História Meu pai é uma droga! - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gintama
Personagens Abuto, Ana Ketsuno, Catherine, Elizabeth, Gedoumaru, Gengai Hiraga, Gintoki Sakata, Henpeita Takechi, Hinowa, Isaburou Sasaki, Isao Kondo, Itou Kamotarou, Izumi, Kagura, Kamui, Kawakami Bansai, Kintoki Sakata, Kotarou Katsura, Kyuubei Yagyuu, Matako Kijima, Matsudaira Katakuriko, Mutsu, Nizou Okada, Nobume Imai, Otose
Tags Gintoki Pai, Shinpachi Filho
Visualizações 2
Palavras 654
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura
imagem da Internet
plágio e crime

Capítulo 14 - Especial dias dos pais


Fanfic / Fanfiction Meu pai é uma droga! - Capítulo 14 - Especial dias dos pais

Gintoki- agora vou conta uma boa lembrança ou ruim de uma data muito especial, porque ainda você não estão preparados para o meu passado.
SHINPACHI SEIS ANOS . GINTOKI IDADE DESCONHECIDA.
Ele fica deitado num futanari com um monte de bebidas ao redor dele ele vai e levantar e coloca a mão na cabeça.
Gintoki- Droga acabei bebendo demais que horas são...quase meio dia. Ele vai e abrir a porta do quarto e encontra Shinpachi sentado.
Gintoki- O que esse moleque quer...ei garoto está acordado.
Shin- pai bom dia estava esperando o senhor acorda. Ele vai e coça os olhos e bocejar e Gintoki escuta a barriga dele ronca.
Gintoki- Ei você não almoçou.
Shin- nem café eu tomei estava esperando acorda e não quiser interromper.
Ele fica surpreso e suspira.
Gintoki- olha garoto se não quer dá trabalho apenas aprenda a conzinha. Ele vai e olha para baixo.
Shin- desculpe. Gintoki- porque eu tive que ter um filho tão frangote apenas pega o dinheiro na minha calçar e compre pão. Ele fica triste. - Sim senhor.
E gintoki sair e entra no banheiro e olha para o espelho com olheiras "porque ele tem que parece tanto com você, Desculpa mais não posso cuida dele nem gosto de crianças e principalmente dele" ele vai e lava o rosto e vai para a conzinhar e sentar na cadeira.
Gintoki- ainda não chegou estou com tanta fome e sono, dores de cabeça.
Ele vai e encosta a cabeça na mesa e adormece e começa a sonha e ver um corpo de uma mulher com barriga sem ver o rosto " estou gravida é o dia mais feliz da minha vida prometa que cuidará dele e será um bom pai Sakata Gintoki" ele vai acorda com o barulho do telefone e olha ao redor e ver tudo escuro.
Gintoki- já anoiteceu o garoto deve esta no quarto.
Trim...Trim...Trim....Trim....Trim...Trim...
Ele levanta e coloca no ouvido.
- bem seu filho foi atropelado por uma moto.
Gintoki- em qual o hospital ele está.
Ele ouve e veste uma calça e corre para o hospital e chega na recepção.
Gintoki- Onde está internado Sakata Shinpachi.
-quarto 199. Ele vai e sair e chega no quarto e ver o doutor saindo.
- quem é você?
Gintoki- Sou pai do garoto que está no quarto.
- tem certeza. Gintoki- sim como ele dá.
- ele está dormindo mais levou uma grande pancada na cabeça ou ele vai ficar cego ou terá problema na visão teremos que fazer mais testes.
Ele fica preocupado. Gintoki- Posso ver ele.
- Claro mais Seja rápido e traga roupas limpas para ele vai ficar internado no hospital.
Ele vai e entra e ver seu filho deitado com a faixa na cabeça.
Gintoki- desculpa foi minha culpa não devia ter mandado comprar pão.ele vai e acende uma luz e segura a mão dele e ver lágrimas saindo do olho dele fechado.
Shin- pai...desculpe...Ele vai e passa a mão no olho dele e se levantar e beija a testa dele.
Gintoki- não fale nada voltarei logo buscarei umas roupas limpas. Ele chega em casa e vai para o quarto do Shinpachi e ver um bilhete em cima da escrivaninha ele vai e pegar e tem um desenho dele segurando a mão do Shin "Eu e meu pai" com uma frase em baixo escrito "Feliz dias do pais o melhor do mundo" ele vai e começa a chora.
- não faça isso comigo eu não mereço essas palavras eu de abandonar, Desculpa Shinpachi.
E shinpachi vai e levanta e ver tudo borrado e toca nos olhos.
Shin- o que aconteceu não enxergo nada.
Gintoki- não se despere seu pai esta aqui.
Shin- pai....
Gintoki- não chore estou aqui com você. Ele vai e segura a mão dele. E numa lata de lixo se encontra uma reportagem ' motoqueiro morto por uma espada na barriga polícias procuram suspeito'.
FELIZ DIAS DO PAIS.






Notas Finais


Até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...