História Mine. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook
Tags Fuck, Jungkook, Jungkook Horny As Fuck, Smut
Exibições 169
Palavras 3.869
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Fluffy, Hentai, Lemon, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OLHA, SÓ DEIXA EU TE AVISAR, É UM PORNOZÃO. TEM MUITO INGLÊS TAMBÉM, SE VOCÊ NÃO SABE INGLÊS, ENTÃO ABRE O TRADUTOR.

Capítulo 1 - Mine and Mine


Fanfic / Fanfiction Mine. - Capítulo 1 - Mine and Mine

*Ao você fazer uma prank de termino de namoro com o Jungkook*

(s/n)= Seu nome;

-Hey

Jungkook bae;

-Hey babe! ʕ→ᴥ←ʔ

-Eu estava pensando em você ʕ≧ᴥ≦ʔ

-Hm... Jungkook, nós temos que conversar.

-O que que foi? *preocupado*

-Eu acho que nós não vamos dar certo.

*se sentindo culpada* -Me desculpe

-ʕ ·ᴥ·ʔ

-ʕ·ᴥ·  ʔ

-???!!

-O que você quer dizer com isso?!

-O que eu fiz de errado?! *desesperado, escrevendo rapidamente*

-...

-Eu apenas...

-Todos os dias eu recebo cartas e emails...

-Coisas da qual prefiro nem comentar, falando sobre nosso namoro...

-E não é só por minha causa, mas estou preocupada com você também.

 

*Jungkook desesperado, liga para você em menos de segundos, sentindo lágrimas formando em seus olhos, a chamada toca duas vezes.

Você estava se sentindo meio culpada, então decidiu explicar tudo para ele antes que algo acontecesse e atendeu o celular.*

 

Você: “Alô?” -Disse se sentindo extremamente culpada ao escutar a respiração rápida e descompassada de seu namorado-

Jungkook: “Please... diz que não é verdade, diz que você ainda me ama, diz que nós ainda somos feitos um para o outro... please, don’t leave me...” –Sua voz era envolvida por sofrimento e desespero, você conseguia sentir a voz dele quebrando, mostrando que ele estava quase chorando-

Você: “Jungkook, eu-” Sua fala foi cortada pela voz sofrida do garoto

Jungkook: “Diz que nós ainda iremos nos casar, ter filhos, por favor... eu não sei o que eu vou fazer sem você na minha vida, eu não iria aguentar acordar e não ver suas mensagens, eu não aguentaria passar mais de um dia sem ouvir sua voz!” -Exclamou chorando, ele estava com o coração na mão, o sentimento de perder você era muito doloroso para botar em palavras- “Eu saio do BTS! Eu saio da Big Hit! Eu deixo tudo pra trás... mas pelo amor de Deus não me deixe...” –Terminou em um mero sussurro. Você estava assustada, se sentindo muito mais culpada, mas teria de falar de um jeito ou de outro-

Você: “Jungkook... me desculpe” –O coração dele parou, assim como a respiração- “E-Era pra ser uma brincadeira, eu achei que você não faria muito coso disso, m-mas... me desculpe, eu nunca iria te deixar, eu nunca iria conseguir ficar sem você” –Você disse em quase lágrimas, mas parou quando escutou o barulho da porta sendo aberta grosseiramente e você sendo engolida em braços fortes e quentes, o único barulho que continha na casa era a respiração acelerada e Jungkook e o seus celular caindo no chão-

“Nunca mais...” Jungkook murmurou em seu ombro “Nunca mais faça isso! Entendeu?! Eu achei que iria morrer! Quando você escreveu aquilo, eu achei que nunca mais iria te ver, eu pensei que você já não estivesse mais aqui, eu... eu pensei que você tinha se apaixonado por outro! God! Eu pensei que você não me amasse!” Ele exclamou, abraçando sua cintura fortemente e te balançando, enquanto algumas gotas quentes caiam em seu ombro, ou melhor, as lágrimas de Jungkook caiam em seu ombro.

“Me desculpa... eu não pensei que ia dar nisso” Você disse o abraçando, passando sua mão direita no cabelo dele, afagando carinhosamente enquanto sua mão esquerda acariciava as costas do garoto.

Depois de alguns minutos de poucas lágrimas, Jungkook tirou o rosto vermelho e inchado de seu ombro, olhando para você, na qual o olhava com sofrimento, você havia feito ele ficar assim, por sua culpa, por uma brincadeira idiota, você havia feito your baby chorar.

Passando a mão no lindo rosto de seu namorado, você o guiou para cozinha e fez com que ele sentasse em uma das cadeiras da bancada, e quando tentou ir, ele segurou sua mão e fez um pequeno choro em contradição, você apenas sorriu para ele e o deu um pequeno beijo na bochecha, indo pegar um copo de água para que o acalmasse mais.

Após alguns minutos de silêncio, com Jungkook bebendo lentamente e você olhando para baixo, não percebendo o olhar do garoto, seu celular tocou, assustando os dois.

“Jigeumcheoreom manmanmanmanman man

Isseojumyeon nannannannannan

Baralge eopseuni neon amugeosdo bakkuji mamamama” (Just Right – GOT7)

-“Alô?” Você perguntou insegura, afinal, não era todos os dias que você recebia ligações de um número desconhecido, e o que piorava mais ainda, era o olhar de Jungkook que não quebrava de forma alguma, te seguindo a todos os momentos.

-“(s/n)? Hey babe” Disse uma voz grossa do outro lado, um arrepio passou pela sua coluna por dois motivos, primeiro; Esse era o seu ex, um cara abusivo e extremamente babaca, que te traiu e te machucava, segundo; Seu celular era do tipo que mesmo não estando no viva voz, era possível passa pessoas ao seu redor escutarem a conversa, dando assim, Jungkook estava escutando tudo.

-“Q-Quem seria...?” Você tentou dar o seu melhor para não criar brigas entre você e seu namorado, mas ao dar uma pequena olhada para o lado do jovem idol, você viu um olhar extremamente vazio e duas mãos formadas em punhos.

-“Você sabe muito bem quem é, o cara que você vai amar a vida toda, mas de qualquer forma, eu liguei porque ouvi falar que você tá namorando um tal de “Juncuk”, sério isso, (s/n)? Sério? Você sabe que só eu sei fazer você gritar, só eu sei foder você até fazer você desmaiar, só eu sei fazer você engasgar com a minha porra enquanto eu forço essa sua cabeça no meu pau, voc-” Seu ex foi interrompido quando o celular foi tirado grosseiramente de sua mão e um braço agarrou sua cintura. Olhando para seu lado onde uma respiração quente batia, você se deparou com Jungkook, no qual tinha a mandíbula travada e os olhos coberto por sua franja, o mesmo colocou o celular no viva voz e olhou pra você.

-“Hey, você é o ex da minha namorada, não é?” Disse Jungkook calmamente, mas em sua voz era fácil de se encontrar uma irritação agressiva e, mais do que toda, possessiva.

-“Q-Quem é você?! (s/n)?!” Exclamou seu ex, ele não era idiota o bastante para não saber o que estava acontecendo, ele sabia que ele havia dito merda, e muita merda com seu namorado do seu lado.

-“(s/n) não está aqui no momento, mas eu estou. Então você, liga pra namorada de alguém, diz a lot of fucking shit, e acha que vai sair desse jeito? Deixe-me contar algo, (s/n) é minha, sou eu quem tenho propriedade sobre ela, eu quem faço ela gemer o meu nome até que a voz dela acabe, e apenas eu tenho direito de falar com ela de qualquer forma, então, you fucking asshole, nunca mais ligue pra minha namorada se não quiser aparecer no jornal como um corpo encontrado perto de um rio.” Desligando, Jungkook estava assustador, em seus olhos era facilmente encontrado fúria, sua boca estava levemente aberta enquanto respirava rapidamente, o aperto em sua cintura já estava ficando um pouco dolorido de tanta força que ele estava fazendo, não percebendo que ele estava quase esmagando você contra ele, até que você soltou um gemido de dor abafado, o fazendo tirar o aperto, mas não todo, pra que ele pudesse te ver.

Você estava linda na visão dele, seu cabelo um pouco bagunçado, seu rosto vermelho, seu peito subindo e descendo rapidamente por estar quase sufocando no peitoral dele, dando uma pequena visão da sua barriga quando seus peitos levantavam a pequena blusa. Uma súbita excitação veio em Jungkook, fazendo-o largar o celular na mesa e te abraçar, mas é claro, mas com as mãos groping your ass, fazendo você soltar um gemido involuntário no pescoço dele, apenas trazendo mais excitação para Jungkook e seu membro.

Fuck (s/n), you’re so fucking hot” Ele disse firmando mais o aperto on you ass e te subindo, fazendo com que você agarrasse a cintura dele com suas pernas, sentindo a ereção dele encostando em você, o fazendo soltar um pequeno gemido quando você se moveu levemente.

Te levando para bancada, Jungkook olhou para você, com os olhos repletos de luxúria e desejo, fome, por você e por seu corpo, com você ali, apertada contra o porco dele, ele queria te dominar, ele queria marcar você, ele queria transbordar você com ele.

Agarrando a parte de trás de seu pescoço, Jungkook começou a te beijar furiosamente, passando a língua em seus lábios de uma vez ou outra para sentir seu doce gosto, até que ele quebrou o contato, dando um pequeno tempo para observar você e sentir sua fragrância e seu gosto, vendo você com os olhos semicerrados e com a boca inchada, com um brilho de saliva em seus lábios rosas, Jungkook se viu ficando duro como uma pedra e urgência de ter você o consumindo. Atacando seus lábios mais uma vez, o jovem garoto forçou a língua dele sem te avisar, te tirando um gemido que o fez dar um pequeno sorriso enquanto invadia sua boca como se fosse um lugar precioso que deveria explorar cada centímetro.

As mãos de Jungkook que até agora estavam apenas em sua cintura e pescoço, começaram a ir uma para sua coxa e a outra para o final de sua barriga, passando pela blusa e começando a explorar sua lisa pele, acariciando todos os lugares possíveis, fazendo com que nada estivesse intocado. Parando o beijo hesitantemente, dando alguns finais selinhos, mas então começando a traçar um caminho de pequeno beijos pela sua mandíbula e descendo para seu pescoço, logo o atacando furiosamente, lambendo, chupando, beijando e mordendo sua doce e mais pele, deixando marcas e marcas, assim como a cada ação dele, ele fazia certeza que você soltasse um macio gemido.

Apreciando seu trabalho em te deixar com mais de 20 marcas, as mãos de Jungkook, nas quais estavam ainda rodeando sua coxa, dando alguns apertões quando você gemia o nome dele, e na sua cintura, foram para a borda de sua fina blusa, retirando a mesma e a jogando em qualquer lugar, seu foco era apenas você, nada mais. Jungkook parou para observar você um pouco mais uma vez, enquanto estava com as mãos nos dois lados de sua cintura, que após alguns segundos subiram para seus seio, que ainda estavam cobertos pelo tecido do sutiã, os apertando gentilmente, pois ele já havia lido algumas histórias de o namorado apertava agressivamente e não entendia o porquê, isso não daria prazer para a menina, apenas dor, e vendo (s/n) gemer baixinho pela ação, deu mais alguns leves apertos, apenas para continuar a escutar os gemidos baixinhos de sua amada, mas não conseguindo se controlar, as mãos do jovem garoto foram para a tranca do sutiã, os tirando com um pouco de dificuldade, fazendo com que (s/n) desse uma pequena risada ao escutar o choro de frustração de Jungkook ao não conseguir abrir o maldito fecho, e mesmo frustrado, o garoto mesmo deu um pequeno ao escutar sua fofa risada, mas ao tirar o tecido e ver seus seios expostos para ele, o sorriso caiu de seu rosto e ele lambeu os lábios, passando as mãos pela carne macia e leitosa, os massageando carinhosamente, pois mesmo estando dominado pela luxuria e desejo de ter você, sabia não te machucar.

Vendo você se mover um pouquinho pelos toques quentes da mão de Jungkook, ele sorriu e se aproximou de você e te deu um pequeno beijo, empurrando sua cabeça, até que você estivesse inclinada para trás o bastante para que seus peitos estivessem na direção perfeita para ele, e assim estava, e sem nenhum aviso, Jungkook se abaixou levemente e abocanhou seus peitos com uma fome incessante de ter você, chupando, lambendo e mordendo, levemente, cada um deles, claro que quando ele chupava, perdia o controle, chupando um pouco forte de mais, te tirando gemidos altos e outros baixos, as vezes sons que não poderiam ser considerados de gemidos, ou as vezes o nome dele, isso tudo o fazendo mais excitado, o corpo de ambos vocês estavam exalando um calor anormal a esse ponto. Dando um último chupão em sua clavícula, Jungkook tirou a blusa e sua calça rapidamente, dando um tempo para que você pegasse sua respiração de volta, perdida enquanto chamava o nome de seu amado incessantemente, e também aproveitou essa chance para observar o garoto a sua frente, que tirava o cinto nesse momento, he was so hot, o cabelo escuro estava bagunçado, suas pupilas dilatadas pelo desejo, seus lábios inchados e vermelhos, seu peitoral subindo e descendo pela respiração descompassada, gotas de suor desciam pelo pescoço do mesmo, suas mãos rápidas tiravam e jogavam as calças em qualquer lugar, dando a atenção para você novamente, andando rapidamente em sua direção e tirando seus shorts, aproveitando para passar as mãos por sua perna, sentindo você se arrepiar pelo toque. Não vamos esquecer de que ao ele tirar a calça, você viu algo grande e grosso marcando sua roupa intima, também com uma parte molhada encima.

Jungkook, ao tirar seu short, pôs as mãos em suas coxas, as apertando e trazendo mais perto para o quadril do mesmo, fazendo com que você sentisse o grande e pulsante membro contra sua parte feminina, tirando um gemido de ambos. With lustful eyes, Jungkook te beijou com desejo, adentrando sua boca com sua língua quente e macia, te dominando em poucos segundos, fazendo você desejar que aquele sentimento nunca acabasse, mas você própria quebrou o beijo quando a mão grande e quente entrou em contato com sua intimidade, que by the way, was dripping wet.

You’re so wet, babe” Sussurrou Jungkook no seu ouvido, amando a sensação que molhada de seus dedos contra sua intimidade, ele tinha feito aquilo, ele tinha feito seus hormônios irem as alturas, ele tinha feito você ficar tão molhada que seus dedos já estavam escorregadios o bastante para adentrar, mas não, ele queria te dar o maior prazer possível que ele pudesse, mesmo que ele mesmo estivesse cravando por estar dentro de você desesperadamente, ele queria te dar prazer, para depois completar os desejos dele.

Jungkook tirou a mão de dentro de sua calcinha, adorando o pequeno choro que você deu em protesto, apenas para tirar o pequeno pedaço, mas incrivelmente incomodo, de seu corpo, ou melhor, apenas rasga-lo. O garoto com orbes negras olhou para você com um olhar cheio de adoração e amor, mas claro, com uma sombra incrível de luxúria, e te beijou, calmamente, só para começar a brincar com seu clitóris, não antes de passar o dedo na entrada de sua intimidade, trazendo o delicioso liquido por toda sua pussy, fazendo com que ficasse mais fácil de escorregar pelo ponto de prazer. O seus gemidos eram os melhores para ele, enquanto ele roçava seus dois dedos rapidamente em seu ponto, e enquanto isso, a outra mão dele estava em seu cabelo, puxando sua cabeça para trás e atacando seu pescoço, o lambendo e o mordendo um pouco mais, mas não demorou para que ele enfiasse, de um vez só, dois dedos dentro de você, e não preparada, as mãos que estavam segurando na borda da bancada, voaram para o pescoço de Jungkook, fechando os olhos sobre o súbito prazer, já que você estava tão molhada que nem ao menos doeu.

O gemido que você soltou foi alto, trazendo o garoto a aumentar o passo em seus dedos, abocanhando um de seus seios e o chupando agressivamente, Jungkook começou a enfiar e voltar os dedos em uma velocidade maravilhosa, fazendo com que você gemesse alto e mais alto.

“Aah! Ahh! J-Jungkook!” Você exclamou sobre o prazer, maravilhada com os longos dedos de seu namorado dentro de você, mas claro, você estava esperando por outra... coisa.

Aumentando a velocidade mais ainda e insertando mais um dedo, você sentiu um nó na boca de sua barriga, e então você já sabia, assim como Jungkook, que sentia suas paredes espremerem os dedos dele, e com um quase grito, you feel yourself cum on your boyfriend’s fingers. Em um sentimento de êxtase, você deixa sua cabeça cair no ombro de Jungkook, respirando pesadamente com os olhos fechados, você sabia que não era o fim, o moreno tira os dedos de dentro de você e traz eles para a boca, você arregala os olhos quando ele começa a lamber o líquido.

“YAH! Jungkook! O que você está fazendo! Isso deve ser nojento!” Disse você tentando segurar o braço dele, mas ele já estava quase no final, e quando ele terminou de engolir, olhou pra você com um sorriso.

“Não é nojento, It’s delicious, sweetheart.” Ele disse te dando um pequeno beijo na bochecha. Após alguns segundos olhando para ele, você bota sua mão no abdome de seu namorado, causando arrepios a passar por ele ao contato de seus dedos gelados, devido ao contato na bancada de pedra o tempo inteiro. Descendo mais um pouco você chega a borda da roupa intima dele, que estava um grande membro pulsando em antecipação, enquanto uma poça de um líquido que Jungkook estava tentando prender a todo custo para não soltar só de escutar o barulho que seus dedos faziam dentro de você.

“Você sempre prefere me dar prazer antes, mas hoje eu também vou dar tudo o que você merece” Você disse sedutoramente, o dando um pequeno beijo e saindo da bancada, o empurrando para ela e se abaixando, ele respirava rapidamente, uma mancha vermelha estava sendo criada no rosto de Jungkook e toda a coragem que ele estava tendo descendo um pouco ao você tirar o pano dele, fazendo com que ele desse um suspiro de alivio a ter seu membro liberado do aperto sufocante.

Salivando, você lambeu o grande membro do começo ao fim, chegando a cabeça, escutando mais um suspiro de deleito do garoto, e fazendo isso mais três vezes, você viu que o membro já estava molhado o bastante para começar a masturbar, e foi isso que você fez, como sua mão direita, você começou a masturba-lo em uma velocidade boa, enquanto a outra massageava levemente his balls.

“A-Ah.. Ah.. (s-s/n), faster, please...” Você não deixou com que ele pedisse mais, aumentando o passo de sua mão, fazendo com que a respiração do garoto parasse e movendo as mãos rapidamente, Jungkook agarrou sua cabeça desespero e enfiou sua boca no grande membro dele, fazendo com que chegasse quase no fim da sua boca.

Enquanto Jungkook gemia com o delicioso sentimento de ter seus lábios macios e sua língua quente e molhada envolvendo seu gigante membro, você suspirava com o maravilhoso gosto and feel of having your boyfriend’s huge cock inside your mouht, throbbing and twitching when your tongue licked it. Movendo sua cabeça, você chupava e envolvia sua língua no membro, mas isso não era o suficiente para Jungkook, que havia sido, mais uma vez, dominado pelo desejo de ter você, então agarrando sua cabeça mais uma vez, o garoto fez com que você fizesse deepthroat nele, levando todo aquele tamanho dentro de sua quente e molhada boca, fazendo com que Jungkook não largasse os olhos de você, o prazer fazia com que ele quisesse jogar a cabeça para trás e gemer como louco, mas o jeito que você chupava ele, o jeito que você arregalava os olhos toda vez que ele empurrasse o membro inteiro dentro na sua boca, o jeito que você gemia quando o membro tremia na sua língua, você era linda, a mais linda e preciosa pessoa, e ele não podia perder nenhum momento de você.

A-ah... aah, aah, babe, babe, babe!” Aumentando a velocidade, Jungkook começou a fazer movimentos mais agressivos, até que você sentiu o membro dele tremer e o garoto empurrar, mais do que das outras vezes, o membro dele inteiro, indo até na sua garganta, e você escutou o gemido rouco dele, e sentiu o líquido descer por sua garganta como um jato, muito, aliás, fazendo você engolir tudo. Após alguns segundos, Jungkook tirou o membro dele lentamente, e mesmo assim, quando ele tirou completamente, um pouco do líquido foi para seu rosto, fazendo sua figura fofa e sexy, virar muito mais sexual com o sêmen dele na sua face. Te puxando para cima, o garoto passou seu dedão onde o líquido foi, limpando e depois trazendo para seus lábios, e você imediatamente chupou.

Não percebendo o membro do garoto ficando mais uma vez ereto, você se virou para bancada, indo pegar um papel para limpar o suor de seu namorado, mas ao encostar na bancada, de costas para ele e se inclinar, você sentiu sua e fortes mãos em seus quadris e uma respiração quente em sua orelha.

“I can’t wait anymore, (s/n)... I want to be inside you, não” Jungkook disse sedutoramente, fazendo suas pernas enfraquecerem, você sentiu uma onda de choque ao sentir a cabeça do membro dele encostar em sua entrada e esfregar um pouco, molhando-o, até que, quando Jungkook abraçou sua cintura, ele começou a adentrar, e um sentimento de puro desejo bateu em você, gemendo alto quando Jungkook fez uma súbita entrada, empurrando tudo dentro de você agressivamente, slamming against your pussy, making you feel dizzy and him feel live in heaven. “Fuck, FUCK BABE! Jungkook slammed inside you repetedly, moaning like crazy as you didn’t even have breath to moan or scream, the pleasure was just to big to make anything.

Jungkook agarrou você e saiu de dentro, te surpreendendo quando ele virou você, assim te encarando e enfiando completamente em você de novo.

“Eu não posso foder você e não olhar para seus olhos, you’re so beautiful and hot, I love you so fucking much!” He saind while slamming back and forth inside you, making you scream his name. “Yeah babygirl, scream my name, you’re mine and only mine, nobody can ever touch you skin like I do, nobody can ever feel you like I feel you, or talk to you... or look at you, or even think about you, you’re mine, you hear that? My cock slamming you, just I can do that, just I can make you scream like that and nobody else, ever, you.are.mine” A cada palavra ele entrava e saia mais forte, louco com possessividade e desejo, Jungkook despejou o líquido dele dentro de você, tão quente e numa quantidade absurda, te enchendo como nunca antes, fazendo com que transbordasse de sua pussy e caísse pelo membro dele.

Jungkook olhou nos seus olhos semicerrados e sorriu, um sorriso cheio de amor e carinho, tirando o membro de dentro de você, ele pegou seu corpo, agora mole de tanto foder, e te carregou estilo princesa para seu quarto que continha uma cama de casal. Ao chegar, ele colocou você na cama assim como ele deitou do seu lado, pondo o cobertor para tapar seus corpos nus e te abraçou protetoramente, botando metade de seu corpo em cima dele, no qual já dormia, e enfiou a cabeça na curva de seu pescoço, ele conseguia sentir não só sua doce fragrância, mas também o cheiro dele em você.

Sorrindo, Jungkook te abraçou feliz e cansado, beijou sua bochecha e, logo caindo no mundo dos sonhos, por final sussurrou em seu ouvido com um tom escuro e.... possessivo.

“Just I can have you, sweetheart, I won’t allow anyone near you ever again. I love you, (s/n)”

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...