História Mil Em Uma - Capítulo 50


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Birl 6, Chimbinho, Coreana, Hoseosão, Indígena, Jhopião, Jin\princesa, Jungkookião, Namzão, Patrão, Scarlet, Sugasódorme, Sun He, Taeleão
Visualizações 74
Palavras 3.017
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Fantasia, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 50 - Eu Devo Te Amar? (29)


Fanfic / Fanfiction Mil Em Uma - Capítulo 50 - Eu Devo Te Amar? (29)

~~Vez do Taehyung

Naquela noite, tive que tomar atitude... É claro que meu coração estava na mão, mas como irmão de um líder mafioso, tenho que ter atitude e não posso ter medo. 

Havia pegado a Scarlet, mais as malas e o dinheiro, e a levei até o carro... Enquanto eu dirigia, vimos uma explosão... 

___NÃO!--Scarlet gritou apavorada... Pois nossa casa havia acabado de ser explodida... 

Agora eu tinha certeza de que havia acabado de perder meu irmão... Eu chorava enquanto tentava me manter calmo... Era quase impossível, mas eu devo salvar a minha cunhada... 

Parei em um hotel, e dividi o mesmo quarto com a Scarlet... Nós dois não dormimos... Nem abrimos a boca, só ficamos calados deixando o medo tomar conta de nós, estávamos traumatizados pelo o que havia acabado de acontecer. 

.................................. 

Logo pela manhã, eu e Scarlet fomos para a sede principal de Runch Randa... Não tinha jeito.... Todos haviam falado que Namjoon estava morto... Então simplesmente deixei Scarlet por lá, aliás eu sabia que ela estava protegida, em uma mansão com duzentos veteranos de guerra, e assassinos profissionais a protegendo. 

Saí da sede, e fui para um condomínio próximo, o condomínio era tomado pelos membro de Runch Randa, então o comprei o apartamento ali mesmo, aliás eu já sabia que não sofreríamos nenhum ataque. 

Enquanto eu estava sozinho na casa chorei... Meu hyung... Ele havia me criado durante a minha vida inteira... Ele até me ajudou a ir para o Canadá e virar jogador de basebol... Meu irmão eu sinto tanta falta dele... 

Depois, manti minha pose, aliás eu deveria acalmar a Scarlet... Agora eu seria o encarregado de cuidar dela, pela honra de meu irmão. 

...................... 

___Vêm Scarlet... Essa é a nossa nova casa, moraremos aqui agora!--apresentei a casa para a Scarlet. 

___Tae... Aqui é tão grande...--ela falou ainda abalada. 

___É eu sei, vou trazer um pessoal para morar aqui conosco, para reforçar a sua segurança!--expliquei. 

........................ 

Dois meses passou, chamei alguns membros próximos da Scarlet para morar lá no apartamento conosco, Jimin e Yoongi. 

Scarlet não anda bem ultimamente ela têm desmaiado muito... Minha noona está passando por um momento difícil de depressão, ela está ficando um pouco estranha... Ainda acredita que Namjoon-hyung está morto, e fala com uma foto dele todos os dias... Também se viciou em tarja preta... Ela está um pouco descuidada com o que veste, e com o que come.... 

Como ela não têm passado bem, eu dei um jeito de controlar a Youth Incorporation... Enquanto eu saio para trabalhar, Yoongi e Jimin ficam com ela. 

............................ 

Hoje eu tive um dia um tanto cansativo na empresa, não é fácil dar conta de uma empresa inteira, sozinho. 

Enfim... Voltei para casa, e  tudo estava em ordem. 

___Cadê a Scarlet?--perguntei assim que entrei no apartamento. 

___Como sempre, ela está trancada no quarto, falando com a foto do seu irmão, comendo uma fatia de pizza.--Yoongi respondeu. 

De repente vimos ela saindo correndo de seu quarto... Ela se trancou no banheiro do corredor... 

___Noona? Está tudo bem?--bati a porta do banheiro. 

___Claro Tae... Só mais um enjôo--ela saiu do banheiro.--Vou para meu quarto, falar com o Namie!--ela deu um sorriso psicopata e foi para o seu quarto novamente. 

___Ultimamente ela têm vomitado muito, e desmaiando também... Vocês não acham esses sintomas estranhos?--Jimin perguntou. 

___Realmente é estranho... Será que ela está grávida?--Yoongi nos olhou. 

___Mas... Namjoon não está mais aqui... É possível??--estranhei. 

___Claro que sim, aliás seu irmão morreu a dois meses, certo?--Yoongi perguntou. 

___Sim...--respondi. 

___Vamos levá-la a um hospital!--Jimin falou. 

___Scarlet, podemos entrar?--eu Yoongi e Jimin batemos na porta do quarto dela. 

___Claro, vêm entrem!--ela abriu a porta.--Namjoon não está bonito hoje?--Scarlet sorriu enquanto olhava para o quadro pendurado na parede de seu quarto... 

___Claro!--nós três concordamos.--Se arrume um pouco noona, nós vamos dar um passeio com você!--me sentei na cama dela, e sorri.

___Tá bom!--ela sorriu fofa. 

Nós três saímos do quarto, e a deixamos se trocar... Ela estava completamente louca... Por isso que ela estava controlando a Runch Randa, em momentos vagos a revolta tomava conta dela, em outros como esse, ela ficava completamente louca. 

___Estou pronta, vamos?--ela saiu do quarto com um vestido simples, e sua bolsa na mão. 

___Vamos!--nós três falamos. 

Saímos de casa, e fomos para o hospital, enquanto Yoongi dirigia o nosso carro, nós quatro ficamos calados no carro... 

........................... 

___Então... Por que me trouxeram aqui?--ela perguntou assim que já fizemos o exame. 

___Sinceramente... Achamos que você está grávida... Por isso a trouxemos aqui!--Yoongi respondeu. 

___Eu? Isso pode ser legal... Namjoon vai ficar tão feliz com isso! Não vejo a hora de falar para ele!--ela sorriu. 

Era difícil ver minha cunhada naquela situação... Aliás ela não estava nada bem... E o pior de tudo seria se ela agora estivesse grávida... 

.................... 

Os exames sairam, e não foram confirmados chances nenhuma dela estar grávida...

Depois do hospital, fomos para casa... O médico havia falado que ela só estava passando mal daquela maneira, por causa do álcool, e também da depressão. 

___É uma pena... Namie ficaria tão feliz, sabendo que eu poderia estar grávida, teriamos um lindo bebê!--ela sorriu toda contente. 

___Scarlet... Será que você nunca vai superar isso?--Yoongi a olhou.--Runch Randa não está mais vivo... Ele não vai voltar!--ele falou meio frio. 

___SEU MISERÁVEL! VOCÊ ACHA QUE EU NÃO SEI DISSO?? O QUE ME RESTA SÃO AS ESPERANÇAS.... ELE SEMPRE ESTARÁ VIVO EM MEU CORAÇÃO E EM MINHA MEMÓRIA! ENTÃO SÓ FINJA QUE ELE ESTÁ AQUI... SÓ FINJA QUE ELE NÃO FOI EMBORA!--Scarlet gritou completamente raivosa, enquanto chorava.... Depois disso, se trancou em seu quarto. 

___Precisava falar isso para ela?--olhei irritado para Yoongi. 

___Sinto muito!--ele abaixou a cabeça. 

Fui ao quarto de Scarlet, entrei de fininho... A vi bebendo enquanto fumava um cigarro... 

___Eu sei que você vai voltar para mim... Só eu posso sentir isso... Eu sei que você está vivo, Namie... E quando você voltar, eu estarei pronta!--ela chorava enquanto olhava para o quadro gigante na parede, com a fotografia de Namjoon. 

___Noona! Você está fumando??--a olhei indignado. 

___Não... É claro que não...--Scarlet rapidamente pisou no cigarro, e chutou a caixa para baixo da cama. 

___NOONA! PARE DE MENTIR!--gritei.--ONDE CONSEGUI ISSO??--me abaixei e peguei a caixa debaixo da cama. 

___Eu comprei por ai, tá?! Qual é o seu problema? Não pode fumar em paz??--Scarlet me olhou brava. 

___Ei! Pare com isso! Fumar faz mal a saúde... E aliás eu sei que você só está assim, por causa dele... Não se culpe... Por favor Scarlet... Eu sei o quanto vocês se amavam... E meu hyung ainda está te amando, lá do céu... Ele não gostaria de te ver nessa situação, então por favor, se cuide... Largue os cigarros!--falei me sentando cuidadosamente na cama. 

___É tão difícil para mim... Ao mesmo tempo um pedaço de mim acredita que ele se foi... Mas minha outra metade, ainda espera Namjoon voltar, e me falar que tudo vai ficar bem!--Scarlet libertou todas as suas lágrimas. 

Simplesmente a abracei, e ela chorou em meu ombro. 

___Amanhã, que tal sairmos? Vamos comprar umas roupas, ir no cabelereiro.... Sair um pouco!--sequei as lágrimas dela. 

___Tá bom Tae!--ela sorriu.

............................... 


~~Vez da Scarlet 

Minha vida está muito difícil... Na verdade sem Namie aqui sinto como se só meu corpo estivesse vivo, mas não tivesse mais alma... Como se eu só estivesse sobrevivendo, como se eu só estivesse vagando... Minha vida acabou, e foi a dois meses... 

É impossível evitar a bebida, os cigarros e a enorme vontade que eu tenho de cortar meus pulsos... Se Namjoon realmente estiver morto, pode não ser hoje nem amanhã, ele só deve esperar a minha coragem de cortar os pulsos ou me jogar do prédio chegar, e assim o encontrarei. 

Mas tudo anda muito estranho... Não têm uma só noite que eu não sonho com Namie... Não têm momento que eu não o vejo andando pela casa... As vezes eu posso ouvir batidas... E tenho certeza de que essas batidas são do coração de Nam... Também posso ouvir até mesmo as lágrimas dele caindo. 

O que pesa mais, é que aquela pilha de mortos onde ele estava a dois meses atrás, sumiu... Namie foi dado como morto pelo governo, mas seu corpo não foi encontrado... É isso que me faz pensar mais ainda que ele está vivo. 

Eu sei que Taehyung está cuidando de mim, ele quer que eu largue o álcool e o cigarro.... Mas é tão difícil... Aliás quando eu estou normal, tudo dói mais... Parece que a bebida alivia minha dor... 

........................ 

Amanheceu, e como sempre tive que levantar para enfrentar o mundo sozinha... Fiz minha higiene, prendi meu cabelo de qualquer jeito, e vesti qualquer roupa. 

___Bom dia, rainha!--Jimin, Tae e Yoongi falaram assim que abri a porta do quarto. 

___Rainha? Só se fôr do inferno... Por que eu sou a noiva do rei do inferno!--sorri. 

Rainha do inferno e rei do inferno nunca foram xingamentos para mim e para Namie, aliás nós somos tão poderosos quanto! Tão cruéis quanto! E tão sanguinários quanto... Nós matamos como verdadeiros demônios. 

Enfim... Os meninos me levaram no salão de cabeleireiro, e eu pintei meu cabelo de preto, e o deixei ondulado, exatamente igual quando eu conheci Namie. 

Fizemos umas compras, agora eu estava vestida com um vestido de couro preto decotado, saltos dez, e um blaizer branco... Tinha que manter minha pose de mafiosa... E quando Namie voltar, eu tinha que estar linda para recebê-lo. 

Mas durante esse passeio todo, reparei que estávamos sendo segui-dos... 

___Meninos, vão indo para o restaurante fazer o pedido, eu irei logo atrás!--falei. 

___Por que? Vinhemos para passar o dia juntos, nós quatro!--Jimin falou e Yoongi acentiu. 

___Eu vou passar na loja de lingeries!--menti. 

___Ata... Então vamos logo meninos... O restaurante é aqui perto, e estamos rodeados de Runch's Randa... Não têm perigo!--Tae falou meio constrangido, enquanto puxava os dois. 

Esperei eles saírem, então de propósito, entrei em um beco sozinha... Perigoso eu sei que é, mas dane-se. 

Reparei que o cara continuou me seguindo, então corri e me escondi atrás de um carro... 

___CRETINO!--o joguei no chão com um golpe.--SEU FILHO DA PUTA! ME DIGA AGORA PARA QUEM VOCÊ TRABALHA, VAGABUNDO!--subi em cima dele o imobilizando, e apontei minha arma na cara dele. 

___Não me mate por favor...--ele me olhou com lágrimas.

___Fala logo, ou eu atiro!--o ameacei. 

___Abutres... Abutres... Trabalho para essa facção!--ele respondeu. 

___Que ótima informação, babaca!--bati na cabeça dele com minha arma, fazendo-o desmaiar.... Reparei que ele tinha uma tatuagem de palhaço no pescoço... É exatamente o tipo de tatuagem que os homens que invadiram minhas antiga casa tinham... 

Imediatamente liguei para meus homens, mandando-os a trazerem um carro... Logo em seguida fui para a mansão Runch Randa. Também mandei que avisassem meus meninos. 

Amarraram o cara em uma cadeira, e o levarão para uma sala, só para mim ter o prazer de brincar um pouco! 

___Scarlet! Ainda bem que você esta aqui!--Yoongi falou aliviado. 

___Tenho uma surpresa!--sorri sádica.

___Que surpresa Scarlet?--Tae me olhou desentendido.--Espera... Você sequestro mais uma pessoa... Quantos você já não matou, pensando que foram culpados pela morte de Namjoon... Para com isso...--Tae falou. 

___Não! Você não pode me impedir, aliás eu sou a patroa por aqui!--respondi.--E esse é acusado... Tenho certeza!--falei. 

___Você sempre têm certeza!--Jimin cruzou os braços. 

___QUE ISSO? MAS QUE DROGA!--ouvimos uma voz vindo do fundo da sala. 

___Olha só! O vagabundo acordou!--acendi as luzes.--Então... Vai me dar as informações, ou vou ter que te machucar?--perguntei ameaçadora. 

___NÃO VOU FALAR NADA!--ele gritou. 

___Não vai é?--o rodiei.--Agust D! Me passe o bisturi!--olhei para Yoongi aliás ele era tão frio quanto eu... "Agust D" era o nome de mafioso do Yoongi, mas mesmo assim ele não deixava de ser um Runch. 

___Claro Randall!--ele me entregou o bistuti que estava na mesa. 

___Sabe o que vou fazer com isso?--apontei o bisturi para o cretino, sorri de lado, e fiz um corte em sua bochecha. 

___Aish!--ele falou com dor. 

___Ainda não vai falar?--o olhei. 

___NÃO, SUA VAGABUNDA!--ele gritou. 

___Você é engraçado! Saiba que eu amo fazer cortes!--arranquei um pedaço de sua orelha. 

___AAAAAAAAAAAAAH! TÁ EU FALO!--ele gritou com dor. 

___Scarlet para...--Tae me olhou... Mas aquilo havia se tornado diversão para mim... Eu botava o terror! Simplesmente fiz "shh". 

___Qual é seu nome?--o olhei. 

___Yang... Yang Yoo-Ko...--ele
respondeu. 

___Ótimo Yang! Você havia me falado que trabalhava para os "Abutres" quem são os Abutres?--perguntei.

___Não posso falar!--ele olhou para baixo. 

___Não pode?--peguei o bisturi que estava no chão, e o infiei em sua coxa.--DÁ PRÓXIMA VEZ EU ARRANCO SEU JOELHO FORA! DIGA LOGO QUEM SÃO OS ABUTRES???--o ameacei 

___AAAAAARGH! TÁ.... Nós somos do norte de Seul... Trabalhamos com tráfico e roubos!--Yang falou... Como o próprio nome já diz "Abutres" então eles só trabalham com coisas podres. 

___POR QUE ESTAVA ME SEGUINDO?? E DESDE QUANDO COMEÇARAM??--perguntei. 

___Eu realmente não lembro senhorita!--Yang me olhou nós olhos. 

___Não lembra! Huh! O soco inglês, agora Jimin!--pedi... Depois comecei a espancar aquele cretino, até sua face ficar sem formato praticamente... 

___AAAAAAAAAAAW!--ele gritou e depois cuspiu sangue.--EU REALMENTE NÃO ME LEMBRO!--ele gritou apavorado. 

___OK! VAMOS VER SE VOCÊ SE LEMBRA!--o olhei.--Tae! Me passa a faca agora!--pedi. 

___Não Scarlet.... Você vai matar ele!--Tae recusou. 

___ME DÁ A DROGA DA FACA AGORA!--o olhei furiosa... E ele simplesmente obedeceu. 

Peguei a mão do Abutre, e arranquei-lhe dois dedos... Eu estava mais cruel... Na verdade estou sendo muito mais cruel do que Namjoon era quando liderava. 

___AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!--ele gritou quando sentiu os dois dedos arrancados. 

___ME FALA AGORA!--saquei minha arma, e a encostei em sua testa.--O QUE VOCÊS FIZERAM COM RUNCH RANDA?--perguntei de Namjoon. 

___EU NÃO SEI... NÃO FIQUEI ENCARREGADO DISSO... EU SÓ SEI QUE ELE AINDA RESPIRA... PROVAVELMENTE DEVE TER FUGIDO... POR FAVOR... NÃO ME MATE, EU TENHO NOIVA!--Yang implorou por piedade... Eu sabia que meu Namjoon não havia morrido! 

___A É? EU TAMBÉM TINHA UM NOIVO, E O QUE VOCÊS FIZERAM? O TIRARAM DE MIM... SEU BOSTA!--dei um tiro na cabeça dele.--Maldito o seja!--empurrei sua cadeira no chão. 

Depois disso, limpei minha arma aliás ela estava suja de respingos de sangue, e antes de ir embora, cuspi no cadáver. 

......................... 

Mandei meus meninos para casa, e fiquei na base principal, a mansão Randa. 

Ordenei aos meus homens para começarem a investigar essa tal de Facção dos Abutres... Logo a derrubarei, mas preciso saber quem comanda naquela droga... Sinto que estou perto de reencontrar Namjoon... Depois do que aquele vagabundo me disse, minhas crenças aumentaram! 

........................... 

Peguei minha ferrari e fui para casa. 

___Você não pegou pesado, noona?--Tae perguntou assim que me sentei no sofá. 

___Não! Ainda farei pior com o líder dos Abutres!--respondi. 

___Namjoon não gostaria de ver você fazendo isso!--Tae coçou a nuca. 

___Ele vai gostar sim, pois o que estou fazendo é por ele!--falei.--E aliás, vocês ouviram o que aquele cretino disse? Que Namjoon está vivo, e que deve ter fugido!--falei alegre. 

___Mas ele pode ter te falado isso, só para você não matá-lo!--Yoongi respondeu. 

___E outra... É muito difícil ele ter sobrevivido depois daquela explosão!--Taehyung falou. 

___Eu sei que ele está vivo... E preciso obter mais informações.... Principalmente informações que vêm do líder deles!--falei empolgada.--Mesmo se vocês não me ajudarem nisso, eu farei sozinha!--cruzei as pernas. 

___Eu estou contigo, Randall!--Jimin sorriu, e me chamou pelo meu nome mafioso. 

___Eu também Randall!--Yoongi concordou. 

___Tá... Eu também! Se meu irmão estiver vivo, quero realmente encontrá-lo novamente, então também estou dentro!--Tae falou. 


................................ 


Foi anoitecendo, e eu fui tomar meu banho... Me lavei, e depois fui limpar meu colar. Não era exatamente um colar, na verdade era um cordão amarrado na aliança do Namie... Aquilo foi a única coisa que conseguiram encontrar dele, então eu não soltava mais. 

Me sentei na minha cama, e comecei com a bebida... Aliás já havia virado um costume... Nem bêbada eu ficava mais. 

___Eu vou te encontrar... Eu prometo que vou te encontrar, meu querido!--acendi um cigarro, e olhei para o quadro do Namjoon. 

Não estava me importando muito de Taehyung me pegar fumando, aliás ele não manda em mim mesmo! 

............................. 

~~Vez do Taehyung 

Agora parecia que minha noona havia melhorado um pouco... Ela não desistiria de encontrar Namjoon. 

Eu realmente tenho uma pequena esperança de que meu hyung esteja vivo... O que aquele cara falou... Me fez acreditar um pouco que Namjoon-hyung está vivo, mas ao mesmo tempo, o Abutre pode ter mentido só para sair vivo... 

............................... 

Acordei pela manhã, fiz minha higiene, e fui para a cozinha, tomar café. 

___Bom dia hyung! Bom dia Jimin!--sorri e me sentei na mesa. 

___Bom dia!--os dois sorriram de volta... De repente olhei para a sala, e vi Scarlet saindo do seu quarto com malas em suas mãos. 

___Scarlet? O que está fazendo?--perguntei. 

___Farei uma viagem para a Itália!--ela parou e me olhou. 

___Oh... Eu e Yoongi-hyung devemos nos arrumar agora, para irmos com você?--Jimin olhou para ela. 

___Não! Não! Não! Vocês ficam!--ela falou. 

___Scarlet, somos seus guardiões, devemos ir com você!--Yoongi falou. 

___Não é Scarlet! E sim Randall, com muito orgulho!--ela colocou as mãos na cintura.--Vocês ficam! Aliás eu vou levar 200 Runch's comigo!--Scarlet falou. 

___Se nós não formos contigo, você não vai!--respondi. 

___Eu vou sim, e vocês ficam, isso é uma ordem!--Scarlet fechou a cara.--Taehyung, não vai ser perigoso! Esqueceu que eu sou a líder? Têm Runch's meus por todos os cantos!--ela falou enquanto ajeitava sua jaqueta. 

___Não gosto dessa idéia, mas.... O que vai fazer na Itália?--perguntei. 

___Aliança! Farei uma aliança com a mafia de lá!--Scarlet explicou. 

.......................... 

Ela organizou todas as suas coisas, e depois chamou seus homens para tirar as coisas que ela levaria, até mesmo seu jatinho já estava esperando na nossa cobertura do apartamento... 

___Nós já podemos ir, senhorita Randall, aliás já pegamos todas as suas coisas!--os Runch's falaram. 

___Ainda não... Está faltando algo....--Scarlet colocou a mão na testa.--Mas é claro! O quadro! Peguem o quadro do meu quarto e levem para o jatinho!--ela mandou. 

Mas é claro que a noona não esqueceria do quadro do Namjoon, aliás ela falava quase toda hora com aquele quadro que continha a foto de meu irmão. 

Em seguida, me abraçou, e se despediu de Jimin e Yoongi, e foi para o jatinho. 

 


Continua................ 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Desculpe os erros.
Amo muito vocês minhas cerejinhas! ❤️💜💗💚💙💛♥️💝💖💘💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...