História Meu nome é Sakura. - Capítulo 9


Escrita por: ~ e ~myoca-chan

Postado
Categorias Naruto
Personagens Asuma Sarutobi, Hinata Hyuuga, Hiruzen Sarutobi, Ino Yamanaka, Iruka Umino, Itachi Uchiha, Kaguya Ootsutsuki, Kakashi Hatake, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Konohamaru, Kurenai Yuuhi, Maito Gai, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Orochimaru, Pain, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju, Zetsu
Tags Família, Naruhina, Naruto, Nejiten, Saino, Sasusaku, Shikatema
Exibições 115
Palavras 7.814
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom dia tudo bem com vc
Boa leitura.

Capítulo 9 - Capitulo 8


No capítulo anterior...

-Coloque uma pequena quantidade de Chakra nos seus olhos, Sakura-chan.

E então eu fiz. Mas uma queimação veio dos meus olhos e senti as minhas pernas bambas. Nii-san se ajoelhou o meu lado e pediu para que eu levantasse o rosto. Assim eu fiz, mas mantive os olhos fechados. Eles estavam ardendo!

-Querida, abra os olhos. - pediu gentilmente.

Eu abri ao poucos e pude ver a surpresa tomou conta dele.

-O que é? - perguntei com medo. - Tem algo de ruim neles? - exasperei.

Ele saiu do choque e começou a me acalmar.

-Não. Não. - pausa. - É só que eu não esperava que você tivesse isso.

-Ter o quê? - Levando as mãos nos meus olhos.

-Isso explica o porquê do papel-chakra ter ficado daquele jeito... - diz em voz alta.

-NII-SAN!

Ele riu e afagou meus cabelos. Depois ele puxou um espelho do seu bolso e mostrou a imagem dos meus olhos. Eu fico sem entender o que estava ali na imagem.

-O que é isso?

--------------------------------------------------------------------------------

CAPÍTULO 8

--------------------------------------------------------------------------------

-Ter o quê? - Levando as mãos nos meus olhos.

-Isso explica o porquê do papel-chakra ter ficado daquele jeito... - diz em voz alta.

-NII-SAN!

Ele riu e afagou meus cabelos. Depois ele puxou um espelho do seu bolso e mostrou a imagem dos meus olhos. Eu fico sem entender o que estava ali na imagem.

-O que é isso?

-O Rinnegan. - disse eufórico.

Eu olhei para ele assustada. Usamos o final da tarde para conversar sobre essa minha nova descoberta. Ele me acalmou e me disse que o Rinnegan era o mais forte das linhagens sanguíneas dos olhos. Me daria à noção de todos os jutsus e a manipulação de todos os elementos. Perguntei como esconder isso dos outros. Ele só me disse para cessar a ida de chakra aos meus olhos. Assim que o fiz, as minhas pupilas voltaram a ser verdes.

-Mas, Sakura, você não deve contar isso para ninguém. - pausa. - A não ser para os mesmos de sua futura equipe daqui a um ano. Eu prometi a ele isso. E assim voltamos para casa. Na segunda-feira, comecei a procurar mais sobre o Rinnegan na biblioteca da Academia e na Biblioteca de Konoha. Depois que eu tinha liberado o Rinnegan, todos os Jutsus, Genjutsu, Ninjutsu e Taijustu entraram na minha mente assim que deitei na minha cama naquele dia de domingo. As aulas ficaram mais chatas. Passei o restante do tempo treinando a minha força e velocidade com Naruto.

Kaoru-sensei ficou impressionada com a velocidade com que eu aprendia agora as técnicas. Impressionada não. Chocada. Tanto é que logo que eu aprendi outra técnica difícil em duas horas ela me puxou pelo braço e foi me exibir para os seus colegas de hospital. Afinal, eu era a sua aluna prodígio em medicina.

Depois daquele dia, tive mais dois professores. Um sobre venenos e antídotos e outro cobre curas difíceis. Kaoru-sensei agora estava me ensinando técnicas para curar ferimentos por selos.

Quando faltava um ano para me formar, fui até biblioteca. Durante as minhas procuras sobre livros de medicina me deparei com um artigo sobre Tsunade-hime. A maior médica. Me interessei logo. Soube de sua incrível técnica de destruição. Não perdi tempo. No próximo dia comecei a me concentrar em como poderia fazer o jutsu. Ativei sem querer o Rinnegan e logo a chave para a realização do jutsu apareceu na minha mente.

'Alto domínio de chakra. Concentre chakra nos membros e libere-o de uma vez. '

Desativei o Rinnegan e fui correndo testar o meu achado no campo de treinamento assim que Gai-sensei aparecendo na Academia para me buscar.

-Gai-sensei. - comecei.

-O que foi flor da juventude?

-Poderíamos ir para algum campo de treinamento?

Ele fez uma pose eufórica.

-Yosh. - pausa. - A filha do meu Rival está pedindo para treinar com ela! Que vigor da juventude!

Eu escondi um riso.

-Vamos?

-Mas é claro Sakura-chan!

E nisso fomos nós dois para o campo de treinamento 08. Quando chegamos lá, disse o que estava pensando fazer.

-Estive pensando, Gai-sensei. - comecei. - Em um estilo de luta diferente.

Gai chora comicamente.

-Oh, juventude! - pausa. Ele agora ergue o polegar e sorri. - Mostre a sua juventude Sakura-chan.

E então concentrei Chakra no meu punho direito e soquei uma imensa pedra por ali. EM seguida, a rocha desmoronou em pedaços. Olhei para Gai-sensei e ele estava entusiasmado.

-Oh Sakura-chan! - chorando. - Que vigor! Que juventude!

-Foi bom?

Ele põe uma mão no meu ombro.

-É claro. - pausa. - Tente colocar isso numa ponta de dedo.

Assim eu fiz. Encostei o dedo indicador no chão e fiz uma pequena cratera. Gai bateu palmas.

-Que maravilha de técnica!

Ficamos treinando Taijutsu numa velocidade que Gai-sensei nunca tinha mostrado. Fiquei cansada naquele dia e dormi logo. Mas pude escutar o início de uma conversa entre meu Nii-san e Gai-sensei na sala.

POV KAKASHI

Passei a maior parte do dia numa reunião com o Hokage. Como ele havia me pedido há alguns anos, disse o que havia acontecido com Sakura. Ele não ficou surpreso. Afinal, já sabíamos que Sakura poderia dar algum sinal. 'Por que a mulher que me entregou Sakura faria a questão de escrever que a menina poderia herdar o Rinnegan? Qual era o seu intuito?' Não sei. Mas a única coisa que sei é que não posso deixar que Sakura se machuque.

Ela vai ser perseguida por causa dele! Ela tem que ficar forte! E o mais rápido possível. Ele deve ser o maior segredo. E a pior, ela vai ser formar logo.

-O que faremos? – pergunto para o Hokage. O idoso por sua vez inspira à fumaça do seu cachimbo. Como ele pode estar tão calmo numa situação dessas?

-É Kakashi... – diz. -... A menina liberou.

Silêncio. Sarutobi fecha os olhos.

-Outro dia, Iruka veio me informar que a turma de Sakura irá se formar em breve.

Eu confirmo.

-Então já sabe o que deve fazer Kakashi. – pausa. – O Rinnegan é uma linhagem muito preciosa para Konoha. E por isso seu segredo deve ser para poucos. E você é para o conselho o tutor. Não o pai. Por isso acho que é mais prudente que você se candidate para ser um dos Senseis da equipes que irão se formar na Academia.

'O quê?'

O Hokage suspira.

-Você sabe que essa é a decisão mais sábia.

Fico mudo. Desde o momento que dei o nome da minha família para Sakura, nunca, mas nunca mesmo, eu pensei em me tornar o seu Sensei. Nunca soube de uma equipe formada por dois membros da mesma família. Mas a idéia é boa. A sensação de poder ajudar Sakura e ao mesmo tempo protegê-la me faz ficar tranqüilo. Afinal, quem melhor do eu para cuidar de Sakura?

Ainda me lembro de quando ela mal conseguia caminhar sem a minha ajuda. Uma onda de nostalgia me aflige. Quantas saudades! Aquele sorriso lindo que ela me dava quando eu lhe dava banho. Não posso deixar de sorrir com o pensamento. Eu a criei. Sei de seus medos. Quando mente. Sei de tudo. Afinal, que tutor eu seria se não soubesse disso?

Mas será que isso tornaria a futura equipe forte?

-E então? – pergunta o Hokage.

Eu saio do meu devaneio.

-Eu não sei Hokage-sama. – pausa. – Muitas equipes vão se formar esse ano. Posso cair num Time que não esteja Sakura.

O Sandaime concorda.

-Eu posso dar uns palpites para Iruka quando ele estiver montando os Times.

Eu fico balançado com a proposta. Ela é tão tentadora! Mas me contenho. Prefiro esperar o final da conversa para tomar a minha decisão.

-E quanto o restante da equipe? – digo – Não pode ser ninguém estranho. Senão o segredo estaria por um fio.

O idoso alisa a barba.

-Muito bem lembrado, Kakashi. - pausa. – Me diga, Sakura tem alguma amiga ou amigo na Classe?

Um nome me vem na cabeça.

-Uzumaki Naruto.

Sarutobi ri.

-Sabia que ia dizer esse nome. – pausa – Já os vi brincando lá em casa junto com Asuma. Quer dizer que eles são amigos?

-Sim.

O Hokage deixa o cachimbo na mesa.

-Uma equipe genin precisa de quatro membros. Por enquanto temos três. Você. Sakura e Naruto. Quem mais?

-Não sei. – digo. – Sakura não brinca com muitas crianças. Basicamente é com Naruto e o seu neto.

Silêncio.

-Colocarei o melhor da turma para fortalecer ainda mais a equipe, Kakashi.

Eu agradeço.

-Isso é por Konoha. – diz o idoso. – Pela Konoha que o Yondaime queria que fosse.

Eu fico sério.

'Sensei...', penso.

Cheguei a casa por volta das dez da noite. Quando girei a chave, esperava que Sakura estivesse correndo nos meus braços para então dormir. Mas não. Encontrei Gai sentado no sofá.

'Ah, é. Ele foi buscá-la...Por que ele está aqui? Tomara que ele não venha com nenhum daqueles desafios da juventude...'

-Yo, Gai-san. - disse acenando para o homem sentado. Esse ficou sério.

-O que houve? - perguntei.

-Hoje fui treinar com Sakura depois da aula. - disse Gai. - E ela me mostrou uma técnica que só a famosa Tsunade-hime faz.

-Quebrar coisas gigantescas?

Gai assente.

'Deve ser o Rinnegan agindo...'

-Por que você prende ela na Academia se ela pode ser muito bem uma Chunnin? - pausa. - Tem medo de quem vai ser seu sensei?

Eu fico calado.

-Ora Kakashi, isso não é o problema. - pausa. - É só falar com Iruka para por você como Sensei da equipe dela. Você ainda é para os olhos do Hokage o tutor e não o pai. Além disso, falarei com Asuma e Kurenai para se candidatarem a ser Sensei das equipes nessa formatura. Se ele não te aceitar, um de nós três irá ser o Sensei dela.

Eu fiquei surpreso pela fala de Gai. Não esperava uma conduta séria dele. Olhei para Gai. Ele está triunfante.

-Eu venci o meu eterno rival! - e faz uma pose triunfal. Eu reviro os olhos.

IRUKA POV

Sentei num dos bancos do refeitório. Tomei um delicioso café puro. Como era relaxante. Olhei para o relógio. Daqui a meia hora, as aulas irão começar. E daqui a duas semanas, a turma de Hatake Sakura, a aluna que só tirou nota acima de nove, vai se formar. Às vezes me pergunto se no Clã Hatake só sai gênios. Sim, porque Hatake Sakura é considerada por mim um gênio. Tudo aquilo que ele ensinou, praticava com perfeição. Seu controle de Chakra era perfeito.

Há seis meses eu reuni coragem para perguntar da onde veio isso tudo. Kakashi então disse que Sakura treinava com Gai, Kurenai e ele próprio desde pequena.

Ponho o meu copo de café vazio na mesa.

'É que menina de sorte...', penso.' Treina desde pequena com os melhores. Não me admira dela ser a melhor da turma...'

Mas Kakashi sempre me pediu para não dizer isso para a turma. Pediu para que eu escondesse isso. Não queria que Sakura ficasse soberba ou isolada da turma. Assim, eu pus em prática aquilo que ele me pediu.

Olho para frente e vejo no canto da minha visão Hatake Kakashi aparecer no refeitório da Academia. Ao longe, vejo Sakura indo correndo para a sua sala de aula.

-Yo. - diz ele acenando para mim. Retribuo a gentileza com uma fala.

-Bom-dia Kakashi-san. - pausa. - O que trás você aqui? - pergunto enquanto o homem se senta na minha frente.

-Vim trazer Sakura para a aula e para te pedir um favor.

Bebo mais um pouco de café.

-O quê?

-Quero fazer parte da lista de Jounins candidatos a serem senseis das equipes dessa formatura.

-A próxima turma a se formar é a da Sakura. - pausa. - Estranho. Porque hoje mais cedo vieram Gai, Kurenai e Asuma pedindo a mesma coisa.

Kakashi fica sério.

-Está com medo de alguma coisa Kakashi? Isso não seria superproteção?

O homem suspira.

-Tenho os meus motivos.

Eu aceno com a cabeça.

-Certo. Bom eu não posso negar sua candidatura porque para a formatura deles, ninguém se inscreveu além de vocês quatro. Afinal temos o Naruto na turma. - pausa. - Vou pensar no seu caso. Mas não se preocupe.

Nesse momento, uma sirene toca. Eu me levanto.

Vou preparar as equipes e com seus respectivos Senseis. Até mais Kakashi.

E vou para a sala de aula.

Kakashi POV

Os próximos quatro dias foram os mais lentos para mim. Como estava prestes a receber um pedido para virar Sensei, não podia fazer nenhuma missão. Fiquei em casa. Acordava. Tomava café com Sakura e depois a levava para a aula. Enquanto ela ficava na aula, eu treinava em algum campo de treinamento. Depois, fazia alguma missão rápida. Uma ou duas. Depois pegava Sakura na Academia. Ela estava tão animada para se formar. E ansiosa para saber qual seria seu Sensei.

Na manhã do quinto dia, recebi um mensagem por um falcão-correio. Estava na sala, tomando um café quando vi a ave batendo o bico na porta da varanda. Era uma mensagem do Hokage. E aqui estou, andando pelos corredores da torre do Hokage.

'O que será que ele quer falar comigo?', penso. Aceno gentilmente para os Jounins que eu encontro durante o meu trajeto. Chego à porta do escritório do Hokage e bato. Uma leve recordação do dia em que levei Sakura para a decisão do Sandaime há anos atrás. Eu sorri por de trás da máscara. Afinal, ela cresceu, não?

Giro a maçaneta e entro.

-Bom dia, Hokage-sama. - digo formalmente.

-Bom dia Kakashi. - diz. - Hoje eu tenho uma missão para você.

-É mesmo?

O sandaime balança a cabeça.

-Sim. - pausa. - Consegui convencer Iruka a te colocar como um dos Senseis das equipes que irão se formar na Academia na próxima semana.

-Sério?

O senhor na minha frente solta uma risada.

-Sim. E por isso, não poderá pegar nenhuma missão até semana que vem. Vou tentar de tudo para que aquela equipe que combinamos se torne realidade. - diz.

Agradeço ao Hokage e saio dali. Como estou feliz! Tenho chance de ser Sensei da Sakura. Como sou Tutor e não Pai, Iruka deve ne aceitar. Corro por entre os telhados de Konoha.

Sakura POV

A semana da minha formatura foi a mais ansiosa da minha vida! Naruto estava uma pilha também. Afinal, teríamos as provas finais naquela semana. No dia das provas finais, meu Nii-san fez questão que eu tivesse de tudo no café da manhã. Assim, quando cheguei na sala, meu Chakra estava cheio.

-Sakura-chan! - grita Naruto ao me ver.

Aceno de volta e ambos vamos nos sentar. Iruka-sensei chegou na sala com um maço de papéis. Explicou que a primeira prova seria de Conhecimentos Gerais e que a segunda, prática.

A prova de conhecimentos gerais foi boa. Vinte questões. Duas horas para fazer. Tinha revisado a matéria com Naruto no final de semana passado. Meu Nii-san estava muito aéreo semana passada e acabou deixando Naruto ir estudar lá em casa.

Entreguei a minha prova para Iruka-sensei e esperei a segunda prova começar. Essa foi a mais rápida de todas. Tínhamos dez minutos para realizar: um clone, um conjunto de golpes de Taijutsu e um Ninjutsu. Para isso, fomos para o pátio dos fundos da Academia, onde um extenso gramado com um pequeno lago se ergue na paisagem. Naruto foi o primeiro a ser chamado. Ele logo deu um conjunto de chute, soco, voadora e soco. Seu Ninjutsu foi o mesmo do clone. Iruka ficou satisfeito.

A minha vez demorou a chegar. Não gosto de esperar tanto. Naruto, coitado, estava tentando me acalmar quando Iruka-sensei me chamou.

'Finalmente!', pensei. E fui me posicionar no gramado. Fiz o meu clone, um conjunto de soco, rasteira, voadora, soco, soco e cambalhota. Escolhi uma bola de fogo pequena como Ninjutsu. Iruka ficou impressionado. E assim fui tranquilamente me sentar ao lado de Naruto. Ino foi a próxima e me lançou um olhar fulminante. Virei o rosto e comecei a conversar com o loiro. Afinal, ele é o meu amigo. Não ela. Como ela pode achar que eu estou apaixonada pelo Sasuke? Ele não fala comigo! Só vem 'hn' para cima e para baixo! Espero que ele não fique na minha equipe.

Depois disse, ainda era dez horas da manhã. Iruka nos dispensou mais cedo e disse:

-Hoje corrigirei suas provas e darei as suas notas finais. Venham amanhã cedo pois irei dizer quem vai passar e quais vão ser as equipes formadas.

Todos ali ficaram animadíssimos. Não tanto quanto o Naruto. Ele pulou muito e no final me puxou para o refeitório para almoçar. Ele pediu um Miso Ramen e eu não pude deixar de pedir outro. Comemos nossos Misos Ramen. Naquela tarde, ficamos na biblioteca. Ele, lendo sobre os Hokages. E eu, desenhando partes do corpo humana para um trabalho da Kaoru-sensei. Logo, meu Nii-san chegou e me despedi de Naruto.

Chegamos em casa e contei-lhe como foi meu dia. Ele ficou animado e me disse para dormir cedo, afinal, não queria que me atrasasse para amanhã. Assim eu fiz. Bem, pelo menos deitei na cama e tentei dormir. Porque o sono não veio. Fiquei rolando na cama em busca do sono perdido. Quando foi meia-noite, adormeci de cansaço.

E aqui estou eu, na sala de aula ao lado de Naruto. Os meus colegas de aula estão agitados e não param de conversar. E isso está causando um aumento de decibéis.

-Nossa, Sakura-chan...É HOJE DATTEBAYO! - grita um Naruto animadíssimo.

Eu rio.

-É! - grito.

Ambos caímos na gargalhada. Iruka-sensei entra na sala. Todos ficamos quietos e ansiosos. Iruka fala:

-Bom, crianças, hoje vocês poderão se tornar Gennis ou voltar para a Academia.

Silêncio.

'Quer dizer que teve gente que repetiu?', penso. Olho para Naruto. Ele também está com medo.

-Os nomes que eu for citando aqui serão aqueles que passaram. Direi os nomes junto com as equipes. Quem passar fica na sala para esperar os seus senseis. Quem não tiver o seu nome aqui, deve se retirar e daqui a duas semanas retomaremos as aulas.

-Lee, Tenten e Neji.

Aplausos e Abraços.

-Ino, Shikamaru e Chouji.

Aplausos e abraços.

-Kiba, Hinata e Shino.

Aplausos e abraços.

-Sasuke, Naruto e Sakura.

Silêncio. O único som é o 'Hn' de Sasuke, o grito alegre do Naruto por ter ficado junto comigo no time e o meu, rindo.

-Bom, quem não passou, por favor, saia de sala.

E nisso dez alunos saem da sala, cabisbaixos.

Iruka olha para os que ficaram.

-Agora, vou apresentar para vocês, os seus senseis. - diz Iruka. - Podem entrar. - diz. E então eu vejo, Asuma, Kurenai, Gai e o meu Nii-san chegando na sala.

Eu aceno para ele. E ele retribuiu.

-Ei, Sakura-chan... - começa Naruto. - Ele não é o seu Tutor?

Eu confirmo sorrindo.

-Para a equipe 10, Ino, Shikamaru, Chouji e Asuma.

Meu Tio Asuma acena para mim quando ele se dirige para a equipe da Ino.

-Para a equipe de Lee, Tenten e Neji, Gai.

Ele sorri e faz um sinal de positivo para mim. Eu retribuo.

-À Juventude! - brinco.

Ele ri.

-Para a equipe de Sasuke, Naruto e Sakura, Kakashi.

Meu Nii-san fica surpreso. Kurenai o empurra e ele vem na nossa direção.

-Você vai ser o nosso Sensei! - digo alegremente. Ele concorda. Eu fico ao seu lado e ele coloca um braço no meu ombro. Então ele se abaixa e olha para Sasuke. Naruto fica do meu lado.

-Minha primeira impressão de você. Eu odeio você. - diz sério. Eu tento esconder um risada, assim como Naruto. Sasuke por sua vez fica chocado e cruza os braços.

-Para a equipe de Kiba, Hinata e Shino, Kurenai.

Aquele foi o dia mais feliz da minha vida.

Kakashi POV

Eu nem acreditei quando Iruka disse o meu nome para a equipe de Sakura. E mais, colocou um Uchiha, assim como Obito, e o filho do meu Sensei, Naruto. Ele não podia formar uma equipe melhor.

Ficamos com o número Sete. Pedi para que nos encontrássemos depois do almoço no campo de treinamento sete. Iria fazer um teste. Disse à Sakura para que se socializasse com o seus colegas de equipe. Assim ela fez. Não. Naruto a puxou pela mão. A convidou para comer no Ichiraku um Miso Ramen. Ela se despediu de mim e lá foi ela com Naruto até o restaurante. Sasuke os seguiu.

Quando me virei, recebi os parabéns dos outros Jounins. Em seguida, Iruka me chamou para conversar. Disse que fez essa equipe porque tinha certeza que Sakura iria se tornar Chunin logo. E pediu para que eu realizasse isso.

-É o único jeito de o Sandaime deixar você na equipe. - pausa. - Você pode ser só um tutor no papel, mas para ela, você é um pai.

-Eu sei.

-O próximo exame Chunin será em Suna. - pausa.- Daqui a três meses. Faça-a passar. O hokage pode ter aceitado você como Sensei dela, mas o Conselho não.

Eu sabia que teria uma condição especial para eu ser o Sensei da equipe sete. Mas eu teria um problema. Sakura tinha total capacidade de se tornar uma Chunin nos próximos três meses. Mas e o restante da equipe? Ou eu treinava aqueles dois meninos ou teria que conseguir uma equipe temporária para Sakura. A primeira opção não me agradou. Afinal, não poderia jogar aqueles dois meninos num Exame Chunin sem estarem devidamente treinados. O que eu posso fazer?

Tenho que procurar um equipe temporária para Sakura. Um equipe que esteja disposta em fazer os próximos exames Chunins em Suna. Iria perguntar ao Hokage se ele tinha uma equipe assim.

-Isso foi uma condição de Danzo? - pergunto.

Iruka assente.

-Toda equipe que formei hoje foi antes previamente discutida com o Hokage. Mas as pastas vazaram para o Conselho. E Danzo acabou sabendo. Ele convenceu o Conselho.- pausa. - Na realidade, ele só pode deixar que você faça parte da equipe de Sakura se ela se tornar Jounin. Mas, o Hokage conseguiu uma brecha se ela se tornar Chunin.

-Quer que a equipe sete torne-se uma equipe normal. - digo sério.

-Exato. - pausa. - Mas compreenda. Não é por ele. É por Danzo. Ele pode fazer mais queixas no Conselho.

-Entendo. - pausa. - Então tenho que fazer com que Sakura passe nos exames chunins.

-No mínimo. O prazo foi o seguinte, Kakashi-san. Seis meses para que a equipe 7 se torne a equipe Kakashi.

-Seis meses!

-Você tem muita pouca fé em Sakura. - pausa. - Sabia que era para eu ter feito-a Genin logo no seu primeiro? Sabe o que ela ficou fazendo nos outros dois?

-Está bem Iruka. - digo. - Vou fazer com que Sakura se torne Chunin nesses Seis meses.

E me despeço de Iruka. Agora tinha dois problemas. Um. Preparar o teste de nivelamento da equipe sete. Dois. Fazer com que Sakura se torne Chunin em seis meses. E o pior. Tenho que fazer isso. Poucas pessoas devem saber que ela carrega o Rinnegan. Ela tem que ficar forte antes que isso se espalhe. Senão ela pode virar um alvo ou para Akatsuki ou para Orochimaru. Ele pode fazer aquilo que ele fez com Anko. E não posso permitir que ninguém faça mal para Sakura. Nem para Konoha.

Saio da sala coçando a cabeça.

Normal POV.

O trio da equipe sete está esperando Kakashi no portão de entrada do Campo de treinamento dito pelo ninja copiador. Naruto está tentando conversar com Sasuke.

-E então Sasuke! Estamos na mesma equipe!

-Hn, Dobe... - pausa.

-Argh! - diz Naruto irritado. - Diga alguma coisa Teme!

-Vamos parar com isso, garotos. - diz Sakura tentando apaziguar a briga. Naruto balança um soco na direção de Sasuke.

-Quer brigar nanico? - diz Sasuke se preparando para lutar.

Irritada, Sakura dá um soco na cabeça de Sasuke e de Naruto.

-Bakas! - diz. - Somos parte de uma equipe! Não devemos brigar entre nós! - e cruza os braços.

Naruto coça a região atingida.

-Mas Sakura-chan... - começa. - O Sasuke não colabora!

Sakura fita o Uchiha.

-Não vou me socializar com fracos. - diz Sasuke cruzando os braços.

-Eu e Sakura-chan não somos fracos! - diz Naruto com os punhos fechados.

Sakura põe uma mão no seu ombro.

-Não ligue Naruto. - pausa. - Vamos nos concentrar no que o meu Nii-san pode fazer para o nosso teste.

Naruto assente.

-Mas ele não te disse nada? - pergunta.

Sakura nega.

-Não falei com ele desde antes do almoço, na Academia. Ele me pediu para que ficasse perto de vocês.

Naruto assente. Em seguida ele põe um braço no ombro de Sakura e sorri.

-Estamos na mesma equipe, DATTEBAYO! - rindo. - Vou me tornar Hokage tendo como Sakura-chan na minha equipe!

-E Sasuke também, Naruto. - diz Sakura olhando para o Uchiha.

Este fica vermelho de vergonha e pigarreia.

-Bom, já que é assim... - e vai até os dois. - Meu nome é Uchiha Sasuke.

-O meu é UZUMAKI NARUTO!

Sakura ri.

-Hatake Sakura.

Os três se fitam em compreensão. Sasuke solta o seu famoso 'Hn'. Naruto sorri satisfeito. E Sakura fica calada.

-He He... O Teme vai ficar conosco!

-Dobe.

-TEME!

Sakura revira os olhos.

'Nii-san... Chega logo...'

Nas próximas duas horas, Sakura tentou apartar Naruto e Sasuke de cinco brigas feias. Quando estava para começar a sexta discussão, Kakashi aparece num puff.

-Yo. - acena.

-Está atrasado! - fala Naruto e Sakura.

Kakashi coça a bochecha.

-Me perdi no caminho da vida.

-Mentiroso! - diz Sakura.

Kakashi ri.

-Bom, vamos começar o teste de vocês. - e todos os quatro entram no Campo de Treinamento.

Ao chegarem numa clareira, Kakashi fica defronte para os três e puxa do bolso dois sinos.

-Estão vendo esses sinos? - pausa. - O teste é para ver quem pega os sinos. Quem não conseguir vai ficar amarrado num daqueles três troncos e vai ficar sem jantar.

O trio observa os três troncos logo atrás de Kakashi.

-E o que acontece com quem ficar sem Jantar? - pergunta Sakura.

-Não vai fazer parte da Equipe. - pausa. - Mas lembre-se. Venham para mim com a intenção de me matar. Senão não vão conseguir.

E assim começa o teste. Naruto ataca sem esperar duas vezes Kakashi. Os outros dois se escondem enquanto Naruto fica de frente para Kakashi. Em seguida, recebe os Mil anos de dor. Depois Kakashi vai procurar Sakura. Ele procura pela mata e não encontra. Assim, ele vai procurar Sasuke.

Um quebrar de galho tira a atenção de Kakashi para o lado direito. Uma mecha de cabelos preto está aparecendo atrás de um dos inúmeros troncos por ali.

-Sasuke? - indaga Kakashi.

Mas então um chute cheio de Chakra retira a atenção de Kakashi do tronco. Ele se esquiva. E Sakura bate com o pé no chão, abrindo uma cratera.

-Quase, Nii-san.- diz triunfante.

Kakashi sorri.

-É Sakura. - pausa. - Bem que Gai tinha me avisado do seu novo truque. Como conseguiu?

Sakura e Kakashi trocam golpes de taijutsu. Eles se afastam.

-Estava lendo na biblioteca sobre Tsunade-hime. - pausa. Ela avança para Kakashi. Mais uma seqüência de golpes. - E depois quis tentar fazer o golpe.

-Usou aquilo para encontrar a chave, não foi?

Sakura assente.

-Mas não se preocupe. - pausa. - Ninguém estava por perto.

Kakashi assente.

-Certo.- pausa. - Mas porque está se retendo na luta?

Kakashi tenta um chute, mas Sakura concentra Chakra nos braços e defende sem problemas o golpe do Jounin.

-Eu? Me retendo?

-Não tente enganar seu Nii-san. - pausa- Sei que você pode muito mais do que isso.

Sakura sorri e tenta um Konoha Senpuu. Kakashi se esquiva.

-Você quer que eu lute sério?

-Disse para irem com tudo, não disse Sasuke? - diz Kakashi fitando o menino Uchiha lá ao longe. Sakura segue o olhar de Kakashi e vê Sasuke observando a luta dela com Kakashi.

-Não se distraia!

Sakura vir o rosto. Kakashi estava pronto para desferir um soco no seu rosto. Ela então se abaixa e tenta um rasteira. Kakashi pula e se afasta. Ele faz uma seqüência de jutsus.

-Bola de fogo! - e nisso uma imensa bola de fogo surge de suas mãos.

Sakura faz outra seqüência de sinais e lança uma tromba d'água sob a bola de fogo.

-Muito bem!

Sakura sorri.E faz uma outra seqüência.

-Kage Bushinn no Jutsu!

E três Sakuras aparecem ao lado da original. Todas avançam para Kakashi numa luta digna de Gai. Só que seria quatro Gais contra Um Kakashi. O Jounin então ativa seu Sharingan.

E a luta continua.

Sasuke POV

Fui me esconder assim que Kakashi fechou os olhos. Vim para o meio da mata e me escondi atrás de um tronco. Ao longe pude escutar a voz de Naruto gritando. Que idiota! Como eu pude vir parar numa equipe tão fraca! Aposto que Sakura passou só porque é filha desse tal de Kakashi... Mudo de posição e sem querer o meu pé toca num galho. E ele se quebra.

Droga.

Olho em volta e vejo que Kakashi esta perto. Não Droga. Ele me viu. Me preparo para atacar. Mas no segundo seguinte após eu ter fechado o meu punho esquerdo, vejo Sakura indo na direção de Kakashi. Que idiota! Um golpe comum. Vejo que Kakashi se afasta. Um som alto ecoa por ali. Meus olhos se prendem onde Sakura caiu. Uma pequena cratera se formou. Espera aí...uma cratera? Como foi que ela fez isso? Saio da árvore e fico observando a luta.

Talvez eles não estejam percebendo mas, a velocidade dos golpes foi alucinante. Como ela é SÓ uma Genin? Isso não está certo. Espera aí. Ela é a mais forte do grupo! Eu perdi o status do mais forte para uma menina? Para Sakura?

Fecho os punhos. Vejo-aela praticando Ninjutsu. Que bela tromba d'água. Será que sou eu o fraco? E se o comum para os Genins é ser como ela? Isso quer dizer que estou fraco! Não! Nunca! Vou treinar e superar a Sakura!

Normal POV

Depois de cinco minutos de luta, Sakura ergue triunfantemente o sino. Kakashi bate palma.

-Parabéns Sakura! - indo na direção da menina. - Você foi a única que conseguiu. Agora vai lá comer o seu bento.

Sakura assente e vai andando alegremente até a clareira.

-Eles estão perto do Naruto.

-Certo.

E desaparece por entre a mata. Quando ela sai da visão de Kakashi, este fita o Uchiha. O menino congela.

-O Sharingan...! - sussurra.

Kakashi fica surpreso.

-Ah é. - pausa. Ele abaixa a bandana. - Eu tive que ativá-lo durante a luta com Sakura.

O menino engole seco.

-Está com medo Sa-su-ke? Se não conseguir pegar o sino antes que eu te imobilize, você vai voltar para a Academia. - diz correndo na direção de Sasuke.

O menino corre.

E assim começa uma perseguição.

Na clareira, Sakura está comendo o seu bento tranquilamente. Ela vê o céu já tingido de laranja.

-Está anoitecendo. - diz.

-É... Eu não passei... - diz Naruto amarrado no tronco.

Sakura o fita.

-Não fique assim Naruto...

-Como não? Meu sonho era fazer parte de uma equipe com você e quando isso acontece, não consigo...

Sakura olha para o seu bento. E então ela se senta defronte ao amigo loiro. Ele lhe dá um olhar azul triste.

'Não gosto de ver meu amigos tristes. Meu Nii-san sempre disse que quem não ajuda os amigos é pior do que lixo.'

-Não fique assim, Naruto... Você é meu amigo. E é isso que importa.

O loiro começa a abrir um sorriso.

-Sério?

Sakura balança a cabeça.

-Sim. - e nisso ela pega um sushi do seu prato e põe na boca de Naruto. - Agora coma. Você deve estar com fome.

Naruto começa a mastigar. Depois que ele engole, diz:

-Mas Kakashi-sensei disse que não era para dar comida para quem ficasse preso.

-E daí? Você é meu amigo. - pausa. - Não vou deixá-lo morrer de fome.

-Sakura.

-Não importa o que você diga.

-Sakura.

-Nem mesmo esse Sasuke.

-Sakura.

-Vocês agora fazem parte da minha equipe. Não vou deixar ninguém para trás.

-Sakura.

-Para de falar Naruto. E come. - e coloca mais comida na boca de Naruto. - Vou dividir a minha comida com você. E ponto final.

Nisso uma mão pousa no seu ombro. Ela se vira e vê Kakashi segurando um muito irritado Sasuke.

-Droga, Sakura! Não se lembra que não era para dar comida para quem fosse preso! - exclama Sasuke. - Agora não vamos passar. - e cruza os braços.

Kakashi deixa Sasuke no chão.

-Vocês... - pausa. - ...Passaram! - e faz sinal de positivo.

Os três ficam confusos. Kakashi coça a cabeça.

-O teste era para ver o trabalho de equipe. Como Sakura resolveu ajudar seu colega, vocês atingiram a meta.

Os três se olham.

-Parabéns! - pausa. - Vocês são agora verdadeiramente uma equipe! A equipe sete!

Naruto explode de alegria. Sasuke cruza os braços e vira a cabeça. Sakura começa a desamarrar Naruto.

-Você viu Sakura-chan! Somos uma EQUIPE!

Nisso ele se solta das cordas e dá um abraço de urso em Sakura. Esta começa a sorrir. Kakashi coça o nariz.

-Bom... - pausa. - Por causa disso, vamos estabelecer os horários. - diz.

Nisso o trio o fita em silêncio. Kakashi ri nervosamente.

-Vamos lá... - pausa. - Nós vamos treinar todo o dia. Não pegarei leve. Entenderam?

-Yosh! - grita Naruto.

Kakashi cruza os braços.

-Bom. - Nisso ele puxa dois papéis já muito conhecidos. O papel-chakra. Ele entrega um papel para Naruto e outro para Sasuke. - Vou fazer um treinamento especializado. Para isso... Tenho que saber qual é o elemento de seus Chakras.

-Dattebayo!

Sasuke cruza os braços.

-E por que não deu um para Sakura?

-Eu já sei qual é o elemento dela.

Naruto bate no ombro do Uchiha.

-Ele criou ela Teme. - pausa. - É lógico que ele iria saber o elemento dela.

Sasuke fecha o punho.

-Então qual é o elemento dela? - pergunta ao tentar não bater em Naruto.

-Água. Com inclinação para Terra. - mente Kakashi.

Sakura confirma rapidamente.

-Sim.

Naruto sorri.

-Dattebayo Sakura-chan! - diz antes de voltar suas atenções para o papel.

-Se molhar, é água. Se amassar, é terra. Se virar pó, é fogo. Se rasgar no meio é vento. E se pegar fogo bem no meio, é raio. - diz Sakura.

Kakashi assente.

-Gravou bem. - pausa. - É só colocar um pouco de Chakra no papel e ele vai te dizer. - completa Kakashi.

Naruto e Sasuke ficam concentrados. Logo, o papel de Naruto se rasga no meio. E o de Sasuke, vira pó.

Sasuke fica confuso. Kakashi começa a rir.

-O que foi?

-Parece que o seu Chakra é Fogo. - diz Kakashi.

Sasuke deixa escapar um leve sorriso.

-Bom... - diz o Jounin. - ...Agora que vocês já sabem o seu elemento, devem saber que as técnicas que usam o seu elemento vão ser aquelas que vão aprender mais rápido.

-Qual é o seu Elemento Kakashi-sensei? - pergunta Naruto.

Kakashi coça o nariz.

-O meu é Raio.

-A pessoa só pode ter um? - pergunta Sasuke.

-Não. Na realidade, as pessoas tem um elemento principal. O segundo e o terceiro geralmente levam anos para que a pessoa aprenda.

-Quer dizer que posso ter um outro elemento oculto? - diz Naruto.

-Sim. Mas o aconselhável é que primeiro você aprenda a controlar o primeiro.

Naruto fica amuado. Sakura põe uma mão no seu ombro.

-Não fique assim Naruto. - diz. - Vamos treinar todos dias. Assim vamos descobrir logo o seu segundo elemento!

Naruto volta a ficar a alegre.

-Yosh, Dattebayo!

Kakashi ri nervoso.

-Bom. Treinaremos todos os dias pela manhã. - pausa. - Sempre direi qual vai ser o Campo de Treinamento. Essa semana ficaremos por aqui. Temos uma boa clareira para a prática de jutsus de fogo, um lago para a água e uma floresta para as aulas práticas. Espero vocês aqui às seis da manhã. Estejam preparados, pois vamos acampar aqui por uma semana.

-Acampar? - pergunta Sasuke.

Kakashi assente.

-Sim. - pausa. - Vamos ter um treinamento árduo.

-Mas e se por acaso nós nos machucarmos?

Kakashi põe uma mão no ombro de Sakura.

-Nós já temos a nossa Medic-nin. Naruto e Sasuke olham para Sakura. A menina cora.

-Que! - grita Naruto. - A Sakura-chan é uma Medic-nin!

-Impossível. É preciso cinco anos de treinamento!

Kakashi pigarreia.

-Sakura-chan treina com uma Medic-nin desde pequena. Ela só não se formou porque precisa fazer os cinco anos depois de se tornar Genin.

Sakura olhar os companheiros de equipe. Naruto a fita alegremente.

-Quer dizer a Sakura-chan vai cuidar de mim quando me machucar! SUGOI!

Sakura prende uma risada. Sasuke por sua vez está observando Sakura. Ele está chocado.

'Como essa menina não foi a melhor da turma? Talvez ela não seja tão fraca quanto pensei...Isso quer dizer que eu fiquei na equipe mais forte!', pensa. Assim, ele vai até ela e diz:

-Meus parabéns.

Sakura cora furiosamente. Kakashi pigarreia.

-Então vamos aproveitar que ainda está sol para separamos aquilo que vamos precisar para acampar.

Os três assentem e assim, ele saem dali. Quando chegam no portão, Sakura se despede de Naruto e Sasuke. Ela começa a andar ao lado de Kakashi.

-Quer dizer que vamos acampar Nii-san?

Kakashi assente.

-Sim. - pausa. Nisso eles entram num das ruas de Konoha. - E então vai querer levar o quê?

-Andei pensando em suprimentos de ervas, ataduras, agulhas, algodão e álcool. Para caso de alguém se machucar um pouco. Poderia selar isso num rolo e levar para o acampamento.

Kakashi assente.

-Certo. - nisso ele puxa do bolso um maço de dinheiro. - Que tal irmos comprar isso tudo?

Os olhos de Sakura brilham.

-Sugoi! - diz alegre. Assim ela puxa pela mão um Kakashi sorridente pela ruas de Konoha.

Kakashi e Sakura estão andando pelas ruas de Konoha. Bom. Kakashi e mais dois clones dele ultra lotados de sacolas e uma Sakura fazendo conta do que comprou.

-Isso já dá, Sakura-chan?

Sakura se vira e sorri.

-Sim.

-Então vamos deixar isso lá em casa. - pausa. - Precisamos fazer as nossas refeições enquanto estivermos por lá. E do Naruto também. Ele sempre esquece.

-Certo. Mas para ele é fácil. É só comprar um dúzia de Miso Ramen Extra-Grande no Ichariku.

Kakashi fica em silêncio. Até que repara no que Sakura disse.

-Boa idéia. Sakura você ainda tem dinheiro, não tem?

A menina assente.

-Então vai no Ichariku comprar os misos. Vou levar essas coisas até em casa.

-Certo. - e se despede de Kakashi. - Volto logo.

-Tá.

No outro dia, Kakashi está montando a tenda para os cuidados médicos. É um tenda de três por quatro. E em formato retangular. Do lado de fora, Sasuke e Naruto estão deixando suas mochilas no chão.

-Está pronto. - diz Kakashi. E então Sakura coloca os rolos dentro da tenda e começa ajeitar o local.

Kakashi guarda o martelo numa caixa de ferramentas ali próximo.

A tenda foi colocada defronte para a clareira. Os três troncos estão ali perto. Um riacho corre do lado direito a uma distância de dez metros.

-Venham me ajudar a montar a tenda onde a gente vai dormir. - diz Kakashi para os garotos.

Naruto afirma prontamente enquanto Sasuke coloca as mãos dentro dos bolsos e vai, calado, até Kakashi. Demorou meia hora para que a outra tenda fosse devidamente feita e ajeitada por dentro. Nesse intervalos, Sakura terminou de arrumar a tenda-hospital e os meninos, a de dormir.

Quando foi por volta das nove da manhã, a equipe sete já estava treinando. Sasuke, bolas de fogo, Naruto, clones e Sakura, jutsus de água. Ela estava treinando de costas para os meninos e Kakashi tinha certeza que o Rinnegan estava ativado.

No outro dia, Kakashi aglomerou os três na mata.

-Hoje vou ensinar vocês uma técnica muito importante para um Shinobi. - diz. E nisso ele põe um pé no tronco da árvore e começa a subir, até que ele fica de cabeça para baixo.

Naruto e Sasuke ficam chocados.

-Que legal! - diz Naruto.

-E só colocar Chakra nos pés. - nisso ele joga três kunais aos pés de cada um. - O treinamento de hoje consiste nisso. Marquem com essa Kunai o ponto mais alto que forem alcançando.

Kakashi volta ao solo e se senta numa pedra ali perto. Naruto e Sasuke trocam olhares antes de saírem correndo para os seus respectivos troncos. Sakura pega a sua kunai e vai andando calmamente até o tronco. E num instante ela está lá em cima. No topo. Ela joga a kunai para Kakashi e mostra a língua para os meninos.

-Dattebayo! A Sakura-chan conseguiu! - e nisso tenta mais uma vez. Sasuke nada diz. Só observa Sakura no topo antes de voltar a treinar.

Naruto pisa na árvore e afunda o pé no tronco, deixando sua pegada marcada ali.

-Não coloque muito Chakra nos pés, Naruto. - grita Sakura. - Nem muito pouco. Tente achar o meio termo e vá subindo.

Naruto assente e tenta mais uma vez.

-Yo, Sakura. - diz Kakashi. - vejo que conseguiu. Nada menos de quem precisa ter um controle de Chakra preciso.

Sakura acena, contente.

A equipe sete treinou por sete dias. Almoçaram, lancharam e jantaram. Sasuke se machucou com uma bola de fogo e Sakura o curou. O menino murmurou um obrigado e Sakura inclinou a cabeça para o lado, confusa. Os sete dias se tornaram quatorze. Quando o décimo quinto dia chegou, Kakashi achou que era hora de voltarem para as suas casas. Afinal, o suprimento de cura de Sakura tinha se esgotado. Naruto ajudou muito para tal.

Kakashi observa os três Genins caminharem na sua frente. Ele está pensativo.

'Eles fizeram um grande avanço.', pensa com orgulho. 'Acho que nem vou precisar procurar uma equipe para Sakura durante os exames Chunin em Suna. Naruto tem uma fonte inesgotável de Chakra. Sasuke tem o Sharingan. E Sakura, o Rinnegan. Vou ver se conseguido fazer algumas missões D-Rank antes de acamparmos no Campo de Treinamento sete de novo.'

Uma semana se passa. E nela, a equipe sete fez as missões E D-Rank. Naruto não estava satisfeito com a complexidade das missões. O treinamento com Kakashi ficou basicamente restrito para a parte da tarde e noite. Sakura começou o seu treinamento para ser Medic-nin com Kaoru no Hospital de Konoha. A estante que Kakashi comprou agora estava repleta de livros e manuscritos de medicina. Sakura estudava firmemente. Diversas noites Kakashi teve que fechar os livros e colocar uma já adormecida na cama.

Foi quando, depois da quarta vez, Kakashi teve a idéia. Eles iriam para um Spar.

-Que legal, Dattebayo! - diz Naruto andando na frente de Sakura e Sasuke. Kakashi está um pouco atrás. - Nós vamos para um SPAR! - alegre.

-Hn. - diz com um pequeno sorriso.

Sakura corre até a Naruto e eles começam a conversar alegremente. Kakashi observa tudo.

'Depois de tanto trabalho, um esforço é merecido. Mas amanhã vamos voltar a rotina dos treinamentos. Eles avançaram muito nessas duas semanas...', pensa.

Ele vê Naruto mexer com Sasuke.

'...Vou ter que começar um treinamento especializado com Sakura. Ela está achando chato o que eu estou ensinando para os garotos. Ela olha para os lados quando eu digo o que vou ensinar. E isso quer dizer uma coisa. Chato...', continua. '...Terei que treinar os meninos pela manhã. Duas horas. Depois fico treinando com Sakura. Ainda sobra tempo para fazer umas missões. Falando em missões... Tenho que pegar algumas com os meninos. '

Nisso, eles se dirigem para o Spar. É um edifício de médio porte. Tem um portão de vidro na frente e ele mostra a recepção. As paredes do lado de fora são amarelas. Um pequeno jardim de tulipas está ali. Um piso de pedra serve como caminho até a porta. Eles entram no Spar. Kakashi vai até o balcão.

-Boa tarde. - diz o recepcionista.

-Quero um spar para quatro pessoas.

O homem na recepção olha para os Genins.

-Quanto quartos?

-Dois.

-Piscina comum?

-Privativa.

-Certo.

Nisso o homem pega duas chaves do balcão e entrega para Kakashi.

-O custo total dos quartos vai ser de 400. Comida incluída. Jantar e café-da-manhã. Seus quartos ficam na área reservada. É só seguir as placas. Salas 102 e 103.

Kakashi pega as chaves e é seguido por um trio muito ansioso. Pela primeira vez, Sasuke estava alegre. Isso Kakashi pode afirmar. Os olhos do garoto brilham de ansiedade. Além de que seus braços não estão cruzados.

Aquela foi uma noite memorável. Para todos. Sasuke pela primeira vez conversou com Naruto e deu um sorriso atravessado. Sakura deu muitas gargalhadas. E Naruto foi Naruto. No final, quando todos já estavam dormindo, Kakashi ficou acordado, pensando.

No dia seguinte ao Spar, Kakashi veio até ela e explicou a situação. Ela deveria se tornar Chunin nos próximos seis meses. Sua equipe sete deveria se tornar equipe Kakashi. Só assim ela poderia ter seu Nii-san na equipe. Isso lhe deu mais motivação. Treinou como nunca. Kakashi tinha que lutar com o Sharingan aberto. Sakura logo se acostumou a treinar com o Rinnegan. E aprendeu suas secretas técnicas. Secretas porque Rinnegan era raríssimo. Mas ainda existiam manuscritos e livros de técnicas que o Rinnegan já fez. Afinal, a biblioteca de Konoha tem de tudo.

As próximas duas semanas foram recheadas de treinamento pela manhã dos meninos e o especializado no final da manhã para Sakura. Enquanto os meninos estavam treinando, Sakura estava lendo algum livro de medicina encostada numa da inúmeras árvores que circundam a clareira do Campo de Treinamento sete. Ela era a curandeira do grupo. Devia ficar perto nas horas de treinamento. E não foi só uma fez que ela teve que fechar o livro para ir curar um Naruto ou Sasuke ferido.

No hospital, Kaoru, uma mulher morena e de olhos amarelos estava muito animada com os estudos de Sakura. Suas aulas ficaram diárias. Ela dava dois plantões por semana. Um no Sábado e outro na quarta-feira. Além de trabalhar nos outros dias à tarde. Com exceção do domingo. Assim, Sakura conseguiu um emprego e as missões não se tornaram tão importantes.

Não para Naruto. O menino estava sofrendo com as suas escassas reservas. No terceiro dia que Sakura teve que pagar o almoço para o loiro por causa de dinheiro, ela puxou o garoto até o Hokage e pediu uma missão. O Sandaime soltou uma risada e lhe deu duas missão Rank-D. Capturar um gato e levar um cão para o veterinário. O dinheiro foi suficiente para segurar Naruto por uma semana. Isso foi no domingo.

Naquela noite Kakashi soltou uma risada quando Sakura contou sobre o acontecimento do dia no jantar.

Notas Finais


Desculpa por um erro é que eu estou com pressa
Kiss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...