História Milk - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Fifth Harmony, One Direction, Zayn Malik
Personagens Ariana Grande, Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Ariana Grande, Fifth Harmony, Harry Styles, Larry, Liam Payne, Little Mix, Louis Tomlinson, Niall Horan, One Direction, Perrie Edwards, Zariana, Zayn Malik, Zerrie
Visualizações 233
Palavras 1.167
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpe qualquer erro.

Capítulo 22 - 22. Milk


Fanfic / Fanfiction Milk - Capítulo 22 - 22. Milk

October 11, 2012

 

Minhas mãos, suas mãos
Apertadas como dois navios à deriva
Ondas leves tentam quebrá-lo
Eu faria qualquer coisa para salvar isso
Por que é tão difícil de salvar isso?
Meu coração, seu coração
Sente-se com firmeza como os suportes de livros
Páginas entre nós
Escritas sem fim
Tantas palavras que não estamos dizendo
Não quero esperar até que isso vá embora
Você me faz forte

One Direction - Strong

 

Fechei a porta devagar evitando ao máximo fazer barulho. Tirei os saltos e caminhei na ponta dos pés em direção ao quarto tentando não esbarrar em nada por conta do escuro. Ouvi uma tosse e a luz foi acesa. Gritei ao virar-me para trás e encontrar James sentado na poltrona da sala e mamãe em pé ao seu lado, com a cara igual ao Hulk e com alguns bobs na cabeça.

 

— Caralho, querem me matar? – botei  a mão no peito tentando acalmar meu coração que batia mais rápido que bateria de escola de samba.

— Se você não tivesse demorado tanto para voltar. – mamãe cruzou os braços. – Agora que voltou, irei dormir. Amanhã nós conversamos. – ouvi a porta do quarto fechar e virei-me para James.

— Mas eai? – James sorriu malicioso para mim.

— O que?

— Para você chegar às duas da manhã e ir para o quarto escondida, obviamente tentando evitar-me, deve ter acontecido algo muito bom. Vocês transaram?

— Oi? – gritei recebendo um “Vai gritar na puta que pariu” de mamãe. Ela realmente não deveria ser mãe, afinal, que mãe joga você em cima –literalmente- dos meninos no meio de um mercado e sai correndo? Uma normal não. – Por que você sempre me pergunta se eu transei com alguém?

— Está bem, está bem, mas essa sua cara não me engana. O que aconteceu?

— James. – choraminguei jogando-me no sofá – Nós nos beijamos. - desabafei.

— O que? – gritou. Do quarto mamãe gritou mais algum palavrão, mas não prestei atenção por estar me desmanchando em lágrimas. – Meu Deus, você está chorando? Ele beija tão mal assim? – James se  levantou, e sentou no sofá colocando minha cabeça em seu colo.

— É que, isso tudo parece surreal sabe? – sequei meu rosto molhado pelas lágrimas – Eu não estou reclamando. Eu sempre quis entrar no The X Factor, ter uma banda ou até mesmo ser cantora solo. Conhecer meus ídolos e namorar alguém do One Direction, uma típica vida de fanfic. – ri fraco – Mas agora, que isso tudo está quase acontecendo, tirando a parte de namorar, eu estou me sentindo sufocada, como se a qualquer hora, tudo isso irá acabar e eu vou voltar a ser a garota que sempre ia parar na diretoria e que trabalha em um restaurante de Chili. Já pensou se nós fizermos sucesso? Já vi tantos famosos que ao conquistar a fama, nunca mais falaram com a família, com os amigos e se afundaram nas drogas, eu posso estar parecendo estúpida mas-

— Não fale isso Sun. – James me interrompeu. Sorri com o apelido de infância que já gerou muitas discussões. – É normal sentir medo, é algo novo e completamente diferente de tudo que você já viveu, mas você não pode desistir, tem que continuar com a cabeça erguida, sim? – fez cafuné em minha cabeça – Você nunca estará sozinha, sempre terá eu, mamãe, seu pai, nossos avós, e as garotas, afinal, você mesma já me disse que elas tornaram-se como irmãs para você, o que eu não gostei nada, porque eu sou seu primeiro, único e mais gostoso irmão. – gargalhei.

— Te amo James.

— Também te amo tampinha de garrafa. – abraçou-me pelo pescoço.

— Que bonitinho, quem vê nem acha que já tentaram afogar um ao outro na piscina. – sentei-me no sofá encontrando mamãe escorada na parede.

— Está bem, agora conte-me como foi a noite e o beijo. – James pediu.

— Minha menininha beijou? Quero saber também. – revirei os olhos ao ver mamãe sentando ao meu lado.

— Vocês me enchem o saco em. – respirei fundo e comecei a reviver a noite inesquecível de hoje.

 

(...)

 

— Espere aí – Lauren levantou-se. – Zayn Malik te beijou e você falou que ele cheirava a molho a carbonara? Qual é o seu problema mulher? – esbravejou.

— E o que você esperava que eu falasse?

— Não sei, talvez, seus olhos são lindos, seu beijo é maravilhoso, quero te dar um filho, sei lá, menos que o cara está fedendo a uma coisa que você mesma jogou nele.

— Foi um acidente. – relembrei.

— Que seja. Você é estranha.

— Só agora que notou? – olhei indignada para Lizy. – Sabe que eu te amo né? – revirei os olhos.

— Não sei se notaram, mas o programa logo começará e nem repassamos a música ainda. – tomei mais um gole do café que me deixou acordada o dia inteiro, já que tive que ficar acordada até ás três da manhã contando e recontando o “encontro” com Zayn.

— Meninas. – olhamos para trás encontrando Simon com uma feição nem tão boa.

— Oi Simon, tudo bom? – Molly sorriu mas seu sorriso não foi retribuído.

— Quero conversar com vocês após o programa. – virou-se de costas e sumiu de vista.

— Acho que estamos ferradas. – Holly falou pela primeira vez desde que nos encontramos.

— Novidade. – Lauren bufou. – Vamos repassar logo a música.

 

(...)

 

— Eu deveria estar feliz por termos passado, mas sinto que o Simon vai falar algo muito ruim. – tentava acompanhar Holly andando para lá e para cá com os olhos. – Meu Deus. – parou abruptamente me assustando. – E se for para nos expulsar do programa?

— Vire essa boca para lá Holly. – Molly reclamou se levantando. – Talvez ele só queira dar algumas dicas.

— E por que ele pediria para falar conosco após o programa e não em um dos dias do ensaio como sempre fora? – Lizy perguntou.

— Está bem, agora vocês estão me assustando. – Lauren levantou-se de uma das cadeiras em que estávamos sentadas na mesma sala em que vimos a “palestra” dos meninos do One Direction. Antes que pudéssemos falar mais alguma coisa, a porta foi aberta e em seguida, Simon passou por ela segurando uma revista em mãos.

— Sentem-se meninas. - vi as meninas sentarem rapidamente de volta a seus lugares. - Eu serei rápido, e espero que vocês sejam sinceras comigo. – acenamos. – Eu soube Lauren, que você namora com um dos integrantes do The Wanted, e que teve uma confusão com o Louis da One Direction, e mesmo com a confusão que tivemos em frente a porta da Arena, eu decidi não ir “a fundo” nesse assunto. – Simon puxou uma cadeira e sentou-se em nossa frente. – Mas ao chegar hoje e encontrar isso em minha mesa, não pude deixar passar em branco. – arregalei os olhos ao ler a reportagem da revista que estava nas mãos de Simon.

 

“O integrante da BoyBand One Direction, Zayn Malik, foi visto ontem a noite beijando a integrante da GirlBand, do The X Factor Royal Doss, Allyson Crosby em uma praça. Parece que finalmente descobrimos quem é a garota misteriosa do Malik”

 

— O que você acha que eu devo fazer sabendo que a One Direction irá se apresentar no programa semana que vem, garota misteriosa?

 

Fudeo.


Notas Finais


Sumi? Sumi.
Me desculpem pelo sumiço, mas a escola está me deixando completamente doida, junta isso á organizar uma festa de 15, preparar coreografia e a cuidar de blogs.
Acho que já falei para você que eu tenho um blog que faz capa, banner, betagem etc de fanfic né? Além disso, eu faço parte de outros 4 então fica difícil de conciliar.
Eu não quero abandonar Milk, muito menos o blog, eu amo os dois mas eu fico doidinha aqui tentando conciliar os dois.
Caso queiram pedir capa, banner etc para sua fanfic, OU MELHOR, saibam fazer e quiserem se inscrever: https://designsanyway.blogspot.com.br/
Enfim, desculpe pelo capítulo pequeno, mas não poderia colocar "muita coisa", pois o próximo capítulo irá ser MARAVILHOSO, pelo menos é o que eu acho.
Mas vejam o lado bom, não terei aula quinta e sexta, ou seja? Quatro dias livres para escrever Milk! Então, capítulo novo semana que vem viu?
Muitos beijos amores, mil desculpas pela demora.
AHHH JÁ ESTÃO NO GRUPO DO WPP? NÃO? SEGUE O LINK:
https://chat.whatsapp.com/AS8ep8iEijb9UZ68RPQE4f


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...