História Meu Querido Híbrido... {Correção} - Capítulo 106


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Bts, Fluffy, Jikook, Lemon, Mpreg, Namjin, Surubangtan, Taeyoonseok, Yaoi
Visualizações 559
Palavras 1.683
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá

Rélou

Hola

Annyeong (acho que tá errado masokay)

Gente, POR FAVOR! COMENTEM O QUE ESTÃO ACHANDO DA FIC, EU NECESSITO SABER O QUE ESTÃO ACHANDO DA MINHA VOLTA TRIUNFAL, ACEITO CRÍTICAS CONSTRUTIVAS!

COMENTEM POR FAVORR!!!!

Avisinhos:






ESSA PORRA TÁ DESTRUIDORA PRA CARALHO, CUIDADO!

Não esqueçam que a Unnie ama vocês tá? Vocês são meus pandis <3 (É pandis mesmo, tá? Isso foi pra você que achou que eu escrevi errado... Humpf...)

SÓ MEUS

Desculpa os erros ortográficos e Boa leitura <3

Capítulo 106 - Nós temos que conversar Jeon {Parte 2}


Fanfic / Fanfiction Meu Querido Híbrido... {Correção} - Capítulo 106 - Nós temos que conversar Jeon {Parte 2}

P.O.V Jungkook

-O que será que ele quer falar comigo?- Pensei enquanto olhava para o mesmo.

O humano branquinho estava deitado na grama do chão ao meu lado, ele vestia um casaco moletom florido e uma bermuda de moletom cinza.

Yoongi olhava para o céu de uma maneira fixa, parecia que ele estava em "outra dimensão".

Eu me encostei no tronco da árvore que estava atrás de mim e fiquei observando o céu junto com o humano.

-Você acha que... Eu sou um bom dono?- ele perguntou enquanto fitava o céu.

Eu não entendi direito aquela pergunta, não sabia se ele estava falando em relação ao Hoseok ou ao Tae-Tae.

-Bom dono em relação á que?- perguntei e então desviei o meu olhar do céu para o humano.

Ele bufou e disse:

-Bom dono em relação ao Tae e ao Hobi... Eu acho que eu podia, sei lá, ser melhor?- ele disse com a voz um pouco confusa.

-Você não se acha suficiente para eles?- perguntei e então de repente os meus olhos e os do Yoongi se encontraram.

Ele me olhava de uma maneira séria, sua expressão facial era séria, mas seus olhos expressavam tristeza.

Nunca me esqueço do que o Jinnie me disse uma vez...

Flashback ON

Naquele dia eu entrei com muita raiva em casa, na noite anterior Jiminie se recusou á me dar um selinho quando chegou do trabalho e aquilo doeu muito. Afinal Jiminie sempre me deu um selinho quando ele chegava do trabalho, mas não era só pelo fato dele ter se negado á me dar o selinho. Naquele dia ele estava muito impaciente porque quebraram alguns móveis do restaurante quando foram levar da loja para o mesmo. Jiminie recusou toda e qualquer expressão de afeto que eu queria dar á ele, ele parecia uma cobra se desviava de tudo.

Depois de tanto insistir eu desisti e saí do nosso quarto batendo o pé, fui para o jardim e quando eu me sentei na grama, o Jin apareceu vestindo uma cueca e uma camisa do Namjoon que parecia um vestido nele. O mesmo se sentou do meu lado e perguntou:

-Kookie, porque está chateado?-

-Eu não estou chateado Jinnie.- Falei como se nada tivesse acontecido entre eu e o Jiminie.

Ele soltou um rosnado baixinho e disse:

-Está sim, você está chateado. Melhor dizendo, você está triste.-

Quando ele disse isso eu tomei um susto e olhei nos olhos dele.

-Como você sabe que eu estou triste?- perguntei de uma forma espantada.

-Seus olhos...- ele disse e em seguida pegou na minha mão e entrelaçou nossos dedos.

Ficamos um tempinho em silêncio e então eu perguntei:

-O que tem os meus olhos?-

-Seus olhos estão tristes.- ele me respondeu.

Fiquei um bom tempo confuso até que ele me explicou.

-Jeon, você pode ser o melhor ator de todos. Mas você nunca na sua vida vai conseguir esconder 100% as suas emoções, seus olhos vão te dedurar, sabe o porquê?- ele perguntou rindo.

Eu fiz sinal que não com a cabeça e então ele respondeu:

-Porque os olhos são as janelas da alma.-

Em seguida Jinnie me empurrou no chão, montou em cima de mim e começou á fazer cócegas em mim.

[...]

Flashback OFF

-É por isso que está triste Yoongi? Por que não se sente suficiente para eles?- perguntei e então o humano ficou calado.

Depois de alguns segundos ele respondeu:

-Eu não sei se... Eles dois gostam... Da maneira que eu os trato...- ele falou como se fosse um susurro.

-Por que você não pergunta á eles?- perguntei e em seguida dei um sorriso.

Ele ficou muito pensativo quando eu falei, parecia que o mesmo estava pensando no por quê ele não faz isso.

Depois de um tempinho, Yoongi se levantou do chão e deitou no meu colo.

-QUE? SERÁ QUE ELE VAI QUERER QUE EU PAGUE A MINHA DÍVIDA AGORA?- Pensei e logo em seguida senti o rosto do Yoongi tocando a minha barriga.

Depois de um tempo, o corpo do mesmo começou á tremer. O que me fez ficar preocupado.

-Y-Yoongi... Está tudo bem?- perguntei com um pouco de medo da resposta.

O humano puxou a minha camisa e apertou a mesma contra o rosto.

-Eu sou um monstro...- o mesmo susurrou baixinho.

Aquilo me deixou com pena dele, se sentir assim é muito ruim e eu digo isso porque eu já tive essa experiência.

Por um instante, eu me esqueci dele.

Por um instante, eu parei de pensar em coisas infelizes.

Por um instante, eu me senti especial.

(Nota da Unnie -u-/ : A primeira frase se refere ao Jimin, A segunda é que desde que o Jeon fugiu ele não para de pensar no por quê o Jimin fez isso e a ultima frase é que ele estava sofrendo muito com todos os ocorridos. ~Esse foi um guia para as pessoas lerdas/Pessoas como eu.)

Eu tirei o humano do meu colo, o que fez o mesmo me encarar de uma maneira confusa.

-Você não é um monstro.- Eu falei em seguida

-E-Eu sou sim, veja as coisa que eu já fiz com o Tae...- Yoongi respondeu e então as lágrimas começaram á escorrer pelo seu rosto.

-Se você fosse um monstro, eu não faria isso.- Falei e me joguei em cima do humano.

Montei em cima do mesmo e selei nossos lábios de uma maneira um tanto bruta e forçada, mas Yoongi não tentou nos separar em momento algum.

Depois de um tempo só com os lábios colados, fui surpreendido ao sentir o humano pedindo a passagem com a língua. Fiquei em uma dúvida momentânea mas eu resolvi ceder.

Quando nossas línguas se tocaram, parecia que nós dois haviamos esquecidos dos nossos problemas, parecia que só havia nós dois na terra, parecia que...

...

...

Isso é errado...

Assim que esse pensamento me veio á cabeça, eu separei os nossos lábios e arfei de uma maneira desesperada pela falta de oxigênio. 

Enquanto eu arfava, o humano foi depositando selares na minha bochecha até a minha clavícula e assim que chegou na mesma deu um leve chupão e continuou á beijar a extensão da mesma.

-Ahhh, Y-Yoongi pa-pare.- eu pedi e empurrei levemente a cabeça do mesmo.

Sem hesitar, o humano parou na mesma hora e ficou me olhando nos olhos.

-Você não gostou?- Ele perguntou com um certo brilho nos olhos.

-Nã-Não é isso, é que eu... Você sabe...- tentei enrolar ao máximo e então o humano perguntou:

-Você se lembrou do Jimin, não é?-

Um nó muito apertado se formou na minha garganta e eu balancei a cabeça dizendo que sim.

Eu senti as lágrimas se acumulando nos meus olhos, e sem querer um soluço baixinho escapou dos meus lábios.

-Aii Jiminie... Que saudade, Minnie...- era a única coisa que eu conseguia pensar.

-Esqueça ele e fique comigo Jeon, você é especial para mim.- Ele disse de uma maneira que tentasse me convencer.

-E-Eu tenho esperanças de que ele não fez essas coisas Yoongi, Jiminie não é de fazer essas coisas. Eu sinto que Jiminie não fez essas coisas.- Falei enquanto várias lágrimas escorriam pelo meu rosto.

Yoongi me observava de uma maneira preocupada,  logo em seguida ele pegou o seu celular e ficou mexendo no mesmo por um tempinho.

-Se lembra daquela notícia ruim?- ele perguntou.

Na hora me deu um gelo da espinha, mas eu ignorei o fato de estar sentindo o nó na garganta e fiz sinal que sim com a cabeça.

-Olhe isso.- 

Quando o humano me deu o celular, eu me senti destruído.

Era uma foto do Jimin e de uma menina em uma espécie de cafeteria.

Na mesma hora eu senti o nó na minha garganta se desfazer e então veio á tona toda aquela vontade de chorar que estava guardada.

Eu coloquei o celular do humano no chão com cuidado e abracei o mesmo com força.

-Y-Yoongi isso não é justo!- Eu gritei em meio á soluços e a gemidos.

O humano me abraçou e ficou acariciando a minha cabeça.

Yoongi ficou comigo a noite toda lá no jardim me acalmando, é incrível como pessoas como ele, geralmente se sentem como monstros ou algo do gênero.

Depois de tanto chorar e de me lamentar, eu me encostei no ombro do humano branquinho e acabei cochilando.

P.O.V Yoongi

Aish... Jeon parecia um bebê, só chorava e isso partia o meu coração.

Ele é um amor de híbrido e eu não posso acreditar que o Jimin deixou ele por uma simples humana, isso é burrice e eles dois tem filhos juntos.

Admito que fiquei muito surpreso quando fui aquela cafeteria e encontrei os dois lá.

Eu fiquei submerso em meus pensamentos sobre o Jimin e a tal menina que quando eu me dei conta, Jeon dormiu encostado no meu ombro.

Eu sorri e falei baixinho:

-Você vai dormir comigo hoje, mas vai ter que tomar banho antes. Espero que não seja chatinho para se limpar.- eu falei e peguei o ômega em meus braços.

Assim que chegamos no meu quarto, eu deitei o híbrido da minha cama e fui para o banheiro.

Liguei a banheira e assim que ela estava cheia, eu fui para o quarto acordar o jovem ômega.

Me sentei ao seu lado na cama e o cutuquei devagar.

-Jeon, acorde.- falei e o cutuquei algumas vezes.

O ômega resmungou algumas coisas sem nexo e em seguida fechou nos olhos novamente.

Eu o cutuquei mais uma vez e então ele disse com a voz sonolenta:

-Yoongi... Eu estou com sono...-

Eu ri baixinho e disse:

-Mas você tem que tomar banho.-

Depois de tanto insistir eu consegui fazer o ômega sair da cama e ir ao banheiro.

Assim que entramos no mesmo, eu percebi que havia esquecido a toalha.

-Jeon eu esqueci a toalha, eu vou lá buscar. Pode ir tomando o seu banho.- eu falei e saí do banheiro.

[...]

Assim que eu peguei a toalha, voltei ao banheiro e tomei um susto com o que eu vi.

Jeon estava sem roupa, de quatro no chão do banheiro e assim que me viu pediu:

-Y-Yoongi... Me faça esquecer dele.-

-J-Jeon o que está fazendo?- eu falei, coloquei a toalha em cima do vaso sanitário e levantei o mesmo.

Quando ômega estava de pé, ele me abraçou e esfregou seu membro totalmente ereto em cima do meu por cima dos tecidos.

-Min Yoongi, eu te imploro.- ele gemeu e começou á beijar o meu pescoço.

-Je-Jeon você está com muito sono, está fora de si.- Eu falei e comecei á balançar o mesmo.

O ômega segurou o meu pulso e disse:

-Eu só quero esquece-lo, por favor Min Yoongi, me ajude.-

E agora? O que eu faço?

(A: Não esqueçam de comentar no capítulo)







Notas Finais


Eitaaaa

Ai gente... Meu coração partiu escrevendo esse capítulo :-:

NÃO ESQUEÇAM DE COMENTAR!

O próximo sai amanhã -u-

Amo vocês<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...