História Meu passado, minhas memórias - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lendas Urbanas, Slender
Personagens Personagens Originais
Tags Lendas Urbanas, Magia, Personagens Originais, Slenderman
Exibições 2
Palavras 383
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Desculpem ter demorado 😥
Testes....

Capítulo 3 - Que o plano comece...


Carnivore on~

Tinha que ser eu , que alegria. Não podia ser Rosa a fazer este trabalho... A única coisa boa em eu fazer isto é por um sorriso no rosto de Witchery!

~ algum tempo depois~

Será que estou perdida?Não há nada nesta floresta a não ser árvores e papeis pregados nelas... Mas porque raios têm folhas nelas?? Não interessa, o que importa foi o que Witchery disse. Não devo pegar nenhuma das folhas, ou iria estragar tudo.

Car.- Meu, onde estou?? Aff... Tou cheia de fome.

Talvez assim alguém me ouça?... Ou talvez não ...

???- Ei pequenina!

Car.- Hm?- me deparei com um adolescente? Não sei bem quem era... Só sei que ele é louro e usa roupas verdes, até parece alguém que é de um vídeo game. Os olhos dele parecem ter lágrimas.. De sangue??

???- Então pequenina, tas perdida?

Car.- ...

???- Nenhuma resposta? Ent...

Car.- Vai te lixar ....- gritei bem alto afastando me aos poucos, eu realmente estou com um pouco de medo. Não pensava que isto fosse tão assustador...

???- Não devias ter feito isso virar  susurrou enquanto dava um sorriso assustador...

Acho que ele não reparou nos meus espinhos aparecendo no meu corpo enquanto ele se aproximava. É assim que me defendo. Ainda bem que estava escuro e ele brilhava , pois sendo uma planta  eu gosto muito e estou com uma grande fome por idiotas.

???- BEN!- não deu tempo de me virar , fui agarrada por uma coisa que pareciam tentáculos negros e elevada no ar. Estavam me apertando demais, eu estava ficando sem ar!

???- Mas que raio Slender! Não queria que desse um trato aos humanos na floresta??

Slender- Mas ela é só uma criança! Nem para veres bem. Ela fez te algum mal??

Ben- Não mas...

Slender- Então não tinhas que a atacar!

Ben- Am... Slender...

Slender- O que foi agora Ben ??

Ben - Não achas que tas sofocando a pequena?!

Quando o Slender percebeu do que me estava a fazer largou me e eu cai no chão , estava com dificuldades em respirar. Eles falaram algo só que eu estava concentrada em tentar respirar que não os ouvi bem. Só me lembro de fechar os olhos devagar, bem devagar até começar a me lembrar como era antes de vir para a família... Como sempre , só sonho mesmo com as ultimas memórias que tive. O dia do meu assassinato.



Notas Finais


Tentei fazer melhor só que não me lembrei de mais nada '-'
Sry


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...