História Minha Deliciosa Secretaria Estagiária - Capítulo 68


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ecchi, Hentai, Original, Romance, Yuri
Visualizações 24
Palavras 1.314
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Voltei gente....!!!!!
HUhuhuhuuuuuuuuuuuuuuuuu
Motivo de ficar sem postar que meu computador deu problema e levei para arrumar.
Estou usando um provisório por enquanto.
Desculpa por ter ficando tempo sem postar e vai ter capitulo novo todos os dias.

Capítulo 68 - Treta Do Meu Novo Emprego


 Antes de ir, pedi para Dean dar uma passada no trabalho da Jéssica. Gente começou o dia meio errado.

Dean: Que eu vá com você?

Marcela: Estou bem... Já volto.

 Assim que entrei na loja, fui até recepção. Perguntei pela Jéssica e a moça disse que ela estava no terceiro andar onde ficam deposito, mando usar elevador.

 Quando porta abriu e ela me viu, parecia que sua raiva aumentasse ainda mais passo por mim feito um cão raivo se sentando em sua mesa.

Jéssica: Então? Fez que mandei?

Marcela: Sai da Roberta, como ordenado.

Jéssica: Ótimo! Que vai fazer agora?

Marcela: Não se preocupe comigo, sempre dou jeito.

Jéssica: Talvez Suzan possa ajuda?

Marcela: Tenho um em mente... Administração de finanças.

Jéssica: Oh... Bom emprego, quem te ajudo?

Marcela: Nome dele e Dean.

Jéssica: Dean...? Ah, ele não e melhor arquiteto de São Paulo?

Marcela: Esse mesmo...

Jéssica: Li sobre ele numa revista, e tem sorte ele e uma ótima pessoa.

Marcela: Com certeza.

Jéssica: Muito bem... Peço desculpas pelo que eu falei mais cedo, isso para você ter pouco de responsabilidade.

Marcela: Tem razão, vou dar uma olhada nesse emprego se for bom eu fico depois te ligo.

Jéssica: Ok...

...

...

 Pelo que Dean disse, ele tem dois escritórios.

 Um fica no centro, e outro fica no Morumbi.

 Era nesse que gente estava indo agora, gente conversou pouco enquanto estávamos indo para lá. Contei entre eu e Jéssica tudo resolvido. Fico feliz e ao mesmo tempo pouco aliviado. Mais também estava pouco nervosa. Sai de um e estou entrando em outro.

 Quando chegamos ao escritório, estaciono carro e entramos. Ainda era cedo e tinha pouca pessoa. Ele deu bom dia para todo mundo. Só que os olharas se voltaram pra mim. Fomos para sua sala e lá fecho porta. Coloco suas coisas sobre mesa e sentou-se na sua bela mesa de mármore preto.

Dean: Que acho do lugar?

Marcela: Incrível, bem agradável. Mais pude ver que assim entrei vi alguns olhos tortos sobre mim...

Dean: Não se preocupe com eles, bem você vai trabalhar ali no canto mandei que já deixasse arrumado. Aqui está seu crachá de acesso. Toda vez entrar pela porta frente passe no painel e automaticamente vai abrir. Entendeu?

Marcela: Claro...

Dean: Então vamos começar, tem alguns documentos chegaram hoje de uma das agencias no exterior. Digamos que esse e um seu primeiro teste beleza?

Marcela: Pode deixar comigo.

 Tava pouco empolgada. Fui até minha mesa quando abri os primeiros documentos já percebi que teria dor de cabeça. Por muito tempo eu não via algo com tantos erros de cálculos e digitação.

 Segundo ele teria que repassar tudo para computador e evitar por email, só que isso não estava dando muito certo. Era muita gente usando e logo pensei no website que fiz para Roberta.

 Dean não confiava nos documentos, ele viu maneira fácil de enviar e mandar emails seja onde for. Só desse jeito ficaria mais aberto para qualquer tipo de roupo ou até mesmo fraudes. Ou qualquer hacker pode invadir

 Esse servidor não era seguro, logo abaixo tinha nome da pessoa que crio. Seu nome e Luiza Silva. Faz dez anos que servido foi atualizado pela ultima vez. Até agora ele ainda se mantém no ar. Minha vontade era derrubar esse servidor e criar algo melhor do que essa porcaria.

 Mais eu não podia fazer nada sem falar com ele antes, fiz apenas meu trabalho e que nem demorei duas horas para deixar tudo pronto e perfeito. Primeiro mandei pra ele ver antes de enviarmos para nossos correspondentes.

Dean: Uau...  Está perfeito, parece que já tenho minha nova administradora finança tudo bem catalogado e corrigido. Já pode enviar.

Marcela: Esse servido de emails... Ele nunca foi atualizado, já tem dez anos ainda ta no beta? Isso e uma bomba Dean. Qualquer um pode invadir e roubar esses emails e contas bancaria etc...

Dean: Que tem em mente?

Marcela: Conheço alguém pode ajudar, vou chama - lá.

 Tinha uma amiga que trabalhava com esse tipo de coisa, agora ela está sem emprego depois que ela roubou mais de doze milhões do chefe dela e até hoje ninguém soube quem fez isso. Seu nome e Mika, eu a chamo de “Nerdgostosa”

 Assim que ela chegou, mostrei para ela servidor. Fico pasma ao ver situação de que o escritório vinha trabalhando. Tinha que ficar em cima dela para não apague tudo na qual séria um grande caos.

Mika: Fala sério... Até meu filho de nove anos conseguiria hackear esse servidor e tacar terror... Dez anos ainda no beta e pior funcionando?

Dean: Bem eu...

Mika: Não sei como esse escritório se mantém com esse servidor de merda... E veja tem alguém hackeando nesse momento... Vem, hmm... Do computador 12.

Dean: 12...? Esse e o da Luiza.

Mika: Consegui para – lá... Chame-a agora.

 Eu sabia que tinha algo de errado, quando ela entrou na sala do Dean? Mika desceu do salto e quase bateu nela se eu não tivesse do lado. Enfim ela acabou mostrando tudo que outra tentou hackear e confirmo que fazia isso muito tempo então ele foi para outro lugar enquanto gente ficou na sala dele.

Marcela: Mando ver... Não pensava que estava com todo esse pique?

Mika: Tudo pela minha amiga e quer saber? Seu chefe gatinho.

Marcela: Ele e gay.

Mika: Hmm... Melhor ainda, adoro homens gays.

Marcela: Até demais... Sobre seu filho? Como ele está?

Mika: Mandei-o viver pouco com avó dele na Florida. Gente teve longa conversa e ele aceito ir. Acho melhor ficar longe dessa minha vida maluca. Soube que volto com Jéssica?

Marcela: Suzan te disse?

Mika: Com certeza, ah também soube da Roberta...

Marcela: Sabe mais coisas do que eu?

Mika: Da outra garota também. Suzan gosta de falar enquanto está bêbada.

Marcela: Apenas pagina virada.

Mika: Eu não sei... Sinto que pode ser pedra no sapato.

Marcela: Espero que isso nunca aconteça.

 Minutos depois Dean volta e da ordem para Mika refazer servidor de emails. Como ela já manjava nem demoro vinte minutos tudo ficou pronto. Mais uma vez fico bem aliviado ao saber que poderia enviar tudo com mais seguranças e ele mesmo podia ficar de olho.

 Os dois conversaram pouco enquanto eu fui pegar mais alguns documentos terceiro andar. Assim que sai grupo de garotas me abordaram e colocaram sobre parede elas eram amigas da Luiza que na qual foi despedida.

 Falei que não tinha nada ver com demissão dela, apenas fiz que fosse correto de se fazer. Elas ficaram bravas comigo eu acabei contando estava roubando emails pelo jeito elas também sabiam disso. Era aqui tinha algo contra elas até as ameacei dizer elas também eram cúmplices da Luiza.

 Só assim elas ficaram mancinhas comigo e me deixaram passar. Peguei resto dos tais documentos e voltei para escritório do Dean e pelo jeito os dois já se acertaram e ela teria um emprego substituindo à outra que começaria amanhã.

 Depois ela saiu, voltei para minha mesa e terminei de revisar resto dos arquivos que só por deus... Mais esses levaram certo tempo para finalizá-los deu certa dor cabeça e tinha algumas coisas que eu não estava entendendo direito gastei mais tempo pra ver que era etc...

 Quando finalmente acabei, eram quase oito horas da noite.

 Tinha pouca gente no escritório, e como eu comecei hoje não tinha comido nada até agora. Enviei tudo a tempo. Dean apareceu minutos depois.

Marcela: Já enviei tudo.

Dean: Eu vi e bom trabalho Marcela. Realmente você meu anjo da guarda veio no momento certo. Bem aqui seu primeiro salário.

Marcela: Uau... Muita coisa?

Dean: Você mereceu. Ajudou-me ergue esse escritório maluco, venha vou te levar para casa.

Marcela: Valeu...

Dean: Ah, pode levar notebook. Quero fique com ele caso de emergências de ultima hora. Ok?

Marcela: Está bem. Vamos? Eu to morrendo de fome.

Dean: Conheço uma ótima lanchonete.

Marcela: Demoro



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...