História Meu Pequeno Herói - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jinyoung, Mark, Youngjae, Yugyeom
Visualizações 8
Palavras 1.525
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oeee

Capítulo 1 - Volta as aulas


Fanfic / Fanfiction Meu Pequeno Herói - Capítulo 1 - Volta as aulas

Youngjae é um menino muito solitário desastrado  e estudioso, tem uma vida um tanto quanto complicada para alguém de apenas 17 anos.
 
Jaebum um jovem também de 17 anos bem conhecido em sua escola por sua forma agressiva e debochada de tratar a todos.

A maioria das pessoas da escola sabiam sobre os comentários do passado dos dois, oq aconteceu ou a história que eles achavam que havia acontecido para jaebum ter tanto odio por youngjae....

Youngjae sofria de depressão e de auto mutilação pelo ocorrido no seu passado, ele ja havia visitado varios médicos  mais nenhum descobriu o tal motivo para ele se culpar tanto de algo q todos sabiam que não  era culpa de duas crianças de 11 anos...

Segunda pela manhã Youngjae acorda um pouco feliz por ser seu ultimo ano na escola, uma escola isolada em Seul, acordou foi tomar banho e fazer oque tinha costume de sempre fazer se cortar, parado em frente ao espelho ele admirava cada centímetro de seu peito, barriga, braços  e coxas completamente devastado por cortes, não  havia cicatrizado mais ele cortava mais e mais sentindo-se aliviado de certa forma. Tomou banho vestiu uma calça preta e um moletom cinza com um óculos de sol desenhado calçou um all star e foi pra escola, no caminho encontra seu amigo Mark na verdade único amigo, Mark era um ano mais velho q Youngjae pois havia reprovado um ano na es pois morava em Seul a apenas 4 anos e sua mudança  dos Estados Unidos complicou um pouco na escola.
Youngjae encosta levente a mão no ombro de mark .
-Mark  hyung-  diz youngjae um pouco alto para assustar mark que estava perdido mexendo em seu celular
-Poxa Jae precisava me assutar - diz mark um pouco exaltado
-Te gritei mais de mil vezes e vc me ignorou
- Chatoooo- diz Mark bagunçando o cabelo do mais novo

Seguiram pra escola conversando sobre suas ferias youngjae ficou internado em uma clínica para tratar sua depressão mas não queria q mark descobrisse por ele tinha de certa forma vergonha desse seu lado e mentiu falando havia ficando em casa jogando vídeo game as ferias inteiras ja Mark contava como tinha sido suas férias em Los Angeles .
 
Chegando na escola quando adentraram os portões a feição de youngjae mudou de um alegre para uma pensativa.

- O que aconteceu?? - diz o mais velho porem quando olha para frente vê  o motivo  da mudança de humor de seu amigo Jackson rindo e olhando com cara de deboche, Jackson é melhor amigo de jaebum o menino mais insuportável do colegio que perseguia youngjae a tempos.

Mark segura o braço do mais novo lhe puxando para dentro da escola e ele apenas se deixava levar com sua cabeça baixa.

Chegaram e observava uma aglomeração e foram olhar era a lista das salas des de quem  mark chegará dos Estados Unidos eram da mesma sala o mais velho sempre o protegendo de ser agredido por jaebum e seus amigos, porem esse ano eles haviam separados as turmas pelas notas finais Youngjae ficou na turma 3-A Mark na 3-C, eles ficaram triste por serem separados.
 
Enquanto Olhava a lista da sua sala sua expressão mudou.
- Não pode ser - diz youngjae colocando a mão na cabeça  e repetindo varias vezes-  não pode ser, não  pode ser.... assustando mark
- O que aconteceu jae?- pergunta o mais velho
Antes q pudesse responder uma voz conhecida soa com ar de ironia
- Esse ano você não me escapa youngjae não terá mark para te proteger!!!
Quando olham para trás  se depara com jaebum rindo junto com seu amigo Jackson ...
O sinal tocou e cada um foi para sua devida sala youngjae estava recioso porem mark o confortou  falando que tentaria mudar para sua sala.

Youngjae entra na sala e senta na fileira do canto bem longe de jaebum e perto da mesa dos professores.
 
Jaebum levanta vai ate a mesa do castanho com seu amigo fiel Jackson.

- Sentiu minha falta bixinha? - fala o moreno
- Por favor me deixa em paz!!! - ele retruca em som de lamúria e por pouco não  deixava lagrimas rolar. 

A professora entra na sala para seu alívio mais era uma professora desconhecida para todos.

- Todos em seus lugares meu nome é  Lisa e vou lecionar inglês, não aceito alunos preguiçosos - fala colocando sua bolsa em sua mesa....

.....

A aula passou um tanto quanto normal, e finalmente havia chegado o intervalo. Jae havia marcado de encontrar  Mark em sua mesa bem no canto da cantina aonde eles sempre se sentavam... 
Logo após pegar seu lanche andava em direção a mesa um pouco distraído por haver muitas pessoas e barulho coisas que não  o agradava muito, ele tropeçou fazendo com que seu lanche caísse em cima de uma pessoa, ainda  com a cabeça abaixada pela vergonha ele se desculpava desesperadamente.

- me desculpe por favor eu não  tive a intenção... quando olha pra cima se depara com a face de Jaebum lhe olhando com desgosto ele se impulsiona para trás no susto acertando outra pessoa e quando se vira vê  que é  Jackson notanto que havia tropeçado  no pé de Jackson.

JB notavam quando Jae aproximava e falou para Jackson fazer ele cair mais o plano não saiu tão certo pois a comida vou toda em sua roupa fazendo surtar de raiva.

- tinha que ser você ne encosto da sociedade lixo nojento - fala JB chutando a barriga de Jae fazendo tossir  e indo pra cima dela socando com força sua face, JB sentia seu sangue ferver de odio por culpar ele de tudo de ruim que aconteceu com voce. Jae ja mole no chão chega a Diretora afastando o tumulto e pegando os dois pela braço.
- na minha sala agora!!
Os dois seguiram JB rindo baixo e Jae com os olhos lacrimejando.
Por um instante seu sorriso se desfez quando viu uma lagrima rolar no rosto de jae, seu corpo tremeu e le sentiu como tivesse que cuidar de Jae como quando eram crianças, JB sempre perseguia e humilhava jae mais nunca havia visto ele chorar. Foi tirado de seus devaneios quando a diretora abriu a porta e falou para os dois se assentar.

-  Os dois rapazes acha que minha escola virou ring de luta??? -Fala ela em tom autoritário
- Ele jogou comida em mim eu apenas me defendi- fala JB
Antes de Jae falar sua diretora solta uma risada nasalada bem irônica
- então vc gosta de brincar com comida? - apontando para Jae - e você  gosta de bater nos mais fracos?- apontando para JB-  voces dois vão ajudar na biblioteca por três semanas todos os dias após a aula... JB a interrompe
-mas....
- Mas nada senhor Im e a cada dia  que fugir é mais uma semana, estão  dispensados.

JB saiu batendo os pés e indo para sala sentando em seu lugar e notando que Jae não entrou na sala. Youngjae  saiu calmo se controlando para não chorar e foi para o banheiro do segundo andar ja que ninguém usava  pois todos falavam q era mal assombrado. Ali ele se afogou em lágrimas. Esperou a aula acabar pois não queria  que ninguém visse que ele havia choraro, então  após 20 minutos que havia escutado o sinal ele saiu do banheiro para ir para casa.

Sua mãe  estava trabalhando então ele esquentou um prato de comida q estava em cima da mesa com o bilhete: " filho mamãe vai chegar tarde hoje deixei almoço pronto e ao lado da tv tem dinheiro peça uma pizza não sei se vou chegar a tempo de fazer o jantar. Te Amo" ele sorriu pois achou engraçado ela escrever mamãe pois há tempos não chamava ela assim.

Subiu para seu quarto se jogando na cama quando ouviu seu celular foi olhar era uma mensagens de Mark:
Mark hyung
Oq acontecer jae??
Eu
Nada ^-^ .
Mark hyung
Como nada me contaram que Jaebum aquele demônio te bateu.
Como você está?

Jae chorou tanto atarde que esqueceu que havia apanhado levantando e seguindo ate o banheiro de seu quarto olhando no espelho vendo seus olhos inchados de tanto chorar e seu boca vermelha de sangue e um pouco inchada fitou-se por uns 20 minutos ate ser cortado do transe pelo barulho de seu celular.
Abaixou lavou o rosto tirou o sangue seco de sua boca e voltou para o quarto pegando o celular vendo q havia mais cinco mensagens.
Mark hyung
Jae???
Jae????
Kd vc???
Vc está bem????
Grrrrrr aparece
Eu
Oiee estou bem ♡♡ desculpa a demora..
Hyung vou dormi um pouco, obrigada pela preocupação ^-^.
Mark hyung
Tudo bem baixinho dorme bem♡.


JB chegou em casa pensando aonde Youngjae havia se metido subiu para o seu quarto pois sabia que sua mãe estaria na empresa des de cedo, deitou na cama pegando um travesseiro colocando sobre seu rosto abafando  e gritando o mais alto que podia, se sentou na cama olhando o proprimo tênis.

- por que esse garoto não sai da minha cabeça??- falou deitando na cama
 Se perdendo em seus pensamentos pegou no sono.


Notas Finais


Primeira vez que escrevo então... Contínuo ou devo excluir??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...