História Milk - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Fifth Harmony, One Direction, Zayn Malik
Personagens Ariana Grande, Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Ariana Grande, Fifth Harmony, Harry Styles, Larry, Liam Payne, Little Mix, Louis Tomlinson, Niall Horan, One Direction, Perrie Edwards, Zariana, Zayn Malik, Zerrie
Visualizações 352
Palavras 1.753
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


CHAMA A LUDMILA QUE É HOJE


AVISO: Capítulo NÃO revisado, desculpe qualquer erro.

Capítulo 15 - 15. Milk


September 28, 2012

Você é o único
Que me mostrou a verdade
Você é o único
Que me dá esses arrepios
Nenhum ex no passado pode abrir meus olhos
Toda vez pensava que encontrava "o cara"
Eu disse que te amo, mas eu menti
Porque o amor nunca me deixou tão alta
Eu disse que te amo, mas eu menti
Porque tudo era diferente desta vez
Eu disse que te amo, mas eu menti
Porque o amor nunca me deixou tão alta

Fifth Harmony - I Lied

 

— Estão nervosas? Porque eu estou quase fazendo xixi nas calças.

— Não sei se estou mais nervosa com a festa, ou pelo resultado – Holly respondeu Lizy.

— Vocês acham que foi uma boa ideia cantar I’ll Stand By You? – perguntei.

— Eu espero que sim, porque ficarei muito triste de ser eliminada por uma das minhas canções favoritas. – Molly respondeu-me – Principalmente porque o Simon nos deixou escolher a música, pela primeira vez.

— Gente, não acho uma boa ideia eu ir nessa festa.

— Por que? – Lizy perguntou a Lauren que estava quieta desde quando falei da festa que Zayn nos convidou.

— Bem vindos novamente ao The X Factor, recebemos milhões de votos, muito obrigada, mas agora, a votação está encerrada. – a voz do apresentador interrompeu-nos.

— Vamos garotas? – Simon apareceu. Demos as mãos e o seguimos para o palco. Por favor, que passemos para a quinta semana.

 

(...)

 

— O Zayn já lhe mandou o endereço por mensagem?

— Não. – respondi Holly.

 

Graças a todos os Deuses do olímpio, conseguimos passar para a próxima semana, então corremos para minha "casa" e estamos tentando nos arrumar neste meu quarto minúsculo de hotel.

 

— Sério amiga, espero que o seu pai pague um hotel com um quarto com o triplo do tamanho deste.

— Nem me fale, cansei de ser chutada quando o James levanta para ir ao banheiro durante a noite. – concordei com Lauren. Senti meu celular vibrar e li a mensagem de Zayn.

 

“14-16 Rupert St, London W1D 6DD, Pub Waxy O'Connor’s, quando chegar manda mensagem que um de nós buscará vocês”

 

— Zayn mandou o endereço. –Lizy arrancou o celular de minha mão.

— Waxy O’Connor’s? É o Pub Irlandês mais caro de Londres. – Lizy arregalou seus olhos castanhos.

— Ai gente, eu não tenho dinheiro nem para comprar toddynho, as coisas de lá devem ser mais cara que meu rim. – Holly choramingou.

— É só pedir para a Lizy comprar as bebidas, se ela ganhou sorvete de graça, deve ganhar pelo menos um desconto nas bebidas. – Molly zombou e começou a discutir com Lizy.

— Lauren. – sentei-me ao lado da única que já havia se arrumado e estava calada, sentada na cama. — está tudo bem?

— Sim, só estou com receio de ir nesta festa.

— Eu sei, mas tente pelo menos se divertir, não é todo dia que vamos em uma festa cheia de famosos. – comentei animada fazendo-a soltar uma leve risada.

— Eu sei, a Holly já quase acabou com o vidro de perfume. – olhamos para trás onde Holly espirrava pela a que devia ser a vigésima vez, perfume enquanto falava o endereço para o taxista no celular.

— Acho que vamos morrer intoxicadas dentro do carro. – rimos. – promete se divertir? – levantei o dedinho.

— Não vou fazer promessa de dedinho Ally, isso é muito infantil. – Lauren revirou os olhos enquanto eu fazia um biquinho com os lábios. – Você deve ter problema mental Crosby.

— Eu não duvido disso. – afirmei enquanto Lauren cruzava seu dedinho com o meu.

 

(...)

 

Sai do carro e respirei fundo. Ar fresco.

 

— Sério Holly, da próxima vez que passar tanto perfume assim, você vai pendurada no teto. – Lauren reclamou já do lado de fora do carro.

— Calem a boca e avisem logo que chegamos. – Holly pagou o taxista que logo saiu com o carro.

 

Peguei o celular e mandei uma mensagem a Zayn, avisando que já estávamos na frente do Pub. Realmente esse lugar é de gente rica, se somente a entrada deve valer mais que minha casa, imagina lá dentro? Cruzei os braços e me xinguei mentalmente por deixar Holly escolher minha roupa, um vestido vermelho e uma jaqueta de couro, não combinam com o frio de Londres, como esse povo consegue usar qualquer coisa que não seja calça e moletom? Minutos depois vi uma cabeleira cacheada abrir a porta do Pub e falar algo no ouvido do segurança que estava na frente da porta, impedindo a entrada das pessoas.

 

— Hey garotas, entrem. – Harry acenou. Atravessamos a rua e entramos atrás de Harry o que ocasionou algumas vaias das pessoas do lado de fora.

 

O Pub estava lotado de pessoas que balançavam seus corpos ao som de Titanium, David Guetta.

 

— O Pub está fechado essa noite somente para nós, então, nada de paparazzis. – Harry gritou por cima do ombro enquanto andávamos em direção a um espaço com uma grande placa escrito "Área Vip".

— Ally. – assim que entramos na área Vip, senti os braços de Niall em volta de mim.

— Niall. – imitei a animação em seu tom de voz e o abracei de volta. Logo em seguida fomos cumprimentadas pelos outros meninos, menos Zayn que não se encontrava ali.

— Eai, passaram para a próxima semana? – Liam perguntou após todos sentarem nos sofás que havia ali.

— É claro, vocês acham que estão falando com quem? – Holly respondeu jogando o cabelo por cima do ombro.

— Uou, gostei dessa garota. – Louis riu e abraçou Holly pelos ombros.

— Ai meu Deus. – Lizy gritou nos assustando. – É o 5SOS ali? - apontou.

— Sim eles-

— Vamos até eles Ally. – Lizy interrompeu Niall e saiu puxando-me pela mão.

 

(...)

 

Afastei-me de Lizy e dos meninos do 5SOS – não sem antes tirar uma foto com eles, claro – e voltei para a área vip, que estava vazia. Sentei-me no sofá e comecei a comer um pacote de salgadinho que comprei no bar. Após alguns minutos, Zayn ultrapassou as cordas que separavam a Área Vip do restante do Pub. Senti um frio na espinha ao vê-lo me encarar de cima a baixo, ou pelo menos o que deu para ver comigo estando sentada. Acho que deve ter maconha misturada nesse salgadinho, eu só posso estar alucinando.

 

— Allyson. – Zayn gritou e veio me abraçar.

— Uou, pensava que você não era do tipo que não gostava de muito contato físico. – Zayn riu, ou melhor, gargalhou e soltou-me.

— O que está fazendo ai sentada? Quer ir dançar? – arregalei os olhos. Pelo o que eu sabia, nesses meus dois anos sendo fã da One Direction, Zayn odiava dançar, e quando tentava, era mais duro que o que o quadril do meu avô.

— Você está bêbado? - franzi o cenho.

— Talvez. – riu de novo e sentou-se ao meu lado. – Você não quer dançar? Isso aqui é um Pub, um lugar para se ficar bêbado e dançar.

— Não, obrigada, prefiro ficar bêbada sentada, e comendo. – tomei o restante do vinho que havia na taça que pedi minutos atrás. Eu sei, estranho, quem pede vinho em um Pub? Mas eu amo vinho, muito mais que essas bebidas alcoólicas ai, e pelo incrível que pareça, ele estava o mesmo preço de uma copo d'água.

— Estou triste. – me assustei com a mudança repentina de humor de Zayn.

— Triste? Por quê?

— Só irei lhe contar, caso beba algo mais forte do que isso. – apontou para a taça que antes, continha vinho.

— Está bem, não queria saber mesmo. - dei de ombros.

— Qual é Allyson, não seja chata. - Zayn se virou para mim.

— Qual é Zayn, não seja chato. – revirei os olhos.

— Está bem. – Zayn ficou quieto por um tempo. – Perrie apareceu aqui, bem na hora em que você mandou a mensagem, estávamos discutindo, ela acabou vendo que a mensagem era sua, começou a gritar comigo, jogou o anel de noivado na minha cara e eu fui para o bar encher a cara. – olhei para o Zayn que estava vermelho e com os punhos fechados. Não pensei no que estava a fazer, apenas o abracei, ato que ele demorou a retribuir.

— Sinto muito.

— Eu entendo ela não confiar em mim. – Zayn se separou de mim. – eu trai ela – PUTA QUE PARIU, ZAYN MALIK TRAIU PERRIE EDWARDS. - uma vez, mas eu me arrependi, e nunca mais fiz isso, e ela tacando o anel que a dei na minha cara, me deixou puto da vida. - exclamou puxando seu cabelo para trás, Deus, ele tem um cabelo melhor que o meu.

— Gostava? Você quis dizer amava certo?

— Depois de tudo que aconteceu, eu não sei mais se a amava ou se somente gostava.

— Você tem que entender o lado dela também Zayn – eu não gosto de Perrie desde o momento em que recebi um tapa na cara da mesma, mas isso não quer dizer que eu não a respeite, e principalmente que eu não a entenda. – você traiu-a, é normal ela não confiar completamente em você.

— Mas, quem ama confia certo? Isso significa que ela não me amava? – vou dizer uma coisa, Zayn Malik bêbado é a coisa mais fofa desse mundo.

— Eu não sei Zayn, isso quem pode te dizer é somente ela. – Zayn afirmou com a cabeça e continuou me encarando. – O que foi?

— Seus olhos são muito bonitos.

— São olhos comuns, Zayn. - ri fraco.

— Não, não são,eles parecem castanhos, mas quando a luz bate neles, eles ficam em um tom de verde, e  ao redor da pupila, em um tom de mel.

— Eu nunca reparei nisso. – sussurrei olhando-o nos olhos.

 

Senti minhas mãos começarem a suar. Eu quero muito gritar, PORRA EU QUERO FAZER XIXI, Zayn Malik está a poucos centímetros do meu rosto.

Prendi a respiração quando senti uma das mãos de Zayn em minha cintura enquanto a outra acariciava minha bochecha, me fazendo fechar os olhos. Eu não sei como não cai para trás ou não desmaiei quando senti os lábios de Zayn em contato com os meus.

Eu queria muito dizer que quando sua língua entrou em contato com a minha, foi a melhor sensação da minha vida, mas antes disso acontecer,ouvi alguém gritar meu nome, o que fez nos afastarmos rapidamente.

 

— Allyson o que você está fazendo aqui? E cadê a porra da Lauren? – Max gritou enquanto Nathan, ao seu lado, nos encarava com uma expressão furiosa. Atrás dos mesmos, Harry, Liam e Niall estavam com a mesma expressão, porém, direcionadas para os dois garotos.

 

Talvez eu devesse ter contado que o motivo da Lauren não querer vir, era por causa do cara que estava em pé a minha frente, ou melhor, por causa de Max George, um dos integrantes do The Wanted, mais conhecido como o namorado de Lauren.


Notas Finais


AVISO: Capítulo NÃO revisado, desculpe qualquer erro.
Postei e sai correndo.
Capítulo novo antes de domingo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...