. Até lá, sua missão é cuidar dela.

Kakashi fica assustado.

-O quê? M-mas Hokage-sama eu...

O homem levanta a mão.

-Você foi a pessoa que a trouxe para a Aldeia. Amanhã mesmo já terei a resposta do orfanato. Não se preocupe. Será só por uma noite.

Kakashi olha para o Sandaime e depois para a criança. E de novo para o Sandaime.

-Eu só tenho 17 anos. Não sei como cuidar de uma criança!

-Então essa vai ser uma missão Rank-B. – pausa. –Boa sorte.

Kakashi fica branco.

'O quê que eu vou fazer! Não vou poder ler meu novo volume de Icha Icha!'

O idoso vê a expressão de pânico no rosto do jovem e ri silenciosamente.

Notas Finais


Bom foi isso espero que tenha gostado
BJS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...