História Meu Querido Professor - Capítulo 44


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Luna Valente, Matteo, Simón
Tags Karol Sevilla, Ruggarol, Ruggero Pasquarelli
Exibições 254
Palavras 648
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 44 - O que deu?


POV Valentina

  Já se passou uma semana e eu e o Michael passamos por dias incríveis. Já estávamos no aeroporto para voltar para casa mesmo eu querendo ficar.

- Vamos ficar mais, a gente só passou uma semana aqui - Valu

 - Eu ja estou com saudade de casa, aliás eu quero te apresentar a NOSSA nova casa - Michael.

-Você sabe como me convencer, não é?-Valu. Digo colocando os braços em seu pescoço

- Sei sim, até demais - Micahel. Ele disse e me beijou

  Ficamos conversando até que o nosso voo foi chamado.

***

- Mike, sabe onde nós precisamos ir? - Valu

- Onde? - Mike

- Visitar a Karol... Nós falamos com o Rugge pelo telefone e tals, mas eu quero vê-la - Valu

- Tudo bem... Nós vamos! - Mike

***

  Estávamos na sala com o Rugge enquanto Karol pegava Maya, que estava no quarto.

 
- Como a Karol ta com isso de ser mãe? - Valu

- Ta bem. Bem até demais! Parece que ela nasceu pra cuidar de crianças. Ela é tão perfeita... Perfeccionista, cuidadosa, delicada... Não existem palavras o suficiente pra descreve-la... - Rugge

- Eu sou tudo isso mesmo? - Karol. Ela disse enquanto descia as escadas com a criança no colo

- Tudo isso e mais um pouco... - Rugge. Ele disse e ela sorriu

  Peguei a Maya no colo e Karol se sentou ao lado de Rugge.

- Então... O casamento de vocês sai ou não sai? - Mike

- Sai ou não sai, Ruggero Pasquarelli? - Karol. Ela deu um leve tapa no braço dele

- Sai. Claro que sai! Só vamos esperar a Maya crescer um pouco... Vai devagar ai, Srt. Sevilla! Nós ha conversamos sobre isso - Rugge

- Eu sei... - Karol. Ela disse e nós rimos

  Nós conversamos e rimos o dia todo. No final da tarde, Karol preparou algumas coisas para comermos, não fazia ideia de que ela cozinhava tão bem!

- Karol, sério, isso tá muito bom! - Valu. Eu disse enquanto me empanturrava de cada comida que havia em cima da mesa

- Vai com calma, Valu. Tem mais na cozinha! - Karol

- Desde quando você cozinha, em? - Valu. Falei comendo ainda mais

- Desde sempre! - Karol. Ela disse e do nada senti uma pontada fortíssima na barriga

- Valu, ta tudo bem? - Mike. Ele disse preocupado

- K-Karol, o-onde é o banheiro? - Valu. Eu disse sem piscar e segurando para não colocar tudo para fora ali mesmo

- La em cima... - Karol

- Obrigada! - Valu. Disse e fui correndo para o banheiro

POV Michael

- Melhor você ir atrás dela... - Rugge

- Por que? - Mike

- Fala sério, Michael. Se liga! - Karol

- No que? Vocês estão malucos? - Mike

- Ela tava comendo igual a uma porca, agora correu pro banheiro... - Karol

- Vai atrás dela, Michael! - Rugge

  E foi ai que eu me liguei no que estava ou poderia estar acontecendo... Fui para o banheiro e fiquei esperando Valu na porta. Quando a mesma saiu estava com uma cara péssima.

- Valentina Zenere, a senhora tem alguma coisa pra me contar? - Mike

- Passei mal, comi demais. Acontece! - Valu

- Melhorou? - Mike

- Não. Ainda to meio enjoada... - Valu

- Vamos pra farmácia. Agora! - Mike. Disse e a puxei

- Pera ai, você ta pensando que... - Valu

- Exatamente! - ela travou - Valu? - Mike

- Grávida? - Valu

- É! Vamos logo! - Mike

  A puxei, nos despedimos de Rugge e Ka, fomos para a farmácia e depois para casa. Valu foi direto para o banheiro fazer o teste, saiu do local com uma cara indecifrável

- E ai? O que deu? - Mike

- Deu... - Valu



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...