História Minha, completamente minha! - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Boruto Uzumaki, Deidara, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Hizashi Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Izumi Uchiha, Jiraiya, Kakashi Hatake, Karin, Kizashi Haruno, Konan, Kushina Uzumaki, Mebuki Haruno, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Orochimaru, Personagens Originais, Sai, Sakura Haruno, Sari, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shion, Shizune, Suigetsu Hozuki, TenTen Mitsashi
Tags Comedia, Drama, Hentai, Mistério, Naruhina, Romance, Sakura, Sasuke, Sasusaku, Suspence
Visualizações 227
Palavras 973
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oii *^* então leiam sem me matar primeiro, ok? Haha!

Capítulo 5 - Capítulo 5 - Bipolaridade? Sempre!


Sasuke Uchiha

Depois da  noite  anterior que eu conheci  esse  tal  de  Sasori, eu  nunca mais  falei  com a Sakura. Ciúmes? Claro! Poxa, eu  amo ela  mais ao mesmo tempo ela  é  irritante, e  eu  a  odeio  por isso. Adimito, estou  sendo  egoísta demais, e  isso  é  por  uma boa  causa afinal eu  achei aquele Sosori um  cara  muito  sem  graça, ela é  muito areia  para  o caminhãozinho dele.

Porra,  nem pra ela me  falar antes  de  eu quase me declarar,  doeu muito! 

Grande parte do dia ela só prestou a atenção  nele,  nem  olhou  para o  meu  rostinho maravilhoso - Nem sou  orgulhoso. Depois disso todos vieram aqui em casa  quando  Sakura não  estava, por que? Por que eu  contei para o  Naruto - Eu  sei, péssima idéia - e  ele fofocou para o  mundo  inteiro o  fora que eu levei  dela.

- Se  fudeu Sasuke,  Sakura não  te quer , aceite! - Brincou o viado  do Juugo.

- Não importa! Vocês  que  são  tudo  cuzão  e não me  ajuda! - Respondi sentando  no  sofá - Eu só quero afastar aquele filho  da  puta do Sasori,  ninguém escosta  na  Haruno além  de mim.

Todos começaram a rir, e revirei  os olhos.

"Ninguém me  entende nessa droga de  vida!"

Praticamente eu  quase  peguei o  Suigetsu pelos cabelos e  o joguei  contra a  parede quando  ele  disse que comeria ela  se  eu não conseguise conquistar ela.

- EU  DISSE QUE EU  VOU  CONSEGUIR, NÃO ME  SUBESTIME SEU  IMPRESTÁVEL! SÓ SERVE  PARA  COMER A  MULHER DOS OUTROS SEU ARROMBADO! 

- DO QUE  VOCÊ ESTÁ FALANDO? - Ele  já aumentou  a  voz.

 Respirei fundo e me acalmei em  poucos  segundos,  só consegui por  que  me  lembvrei  de  Sakura,  se  não ele  nem  vivo estaria.  Passou quase  nem  um  minuto  e  os  caras  começaram a me  perguntar o  por  que disser aquilo. 

- Desembucha  Sasuke! - Inssistiram.

Olhei  um pouco apoiando meus cotovelos na  minha  perna, agarrando os  cabelos.

-  Não quero falar,  merda.

- Como assim não  quer  falar! Porra, você chega falando que eu como a mina dos outros e não quer que   eu  saiba? Mano, fala logo, se eu  fiz  algo fala então cacete! - Contei um, dois e três.

Olhei denovo  e  ele  continhava me  olhando, até que por fim eu desisti.

- Não  sei se  Karin já  contou para vocês quando  eu  estava namorando  com ela... - Continuei sem olhar para eles  -  Bem, todos sabem que eu amava Karin desde que entramos  na faculdade, ela foi a primeira garota que me aceitou e  que  sempre se  importou  comigo. - Pausei, respirei  e  aguentei firme o choro - Desde  então no começo comecei a namorar com ela,  mais clm  certo  tempo ela mudou bastante,  não era  mais  a  garota  estudiosa que  nós  conheciamos,  ela  ficada vez  mais afastada, mais...  Difícil. - Apertei  mais  meus cabelos - Durante a alguns anos eu  soube que ela tinha se  tornado a  mulher mais  piranha de  toda  a  faculdade, comia todos, até por  um tempo  eu  é que pensei que eu  tinha a  feito ficar assim.. Mais  não foi  nada  disso. Comecei  a ficar  preocupado  com tudo  o  que  ela  fazia, todas  as  noites ela  saia e  ia ficar com os  outros garotos  e  quando  eu pensava em comer ela, a  outra não  queria. Em fim, ela era uma piriguete do  cacete, até então  perdi a  confiança que  eu tinha  nela. - Olhei  eles, que pareciam atentos a história  contada por mim, incentivaram a continuar, e foi isso  o  que  eu  fiz. - Depois de  vários dias chegou o dia que  a diretora informou sobre  uma  festa na  casa  da filha  dela que  no caso a  Karin ia, e è ai  que vocês  estram. Aliás, Suigetsu entra. 

- Carai! - ele arregalou os  olhos e  Juugou ficou aliviado. 

Continuei.

- Karin nem ligava mais para mim, nem apaixonado que  estava mais, e  nem me importei  quando um cara  a  levou  para um quarto no  andar  de cima, nem  me  liguei. Só soube  do  sumisso  dela quando a  festa estava  quase  no fim, perguntei para todos ,  para Naruto, Neji, Shikamaru  e  nada. Ai  quando fui procurar nos  quartos só  ouvia  um  gemidos  no  último quarto do  andar. Quando  percebi que era  Karin eu  corri  e  abri a porta e vi vocês  dois transando.

Chorei. Mais chorei muito agora.

- Sasuke... cara... eu não sabia....  - Tentou me  acalmar.

- Eu  sei, você  tava  drogado, não  foi  sua culpa irmão...

 Um silêncio brotou  no  lugar, até  que Juugo perguntou.

- Mas  você  amava  ela? 

Sorri.

- Sim, nem parecia. A amava como ela  era  antes, mais  depois  que  virou  aquele monstro, minha felicidade nem voltava mais. - Desmanchei  o sorriso e olhei para Suigetsu que estava  com uma respiração  pesada - Suigetsu, olha, quando  terminei com Karin ela  me disse  uma  coisa e.... 

Ele me  cortou.

- E-ela  me  a-ama.

Ele  sorriu.

- Eu  sei  Sasuke,  e-ela  me  contou. Você a-acha que eu...

- Sim, vai atrás  dela agora  mermão.

E lá se foi  ele.

Horas mais tarde.

Escutei um barulho vindo da  porta, era  Sakura que  estava com um  sorriso  enorme nos lábios  rosados dela que eu tanto quero beijar...

- Sasuke, helloo!! Tà  me ouvindo? - Balançou as mãos em frente aos meus olhos.

- Ah! Oi - Disse sério - Desculpe.

Ela  se  sentou no meu  lado  do  sofá quieta, olhando a tela  a  sua frente.

- Onde  estava? - Perguntei a olhando.

Ele  me  encarou e  sorriu.

Porra.

Me aguentei para ficar sério.

- Na casa de Sasori, ele  me  levou para sair.

 Filha da  puta

Será que ele comeu ela?

- Hn. - Me levantei e a vi  segurar  uma  das minhas mãos.

- Você está bem? - Cara, é tão  lindo quando ela se importa comigo.

- E isso  importa? 

Sei  que eu estou sendo  grosso mais  não  da, estou de  mau  humor hoje.

- Sasuke! Ei!

Voltei para o quarto  e  ouvi  umas batidas,  nem se  quer eu respondi, fiquei olhando para o teto.

Até que  recebi  uma mensagem.

Olhei.

- Puta  merda!


Notas Finais


Oi, me desculpem pela demora! Estava sem idéias 💜 não me matem... Onegai!

Ta pequeno, mais é por que a escola não ajuda!

Quem quiser dar uma olhada na minha outra fanfic :3 Ta ai


https://spiritfanfics.com/historia/morando-contigo-por-acaso-te-odiar-e-minha-unica-opcao-7079261

Tchau :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...