História Meu Primeiro Amor - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Culpa É Das Estrelas, A Teoria de Tudo, Alice no País das Maravilhas (Alice in Wonderland)
Personagens Absolem, a Lagarta, Personagens Originais, Rainha Branca, Rainha Vermelha
Tags Romance
Exibições 26
Palavras 479
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Magia, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Drogas, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 19 - Vc tem que me escutar!


~~ AUGUSTUS

Eu não esperava isso da Ranzel, eu tava desesperado,  ela tinha desmaiado,  ali. Eu não sabia o dizer pra mãe dela, eu tinha que focar no trânsito,  que também não tava ajudando muito. Eu tenho que chegar lá!  Rápido.

[...]

Chegamos no hospital e levaram a Ranzel direto pra emergência, colocaram ela no oxigênio e dali eu só podia esperar. Ela ainda estava inconsciente, e isso tava me deixando preocupado.
- como ela tá?  -- pergunto pra uma enfermeira.
- está bem! Seus batimentos cardíacos estão moderados, ela deve voltar pra casa em breve.
- como assim em breve?
- daqui a uns dois ou três dias.
- DOIS OU TRÊS DIAS?  mas ela não tava bem???
- sim,  mas deve ficar em observação.  Só pra previnir que algo de ruim aconteça,  agora... se me der licença,  eu preciso ir.
- okay, desculpe.
- gus??? -- era a mãe dela.
- oi... -- falei seco -- será que eu posso entrar lá? 
- claro!  Ela já tá acordada.
- valeu!

**entrando no quarto

- Ranzel?
- gus. -- ela fala num tom de voz baixo e vejo que algumas lágrimas molhavam seu rosto pálido.
- como você tá?  -- pergunto enquanto me sento numa cadeira perto da cama dela.
- pelo jeito... Não tô tão bem --enxugo as lágrimas de seu rosto com a minha mão.
- por que você tá chorando?
- eu... queria tá em casa. Sabe, você era pra tá em casa.
- eu poderia está em casa sim.
- Então por que não tá?
- por que eu prefiro cuidar de você.-- abro um sorriso.
- valeu, por tudo.
- eu falei pra anna, sobre o que tinha acontecido. --falo sério.
- o que ela disse?
- que você devia parar de ser besta e devia ir fazer logo esta mierda de tratamento.
- essa Anna. -- ela fala abrindo um sorriso,  e eu retribuo.
- quando eu volto pra casa?
- daqui a uns dois dias.
- DOIS DIAS?
- ei! Nada de mais! Minha guerreira aguenta.
- sua guerreira? -- ela olha confusa
- sim -- arqueio uma sobrancelha
- por que?
- por que apesar de tudo você me aguenta.
- Então você é mais do que um guerreiro...--ela me encara-- tá me aguentando aqui nesse hospital. -- ela sorri.
- eu faço tudo por você. -- chego mais perto dela -- minha linda.
A gente ia se beijar e eu escuto a porta do quarto abrindo, era a mãe dela, me afasto dela por impulso e finjo está com tosse.
- gus... - a mãe dela me encara. -- ela tá bem? -- seu olhar se vira para a filha deitada numa maca de hospital.
- ta melhor -- a Ranzel me encara com um sorriso no rosto,  pelo acontecido de quando de quando sua mãe entrou no quarto.

   


Notas Finais


E aí? O que acharam? O comentário de vcs é bem importante para mim.

~~~~~~~BJS ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...