História Midnight, membro da Fairy Tail? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Angel, Gajeel Redfox, Juvia Lockser, Lisanna Strauss, Midnight, Minerva Orland, Mirajane Strauss
Tags Gajeel X Juvia, Midnight X Angel, Midnight X Mirajane, Nali, Stinerva
Visualizações 59
Palavras 2.741
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Essa fanfic é bem antiga, eu a escrevi depois da saga da Oración Seis e por isso relevem alguns fatos dela se compararem com o mangá.

Capítulo 1 - Capítulo 1


Seria mais um dia normal na guilda mais louca de todo o reino de Fiore se não fosse por apenas um detalhe.

Todos os membros da guilda olhavam para aquela pessoa com um misto de raiva,medo e surpresa.Midnight os encarava tranquilamente com um sorriso malicioso nos lábios pintados de preto.

– O que você quer maldito?bradou Natsu.

– Como vai Salamander há quanto tempo?respondeu com calma o mago obscuro.

Natsu não pensou duas vezes em lançar um golpe com suas chamas contra Midnight que foram desviadas pela magia refletora do mesmo.Natsu se preparava para atacar novamente, mas foi interrompido pela frase do moreno:

–Eu não vim para lutar com você e nem com ninguém daqui.falou bochechando Midnight.

–Então o que quer?Perguntou Erza.

– Bem na nossa luta na torre do céu, você Salamander disse que a minha forma de ver o mundo e de entender o significado dos sentimentos eram retorcidas,por isso eu pensei muito e descobri que eu preciso entender esse significado sobre o valor dos sentimentos e nada melhor do que eu aprender com vocês da Fairy Tail, já que parecem saber tanto sobre eles,resumindo eu quero ser um membro da fairy tail. Respondeu tranquilamente o mago gótico.

– Tudo bem, um dos objetivos dessa guilda é acolher pessoas que estão perdidas na vida,você será aceito,será um dos meus filhos agora, me chamo Makarov,sou o terceiro mestre da guilda. falou tranquilamente um dos magos santos para logo depois dar um sorriso paternal.

– Obrigado mestre o senhor não vai se arrepender.falou mais aliviado o ex mago da oración seis.

Todos ficaram surpresos ao ouvirem ele agradecendo o mestre,não poderia ser a mesma pessoa que tinha plena confiança no seu poder e que acreditava na exploração dos sentimentos dos outros para aumentar o próprio poder mágico,assim se o mestre confiava nele e o aceitava, eles também confiariam e o aceitariam, agora ele era um deles,agora o antigo inimigo fazia parte da família.

– É o que eu espero garoto ,Mira traga o marcador mágico.respondeu o pequeno homem.

Mirajane chegou perto de Midnight e falou sorrindo.

– Olá me chamo Mirajane,mas pode me chamar de Mira,Midnight-kun,onde você quer a marca e qual a cor?

´´Ela me chamou de Midnight-kun e ainda esta sorrindo, essa garota deve ser daquelas pessoas que gostam de ajudar as outras.´´

– Eu vou querer no dorso da mão e na cor preta. falou Midnight enquanto tirava a luva branca.

– Pronto, já acabei. falou Mirajane com um doce sorriso.

– Obrigado.respondeu rapidamente, isso já o estava incomodando, havia agradecido duas vezes, era mais do que ele fizera desde que se tornou um mago.

– Não precisa agradecer.respondeu a Strauss.

Assim começou uma festa na guilda pela a entrada do novo membro,houveram varias brigas e Midnight encontrou um bom lugar par dormir sentado num banco com a cabeça encostada no balcão em quanto Mirajane atendia os pedidos dos outros malucos.

Passou um ano desde que Midnight foi integrado a guilda nesse tempo ele pode ir ganhando a confiança dos outros membros fazendo missões com eles ou sozinho o fato e que até mesmo com o time Natsu ele trabalhou.

Ainda não podia dizer que tinha amigos pela sua própria personalidade retraída mas já começava a entender um pouco sobre o verdadeiro significado dos sentimentos,o primeiro que provou foi o da gratidão pelos outros membros que o aceitaram.

Ainda pensava no pai dele e sabia que a possibilidade de Brain estar morto era grande.

O ex- oración seis tinha criado uma rotina que o agradava que se resumia em pegar um trabalho no quadro da guilda,cumpri-lo,voltar pra casa,ir ate a guilda, comer, beber ,dormir um pouco por lá, mesmo que o lugar sempre fosse um caos,ir ate a banca de frutas e comprar um saco de maçãs [havia realmente ficado viciado por essa fruta],voltava pra casa escutava música e dormia mais.

O que Midnight não queria admitir que o melhor dessa rotina era ver e falar com Mirajane Strauss,essa mulher era o oposto total dele, estava sempre feliz e disposta a conversar com todos como se ela estivesse ali para isso.

A maga take over era a primeira pessoa depois de seu pai, por quem ele tinha tomado carinho.

Agora Midnight se encaminhava a guilda, já que o mestre queria falar com todos,com certeza era sobre o caos causado pelos da fairy tail por onde passavam.

(...)

Midnight chegou na guilda cedo ( ele usa a mesma roupa da primeira aparição da oración seis), já que o mestre Makarov queria falar com todos os magos, entrou se dirigiu até o balcão onde estavam Mirajane e Lisanna.

– Bom dia Mira-san e Lisanna-san ( ele era educado com as duas). O mago saudou amistosamente do seu jeito é claro , com aquele sorriso de superioridade.

– Bom Dia Midnight-kun.

– Bom dia Midnight-san. Responderam as irmãs.

O mago da magia refletora deu um pequenos suspiro antes de voltar a falar:

– Porque será que o mestre quer falar com todos? Será pela destruição causada nos últimos tempos?

– Deve ser por isso , ele está esperando todos chegarem . Apenas a albina mais velha terminou de falar , alguém chutou a porta da guilda e gritou:

– Yoo Minna, já estou aqui, ohayo Lis-chan!

– Ohayo Natsu!

´´ Hun, interessante esses dois ficaram vermelhos só porque se cumprimentaram ´´ Era o que pensava o mago gótico ao ver a forma em que Natsu e Lisanna balançavam as mãos freneticamente.

– Hey foguinho, porque você sempre tem que ser o último a chegar ?

– Não é da tua conta gelinho!

Assim começou uma nova briga entre o Dragneel e o Fullbuster que gerou uma pancadaria quase que generalizada entre vários membros da guilda, até que foram interrompidos pela forma gigante do mestre que os nocauteou com seus enormes punhos.

Meia hora depois, todos acordaram e finalmente Makarov pode começar a falar com eles:

– Chamei todos aqui para dizer que chega de destruição desnecessária por onde passam, não é mesmo Erza, não é motivo para colocar uma confeitaria a baixo só porque eles não tinham mais tortas de morango. Falou o mago santo apertando os olhos.

– Pra mim esse é um bom motivo. Retrucou Erza cruzando os braços.

– Ela deve estar de TPM velhote. Intrometeu-se Natsu causando gargalhadas gerais.

– Maldito! Vou acabar com a sua raça! Gritou a ruiva reequipando e pulando em cima do rosado.

– Pode vir , eu estava louco por uma boa luta! Disse o Dragneel acendendo os punhos em chamas.

Depois disso mais uma batalha campal se armou causando o choro do mestre.

– Natsu é maluco por provocar Erza , ela estando naqueles dias . Falou Mirajane com um sorriso preocupado.

– Concordo. Respondeu secamente Midnight mais por nervosismo do que por qualquer outra coisa , aquela garota lhe causava uma sensação estranha no peito.

– Natsu é um cabeça oca que age primeiro e pensa depois . Disse Lucy irritada com a situação, até que a cueca de Gray voou até o rosto da loira e como se isso não bastasse , ele veio até ela para pegá-la de volta causando o desmaio da maga celestial.

– Parem com isso cambada! Gritou Laxus dando choque em todos os que estavam envolvidos na briga.

– Hey, porque você fez isso! Gritou Erza andando em direção a ele parando em frente do mesmo e o encarando fixamente.

Laxus nada respondeu , virou-se e foi se sentar em uma das poucas mesas que estavam inteiras.

´´ Nossa, mas que peitos são aqueles! Realmente Erza virou uma mulher maravilhosa!´´ Era o que pensava o loiro sobre a Scarlet.

´´ Uau, como eu nunca notei isso antes? Que músculos são aqueles! ´´ Esse era o pensamento da titânia sobre o Dreyar.

– Lu-chan , você está bem ? Perguntava a nanica , digo Levy preocupada.

– Realmente , Gray nunca vai deixar de ser um despudorado . Falou Lyon que estava ao lado de Levy. ( e sem camisa)

A loira foi abrindo os olhos lentamente , para logo depois falar assustada:

– Que coisa enorme o Gray tem, Kyaa!!!

Após os devaneios de Lucy , o mestre decidiu continuar , já que todos estavam recuperados , Lyon e Gray vestidos e Freed havia conseguido soltar o rosto que estava preso entre os seios de Cana.( Não me perguntem como isso aconteceu. XD)

– Tá decidido , todos irão nessa viagem , principalmente os principais responsáveis por tanto prejuízo e com isso quero dizer : Natsu, Gray, Gajaeel e Erza ! Vocês vão de qualquer jeito!

(...)

No dia seguinte Midnight estava em casa arrumando as malas para ir na tal viagem , olhou para o pequeno armário onde estava a coleção de revistas em que Mirajane havia posado de biquíni , desde que ouviu uma conversa entre Jet e Droy que falavam sobre a albina e como ela já tinha sido capa de várias revistas de moda praia, assim sempre que saía de missão sozinho o mago gótico sempre procurava pelas tais revistas e as encontrava sem dificuldades , já que a Strauss era bem popular.

´´ Não vou levar nenhuma , esses caras são uns intrometidos e se descobrem alguma dessas revistas me encheriam o saco por dias , além de que contariam para ela e eu passaria por pervertido.`` Pensava Midnight enquanto fechava a última das malas que levaria.

Tocaram na porta e ele foi atender.

– Olá Midnight-kun, você vai na viagem com o pessoal da guilda? Era justamente a garota das revistas quem estava parada ali na entrada da casa dele vestindo o seu típico vestido vermelho.

– Olá Mira-san, vou sim. Respondeu surpreso por ela estar ali e se auto repreendeu por sempre responder com tão poucas palavras.

– O mestre me pediu para ver se você ia , fico feliz que vá nos acompanhar, é mais alguém sensato no meio de tantos malucos. Disse a albina com um belo sorriso, fazendo com que o rapaz maquiado ficasse ligeiramente ruborizado.

– Nunca pensei que fosse dizer isso ( nem eu que escrevi acredito!) , mas deve ser divertido viajar com essa turma de malucos que são os magos da Fairy Tail. Falou Midnight dando um leve sorriso.

Mirajane sentou-se no sofá e notou a bagagem que estava no chão.

– Vai levar duas malas?

– Sim , deve ser o suficiente.

– Hum , eu vou levar oito.

– Há claro, garotas sempre precisam de mais coisas.

– Isso não quer dizer muita coisa , já que o Elfman vai levar quinze. Retrucou a albina piscando o olho direito para ele.

– Quinze, mas porque tantas?

– Porque as roupas do Elfman são muito grandes, só para as cuecas ele precisou de uma mala grande inteira. Respondeu para logo depois soltar uma gargalhada a mais velha dos Strauss, o rapaz não pode deixar de sorrir timidamente.

– Bem ,vamos já deve ter gente esperando o ônibus na frente da guilda .

– Sim ,vamos. Respondeu , era bem melhor vê-la ao vivo do que apenas em uma revista.

´´ Porque me sinto mais leve quando estou perto dela?´´ Pensava confuso o filho de Brain.

–---------------------------------- x ----------------------------------------

Na casa de Natsu, o dragon slayer do fogo já havia arrumado a nada nova mala dele para a viagem em quanto pensava:

´´ Lisanna, eu tenho que te pedir desculpas´´ Pensava o rosado enquanto relembrava o ocorrido à dois dias.

]FLASH BACK ON:

A guilda estava para fechar . Apenas Natsu, Lisanna, Mirajane e Elfman ainda estavam por lá.

– Mira-nee, você já deve estar cansada , vai para a casa junto com o Elf-nee , eu vou logo depois. Falou Lisanna com um pano na mão que usaria para enxugar alguns copos.

– Eu vou aceitar a sua proposta, hoje foi um longo dia , até logo Lisanna-chan. Respondeu Mira saindo junto com Elfman.

– Nossa, ela foi embora bem rapidinho. Falou divertida em voz alta a maga take over.

Agora só estava Natsu e ela na guilda, o dragon slayer estava dormindo em uma mesa .

Lisanna andou até lá e se abaixou para falar.

– Natsu acorda, está na hora de ir embora. Sussurrou a garota de olhos azuis no ouvido do garoto como se estivesse acordando uma criança.

Ele despertou, abriu os olhos lentamente e observou a albina que se encontrava bem próxima dele e falou:

– Eu devo ter dormido demais e essa é uma bela maneira de ser acordado! Disse Natsu para logo depois dar um sorriso draconiano , Lisanna deu de ombros a indireta do rapaz e ficou quieta esperando ele ir embora, mas ele falou novamente:

– Lis-chan, pega um copo de água pra mim, por favor. Pediu fazendo cara de cachorrinho abandonado na chuva.

A garota apenas suspirou e foi buscar a água, quando estava voltando escorregou em uma parte do piso que tinha sido congelado por Gray, seria um belo tombo se o Drageneel não a tivesse segurado pela cintura, atraindo ela para o seu peito. ( O do Natsu, não o seu)

– Esse idiota do gelinho, com essa mania de congelar as coisas , alguém poderia sair ferido por causa disso. Falou distrai´do o dragon slayer.

– Como se você não fizesse coisas que poderiam machucar os outros. Retrucou Lisanna com um fio de voz, já que estava sendo sufocada pelo peito dele.

– Há? Desculpe Lis-chan. Percebeu atônito o que acontecia e separou o tórax do rosto da garota, mas sem soltar a cintura da bela maga.

Então o idiota, ops, Natsu ( que a estava abraçando) , percebeu o quanto ela ficava bonita com as bochechas vermelhas , realmente Lisanna era muito bonita.( Fala sério, só agora que ele percebeu isso?!)

Ela era perfeita: Lindo rosto, belos olhos e cabelos , corpo violão e uma personalidade encantadora e aquele cheiro que o fazia se sentir de um jeito diferente, talvez mais calmo e relaxado.

Então o rosado que é conhecido por agir primeiro e pensar depois, a beijou, um toque de lábios simples, mas terno, foi um simples selinho de alguns segundos, porém para Natsu foram ´´os segundos´´.

Assim que se separaram o Dragneel saiu correndo, balbuciando algumas palavras que a garota não entendeu e falando nela, Lisanna estava com o rosto totalmente vermelho com uma das mãos sobre os lábios, ela estava surpresa e confusa, porque ele tinha feito aquilo justo agora, depois de tanto tempo?

FLASH BACK OFF

– Lis-chan, eu tenho de te pedir desculpas por ter sido distante desde que você voltou de Edolas , mas não pelo beijo , porque foi tudo muito bom. Falava em voz alta.

– Você gosssssssta da Lisanna! Berrou Happy saindo voando pela janela.

– Cala a boca Happy! Gritou Natsu pulando pela janela para perseguir o exceed falastrão.

–-------------------------------------- x ---------------------------------------

Gajeel andava até a guilda para ir até essa estúpida viagem que o velhote havia inventado , isso era apenas uma perda de tempo na sua opinião.

Aproveitava o caminho para pensar no que havia ocorrido há dois dias.

FLASH BACK ON:

– Gajeel-kun, você acha a Juvia esquisita ou feia? Perguntou a maga da água chorando ( como se precisasse dizer quem falou, pois a abençoada... ( Mas ela é tão meiga e bonitinha) , ( nossa um parênteses dentro do parênteses, isso é permitido) ... fala na terceira pessoa)

´´ Porque ela está perguntando isto? E Porque esse narrador idiota fica interrompendo para fazer essa piada de merda?! Pensava Gajeel que estava sentado no banco em um parque ao lado de Juvia ouvindo as lamurias desta.

– Não vai responder a Juvia? Indagou esfregando os olhos.

– Bem mulher-chuva , esquisitos todos nós somos e você não é bonita. Respondeu o amante do ferro e dos seus derivados.

Juvia baixou a cabeça, realmente ela não era nem um pouco atrativa pata conquistar o Gray-sama ou qualquer outro homem. ( Auto estima zero!)

– Você é linda. Voltou a falar o cara de lata.

Juvia primeiro se surpreendeu para logo depois abraçar e beijar Gajeel no rosto e falar alegremente:

– Juvia agradece muito a companhia do Gajeel-kun , Tchau! Despediu-se rapidamente indo embora saltitando de felicidade ( Mas que garota bipolar!)

Enquanto que o Redfox ficou ali parado com a mão no rosto e fazendo cara de bobo.

FLASH BACK OFF

´´ Aquilo foi muito estranho, porém me causou uma ótima sensação, o que será que se sente ao beijar os lábios daquela mulher-chuva , droga no que eu estou pensando? Caras como eu não pensam nesse tipo de coisa! ´´ Pensava Gajeel gesticulando sozinho na rua, balançava os braços e a cabeça e as pessoas que passavam por ele pensavam '' De que hospício saiu esse maluco com cara de psicopata ?!''

TO BE CONTINUED...


Notas Finais


Comentários???

Até a próxima pessoal! o/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...