História Minha - Capítulo 6


Escrita por: ~ e ~MelyGuez

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Bissexualidade, Brigas, Hot, Máfia, Romance, Sexo, Trafico
Visualizações 18
Palavras 1.122
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


A imagem é o Ed.

AVISOS; Para vocês entender melhor a dinâmica do fanfic.

A fanfic é escrita por duas autoras, eu (Mnic78) e a MelyGuez.
Eu escrevo a parte do Izack que vai narra a maior parte do fanfic, ela vai escreve a da Katie.
Forma de escrita vai munda um pouco.
Essa fanfic e hentai, então nos próximos capítulos terá hot.

Capítulo 6 - 05- Essas amigas


Fanfic / Fanfiction Minha - Capítulo 6 - 05- Essas amigas

Izack Rocha

      -O QUE?

       Não posso acredita minha Katie lésbica.

       Então todas as vezes que eu dei encima dela, ela não me queria pelo fato de eu não se mulher. Não por ela me odiá.

       Tudo acabado, não posso seduzir ela, porque não tenho que ela goste. Talvez ela seja bissexual, é eu posso te chance de entrar dentro dela.

      -Foi uns seis meses atrás, eu encontrei as duas no quarto_ Freddy falou como isso acontece todo dia, encontra sua prima com outra mulher no quarto.

       Talvez isso aconteça.

      É o Ed perdeu todas as chances com a prima do Freddy.

     -Ela é lésbica?_ o Ed tenta disfarça sua decepção com a noticia, para que Freddy não perceba.

     Porque ele saber como nosso amigo e com as garotas, sua prima e como irmã para ele. É não sera um babaca que vai destruir o coração dela.

    -Não_ tiver um alívio momentâneo_ ela já ficou com o Jackson.

    Eu paro o carro bruscamente, fazendo os dois ir de cara para o barco.

    Ela pode se lésbica, religiosa que acredita em sexo depois do casamento, uma pessoa casta, uma feira... Qualquer coisa que não envolva o ato do prazer carnal. Mas tinha que fica com ele, com aquele maldito.

    Provavelmente eles fazia um grupinho de pessoas que me odeia naquela escola, não da cidade.

    É o pior disso tudo que eu nunca os vir junto ou ouvi fala dele juntos.

    -Porque vocês nunca contarão isso?

    -Porque não podíamos fala o nome dela que você ficava irritado, imagina fala das pessoas que ela fica?_ Ed diz nervoso pelo fato de eu esta nervoso por ninguém te me dando aquela informação antes.

     -Fique feliz ela pelo menos e bissexual_ Freddy tenta me anima.

      Ela já ficou com duas pessoas daquela escola, de sexo diferente, não tem problema nenhum, eu gosto ate de uma brincadeira com duas garotas que gosta de fica juntas e o outro só foi o cara que mais me odeia na cidade, desde sempre.

     -Ela deve esta longe daqui_ Ed concluí esse fato depois de passamos pela mesma rua a cinta vez.

      Ela tem dois lugares para ir.

     Casa da Beatriz ou a casa do Jackson, ela não tem parentes na cidade, não alem do seu pai e aquela mulher.

     Dei meia volta e fui para casa da Beatriz, atrás da minha garota.

...

            Estamos parados na porta da casa da Beatriz que diz a mansão que ela morar.

           -Olá_ Beatriz era loira de nascença, isso fazia inveja em qualquer garota mas seu jeito doce, não deixava se vista como uma ameaça.

          -A Katie está?_ antes que ela possa responde entro.

         -Na... O que você quer com ela?_ sua atenção vai para mim e a porta fica aberta, os garotos entrar e fechar.

        -Como você não soubesse?

       -É eu não sei tem como vocês me explicar?_ nervosa, a primeira vez que a vejo nervosa.

   

       -Onde ela esta?_ caminho ate a Beatriz, ela não se afastar como maioria das pessoas faz quando estou bravo.

      Eles diz que se é o mesmo olhar do meu pai, nada bom acontece quando ele faz isso, dependendo do ponto de vista.

     -Não vou fala nada até vocês me dizer o que querem com ela?

    -Fala longo onde esta sua amante_ Ed que diz com ódio.

    Eles nunca foram amigos, mais pelo fato dele não te mais chance, ele começou a odiá.

     -Freddy_ decepção na sua voz e cara, isso não importa onde esta a minha garota.

      É minha garota, não passar de um brinquedinho para eu usa e ela já estava me dando muito trabalho com essa brincadeira de esconder.

     -Depois você fica puta de raiva do seu primo, mas agora onde esta a Katie?

     -Eu não sei, o que você quer tanto com ela?_ ela esta magoada.

    -Fale a verdade!

    -Ela não esta aqui, saíam da minha casa agora_ ela nos expulsa?

   -Pense bem. Você não que quer todos saibam sobre seus casos?_ aviso, ela me encara.

   Sera que ela e tão leal ao ponto de se ferra pela amiga.

   -Ameace o quanto você quiser. Eles vão acredita em mim e não em você_ confiança sempre foi algo que faltou nela, mas agora ela está cheia de si.

  -Sua vaga...

   -Saíam da minha casa antes que eu chame os seguranças_ interrompe meu xingamento_ Todos vocês. 

    Sai pisando duro, ela esta aqui.

   Recurso acredita que ela possa está na casa daquele cara.

  Como ele fosse melhor que eu.

  -Você iriam xinga ela?_ Ed pergunta ao entra no carro, sim eu iriam, eles não gostaram disso.

   -Onde esta o Freddy?_ não encontro ele em lugar nenhum perto do carro.

   -Ele vai fica aqui_ depois disso saio da residência antes que aquela louca mande os segurança atira em mim.

   Ed e Freddy estão bravos comigo, quase chamei de vagabunda a garota que eles gosta, cada um gosta dela de um jeito diferente.

     -Você ainda esta afim dela?_ essa paixonite deveria te acabado depois de tudo que descobrirmos.

    -É, mas parece que relacionamentos não são para mim_ sim, ele queria um relacionamento serio com ela, mesmo sem ela de dando nenhuma chance para ele.

       Ela conseguiu que o segundo maior pegando de Atlântica, porque o primeiro sou eu, querer um relacionamento, uma única garota.

       É a única diferença pelo que sinto pela Katie; é quer quero ela só para mim, apenas minha e também quero todas as outras.

       As outras nunca veria na frente dela, mas ela não conseguir entender que posso se melhor que qualquer um que passou pela vida dela.

      Ela gosta de despertar o pior que existe em mim, igual a Beatriz faz com Ed.

      Essas amigas.

     -Não é porque a única garota que você realmente gostou e lésbica que relacionamento não serve para você_ tentei melhorar as coisas, não adiantou nada.

      Rimos disso, não sou bom em ajuda alguém.

    -O Freddy esta bravo com você.

   -Eu sei.

   -Eu estou bravo com você.

  -Eu sei.

   Ele pensa um pouco.

   -Ela realmente vale tudo isso?

     Ed não esta falado apenas de eu esta atrás dela. Esta falando de tudo que fiz desde que a conheci, das brincadeiras idiotas, das ofensas e afasta qualquer garoto dela, pelo fato dela não me querer.

     Agora tenho a chance de conquista ela, não vou perde por te sido tolo.

    Não que dizer que faça qualquer coisa por ela.

   -Não sei.

    Estou confuso, porem minha vida não vai munda por ela.

  Fomos para minha casa, irem volta para casa da Beatriz com alguns capangas do meu pai.

   -Eu acho uma péssima ideia_ Ed me avisa quando entramos na sala de estar da minha casa.

   Encontro meu pai sentado no sofá ao seu lado a Katie.

   A Katie com meu pai, onde ele a encontrou?

 

     

     

         


Notas Finais


Por favor leia as notas inicial


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...