História Mi Princesa - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna, Violetta
Personagens Ámbar Benson, Broduey, Camila "Cami" Torres, Diego, Federico, Francesca Cauviglia, Lara, León Vargas, Ludmila Ferro, Maxi Pontes, Nathália "Naty" Vidal, Simón, Tomás Heredia, Violetta Castillo
Visualizações 63
Palavras 1.038
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi pessoal!!
Mais um capítulo 😊
Boa leitura 😘

Capítulo 2 - Ligo pra ele?


Fanfic / Fanfiction Mi Princesa - Capítulo 2 - Ligo pra ele?

León On:

Eu estava tentando compôr uma música, mas precisava de liberdade pra criar.

Peguei meu violão e levei para um parque que tinha perto da minha casa. Comecei a tocar:


Hablemos de una vez!

Yo te veo pero tú no ves...

En esta historia todo está al revés

No importa esta vez, voy por ti, voy!

Hablemos de una vez!

Siempre cerca a tú, yo estaré!

Aunque no me veas mírame a me...

No importa esta vez, voy por ti... Voy por ti!

Voy por ti... Voy por ti...


Logo uma pessoa, que estava por perto, se aproximou dizendo:


- Que bela canção! Você tem talento!  Disse a pessoa.

- Valeu! Eu come...  León disse mas assim que viu quem era, não acreditou.

- O que houve? Um gato comeu sua língua?  Disse a pessoa, rindo da expressão de León.

- Federico!!  León se levantou e abraçou o amigo.

- León!! Quanto tempo!! (Fede dava uns tapas nas costas de León.)

- Mas... Você não estava na Itália?

- Todo mundo me faz essa pergunta! Cheguei ontem.  Federico disse.  Mas, eaí? Tem novidades?  Os dois sentaram no banco.

- Não, a não ser o fato de eu estar tentando escrever esta música... 

- Que por sinal, está ficando ÓTIMA! 

- Já reencontrou os meninos?  Perguntou León.

- Não, só a Fran e a Cami.

- E a Violetta? Como ela está?  León pergunta, meio preocupado.

- Bem, não se encontrou com ela nas férias?

- Não, também viajei! Fui para o México. 

- Ah tá... Bom, posso tocar alguma?  Perguntou Fede, já querendo pegar o violão.

- Claro!  León deixou e Fede pegou o violão.



Ahora sabes que... Yo no entiendo, lo que pasa

Sin embargo se

Nunca hay tiempo, para nada!

Pienso que no me doy cuenta

Y le doy mil y una vueltas.

Mis dudas, me cansaron

Ya no esperare

Y vuelvo a despertar... En mim mundo!

Siendo lo que soy!

Y no voy a parar, ni un segundo!

Me destino es hoy!


As pessoas que escutavam a música, aplaudiram Federico. Porém tinha uma garota, que ficou meio interessada:


- Esse! Esse tem talento!  Disse Âmbar.

- Caramba, parece que todos resolveram cantar!  Naty disse, surpresa.

- Ele tem uma voz ótima! Além de ser muito lindo.

- Igual ao rapaz do Resto.  Disse Ludmila.

- Esse é diferente! Gostei dele.

- É, mas parece que ele não se interessou por você!  Naty disse dando risadinhas.

- Por que diz isso?  Perguntou Âmbar.

- Pelo fato dele não tirar os olhos, de Ludmila!  Naty disse, e Âmbar olhou pra ele e pra Ludmila.

- Ludmila!

- Oi!  Ludmila disse saindo do olhar de Federico.

- Para de olhar pra ele!

- Ele que está olhando para mim! Não percebe? Affs... Cansei! Ludmila já vai!  Estalou os dedos e saiu.

- Naty também!  Naty saiu seguindo Ludmila.

Âmbar olhou para Federico e sorriu, ele sorriu de volta mas sem ânimo. Logo ela foi embora.





🌼 Mais tarde...





Violetta On:

Quando voltei do shopping, as meninas ficaram um pouco lá em casa. Mas depois, 7:30 p.m. , elas foram embora.

Logo Fede chegou e então resolvemos jantar. Conversamos e depois vimos Tv.

Subi e tomei banho, coloquei meu pijama e ouvi o piano, quando vi, era o Federico. Ele tocava tão bem. Quando ele parou, aplaudi:


- Tocou lindamente!  Disse Vilu, com um sorriso no rosto.

- Obrigado! Está aí há muito tempo?

- Não... Talvez... Você que está no mundo da lua! O que foi?  Perguntou Vilu bagunçando o cabelo de Fede.

- É que hoje eu fui ao parque e acabei encontrando o León. 

- Aé? E como ele tá?  Perguntou Violetta, meio nervosa.

- Por que quer saber? Pergunte você a ele.  Disse Fede.

- Nossa! Que grosso! É que eu não o vi durante as férias. Por isso te perguntei já que se encontraram.

- Mas tem o número dele! Ligue e pergunte! Sei que quer saber dele, mas eu acho que seja melhor, falar com ele.

- Tá... Quem sabe eu ligo mais tarde...

- Eu vou indo!  Fede se levantou.

- Pode parando aí!  Fede parou e olhou pra Violetta. Você ainda não me contou o porquê desta melodia linda?

- Eu só senti! Foi isso... Talvez uma certa atração tenha ajudado.

- Quem?  Violetta curiosa.

- Eu vi uma garota no parque que estava acompanhada de mais duas! Não sei o que aconteceu, mas senti uma conexão entre o nosso olhar.

- Falou com ela? Qual o nome?

- Não tive tempo, ela logo foi embora... Acredito que nunca vou reencontrá-la.

- Nunca se sabe! Vai que o destino coloca vocês juntos, novamente...

- Só você mesmo, Vilu! Bom, vou descansar! Vai logo ligar para o León.

- Já vou!  Federico subiu e Violetta ficou.

- Será que ligo pra ele?  Pensou Violetta, que logo subiu para o quarto e acabou desistindo.






🌼 No dia seguinte...




Francesca On:

Eu acordei cedo. Ansiosa com a festa de hoje. Fiz minha higiêne matinal e tomei café com meu irmão.

Estava no Resto, no caixa, quando vi o Diego entrando. Resolvi eu mesma ir atendê-lo:


- Bom dia!  Disse Fran, sorridente.

- Oi garçonete!  Disse Diego, num tom irônico.  Veio anotar meu pedido?

- Sim, o que vai querer?  Falou Fran, meio desanimada.

- Um suco de melancia. 

- Mais alguma coisa?

- Não, pode ir!  Diego disse fazendo pouco caso.

- Escuta aqui, quem pensa que é pra me tratar assim?  Disse Fran, indignada.

- Eu penso, que sou o cliente! E você está aqui para anotar os meus pedidos. 

- Sou praticamente DONA deste lugar, e eu exijo respeito! Você não é melhor que eu!  Disse Fran e ele se levantou.

- Sou sim! E muito melhor. Dá pra você ir fazer o que eu pedi? Ou tá difícil?  Me aproximei dela.

- Não se aproxima!  Disse Francesca indo para trás.

- Por que? Se eu me aproximar, vai fazer o que?

- Fran... Algum problema?  Perguntou Tomás, preocupado com a amiga.

- Cala boca, entregador!

- E se eu não calar? Sai de perto da minha amiga! Agora!

- Por que faria isso?  Perguntou Diego.

- Porque se você não se afastar, eu vou ser OBRIGADO a quebrar a sua cara!  Disse Tomás, autoritário.

- Não, briga aqui não!  Fran se colocou na frente dos dois.  Você pode ser despedido, Tomás!

- É melhor escutar a amiguinha! Entregador!

- Vai embora Diego! Cansei de você!  Falou Fran.

- Eu também, cansei desse lugar! Tchau garçonete!  Diego piscou pra ela e foi embora.

- Só volte aqui, quando souber o que é respeito!  Disse Fran antes dele sair.

- Tudo bem?  Perguntou Tomás, e logo ela o abraçou.

- Obrigada por estar aqui!  O abracei forte.

- Sempre estarei!  Retribuí o abraço.



Naty On:





Notas Finais


Então? Gostaram?
Por favor, comentem! Eu adoro ler os comentários. ❤
Quero esclarecer, que não sei se vai ter a Luna, nem o resto do elenco de Sou Luna. Só alguns. Porém, prometo que pensarei em colocar eles.

Continua?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...