História Meu primo mais velho - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Suga, V
Tags Namjin, Vkook, Yoonmin
Visualizações 34
Palavras 1.742
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


É minha primeira fic de BTS/kpop, então desculpa qualquer erro.

1° Nada aqui é pra julgar e xingar nenhum dos membros do grupo, é apenas humor
2° Essa fic é incesto, então,se você não gosta,não leia.
3° Eu tô nervouser porque é minha primeira fic sobre Kpop e essas coisas.

Espero que gostem ❤

Capítulo 1 - Capítulo I


Fanfic / Fanfiction Meu primo mais velho - Capítulo 1 - Capítulo I

10:00            Park Jimin 

Mas um dia nublado e frio,mas um dia para eu me a levantar e pensar no que fazer da vida. Já tenho uma noção de que vou passar a tarde em casa mexendo no meu celular.

Prazer,meu nome é Park Jimin,tenho 18 anos e moro em Seul. Acabei meus estudos ano passado junto com meu primo mais velho Min Yoongi,e junto com alguns amigos dele que eu acabei fazendo amizade.

Acabei de acordar, então eu estou pessimo,queria estar dormindo,mas minha mãe teve que me acordar para ajudar ela a arrumar a casa porque hoje vamos jantar na casa dos meus tios.

Sem nenhuma força de vontade,me a levanto e vou em direção ao banheiro e faço minhas higienes matinais e visto uma roupa adequada para se andar em casa, calço meus chinelos e desço para o andar de baixo.

Minha mãe estava colocando um prato com frutas em cima da mesa,e meu pai estava lendo um jornal na ponta da mesa,em sua frente estava a sua xícara de café sem açúcar em cima de um pretinho pequeno.

Me sento na outra ponta e suspiro,eu estava cansado demais,ontem JungKook convidou eu e meu primo para irmos a uma festa,e adivinha quem teve que cuidar de todos os bêbados sozinho?isso mesmo,o Jimin aqui.

Eu queria saber o porquê de eu ser tão trouxa e aceitar de ir em festas com os amigos do meu primo,não sei como que eles conseguem beber tanto assim.

E Taehyung fez questão de vomitar no carro, é sério. Acho que da próxima eu vou beber pra ver no que vai dar...ou melhor não!

Com esse meu falatório todo,eu já tinha acabado de comer e acabei de limpar meu prato e meu copo,de manhã eu não como muito, principalmente em dia de ressaca.

Minha mãe iria me chamar para ajudar ela a fazer o almoço,então subi para meu quarto e fiquei vendo televisão e atualizando minhas redes sociais,o Twitter para ser bem específico.

(...)

Eu estava varrendo a casa enquanto minha mãe falava no telefone com a minha tia,injusto isso. Eu poderia falar no telefone também...

Término de passar a vassoura na casa e coloco a sujeira no lixo,minha mãe me olha e sorri,logo desliga o telefone.

- Bom trabalho,filho - ela diz e passa as mãos em meu cabelo bagunçando um pouco - Yoongi vai dormir aqui hoje!

Juro que nessa hora eu travei,o porquê?não sei. Meu coração começou a acelerar e eu comecei a pensar em mil e uma coisas que não vem ao caso agora.

- Ok - assinto e subo para meu quarto. Pego meu celular em mãos e ligo para o Taehyung,que querendo ou não era meu melhor amigo.

- Que porra que tu quer Jimin?

- Primeiramente,Oi - digo - e segundo: CADE A PORRA DA EDUCAÇÃO TAEHYUNG?

- Não sei,tô procurando - ele diz e ri

- Nossa,eu tô é procurando esse teu humor hein - reviro os olhos - Yoongi vai dormir aqui!

- Tá,e oque tem?

- Porra Taehyung,tu é mais lerdo que eu - digo - não sei se tu tá lembrado,mas eu gosto dele!

- Mas ele é teu primo!

- E daí?Não sabemos se ele é adotado ou não

- Para de falar merda Jimin - ele ri - mas é uma grande possibilidade!

- Enfim,Preciso desligar,tchau - digo

- Pera aí - ele diz - eu tô gostando do JungKook

- OQUE? - digo e ele desliga na minha cara

Taehyung tu me paga.

Me a levanto da cama e troco de roupa,ainda era de tarde daria tempo de eu ir para a casa do Taehyung tirar satisfações do que está acontecendo.

- Mãe,vou na casa do Tae e já volto,ok?

- Ok filho,mas volte cedo - ela diz e eu assinto. Destranco as portas da casa e começo a andar pelas ruas da cidade com as mãos no bolso do moletom que eu estava.

Eu morava perto da casa do Taehyung,então eu já estava perto do apartamento dele.

Após uns minutos,chego e o porteiro deixa eu entrar,ele já me conhecia de tanto que eu vinha aqui quando terminei meu namoro e quando Tae levou um fora pela primeira vez.

Subo pelas escadas mesmo,e logo estou no andar do apartamento do mais novo,logo bato na porta do mesmo e ele abre.

- Que porra tu tá fazendo aqui? - ele pergunta

- Que negócio é esse de estar gostando do JungKook? você gostava dele a quanto tempo? - pergunto já entrando na casa e ele logo fecha a porta

- A um mês - ele sorri torto

- E porque você não me falou, você sabe que somos amigos a um bom tempo Taehyung - digo sério

- Desculpa,mas agora você sabe,e eu preciso de ajuda - ele diz e senta ao meu lado no sofá

- Pra que? - pergunto

- Pra que? - ele ri - JungKook tá dando tiro pra tudo que é lado,vou perder o boy

- Tu quer minha ajuda pra juntar vocês dois?

- Sim - ele sorri

- Só se...- penso - você me ajudar a juntar eu e o Yoongi - digo

- Ok - ele assente feliz - tu não tem noção do quanto eu gosto dele

- A peste está se revertendo para romântico? - dou uma risada alta

- Idiota - ele dá um tapa no meu braço

- AI - digo passando a mão pelo local onde ele me bateu

(...)

Eu já estava em casa,dessa vez eu estava no banheiro arrumando meu cabelo de um jeito que eu não fique feio, falando nisso eu preciso pintar meu cabelo...porque?não sei,porque acho interessante pintar o cabelo.

Minha mãe me chama e eu pego meu celular e coloco no meu bolso,e desço para o andar de baixo e logo fomos para onde o carro estava. Meu pai iria dirigindo dessa vez,nao seria minha mãe,na maioria das vezes quem dirigi é ela...

Entro no carro e coloco o cinto e fico mexendo no meu celular fazendo vários nada e tirando umas fotos minhas,que eu não tirava a muito tempo.

Enquanto eu tirava fotos e via umas fotos minhas antigas,o tempo passou e chegamos na casa dos meus tios. Tiro meu cinto e saio do carro com o coração na mão,eu estava nervoso por um motivo que muitos já devem saber e eu acho desnecessário falar não é mesmo.

Minha tia abriu a porta e nos cumprimentou,a mesma disse que Yoongi estava no andar de cima junto com o Namjoon e o Jin. Assinto e subo. Logo ouço os gritos do Jin com o Namjoon.

- Mal cheguei,e já estão gritando - digo entrando no quarto

Yoongi me olha e ri,logo volta a atenção para o lego que eles estavam tentando montar.

- Lego?Nossa,que maturidade para quem é o mais velho hein Jin - digo rindo e fecho a porta,logo me sento no lado do Namjoon,já que Yoongi estava ao lado do Jin.

- Vai jantar aqui? - Namjoon perguntou

- Sim - respondo olhando para uma parte do lego que Jin estava montando

Ele assente e volta a atenção para o brinquedo que estava na nossa frente.

Após longos minutos, terminamos o lego,que aparentemente eles estavam montando desde de muito tempo.

- Meninos,vem comer - A minha tia nos chama e nos descemos. Jin estava sorrindo que nem louco ao lado de Namjoon.

Yoongi olha pra trás e os dois estão rindo e de mão dadas e logo me cutuca para eu olhar. Eu olho e dou uma risadinha e volto a atenção para a escada.

Poderia ser eu e o Yoongi?poderia,mas somos primos então seria meio errado!

Nos sentamos na mesa separada dos adultos e ficamos conversando sobre os tempos de escola,que por mesmo que era cansativo,dá uma saudade e um aperto no coração.

Ser "grande" desenvolve muita responsabilidade,uma coisa que eu nunca tive,então fica difícil pra mim pra eu pelo menos tentar ser um menino de 18 anos normal. Mas não,eu era uma criança em corpo de um menino de 18 anos de vida.

As vezes eu era infantil de mais,e às vezes eu era sério de mais,e eu sou infantil e sério nas horas erradas.

Me lembro que no velório da nossa avó,eu e Yoongi estavamos brincando de carrinho,a gente era muito pequeno e não entendiamos muito bem,e a gente levou carrinho escondido,e começamos a brincar. E adivinha quem começou a rir no meio de um velório?isso mesmo,se você chutou o meu tio, você errou bem feio..

Eu e Yoongi começamos a rir no meio de um velório,pensa que as nossas mães queriam tacar os carrinhos dentro de uma privada e puxar descarga e depois rir da nossa infelicidade por ter perdido nossos carrinhos.

Então,já sabem que precisam sempre ver os bolsos e a bolsa de seu filho,nunca se sabe oque ele pode fazer com seu primo em um velório.

Terminamos de comer e levamos os pratos na pia e subimos para o quarto do Yoongi.

- Yoongi - chamo o mais velho - tu não quer ter um apelido?

- Apelido?Pra que? - ele pergunta

- Deixa eu pensar - fiquei pensando por vários segundos até vir em minha mente um apelido - Suga!

- Gostei - ele diz pensativo

- Eu e o Namjoon já vamos ok? - Jin diz e se despede de nós dois,nos deixando sozinho e pensando no que falar.

- Jimin - ele me chama - você gosta de alguém?

Nesse exato momento eu gelei,tipo,muito.

- Não - digo - e você?

- Não sei - ele responde confuso

E assim terminou a conversa,e ficou um silêncio constrangedor no ar,me fazendo ficar com agonia.

- Saudades - digo

- Do que?

- De quando eu era menor e tinha inocência - digo rindo

- Realmente - ele ri de volta

Ficamos conversando sobre algumas coisas que fizemos juntos quando éramos menor. Eu e Yoongi não éramos santos,mas também não éramos uns capetas como somos hoje.

Logo minha mãe nos chama pra ir embora, Yoongi iria dormir lá em casa,mais um motivo pra eu estar com o coração na mão.

(...)

Eu estava arrumando a cama do Yoongi pra ele deitar,já que ainda não podemos dormir juntos...

Término de arrumar e o mesmo se taca na cama.

- Faça questão de não desarrumar,porque eu arrumei tudo sozinho - digo me deitando na minha cama

- Ok,senhor mandão - ele diz e ri

Me a levanto e desligo a luz,logo volto para a minha cama,mas eu acabo tropeçando no pé de Yoongi fazendo eu cair na minha cama. Ainda bem,não queria cair em cima do Yoongi.

- Tá precisando de óculos hein Jimin - ele diz sarcástico

- Engraçadão - digo e reviro os olhos

- Boa noite - ele diz

- Boa noite - digo e fecho meus olhos,logo adormeço.


" Se eu pudesse fazer tudo isso,seria tão legal.

Se nós apenas pudéssemos ir a qualquer lugar.

Para comer e assistir um filme confortavelmente.

Eu faria qualquer coisa,garoto"


Notas Finais


DESCULPA QUALQUER ERRO KKKKK

Comentem oque acharam e pelo amor de Deus,não me xinguem caso esteja algo errado ok?

Comentem oque acharam,e flw ❤
Espero vocês no próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...