História Minha alma em pedaços - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Obito Uchiha (Tobi), Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha
Tags Gaanaru, Gaara, Itadei, Narugaa, Narusasu, Naruto, Sasunaru, Yaoi
Exibições 258
Palavras 940
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


fiquei feliz por terem gostado do ultimo capitulo ^^ espero que gostem desse,

Capítulo 10 - Me desculpe.... Gaara


Fanfic / Fanfiction Minha alma em pedaços - Capítulo 10 - Me desculpe.... Gaara

Deidara: Me perdoe, naruto.... sei que o que fiz não foi certo em nenhum momento, mas deixe me tentar endireitar as coisas, não quero que você se sinta sozinho novamente.

 

      Lagrimas teimavam, e caiam, meu rosto já estava bastante úmido, meu coração estava batendo tão forte, meu irmão que não via a 10 anos, estava ali, se desculpando e contando como foi sua vida até aqui,não hesitei,me virei e o abracei bem forte, e fiquei admirando aqueles lindos olhos azuis cobertos por lagrimas.

 

Naruto: eu te perdoo maninho *falei sorrindo não podia esconder a felicidade que sentira naquele momento, então beijei seu rosto e falei  coisas reconfortantes a ele, falei como foi boa nossa infância, e como sonhava que seria nosso futuro, cada detalhe, cada pedaçinho de meu pensamento, até os insignificantes, desabafei todos para meu irmão, que sorria apenas ouvindo.

 

      Fiquei conversando com ele a noite inteira, quase não falei com o gaara, mas quando eu olhava pra ele, apenas via um sorriso lindo observando eu e meu irmão,ficava muito feliz de ver o gaara do meu lado,até porque se não fosse ele e o irmão dele, que me trouxeram até aqui, nunca saberia dessa historia, conheço bem o dei, ele nunca gostou de falar problemas que já teve, sempre os esconde, desabafa-os apenas quando vê a necessidade.

     Logo após a longa conversa com meu irmão nos despedimos ele disse que iria em minha casa o quanto antes, eu sorri sabendo disso, estava realmente muito feliz, de felicidade, contei tudo o que aconteceu pro gaara e também não queria largar a sua cintura que eu estava abraçando.

     Minha felicidade não tinha tamanho, dormi sorrindo, imaginando coisas, montando meu pequeno conto de fadas em minha mente, enquanto dormia no abraço quentinho e aconchegante do gaara.

     Ao amanhecer ouço a pessoa linda,a coisinha ruiva, falar que sou a bela adormecida e falar para mim acordar,eu como sempre tenho que obedecer, porque ele não desiste nunca, se deixar ele fica um dia inteirinho tentando te acordar, e só para quando você abrir os olhos. Então tomei banho,nos arrumamos, comemos e fomos para escola.

     Ficamos estudando a manhã inteira,fiquei com sasuke apenas no refeitório, ficamos conversando, até aquele bando de minininhas mimadas, putas completas, virem se agarrar no meu sasuke, queria xingar todas elas, mas sabia que se fizesse isso, eu seria expulso e tal.... ou ficaria depois da aula e tal ... eu não me importaria de tudo isso pra tirar aquele bando de putas de perto do sasuke, mas ele me pediu para não fazer isso, porque ele me conhece muito bem, e sabe que eu sairia puxando o cabelo de cada uma e enfiaria a cabeça delas dentro da privada, mas vejo que ele não da moral nenhuma, então não ligo,mas isso muda quando vejo uma puta de cabelos rosas e olhos esverdeados sentando no colo do sasuke e abraçando o pescoço dele e ele sorrindo, quando notei aquilo a única coisa que fiz foi me levantar emburrado e sentar ao lado do gaara, que estava sozinho odeio ver ele sozinho. Ficamos conversando brincando um pouco, falei sobre aquela puta de cabelos rosas de vassoura.

 

 

      Passaram se alguns messes,e aquela puta me provocando cada vez mais,até que um dia ela entrega um bilhete para mim e para o gaara, dizendo que vai fazer uma festa na casa dela e a escola inteira vai, ela e uma riquinha mimada, eu já estava planejando não ir, até ela falar que o sasuke vai, então para ter certeza que aquela puta não vai fazer nada com ele, eu e o gaara resolvemos ir.

 

      Chegou a noite da festa, fomos até a casa dela que não era muito longe, eu fui sem animo e o gaara também, o gaara nunca gostou de festas diz que é muito bagunçado, veio mesmo porque eu insisti muito.

 

      Estávamos na frente da casa dela, a musica estava alta, a festa iria ser atrás da casa dela, numa espécie de jardim que tinha uma piscina, fomos pra lá , eu estava com uma cara de preocupação por não ver o sasuke, tinha muita gente naquele lugar e eu não conseguia  reconhecer ninguém naquele tumulto de gente,o lugar era grande tinha espaço para todos, mas eles insistiam em ficar amontoados  , estava procurando o sasuke até que escuto a voz da puta falando pelo microfone:

 

Sakura: olhem quem acabaram de chegar, a estrela da nossa festa galera,

 

      Olhei em volta todos se afastaram um dos outros fazendo uma roda em volta de nós,então olho novamente para a puta que continua a falar:

 

Sakura: todos estão prontos para os cumprimentarem?

 Resposta de todos da festa: SIIIIIIIIIMMMMMMMMMMMMM

Sakura: ÓTIMO ENTÃO COMECEM!!!!!!!!!

 

      Começaram a jogar ovos podres, lixo e farinha de trigo, em cima de mim e do gaara, varias comidas podres, que exalavam um odor insuportável, estava com raiva muita raiva, até que começaram, nos chamavam de lixos, pessoas que não prestam para nada, de bosta,bando de imundos que sequer deviam existir,que deveríamos ter morrido juntamente com nossos pais e que não tiveram culpa nenhuma de termos nascido , e começaram a falar que nem mesmo nossas mães nos quiseram, então olhei para o gaara que estava meio curvado com os olhos cheios de lagrimas, e com uma cara de puro ódio e raiva, comecei a olhar para o chão sabendo que tudo aquilo era culpa minha, por ciúmes, fiz gaara passar tudo aquilo, ele não merecia ouvir essas coisas, então fui ao seu lado, encarei bem aquele bando de imundices, olhei para o gaara que chorava olhando para o chão, e o abracei bem forte.

 

Naruto: me desculpe por tudo.... gaara 


Notas Finais


espero que tenham gostado :3 porque eu to amando kkk :P


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...