História Meu Professor de Francês - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Justin Bieber, One Direction, Zayn Malik
Exibições 68
Palavras 1.477
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


B
O
A

L
E
I
T
U
R
A..... BEIJOS!!!!!

Capítulo 13 - Tragédia


Fanfic / Fanfiction Meu Professor de Francês - Capítulo 13 - Tragédia

"No capítulo anterior...

P.O.V Justin Bieber


- MAS EU ESTOU ARREPENDIDO CARAMBA, NÃO DÁ PARA ACEITAR ISSO? QUER QUE EU ME AJOELHE AQUI É ISSO?- perguntei me ajoelhando em sua frente. Eu nunca fiz isso por uma mulher, principalmente implorar de joelho.
- Justin levante daí, aceite eu não te perdoo.- falou com a voz fraca e chorando.
- OK. Eu desisto de você Lola. DESISTO DE CORRER SEMPRE ATRÁS DE VOCÊ, SENDO QUE VOCÊ SEMPRE FOGE DE MIM. Só não venha mais atrás de mim. E não se preocupe eu não venho mais atrás de você.- falei e logo sai a deixando lá chorando.

 

...........................................................................................................................................................................
 

Chego em casa e coloco as chaves do carro na mesinha de centro. Pego uma jarra que estava na mesa e arremesso contra a parede fazendo a mesma se despedaçar. Pois é eu Justin Drew Bieber de 24 anos chorando por uma garota de 18 anos. Sento no sofá e afundo meu rosto em minhas mãos e choro lá mesmo.
 

P.O.V Autora Narrando
Enquanto Justin chorava em sua casa, Lola fazia o mesmo em seu quarto pensando:
" Eu não esperava isso... Não esperava que ele desistisse"
Os dois jovens podem estar sofrendo agora mas isso não será a única coisa que vão os separar... Não como eles pensavam...


.........................................................................................................................................................................................................

Três semanas se passaram e Justin cumpriu o que havia dito a Lola: Não a procurou mais.

Era uma quinta- feira chuvosa naquela manhã, Lola se arrumava para ir ao colégio em quanto Justin já havia chegado no mesmo. E m frente ao público os dois agiam normal, mas eles sabiam que nada estava bem para eles, cada dia eles davam um sorriso falso para disfarçar a magoa que eles sentiam.

(Em um lado do colégio...)

- Oi Lola.- falou Logan chegando perto dela.

- Olá Logan.- respondeu Lola.

- Olha... eu andei percebendo que você anda diferente essas semanas.- falou Logan se sentando no banco do jardim ao lado da garota.

- Não é nada preocupante, só que eu tenho sentindo sensações estranhas como se algo fosse acontecer.- bom, no final da frase Lola não mentiu. Ela anda sentindo coisas como se algo de ruim fosse acontecer. 

Depois dessa conversa eles foram para a sala e começaram a prestar atenção na aula.

(...)

P.O.V Justin Bieber

Havia se passado três semanas que eu ignorava Lola, como ela havia pedido.

Ouço meu celular vibrar indicando ter chegado mensagem e logo vou ver:

 

Preciso falar com você. Estou na cidade .XoxoPai

Ok, onde e que horas?XoxoJB

No Starbucks daqui uma hora.XoxoPai

Bloqueei a tela do celular e entrei na sala de aula:

- Bom Dia turma.- comprimento a classe.

- Bom Dia.- eles respondem.

Começo a passar a matéria na lousa até que um de meus alunos me chamam:

-Professor, come se fala Me esquece em francês?- perguntou

- Moi Oublier.- respondi.

- Obrigado.- falou

........................................................................................................................................................................................

Já havia se passado aquela aula e era meu horário de almoço agora. Sai do colégio e segui para o Starbucks encontrar meu pai e saber o que ele quer.

Entro no local e olho para os lados até encontrar o coroa. Vou até a mesa que ele está.

- Oi pai.- falei me sentando na cadeira.

- Oi Justin.- falou tirando sua atenção do cardápio e me olhando logo em seguida.

 

P.O.V  Lola Mackenzie

Já havia dado a hora de ir embora do colégio. Cheguei em casa e fui para meu quarto e decidi tomar um banho. Depois que sai do banho fui até o meu closet e peguei essa roupa: uma lingerie branca e um macacão preto. Penteei meu cabelo, e deixei solto. Logo escutei meu celular vibrar, fui em direção ao mesmo e vi uma mensagem de Taylor:

Oi Lola, vai fazer alguma coisa agora? XoxoTay

Não porque?Xoxo Lola

Topa tomar um sorvete? Xoxo Tay

Pode ser..... que horas?XoxoLola

Ótimo... daqui a pouco estou aí!XoxoTay

Bloqueei o celular e fui colocar um vans amarelo, fiz um rabo de cavalo e passei um gloss rosa.

Ouço a campainha tocar, pego meu celular, dinheiro. Desci as escadas e atendi a porta:

- Oi Tay.- falei

- Oi Lola, você tá linda.- disse me fazendo corar.

- Obrigado.- falei, fechei a porta e fomos para a sorveteria. 

Chegamos lá e escolhemos um lugar para sentar-mus.

- Boa Tarde, o que desejam?- perguntou a garçonete  que falava direcionando o olhar para Taylor. Que Vadia.

- Eu vou querer um Milk Shake de Ovomaltine, querida.- falei a encarando.

- Eu quero o mesmo só que de Morango.- falou Taylor.

Logo tomamos nossos sorvetes e ficamos conversando, até meu celular tocar:

- Alô?-  pergunto já que era um número desconhecido.

- Aqui é do Mount Sinai Hospital.- disse a recepcionista.

- Pois não?- perguntei desconfiada

- Você é parente da Sra. Mackenzie e Sr. Mackenzie?- perguntou

- Sim, aconteceu algo?- perguntei aflita.

- Infelizmente sim, senhorita, eles acabaram de dar entrada aqui no hospital em estado grave. Parece que ouve um assalto e eles acabaram reagindo.- disse a moça do outro lado da linha.

Não respondi nada, apenas desliguei o celular e sai correndo. Taylor sem entender nada pagou a conta e veio atrás de mim.

- Lola, o que ouve? Por que está assim?- perguntou.

- Taylor... M-meus pais, eles... e-eles estão no hospital em estado grave.- respondi chorando, ele me puxa para um abraço e eu correspondo. Ele destravou o carro e entramos no mesmo indo em direção ao hospital. Eu agradecia por minha irmã não estivesse comigo nesse momento, apesar de que eu nem saberia direito qual seria a reação de uma criança de apenas 9 anos.

Quando chegamos no logar desejado eu desço do carro correndo e vou direto para a recepção.

- Por favor, eu gostaria de saber sobre  Jenna  e Thomaz Mackenzie.- falei para a moça de óculos em minha frente. A recepcionista mexeu em seu computador e logo se virou para mim:

- Bom a Sra. e o Sr. Mackenzie estão em sala de cirurgia faz pouco tempo. Eu irei avisar o Doutor McClark que um parente chegou. Eu gostaria que você completasse a ficha dele.- disse ela e eu assenti.

.....................................................................................................................................................................................

Depois de passar quase 5 horas esperando notícias ouço uma voz grave falar:

- Parentes do Sr. e Sra. Mackenzie.- falou olhando para os lados. Me levantei rapidamente com Taylor.

- Sou eu, como é que eles estão? Algo de grave?- perguntei.

- Bom, eu não trago boas. Me desculpe, mas tentamos de tudo só que eles não resistiram.- falou

Eu não acreditava em que eu havia ouvido, meus pais haviam partido. Como eu iria explicar isso para Manddie? Minha única reação foi chorar. Taylor me abraçou tentando me confortar, mas não funcionava. 

..........................................................................................................................................................................................

Depois de  arrumar a papelada do hospital eles encaminharam os corpos para o IML, em quanto eu resolvia as coisas do enterro.

( 1 semana depois)

Depois do que aconteceu muita coisa mudou apesar do pouco tempo, alguns familiares compareceram no  enterro de meus pais, foi difícil dizer isso para Manddie, que chorou muito depois disso.

As empresas que eles tinham fecharam e deixaram de herança o dinheiro delas para mim e para Manddie que só poderá usar com seus dezoito anos. No começo o pessoal da escola me encarava com pena, dó, mas logo passou. E o Professor Bieber? Bom tá rolando um boato de que ele terá que sair da escola por motivos familiares. Eu liguei para a Agência de Modelos e decidi aceitar o contrato, e uma agência de boa confiança, eu começarei a tirar fotos a partir das férias de Julho que é daqui três dias.

Estava na última aula, Francês. Professor Bieber havia passado bastante matéria naquele dia até que...

- Turma, eu gostaria de dar um recado. Eu gostaria de anunciar de que eu não vou trabalhar mais aqui depois das férias por problemas pessoais.- disse e a classe resmungou (as garotas) em negação. E assim foi o dia, quando sai do colégio fui até a escola da minha irmã, pois é, agora a responsabilidade é maior.

Quando chegamos em casa peço para a cozinheira preparar o almoço em quanto eu tomava banho e Manddie. Saio do banho e me visto: um short folgado, uma regata e uma lingerie.

Ouço meu celular tocar e vou atender:

Ligação On:

- Sim?- perguntei

- Lola? sou eu Elizabeth.- disse minha empresária.

- Pode falar Liza.- disse eu.

-Olha essa não pode ser uma notícia boa para você mais é muito importante para sua carreira.- ela disse me fazendo ficar nervosa. - Você terá que se mudar junto com Manddie para Los Angeles.- falou por fim.

- OQUE? Eu não posso largar toda minha vida aqui em Toronto.- falei.

- É para o bem de sua carreira Lola, pense bem.- dito isso ela desligou.

Ligação Off.

E agora? O que eu faço?

 

CONTINUA...?

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Obrigado pelos favoritos e comentários.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...