História Minha distração - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Personagens Originais
Tags Itasaku Entre Outras, Sasusaku
Exibições 8
Palavras 754
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpe os capítulos pequenos...
Mais um ae 😆💀❤

Capítulo 3 - Terceiro


Ele não parava de olhar pra mim,quando viu que eu estava prestando atenção no que o mesmo fazia,desviou o olhar.O que um cara desses ia achar graça em uma menina como eu ?! Cara estranho.!! Acabou a reunião e Kakashi mandou nós irmos para o ônibus que estava nos esperando lá fora para o piquenique.Odeio piqueniques,se é assim que pretendem me ajudar já começaram errado !!! Estávamos todos lá fora esperando Kakashi conversar com o motorista,depois ele voltou sorridente.
 -Ja está tudo certo,podem entrar-ele disse
 Todos já estavam entrando e eu fui em direção a porta mas Kakashi me parou,revirei o olho e ele riu.
-Não gosta de piqueniques né..eu sei mas esse lugar para onde vamos nunca fomos antes mas vc já deve ter ido,mudei a rota especialmente para te agradar-disse sorrindo-vai gostar
 Ham?
-Por que tanta preocupação em tentar me agradar Kakashi ?-perguntei mas não recebi nenhuma resposta.Já era de se esperar.
 Caminhei novamente até a porta do ônibus e ouvi ele falar.:
-Por que é minha obrigação como pai-fechei os olhos por poucos segundos suspirando pesadamente mas continuei meu caminho fingindo que não escutei.Sentei na penúltima poltrona encostando na janela,do meu lado não havia ninguém o que é muito bom pois se eu quiser deitar e tudo mais,ninguém vai me atrapalhar.!
 Coloquei meus fones e me aconcheguei fechando os olhos logo em seguida.Senti o ônibus se movimentando e percebi que já tínhamos saido dali.Estava tudo muito tranquilo quando um ser humano amaldiçoado,mau amado e infeliz sentou ao meu lado,como sempre eu poderia o ignorar continuando o que estava fazendo mas também posso mandar a real antes dele puxar assunto ou fazer qualquer coisa do tipo.!
-É o seguinte,se vai sentar aqui mesmo é bom ficar calado e sem se mexer por que eu nem lhe dei permissão para se sentar aqui,já estou avisando antes de vc abrir essa boca pra falar alguma bobagem...está entendido? - o olhei finalmente e vi o erro que cometi.
 Gelei ao ver aquele homem grande e sério olhando para mim fortemente sem piscar e/ou desviar o olhar.Eu pensei que fosse um moleque qualquer ou uma patricinha metida a problemática por isso nem me dei o luxo de virar para ver quem era,só depois que cuspi todas aquelas palavras fui ver.Ele é alto,pele clara,olhos negros e o cabelo também porém estava bagunçado e era forte mas não muito.Percebi por que ele segurava uma mochila e as veias de seus braços se contraiam.
Eu ia me desculpar mas ele me interrompeu antes mesmo de eu abrir a boca.
-Sua mãe não lhe ensinou a ter educação garota ? Era só pedir com educação que eu poderia pensar em sair daq-disse jogando sua mochila no canto e conectando o fone no seu celular-mas agora,não saio mesmo metida.
-Desculpa,pensei que fosse algum pivete,mesmo assim,são todos problemáticos aqui e não fale da minha Mãe seu babaca-eu disse voltando a escutar Serial Killer da Lana Del Rey.
-Vc está sendo um tanto quanto hipócrita e se é assim,vc também é uma problemática! Tsc irritante!-disse
-Ae então me diga por que está aqui,com certeza deve aver algum problema.Ninguém vem fazer terapia simplesmente por que ta entediado-eu disse sarcastica-emo de merda.
-Ninguém é normal hoje em dia,todo mundo tem problemas e ninguém ta te desrespeitando então no mínimo tenha respeito por eles também-disse sério mas sem olhar pra mim.
-desculpa-disse baixo e voltei a olhar pra janela escutando Blue Jeans da Lana Del Rey.Não ia pedir mas ele mudou completamente ao falar essa última frase,então é bom nem render essa civilizada discussão.
 Passou um tempo e ambos estavam calados,eu virada encostada com a cabeça na janela e ele largado na poltrona,com a cabeça virada para o outro lado apoiada na mão e escutando música,não faço a mínima de qual estilo de música ele deve curtir,estava com os olhos fechados então suponho que durmia.Tinha um fio de cabelo na boca dele,fiquei ali olhando mas me dava muita agonia e a curiosidade de saber qual música ouvira era muita.O mesmo tinha cara de curtir um rock'n roll,enfim cheguei perto de seu rosto para tirar o fio,mas quando estava bem próxima de seu rosto,minha mão já ia em direção mas ai ele abre os olhos e segura minha mão fazendo-me assustar.Tentei sair mas ele me segurava olhando fixamente para mim sem piscar e/ou desviar o olhar como antes.

-O que pensa que está fazendo?-me pergunta,sua voz era grossa e rouca,provavelmente por que acordou agr mas tava muito sexy.Olhando nos meus olhos esperando que eu respondesse,apenas continuei calada.
 


Notas Finais


...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...