História MINHA baixinha. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Elfman Strauss, Erza Scarlet, Gray Fullbuster, Lisanna Strauss, Mavis Vermilion, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel
Tags Drama, Gale, Jerza, Navis, Outros, Revelaçoes, Romance
Exibições 70
Palavras 1.720
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Escolar, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pode estar um pouco acelerado, mas, ignore, essa é apenas minha primeira FIC. Leiam e me dêem suas opiniões, elas são muito importante, também aceito criticas... (Lembrando... Criticas não ofensas)
[]
Obs: Sei que preciso melhorar minha escrita e, sei que não é pouco. Sei também que está meio confuso de se entender mais... Creio que melhorarei com o tempo e, também quando pegar a pratica...
Essa FIC é feita com o shipp falido e, resolvi estrear no Spirit com ela.
[]
Sério... Tem que ter muito peito e ser muito, HOMEM, para tentar escrever um Navis, pois, pelo amor de deus... É super difícil de fazer e, quase nenhum autor tem coragem de fazer sem ser com Harém... Realmente... Tem que ter muito peito para arriscar nisso...
[]
“Quem não arrisca, não petisca.”

Capítulo 1 - Que chato...


01.

Dia 04 de fevereiro do ano de 2017, à manhã, casa de Mavis e sua mãe, na cidade de Magnolia...

Mais um dia começava na vida de Mavis Vermilion, uma garota normal como todas as outras, com grande diferença dela ser uma nerd. Possui cabelo amarelo-loiro com um tamanho gigantesco com um único bloqueio apontando para cima.  Nunca havia cortado seu cabelo e, esse era o motivo por ser tão grande. Tem olhos verdes sem quaisquer íris. Filha única de Virgo, uma mulher pobre e humilde, que possui o único objetivo na vida... A felicidade da filha. Que é uma jovem de 17 anos, com problemas de crescimento, devido a alguns problemas durante a gravidez de sua mãe, por esse motivo, ela sofre bullying dos outros de sua idade. Apesar disso... Ela nunca desanimou ou, chorou, ao menos... Não na frente dos outros.

Era por volta das 06: 15 quando o despertador começou a apitar loucamente, anunciando que já era hora de acordar-se e, arrumar-se para ir para escola. Mavis abriu os olhos lentamente, sentindo os raios de o sol invadir seu quarto pela janela aberta e bater em seus olhos. Esfregou os olhos, os abrindo lentamente, para que se acostumar com a claridade.

Mavis: Oh... – Esticou-se na cama lentamente com um pouco de sono. – Que sono... – olhou para o objeto que ainda tocava completamente parada. –... – Levantou-se da cama indo em direção a porta, onde havia uma toalha pendurada. Pego-a e, abriu a porta, saindo do quarto.

Foi tomar banho no único banheiro da casa, que era localizado numa porta, perto da cozinha. As maiorias das pessoas geralmente possuíam um banheiro em seu quarto, mas, ela não tinha. O dinheiro que sua mãe tinha era pouco e, dava apenas para elas duas, esse foi o motivo de se mudarem e, ir a outra casa, já que desde que seu pai havia desaparecido sem deixar rastros, Virgo havia ficado sem dinheiro e, por isso trabalhava como garçonete.

Mavis: Isso... Primeiro dia de aula – Disse sorridente enquanto a mesma estava penteando seu cabelo, de frente para o espelho de seu quarto. Pegou um frise cor de rosa com uma florzinha amarela e colocou em sua cabeça ainda sorrindo. – Hm... Ficou muito bom! – Sorriu infantilmente, colocando a escova em cima da cama, pegando seu material escolar. – Hora do café da manhã...

Depois de se preparar completamente, Mavis desceu as escadas que davam acesso a seu quarto e, o de sua mãe, que era logo ao seu lado, numa porta branca.

Mavis: ... ... ... – Cantarolou mostrando sua grandiosa empolgação para o primeiro dia de aula do ultimo ano no ensino médio. Ao chegar à cozinha, viu sua mãe tomando café numa xícara branca com alguns pães logo a sua frente. – Bom dia mãe! – Cumprimentou com o mesmo sorriso de sempre, doce.

Virgo: Bom dia querida!... – Levou à xícara a boca, tomando um gole de seu café. – Hoje é seu primeiro dia de aula, não? – Viu a filha mandar-lhes um grandioso sorriso. – Vou entender isso como um sim... E que sim mais bonito.

Mavis: Sim... – Foi até a mesa e puxou a cadeira, sentando-se – Mãe pode me dar os pães e o café? – Perguntou fazendo Virgo acenar e dar-lhes a garrafa com café dentro e os pães. – Obrigado mãe! – Esticou a mão na mesa, pegando um copo, para logo, enchê-lo com café.

Virgo: Mavis... Aquele seu amigo...

Mavis: Natsu?... – Mordeu o pão enquanto perguntava.

Virgo: Sim... Ele vem te buscar hoje ou, você vai sozinha? – Perguntou recebendo uma sobrancelha arqueada da filha que agora bebia o café.

Mavis: ... – Colocou o copo na mesa, dando um suspiro. – Bem... Eu realmente não sei, não o vejo desde o fim das aulas. Acho que ele estava tirando umas férias na casa de verão da família. – Disse pegando o copo e, bebendo o resto do liquido que ainda restava dentro.

Virgo: Sim... – Disse suavemente terminando seu café. – Alias... Ele não havia te chamado para ir com ele? – Perguntou recebendo uma cabeça baixa da filha.

Mavis: Bem... A família do Natsu é rica... Tipo... Super rica e, ela não deve gostar de gente pobre. O próprio Zeref, irmão de Natsu me disse isso a alguns meses. – Virgo abriu a boca fazendo um “Oh...”

Virgo: Bem... Isso é super normal... Pessoas ricas se acham superiores e, fazem de tudo para não se enturmarem com gente pobre... – Disse suavemente se levantado da cadeira e levando o copo para pia, começando a lavar a louça.

Mavis: ... – Olhou para o relógio, vendo que estava quase na hora de ir para escola. – Mãe... Já está na hora... Preciso ir! – Levantou-se da cadeira, levando o copo para pia. – Mas antes, eu quero um beijo! – Pediu sorridente.

Virgo: Oh... – Parou de lavar a louça e abaixou-se em frente à filha, ficando do mesmo tamanho. – Pode dar. hehe! – Riu suavemente esperando o beijo.

Mavis: ... - Deu um sorrindo, para logo beijar a bochecha da mãe. – Te amo mãe! – Falou recebendo a mesma frase vinda da mãe – Tchau!

Ruas de Magnólia, alguns metros da casa de Mavis...

Mavis caminhava sorridente dando alguns pulinhos, pensando no seu primeiro dia de aula que iria ter hoje.

– Eii! Baixinha-chan, espera ai! – Escutou uma voz familiar atrás dela, então se virou, dando de cara com uma pessoa gritando. Essa pessoa era um jovem com sua idade, 17 anos com cabelos cor de rosa, vestindo uma camisa social branca com manga cumprida, a mesma estava dobrada, calças cinza e um sapato All Star preto e branco e, um cachecol branco e escamoso enrolado no pecoço, ele era muito mais auto que ela. Ao chegar perto, ele sorriu, recebendo outro ainda maior.

Mavis: Natsu... – Sorriu, antes de cruzar os braços e fazer um biquinho com raiva. – Você sabe que odeio ser chamada de baixinha, então não ouse me chamar novamente! – Disse emburrada para Natsu que apenas sorriu sapeca.

Natsu: Oh... – Olhou para ela ainda com um sorriso sapeca, fazendo Mavis bufar de raiva – Você gostava quando eu chamava você assim quando agente era mais novo... Tipo... Uns 12-13 anos... – Colocou a mão no queixo fechando os olhos e acenando com a cabeça.

Mavis: Idiota... – Bufou soltando os braços. – Você sabe muito bem que... Eu... Gostava... Ou seja... Não gosto mais... Para falar a verdade, eu odeio ser chamada assim. – Explicou fazendo Natsu suspirar cansado.

Natsu: Hm... – Balançou a cabeça lentamente tirando a mão do queixo. – Prefere ser chama de Loirinha-chan? Ou... Fofinha-chan? – Perguntou enquanto sorria para ela, fazendo-a corar e olhar para o outro lado.

Mavis: Mavis... – Natsu olhou para ela confuso. – Prefiro que me chame apenas de Mavis, sem sufixo ou algo do tipo... – Explicou olhando para Natsu mostrando uma careta. – Odeio seus sufixos...

Natsu: Bem... É normal não gostar de sufixos... Veja... Eu também não gosto que me chamem de Natsu-San ou Natsu-Sama, como acontece em minha casa com os empregados... – Explicou dando um suspiro.

Mavis e Natsu conversaram bastante sobre coisas estranhas e banais, como foi às férias um dos outros e, como estavam por voltar a ter aulas. O rosado parecia bem... Desanimado, ele não gostava realmente de estudar.

Com o passar do tempo, ambos já estava, em frente ao portão da escola.

Natsu: Espero que não entrem alunos chatos e mesquinhos esse ano... Odeio gente mesquinha, principalmente as chatas. – Sim... Natsu odiava gente que se achava por causa do dinheiro ou, algo do tipo. Esse é o motivo por estudar numa escola publica e, não foram seus pais que escolheram isso, ele mesmo sugeriu diferente dos outros que estudavam ali, já que foram obrigados por seus pais para que fizessem amigos e, aprendessem a respeitar as pessoas de classes inferiores.

Mavis: Hehe... – Riu do comentário do amigo. – Você não devia falar essas coisas... Você era muito chato e mesquinho quando estudávamos na 4º Séri...

– Eii... Olha é o Natsu-kun/Nat-kun – Gritaram algumas meninas ao verem o rosado que simplesmente ignorou, entrando na escola com a amiga ao seu lado.

Mavis: Natsu... Suas fãs querem um autografo, hehe!!! – Brincou colocando a mão na boca enquanto ria fazendo Natsu bufar.

Natsu: Essas garotas são... Super chatas – Resmungou com as bochechas inchadas com ar.

– Eii – Mavis olhou para o lado, vendo uma garota de sua idade. Ela era magra e tinha feição de tédio e de superioridade. Tinha cabelo roxo escuro, quase preto, que chegavam até perto da cintura, estava em cachos à parte detrás, enquanto a da frente estava solto e partido com duas franjas que desciam na parte dos ombros, tinha algum tipo de Maria chiquinha de cada lado da cabeça. Seus lábios estavam cobertos com um batom escuro, tinha olhos escuros puxados, possuindo cílios longos, suas sobrancelhas eram grossas, pequenas e finas. Essa era Minerva Orlando. – Afaste-se do Natsu, eu ordeno...

Natsu: Ah... Oi Minerva... – Ignorou o saiu de sua boca e falou suavemente, antes de uma enorme veia aparecer em sua testa – Afaste-se você Minerva. – Gritou puxando Mavis pelo pulso, a levando para fora dali.

School Fairy Tail, Longe Dali...

Enquanto isso, no corredor que dava entrada ao 3ºB, uma albina com cabelos curtos andava perdida, ao seu lado, mais duas pessoas podiam ser vistas, uma garota baixinha de cabelos azuis e, um homem auto.

– Eii, Elfman-nii, onde fica o 3ºB? Eu estou perdida? – Perguntou a albina de 17 anos docemente. Ela tinha um liso e pequeno cabelo branco com uma colocação mais clara. Grandes olhos azuis, a mesma usava um batom cor de rosa e, o fardamento da escola.

– Como eu saberia... Esqueceu, também estou perdido! – Exclama mostrando o músculo dizendo “HOMEM”. Ele é um jovem auto, músculo e, aparentemente, muito idiota. Possui olhos negros e um cabelo branco bagunçado.

– Lisanna-san... Elfman-San... – Murmura a baixinha os chamando. – Ali... – Apontou para uma porta que tinha um 3º - B. – Acho que é... Não... Tenho certeza que é o que procuramos. – Disse a azulada com as bochechas levemente coradas.

Lisanna: Oh... Você é super esperta Levy-chan... – Gritou correndo até a porta que estava logo à frente. – Venham...

De volta com Natsu e Mavis...

Natsu: ... – Suspira subindo as escadas para o andar de cima. – Mavis... Por que está tão animada? Hoje... Voltaremos para a escola e, isso é triste, não é empolgante.

Mavis: Bem... Eu amo estudar, por isso estou animada. – Chegou ao andar de cima. – Bem... Vamos logo para nossa turma...

Natsu: Que chato...


Notas Finais


--x--
Gostaram...
Se sim, comentem... Preciso de criticas
Se não, comentem também...
Até a próxima...
--x--


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...