História Might Have To Pay Me - Capítulo 40


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Daddy, Suga, Yoongi
Visualizações 269
Palavras 1.368
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Festa, Ficção, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii bolinhos do meu coração, gente foi mau ter feito vocês esperarem tanto, mas como eu havia dito, a fic está quase acabando, e eu já terminei de escrever os capítulos restantes, que vão ser liberados todos hoje, *aos poucos*, então fiquem tranquilos, ok meus amorecos??
Enfim, espero que gostem do capítulo, e boa leitura❤❤

Capítulo 40 - I despise you


Fanfic / Fanfiction Might Have To Pay Me - Capítulo 40 - I despise you

-A s/n…acho que ela pode estar em perigo…

-O quê?! Por que acha isso?-Nam pergunta

-Quando eu e os garotos estávamos indo pro estúdio à pouco, e-eu resolvi dar uma passada na casa da s/n, precisava vê-la, como estava e…

Flashback on

-Ei, galera! Eu tenho que ir rapidinho num lugar, mas eu encontro vocês no estúdio- Hoseok avisou os rapazes

-Beleza, vai lá-dizem

Não demora muito e o garoto já está posicionado em frente à casa da garota

-S/N, eu…droga, de novo…s-s/n, eu sinto muito…-ele ensaiava todo um discurso pra se desculpar com sua amada, mas nada saia, buscava as melhores palavras, mas simplesmente não as tinha, para Hoseok, nada que ele disesse poderia explicar o acontecido da noite passada, então resolveu que contaria toda a verdade…

Ele aperta a campainha e é recepcionado por um olhar triste e desanimado da mãe de s/n

-Pois não?-a mulher fala

-B-Bom dia, Sra.s/s(seu sobrenome), eu poderia falar com a s/n, por favor?-ele sorri simpático

A mãe da s/n abaixa a cabeça

-Ela não está…

-Oh…então, que horas ela volta?

-Eu também queria saber-a senhora derrama duas lágrimas, fazendo Hobi desfazer o sorriso imediatamente

-Como?-o garoto pergunta, confuso

-Ela fugiu de casa à alguns meses, eu acordei numa manhã e a s/n simplesmente não estava mais lá…poderia jurar que escutei a voz dela ontem à noite, mas acho que havia me equivocado, na verdade, todos os dias ouço sua voz…eu…d-desculpe…-a senhora entra depressa em casa, batendo a porta na cara de Hoseok, que escutava soluços abafados de uma mãe desesperada pelo desaparecimento da filha

Flashback off

-Ela não está em casa-Hoseok afirma

-Será que ela pode ter ido pra casa de algum parente ou amiga?-Jimin pergunta

-Não, quer dizer…não que ela tenha me contado, ela nunca gostava de falar de si mesma, *merda* não imagino ninguém a quem ela possa ter recorrido-Yoongi fala, xingando baixo

-Éhr…-Hobi gagueja colocando a mão na nuca

-Hoseok, por acaso está sabendo de algo que ainda não nos contou?-Suga pergunta, sério. Hoseok suspira vendo que não podia mais guardar aquele segredo dos rapazes

-Tenho sim-relaxa os ombros tensos, enquanto Yoongi cruza os braços, franzindo o cenho, ele relata exatamente tudo sobre o sequestro da garota pelo antigo e obsessivo amigo de infância

-Meu Deus!-Jin leva a mão até sua boca, impresionado com a história

Todos estavam boquiabertos com a revelação de Hoseok

-Por que não contou isso antes, Hoseok?!-Yoongi pergunta, ficando nervoso novamente

-Eu não podia, a s/n me fez prometer que manteria isso em segredo

-Mas que porra!-Yoongi grita furioso, arrastando as mãos por cima da mesa, derrubando assim tudo o que estivesse em cima dala(de novo, imaginem a cena de "Run"), e afundando a destra por entre cabelos, ofegante

-Isso não é tudo-Hoseok confessa

-O quê?!-Todos

-Eu menti quando disse que não sabia o por que da s/n ter ido embora...-os rapazes aguardam em silêncio e ansiosos até Hoseok voltar a falar -A Hyuna me obrigou a fazer aquilo…

-A Hyuna o quê?!-Yoongi pergunta se aproximando de Hoseok

-Ela me ameaçou, ameaçou a s/n na verdade, me disse que se eu não a fizesse sair daqui, a machucaria, então eu terminei com ela, só queria protegê-la, me perdoem…-Hoseok começa a chorar

Suga então suspira e diz:

-"Tsc"…não precisa ficar assim, se fez o que fez, foi por que estava pensando no melhor pra ela, então é lógico que perdoamos você…-Yoongi imaginava que se estivesse no lugar de Hoseok, não faria a mesma coisa, era cabeça dura e preferia tudo ao invés de ficar longe da garota, além do mais concorda que não deve ter sido nada fácil pro amigo tomar tal decisão

-E o que fazemos agora?-Namjoon pergunta

-Vamos atrás dela…-Yoongi responde, determinado

S/n on

Após agumas horas gritando desesperadamente por socorro, eu acabei desistindo e cai no sono, sobre o chão mesmo. E assim que acordo no outro dia, tento me mexer, mas simplesmente não consigo, e sinto minhas pernas cansadas, quase bambas, levando-me a abrir os olhos com urgência

-Han?!-estou em pé no canto do quarto mau iluminado, minhas mãos estão amarradas acima da cabeça, e meus pés, acorrentados ao chão, minha roupa também não é a mesma da qual cheguei aqui ontem, estou com um vestido um tanto pequeno pra mim, como se tivesse sido feito para uma criança, me desespero mais ainda quando me dou conta que é idêntico aos que eu vestia quando pequena, tento me soltar mas é inútil, até que ouço uma risada vinda do outro lado quarto, e reconheço o dono da voz

-J-Jack…-o chamo, fraca, com a cabeça abaixada, e ele se aproxima lentamente de mim, com um sorriso perverso que ia de orelha à orelha

-Ah Sírius...sabe, ver você vestida dessa forma, toda indefesa, não consigo imaginar como isso poderia ser melhor-levanto moderadamente a cabeça, o olhando com desprezo, e ofegante-Essas pernas…-Jackson passa alisa uma de minhas coxas suavemente-…aposto que usava essas roupas só pra me provocar, não é? Era ótima nisso-ele vai subindo as mãos lentamente enquanto fala, e quando ele já está perto de tocar minha virilha…

-P-Para, por favor…-peço, quase em tom de súplica, desviando o olhar do de Jackson, mas ele não obedece, pelo contrário, caminha sua mão até minha intimidade, massageando-a lentamente, enquanto estimulava meus clítores com o polegar

-Hamm…-deixo escapar um gemido sem querer

-Quer mesmo que eu pare?

-E-Eu…s-sim-gaguejo, sofridamente

-Sério?-ele pausa sua mão por um momento-Acho que não…-e recomeça os movimentos, afastando minha calcinha pro lado, e introduzindo dois dedos vagarosamente

-Ahmm…J-Jack…-fecho minha boca com força chegando a ferir a carne, na tentativa de reprimir os gemidos, gemidos esses que o satisfaziam

-Quanto tempo acha que consegue permanecer assim, hun??-ele sussurra próximo à minha nuca, acelerando cada vez mais o ritmo das penetrações-Vamos, eu sei que você quer isso, então geme pra mim, babygirl…

-H-Hammm…-não aguento e dou um gemido arrastado, assim que sinto um líquido quente escorrer pelas minhas pernas, fazendo eu cair de joelhos no chão, exausta e derrotada

-Hum-Jack se saboreia chupando os próprios dedos lambuzados pelo gozo-Como eu imaginava…você é uma delícia, Sírius-se agacha pra ficar na minha altura

-E-Eu tenho…n-nojo de você….-gaguejo, ainda recuperando o fôlego

-Uhun, tem certeza mesmo? Por que seu corpo diz o contrário, lindinha-ele ri, então choco minha testa contra a dele, fazendo-o só com a força do impacto, se afastar bruscamente, ele geme de dor, colocando a mão no local ferido, e quando a tira, tem um enorme roxo em sua testa

Ele se aproxima rapidamente, e furioso puxa meu cabelo, me obrigando a olhar diretamente em seus olhos, e tapando minha boca pra que eu não gritasse

-Não me faça te machucar, s/n...eu realmemte não quero fazer isso!-Jackson me olha por um momento, e voltando pra um semblante calmo, acariciava minha bochecha, tirando a atenção de meus olhos-Como consegue ser tão linda, hein? É claro que eu jamais te machucaria, minha princesa...Você sabia que esse vestido foi o mesmo que você usou no dia em que eu te dei seu primeiro beijo? Haha…você estava tão tímida, então eu te coloquei sentada em meu colo…

Flashback on

5 anos atrás

-Não precisa ter medo, Sírius. É só fazer o que seu coração manda-ele a puxa carinhosamente pelo queixo, finalmente encostando seus lábios e iniciando um beijo lento e cheio de paixão, logo coloca as mãos na cintura de sua pequena, aprofundando o ato, e assim que o ar os faz falta, ele a olho com um sorriso bobo-Gostou?-s/n concorda com a cabeça, e o rosto corado-Que bom-Jackson ajeita uma mexa de cabelo jogada na frente do rosto da menina, depositando um selar no canto de sua boca

Flashback off

-Por que está fazendo isso comigo?-pergunto chorando e tremendo, e Jackson limpa minhas lágrimas, sorrindo, como se apreciasse meu sofrimento

-Você é a mais brilhante, Sírius, a mais linda, a mais charmosa, e a mais cruel também, mas mesmo assim eu te amo…

Eu nunca odiei tanto ouvir aquelas palavras

-Deve estar com sede, toma-ele me dá de beber numa garrafa de água, e eu que estava morrendo de sede, aceitei, bebendo rapidamente, e assim que termino, começo a sentir uma tontura, e minha visão fica distorcida

-O-O que você colocou nessa água?

-Só uma coisinha pra você relaxar um pouco. Você grita demais, sabia?-meu corpo amolece e meus olhos pesam-Desculpe estar fazendo isso contigo, pequena, mas não se preocupe, em breve seremos só você e eu…-ele ri, e vou deixando de escutar sua voz aos poucos…


Notas Finais


É isso por enquanto, bolinhos💞
Deixem seus comentários pra eu saber o que estão achando
Mais tarde eu posto o próximo capítulo, até lá...
Bjss😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...