História Meus papais. - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Itachi Uchiha, Kisame Hoshigaki, Naruto Uzumaki
Tags Itakisa, Kisaita, Naruto
Exibições 432
Palavras 956
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Mais uma cap pra vocês. Espero que gostem
Boa leitura.

Capítulo 26 - Nosso Tobi.


Fanfic / Fanfiction Meus papais. - Capítulo 26 - Nosso Tobi.

-Como assim? Não vou dormir no sofá! - Resmunga Sasori irritado pela decisão de Deidara.

-Por favor Danna... - O loiro faz biquinho e olhos de gato pidão.

-Só por hoje! Nada mais! - Pega seu travesseiro e uma coberta indo para a sala enquanto Dei agradecia. Depois de um tempinho Tobi vem segurando um ursinho e um paninho.

-Oxi, parece uma criança. - Deidara olha ele de cima a baixo.

-Deidara-senpai, vamos dormir? Estou cansado. - fala cansado e sonolento.

-Tudo bem, deite logo e apague a luz. - Diz o loiro e se deita na cama de casal. Vê Tobi tirando a capa da Akatsuki e deitando ao seu lado depois de apagar a luz. Ele abraça o ursinho e o paninho pegando logo no sono.  - Bizarro, e vem estranho ver um homem com ursinho ursinho e paninho. - O loiro olha abraça máscara dele e tenta tirar mas ele se vira para o lado oposto.  - Aff. - Resmunga vai dormir.

          ...

-Sasori, por que vai dormir aqui? - Itachi pergunta se sentando no sofá.

-Deidara me expulsou pra dar lugar ao mascarado. - Resmunga se cobrindo até a cabeça.

-Não!! É mentira!! Se fosse verdade você teria dito antes! Me falariam sobre você!! Por que mentiu?!! - Escutam uma vós infantil gritando de um dos quarto. Hidan junto a Kakuzu vão para sala junto aos outros aja que acordaram com a gritaria.

-Tantas horas pra gritar! Essa porra gritam de noite!! - Fala Hidan indignado recebendo um pescotapa de Kakuzu que segurava Hinara sonolenta em seus braços. e Itachi se levanta vendo que a voz era de Naruto.

-Não! Se afaste! É mentiroso... Não me disse a verdade... Nem o papai e a mamãe disseram... - Naruto diz de cabeça baixa começando começando a chorar.

Pain olha a cena imóvel, e apesar de ter sua indiferença estapada no rosto, se sentia mal. O garoto sai do quarto a passos largos e vai para o próprio.

-Naruto, espera! - Itachi pede olhando o menino na frente da porta do ruivo, que estava parado de frente pra ele.

A Samehada rasteja na direção de Itachi sobindo nele com a foto em sua boca. O moreno olha, lê e encara Pain, que sai do quarto indo em direção a saída. Itachi vai atrás no menino que estava trancado no quarto e deitado  sua cama chorando e se senta ao seu lado.

-Por favor, deixe-me só. - Pede com o rosto escondido no travesseiro.

-Não. Por que não ficou para saber mais? - Itachi pergunta olhando a parede indiferente. 

-Ele mentiu! Não é verdade. Se fosse a mamãe e o pai teria dito... Me falariam. - Diz o loirinho chorando e olha o mais velho.

-Naruto,  análise o ponto de vista dele. - Diz Ita e Naruto presta atenção ainda deitado. - Ele pode ter um motivo, junto a seus pais. Ele poderia ter medo de você se afastar, ou queria fazer uma surpresa... Ou estaria em alguma missão de sigilo, onde não poderia dizer a ninguém,  simplesmente não seria mais o mesmo e sim outra pessoa. Como se tivesse renascido novamente.

-Mas... Se ele está aqui, comigo, poderia ter dito. Não foi justo. - Diz baixinho agora se sentindo mal pelo que fez sem esperar respostas.

-Naruto,  Desde que conheci Pain nunca vi ele ser tão legal assim com alguém. No momento que você chegou ele mudou. Por você.

-Preciso falar com ele. Por favor. - Naru pede e Konan olha eles da porta.

-Pain voltou. - Diz ela calma. - Eu também terei de ir. Só vim falar com vocês.  - Se aproxima e abraça Naruto.

-Quando voltam? - Pergunta o loirinho fitando a roxeada.

-Não vamos voltar, não tão cedo. Gostaria de leva-lo pra vê-lo mas não tenho autorização. - Diz meio cabisbaixa e Naru arregala os olhos.

-Mas... Eu queria... - Não tem tempo de termina e volta a chorar baixinho. Itachi o abraça consolando e Konan se põe de pé.

-Um dia vai vê lo de novo, seja paciência loirinho. Até. - Ela se vira e vai em direção a saída do esconderijo

-Naruto,  sinto muito. - Diz Itachi o puxando para seu colo e lhe dando conforto.

          ...

-Como ele está? - Pergunta Kisame sentado em sua cama.

-Dormindo. - Responde Itachi entrando e se senta ao lado dele - Acredito que soube pela Samehada.

-Sim. Naruto nunca agiu assim... Acha que seja por ser hospedeiro da raposa? O temperamento dele mudou um pouco quando se irrita. Um modo de se proteger.

-Uma teoria aceitável. Mas ele apenas deve ter sentido raiva por esse segredo. - Diz o moreno e sobe pra cima da cama apoiando as costas na de Kisame. - E se Pain quiser leva-lo?

-Não sei. - Fica apoiado nele também. - Tudo depende de Naruto.

          ...

-Xixi... - Tobi acorda no meio da noite e vai no banheiro se apertando. Quando termina vai para a cozinha beber água.

-Ei.  - Alguém chama ele, fazendo o mesmo se virar, mas nesse momento, essa pessoa o prende contra a parede. Tudo que Tobi viu foi seus fios platinados. - Preciso saber, agora. Seja sincero Obito. Quem você ama?

-Kakashi... Eu... Amo a você. - Responde de olhos fechados, não tinha sua máscara no momento para esconder o rosto vermelho. Seus lábios são tomados por Kakashi ferozmente, enquanto no escuro da sala, com a visão perfeita da cena alguém observava.  O ser se vira indo para o seu quarto e se trancando lá.

-Entao essa é a decisão dele. - Diz Zetsu negro pra si encostado na porta e deslizando lentamente até se sentar no chão. - Nosso Tobi. - Zetsu branco choraminga um pouco de cabeça baixa.
   


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Foi curto mas...
Jya ne.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...