História Meu segundo amor... - Capítulo 27


Escrita por: ~ e ~Bruninhexx

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nino, Personagens Originais, Plagg, Tikki
Tags Adrienette, Ladrien, Ladynoir, Marichat, Miraculous
Exibições 33
Palavras 1.343
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Super Power
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


E até que enfim eu to postando! uhul! eu não tenho explicações, só não consegui...

#Bruna_Postando

Capítulo 27 - A carta


Fanfic / Fanfiction Meu segundo amor... - Capítulo 27 - A carta

Pov's Narradora (contratamos uma narradora ótima, o nome dela é Narradora, tá? tá.)

Depois que Marinette chegou em casa, ela perguntou se podia ir para a China, mais necessariamente para Xangai e sua mãe falou que já estava planejando ficar uns dias lá. Ela ficou muito feliz, muito feliz mesmo, poderia ir para Xangai com seu gatinho preto...

Não muito longe dali, na nova mansão "Agreste" estava Bruna, Loka, Adrien e Rafael, apreciando cada cômodo, no final foram ver seus quartos. Eram um do lado do outro, o da Bruna era rosa e preto, o da Loka era azul e branco, o do Adrien era verde e preto e o do Rafael era vermelho e laranja. (Bruni: referências? // Loka: olha, eu não tendi, me explica pfv? // Bruni: :P) Eram quartos magníficos, e enormes. Pelo menos para eles. Acordaram muito bem no dia seguinte, pois a cama era muito confortável. Chegaram na sala de aula, e no lugar da Loka e da Bruna, haviam duas cartas seladas com um coração. As irmãs se entreolharam e abriram com todo cuidado que podiam ter naquela hora. Elas leram em uníssono as duas cartas:

- Irmãs preciosas, nós temos que lhe dizer, cada uma tem seu jeito e eu sei qual escolher. Bruna é brava quando quer e delicada também. - essa parte estava escrita com uma letra - Loka é exaltada e comilona - e essa com outro tipo de letra - mas cada um de nós ama vocês. Somos irmãos e queremos dizer que não tem nada melhor do que ter vocês junto a gente. Um beijo e um queijo, admiradores secretos.

Assim que elas terminaram de ler, se entreolharam, e olharam para todos os alunos que fizeram uma rodinha em volta delas para ouvir. A bochecha de Loka queimou muito, a de Bruna corou bem pouco.

- Anh.... - Bruna tenta dizer - é uma carta muito bonita, mas a brincadeira é boba

- Você acha que é uma brincadeira? - Loka olha para a irmã com raiva

- Não sei - ela retribui o olhar - mas é melhor tomar cuidado. - ela diz séria e a professora entra

Bateu o sinal do intervalo e todos saíram, menos dois garotos

- você acha que vai dar certo? - um olha para o outro e pergunta - ela achou uma brincadeira

- não sei, - dizia o outro - mas não precisa ser tão melosos assim, precisa? se bem que ela merece. vamos fazer a próxima. agora!

Eles saíram da sala e correram para um lugar onde tinha umas mesinhas, bem isolado do resto das outras pessoas e começaram a escrever outra carta. Entraram na sala discretamente e colocaram as novas cartas na mesa, depois de uns cinco minutos, o sinal bateu. As meninas voltaram para a sala e acharam a carta. A professora disse que ia demorar uns dez minutos antes de voltar, então elas abriram novamente e leram em voz alta:

- Cada uma tem seu jeito. Cada amor tem seu fim. Mas não se preocupem queridas, que o nosso é, se o futuro permitir, eterno. Nos encontrem no parque, a roda gigante será seu destino. Guardamos os melhores lugares. Todos os seus amigos podem ir. - No envelope da carta tinham um monte de ingressos para entrada no parque. Elas podiam ir em todos os brinquedos que quisessem. Mas o principal era a roda gigante.

- Olha, até que ter um "namorado secreto" não é tão ruim - Bruna diz com uma cara irônica fazendo aspas com as mãos. As duas riem

- Seja lá quem for, o próximo eu quero uma sala de cinema só para nós, com o melhor filme possível! - diz Loka com um tom de brincadeira - por favor - elas riem novamente e a aula começa com a professora entrando.

O dia foi muito bom, menos para mim (Bruna e Loka: ISSO NÃO TÁ NO ROTEIRO!) Não mesmo! Eu to falando sério! Qual vai ser meu pagamento? Heim? (Bruna: *cochicha com Loka* decidido! *sussurra com a Narradora)

O dia foi muito bom, até chegar a hora do parque. Todos da sala entraram com os ingressos "grátis" e se espalharam. No final, todos foram na roda gigante, e como prometido, Bruna e Loka no melhor lugar.

- LOKA! - Bruna grita

- AAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH! O QUE É? - ela grita de volta, mas assustada

- Você sentou em cima da carta - ela diz apontando para o lugar da irmã e ela se levanta rapidamente para tirar. - mas só tem a sua aí!

Depois ela olha e no braço do sofá vê a outra carta. Ela pega e invés de ler, curtiram o pôr do sol. Quando saíram da roda gigante, leram a carta junto com os seus amigos que formaram uma roda.

- Vocês não perdem por esperar, mas um bocado vai chegar. As cartas têm fim, diferente do nosso amor. Esperamos que vocês vão também com seus amigos para o cinema, uma sala só para vocês! Aqui estão os ingressos e meu amor renascerá, assim que vocês eu encontrar. - elas se entreolham, com um olhar assustado

- C-c-c-om-como será que eles souberam o q-q-q-q-q-que pe-e-e-ed-di? - diz Loka muito assustada

- Não sei, mas esse cinema eu não vou perder, vamos nessa - diz Bruna pegando a carta e colocando dentro da bolsa. Ela não tinha nenhuma esperança que sejam realmente de admiradores secretos, mas não perderia a chance de ir a montanha russa e ao cinema de graça.

Continua...?

 

 

 

 

 

 

 

Brincadeira! Vamos nessa:

Chegaram lá e escolheram seus lugares. O filme era 3D e quando acabou, Loka disse:

- Nossa...... eu nunca........ vi um filme........... tão lindo! - ela diz no meio de soluços e lágrimas

- Meloso, mas legal! - Bruna dizia com um ar empolgado e quando levantaram viram que no "palco" da tela do cinema, tinham duas cartas. Correram até lá e abriram:

- Esperamos que tenham gostado. Estamos com vocês sempre, mas ao mesmo tempo nunca. Olhe para trás Loka, e seu Romeu irá encontrar. Bruna, tenha paciência, que logo logo vou me mostrar. - elas terminaram de ler e Loka olhou para trás, onde viu Gustavo.

- Ai meu Deus! - ela disse - AI MEU DEUS! - ela correu até ele e deu um beijo apaixonado. - não era brincadeira! Graças ao meu Senhor!

- Eu achei que ia gostar dessa melosidade toda. - diz ele um pouco envergonhado

- Eu amei! E...

- Olha gente, sem querer ser chata - dizia Bruna - mas o tempo de pombinhos apaixonados não pode ser lá fora? Por que a próxima sessão já começou - ela diz olhando para a entrada, onde muita gente estava entrando

Saíram de lá e voltaram cada um para sua casa.

- AAAAAAIIIIIIIIIIIII! - gritava Bruna e todos correram até seu quarto - eu to exausta!

- Era só isso o motivo do grito? - dizia o Rafael com tom de decepção

- Anh, na verdade, não - ela diz apontando para um buquê de rosas vermelhas

- Uau! - disse Loka com emoção - eu não recebi isso! - diz ela pegando o buquê e abraçando - AAAAAAAAIIIIII! TEM ESPINHO!

- Nossa! - diz Bruna com ironia - vc acha que eu gritei porque?

- Ah tá, mas olha, tem uma carta aqui! - Ela diz puxando um papel do meio dos espinhos e entregando para Bruna que começou a ler

- Um buquê com várias rosas, nenhuma comparada a vc. Mas como não há nada mais bonito no mundo, eu não tinha o que escolher. Mas como vc, ela tem espinhos, ela é perigosa, mesmo com seu perfume, seu lado delicado e belo. Fique ligada que o meu maior presente está prestes a aparecer.

- Nossa, é verdade, vc tem espinhos mesmo! - Loka diz com raiva na voz - mas tá né, vamos deixar isso para depois e vai dormir

QUando todos saíram de seu quarto, ela pegou um pijama e foi tomar banho, voltou e foi dormir.

 

Continua...?


Notas Finais


suahsuahsuahsuahs foi o que deu, espero que tenham gostado!
Loka: AMEI!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...