História Meu Sensei Meu Salvador - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chouji Akimichi, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hizashi Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Inochi Yamanaka, Iruka Umino, Itachi Uchiha, Jiraiya, Kakashi Hatake, Konohamaru, Kurenai Yuuhi, Naruto Uzumaki, Sai, Sasuke Uchiha
Tags Automultilaçao, Hinata, Kakahina, Kakashi, Naruto, Romance, Sensei, Sexo
Exibições 99
Palavras 808
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Ecchi, Famí­lia, Hentai, Josei, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - Sonho


    
   Depois que eu tive coragem de mandar a mensagem para o Kakashi sensei ele logo respondeu. Fiquei boba é claro, mas para deixar um pouco de pensar nele resolvi dar uma olhada nas mensagens que os alunos da nossa sala enviam ao grupo… Não eram nada interessantes.

- Mas o que é isso!? - Falou Hinata para si mesma quando viu o tal vídeo carregando.

  Depois de salvo ela foi dar uma olhada no conteúdo sem ter ideia do que era, assim que o abriu o celular tocou alto.

- ARRRRRRG VAI CACHORRA VAI!

Hinata com o susto derrubou o celular no chão e rapidamente o pegou abaixando o volume e agradecendo que ninguém da casa ouviu.

- Nossa! E se meu pai vê eu vendo um negocio desse!? - Sorria vermelha com vergonha de si mesma porém resolveu continuar vendo o vídeo.


   Hinata nunca admitiria isso mas olhou o tal vídeo com detalhes. Não que ela não soubesse como funciona essa coisa toda mas um pornô propriamente dito ela nunca tinha visto. Depois que viu se pegou pensando se apagaria ou não e por incrível que pareça resolveu deixar ali mesmo pois acabou sendo algo “interessante” de se ver, como ela pensou. Guardou o celular apagou as luzes e foi dormir.

 Naquela noite Hinata sonhou, sonhou novamente com o Kakashi porém um sonho diferente. Sonhou que ela fosse a mulher do tal vídeo e ele o homem.  Assim que acordou, vermelha suada e ofegante, Hinata correu para o banheiro e no meio da madrugada resolveu tomar um banho frio. “ Mas o que foi isso que eu sonhei? Não devo olhar essas coisas!” Pensou Hinata quando voltou para cama.

   

  Eu acordei com sono, mas é claro, acordei no meio da noite por causa daquele sonho que só em lembrar já fico constrangida. Acordei com uma sensação bem estranha. Tomei café em silêncio e fui para a aula. A primeira é do Kakashi sensei! Física! Hahahahaahaha Eu sorri pra ele quando entrou na sala mas depois me lembrei do sonho. O que estou fazendo imaginando aquelas coisas com um sensei! Abaixei a cabeça e apenas prestei atenção na aula assim.



  Kakashi POV

  Cheguei a sala de aula e lá estavam os alunos, olhei para a Hinata que me sorriu mas depois ficou vermelha e passou a aula de cabeça baixa. Será que ela matou a pessoa? Digo, as borboletas e por isso está com vergonha de me olhar? Passei uma atividade para nota a turma e me sentei. Depois sai de banca em banca para observar-los como sempre faço. Cheguei perto da Hinata que ainda não tinha feito nada, parecia distraída pois não me viu ali. Bati com o dedo na folha dela e me olhou assustada, depois se focou na atividade mas enquanto eu estava ali ela me pareceu nervosa, suando um pouco. Será que está bem? Voltei para a banca e escrevi um bilhete. Na outra volta que dei deixei em sua banca.

  “Preciso falar com você. Pode vir no pátio dos fundos depois da minha aula?”

Ela não me olhou mas balançou a cabeça afirmando. Depois da aula os alunos me entregaram as atividades e eu sai da sala. Depois de guardar tudo no armário fui ao pátio e Hinata já estava lá. Chutando a grama distraída.

- Hinata, você matou a pessoa? - Perguntei e ela arregalou os olhos. - Digo, as borboletas?

- Não.

- Está tudo bem? Você não me pareceu bem durante a aula.

- E-estou bem.

- Então porque não me olha nos olhos? - Pedi me inclinando um pouco para perto dela tentando olhar em seus olhos.

- Am? Ah… Eu só não comi direiro. - De novo?

- Você tem agum problema com comida? Coma direito! Não quero ver você passando mal Hinata. - Toquei em seu ombro e ela deu um passo para trás.

- E-eu tenho que ir! - Me disse e saiu apressada provavelmente de volta para a sala. Bom, o que importa é que está tudo bem não é? Tímida ela sempre é.

   Hinata POV

  Quando ele me tocou senti uma espécie de choque pelo meu corpo. Qual o meu problema!? Foi só um encostar Hinata! Você não pode ficar assim!

Voltei pra sala e por sorte o outro professor estava chegando na mesma hora, ainda cheguei na sala antes dele. Eu tenho que pensar em outras coisas! Porque aquele vídeo ficou na minha cabeça!? Nã-não é como se eu quisesse fazer essas coisas com o sensei não é? Eu gosto dele e… Bem, se eu gosto dele também envolve essas coisas não é? Sonhar é pecado? A culpa não é minha de ter tido aquele sonho! Eu gosto do Kakashi sensei mas não envolve sexo… Tem o sentimento e o… sexo TAMBÉM!? Pervertida!? Eu sou uma pervertida!? AAAAAAAAAAAAAAH Kakashi sensei, Gomennasai!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...